SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 56
Baixar para ler offline
Alessandro Almeida | www.alessandroalmeida.com
04/09/2013
2° Semestre de 2013
SIN-NA7
Por que os projetos de ERP ainda atrasam?
30% não sabe se o seu projeto alcançou os objetivos,
o que, segundo a consultoria, demonstra a falta de
plano de negócio e auditoria pós-implementação.
Nesse caso, falta também comunicação sobre os
resultados do projeto de liderança.
As empresas disseram que a razão do atraso não tem a
ver com a tecnologia em si dos ERPs escolhidos, mas por
causa de dificuldades técnicas nas implementações e
mudança de escopo do projeto inicial. Outra razão
apontada são problemas organizacionais.
 O que pode estar faltando para as empresas
que não conseguem perceber o benefício do
projeto de ERP?
 Qual é a causa mais provável de tantos
atrasos nos projetos:
 Fornecedor incompetente?
 Cliente que não sabe o que deseja?
 Qual estrutura organizacional vocês
recomendariam para as empresas
gerenciarem seus projetos de implementação
de ERP (Funcional, por Projetos ou Matricial)?
 Discussão no LinkedIn sobre o tema...
 www.linkedin.com/groups/Projetos-ERP-
atrasados-sem-retorno-1951322.S.218008423
 O ciclo de vida foi definido e divulgado
 Os projetos foram identificados e validados
com a análise de viabilidade
 Você conhece a estrutura organizacional
É hora de começar a
gestão do projeto!
É hora de gerenciar o projeto!
 As “melhores práticas”, frameworks e
modelos de referência sugerem vários
passos, templates e controles para a gestão
de um projeto
 Não é o objetivo da disciplina (e nem temos
tempo para) detalhar as melhores práticas ou
navegar em todas as opções de templates e
controles para a gestão de um projeto
 Nosso objetivo é provocar reflexões e
fornecer os conceitos básicos, para que vocês
possam aplicá-los e trazer suas dúvidas para
as aulas
 O método que será apresentado (hoje e nas
próximas aulas) é fictício e não foi criado com
a intenção de ter aderência com frameworks,
modelos, etc., mas tem como objetivo
destacar alguns pontos críticos dentro da
gestão de um projeto
Execução
Monitoramento
Encerram
ento
Iniciação Planejamento
A concepção do projeto!
Execução
Monitoramento
Encerram
ento
Iniciação Planejamento
Execução
Monitoramento
Encerram
ento
Iniciação Planejamento
 Como o próprio nome diz, é uma etapa para
iniciar o projeto
 Ou seja, não tem que ser demorada!
 Suas atividades podem ser contempladas
pela fase de Planejamento
 Algumas entregas que podem ocorrer na
Iniciação...
 Termo de Abertura do Projeto
 Realização do kick-off do projeto
Iniciação
1. Preencher
oTermo de
Abertura do
projeto
2. Criar
versão inicial
da EAP
3. Criar
versão inicial
do
Cronograma
4. Realizar
Kick-off do
Projeto
Iniciação
1. Preencher
oTermo de
Abertura do
projeto
2. Criar
versão inicial
da EAP
3. Criar
versão inicial
do
Cronograma
4. Realizar
Kick-off do
Projeto
 Termo de Abertura do Projeto
 Também conhecido como Project Charter
 Documento que formaliza a existência do projeto,
o seu escopo e outras definições iniciais
 Termo de Abertura do Projeto
 Também conhecido como Project Charter
 Documento que formaliza a existência do projeto,
o seu escopo e outras definições iniciais
O que é escopo?
 “gama ou limite de operações”
 Fonte: Dicionário Houaiss
 Soma dos produtos, serviços e resultados a
serem fornecidos na forma de projeto
 Fonte: PMBOK, 4ª Edição
 O trabalho que deve ser realizado para
entregar um produto, serviço ou resultado
com as características e funções
especificadas
 Fonte: PMBOK, 4ª Edição
 Não basta definir o que faz parte do escopo,
mas, principalmente, o que está fora do
escopo
Precisamos entender o que é o
escopo do produto e o escopo do
projeto, e saber diferenciá-los!
 Escopo do produto: As características e
funções que descrevem um produto, serviço
ou resultado
 Fonte: PMBOK, 4ª edição
 Escopo do projeto: O trabalho que precisa ser
realizado para entregar um produto, serviço
ou resultado com as características e funções
especificadas
 Fonte: PMBOK, 4ª edição
 Escopo do projeto:
Documentação
Gestão da
Mudança
Treinamento da
Equipe
Sistema
Projeto
 Escopo do projeto:
 Escopo do produto:
Documentação
Gestão da
Mudança
Treinamento da
Equipe
Sistema
Sistema
Cadastro Relatórios
Controle
de Acesso
Banco de
Dados
Parametri
zações
Projeto
 O escopo do produto é muito importante,
mas não deve ser considerado isoladamente,
pois ele faz parte do escopo do projeto
 OTermo de Abertura fornece informações
básicas sobre o projeto, entre elas podemos
citar:
 Objetivo do projeto
 Papéis e responsabilidades
 Stakeholders
 Cronograma macro
 Premissas e restrições
 Escopo e principais entregas
 Situação que devemos evitar...
Fonte:
www.facebook.com/circulod
eprojetos
Iniciação
1. Preencher
oTermo de
Abertura do
projeto
2. Criar
versão inicial
da EAP
3. Criar
versão inicial
do
Cronograma
4. Realizar
Kick-off do
Projeto
Iniciação
1. Preencher
oTermo de
Abertura do
projeto
2. Criar
versão inicial
da EAP
3. Criar
versão inicial
do
Cronograma
4. Realizar
Kick-off do
Projeto
 EAP...
 Estrutura Analítica do Projeto
 Também conhecida comoWBS: Work Breakdown
Structure
 Decomposição das entregas que compõem o
projeto
 Como seria a estrutura analítica de uma
bicicleta?
Fonte:
www.hubnride.blogspot.com.br/2010/06
/basic-knowledge-about-our-bike-
anatomy.html
Bicicleta
Estrutura
Quadro
Controle
da Direção
Guidão
Luvas
Garfo
dianteiro
Freio
Alavanca
de freio
Cabo de
aço
Pastilhas
Itens de
Segurança
Lanterna
Farol
Controle
deTração
Corrente
Pedal
Coroa
Pedivela
 Uma EAP bem estruturada ajuda a organizar
e definir o escopo do projeto!
 Também facilita a estruturação do
cronograma
É muito mais fácil gerenciar as “partes
menores”! (especialmente em grandes
projetos)
Fonte: www.facebook.com/circulodeprojetos
Como seria a versão inicial
da EAP do Projeto TCC?
Iniciação
1. Preencher
oTermo de
Abertura do
projeto
2. Criar
versão inicial
da EAP
3. Criar
versão inicial
do
Cronograma
4. Realizar
Kick-off do
Projeto
Iniciação
1. Preencher
oTermo de
Abertura do
projeto
2. Criar
versão inicial
da EAP
3. Criar
versão inicial
do
Cronograma
4. Realizar
Kick-off do
Projeto
 Linha do tempo com as datas planejadas
para realização das atividades
 Atividades para realizar cada entrega prevista
na EAP
 É desta forma que os dois se complementam...
SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO
1 2 3 4 1 2 3 4 5 1 2 3 4
DOCUMENTAÇÃO
Plano de Testes
Criar plano de testes
Validar com Gerente
Realizar testes
Diagrama de Caso de Uso
Levantar requisitos
Criar diagrama de Caso de Uso
Validar com o cliente
SISTEMA
Cadastro de Pedreiros
Codificar módulo
Realizar testes unitários
Encaminhar módulo para a célula de testes
Por que começar a EAP e o
Cronograma na iniciação do
projeto?
Mesmo sendo versões iniciais, ajudam a
organizar os próximos passos e identificar
os pontos de atenção que requerem
atuação imediata...
Iniciação
1. Preencher
oTermo de
Abertura do
projeto
2. Criar
versão inicial
da EAP
3. Criar
versão inicial
do
Cronograma
4. Realizar
Kick-off do
Projeto
Iniciação
1. Preencher
oTermo de
Abertura do
projeto
2. Criar
versão inicial
da EAP
3. Criar
versão inicial
do
Cronograma
4. Realizar
Kick-off do
Projeto
 “Ritual” para formalizar o início do projeto
 Reunião ou evento
 Todos os stakeholders podem participar
 Talvez seja necessário um kick-off específico para
cada público
 Exemplo...
Iniciando o “ProjetoTCC”
 Criem oTermo de Abertura do ProjetoTCC
 Aproveitem para montar as versões iniciais do
Cronograma e da EAP
alessandro.almeida@uol.com.br
www.alessandroalmeida.com/unifieo.htm
www.slideshare.net/alessandroalmeida

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Planejamento, Execução e Controle de Projetos (24/02/2015)
Planejamento, Execução e Controle de Projetos (24/02/2015)Planejamento, Execução e Controle de Projetos (24/02/2015)
Planejamento, Execução e Controle de Projetos (24/02/2015)Alessandro Almeida
 
Modelo de Dicionário da eap
Modelo de Dicionário da eapModelo de Dicionário da eap
Modelo de Dicionário da eapFernando Palma
 
Estrutura Analítica do Projeto: A Espinha dorsal do projeto
Estrutura Analítica do Projeto: A Espinha dorsal do projetoEstrutura Analítica do Projeto: A Espinha dorsal do projeto
Estrutura Analítica do Projeto: A Espinha dorsal do projetoLuanildo Silva
 
Gestão de Projetos e Empreendedorismo (23/04/2013)
Gestão de Projetos e Empreendedorismo (23/04/2013)Gestão de Projetos e Empreendedorismo (23/04/2013)
Gestão de Projetos e Empreendedorismo (23/04/2013)Alessandro Almeida
 
Grupos de processos de iniciação - PMBoK
Grupos de processos de iniciação - PMBoKGrupos de processos de iniciação - PMBoK
Grupos de processos de iniciação - PMBoKLeonardo Soares
 
WBMA2013 - Método Ágil para desenvolvimento de software confiável
WBMA2013 - Método Ágil para desenvolvimento de software confiávelWBMA2013 - Método Ágil para desenvolvimento de software confiável
WBMA2013 - Método Ágil para desenvolvimento de software confiávelAlan Braz
 
Gerenciamento de projetos estrutura analítica de tarefas
Gerenciamento de projetos   estrutura analítica de tarefasGerenciamento de projetos   estrutura analítica de tarefas
Gerenciamento de projetos estrutura analítica de tarefasFabio Viana
 
Resumo das mudanças no PMBOK 5
Resumo das mudanças no PMBOK 5Resumo das mudanças no PMBOK 5
Resumo das mudanças no PMBOK 5Fernando Palma
 
Como usar o Guia PMBOK® na engenharia de softwares Aplicando os grupos de pr...
Como usar o Guia PMBOK® na engenharia de softwares  Aplicando os grupos de pr...Como usar o Guia PMBOK® na engenharia de softwares  Aplicando os grupos de pr...
Como usar o Guia PMBOK® na engenharia de softwares Aplicando os grupos de pr...Robson Veiga Roy
 
Gestão de Projetos (17/09/2014)
Gestão de Projetos (17/09/2014)Gestão de Projetos (17/09/2014)
Gestão de Projetos (17/09/2014)Alessandro Almeida
 
Microsoft project 2013
Microsoft project 2013Microsoft project 2013
Microsoft project 2013barcellosreis
 
Metricas indicadores planejamento_controle
Metricas indicadores planejamento_controleMetricas indicadores planejamento_controle
Metricas indicadores planejamento_controlePeter Mello
 
Gerenciamento de escopo em projetos
Gerenciamento de escopo em projetosGerenciamento de escopo em projetos
Gerenciamento de escopo em projetosPaulo Junior
 
Introdução ao Microsoft Project 2010
Introdução ao Microsoft Project 2010Introdução ao Microsoft Project 2010
Introdução ao Microsoft Project 2010Inove
 

Mais procurados (20)

Planejamento, Execução e Controle de Projetos (24/02/2015)
Planejamento, Execução e Controle de Projetos (24/02/2015)Planejamento, Execução e Controle de Projetos (24/02/2015)
Planejamento, Execução e Controle de Projetos (24/02/2015)
 
Modelo de Dicionário da eap
Modelo de Dicionário da eapModelo de Dicionário da eap
Modelo de Dicionário da eap
 
Estrutura Analítica do Projeto: A Espinha dorsal do projeto
Estrutura Analítica do Projeto: A Espinha dorsal do projetoEstrutura Analítica do Projeto: A Espinha dorsal do projeto
Estrutura Analítica do Projeto: A Espinha dorsal do projeto
 
Gestão de Projetos e Empreendedorismo (23/04/2013)
Gestão de Projetos e Empreendedorismo (23/04/2013)Gestão de Projetos e Empreendedorismo (23/04/2013)
Gestão de Projetos e Empreendedorismo (23/04/2013)
 
Gerenciamento do escopo do projeto
Gerenciamento do escopo do projetoGerenciamento do escopo do projeto
Gerenciamento do escopo do projeto
 
Gerenciamento de projetos Aula05 -exercício cpm-parte1
Gerenciamento de projetos Aula05 -exercício cpm-parte1Gerenciamento de projetos Aula05 -exercício cpm-parte1
Gerenciamento de projetos Aula05 -exercício cpm-parte1
 
Gerenciamento de projetos - Aula04 - planejamento
Gerenciamento de projetos - Aula04 - planejamentoGerenciamento de projetos - Aula04 - planejamento
Gerenciamento de projetos - Aula04 - planejamento
 
Gerenciamento de Projetos - Aula02 - Conceitos - fase de iniciaçãoo
Gerenciamento de Projetos - Aula02 - Conceitos - fase de iniciaçãooGerenciamento de Projetos - Aula02 - Conceitos - fase de iniciaçãoo
Gerenciamento de Projetos - Aula02 - Conceitos - fase de iniciaçãoo
 
Grupos de processos de iniciação - PMBoK
Grupos de processos de iniciação - PMBoKGrupos de processos de iniciação - PMBoK
Grupos de processos de iniciação - PMBoK
 
WBMA2013 - Método Ágil para desenvolvimento de software confiável
WBMA2013 - Método Ágil para desenvolvimento de software confiávelWBMA2013 - Método Ágil para desenvolvimento de software confiável
WBMA2013 - Método Ágil para desenvolvimento de software confiável
 
Gerenciamento de projetos estrutura analítica de tarefas
Gerenciamento de projetos   estrutura analítica de tarefasGerenciamento de projetos   estrutura analítica de tarefas
Gerenciamento de projetos estrutura analítica de tarefas
 
Resumo das mudanças no PMBOK 5
Resumo das mudanças no PMBOK 5Resumo das mudanças no PMBOK 5
Resumo das mudanças no PMBOK 5
 
Como usar o Guia PMBOK® na engenharia de softwares Aplicando os grupos de pr...
Como usar o Guia PMBOK® na engenharia de softwares  Aplicando os grupos de pr...Como usar o Guia PMBOK® na engenharia de softwares  Aplicando os grupos de pr...
Como usar o Guia PMBOK® na engenharia de softwares Aplicando os grupos de pr...
 
Gestão de Projetos (17/09/2014)
Gestão de Projetos (17/09/2014)Gestão de Projetos (17/09/2014)
Gestão de Projetos (17/09/2014)
 
Microsoft project 2013
Microsoft project 2013Microsoft project 2013
Microsoft project 2013
 
Aula 01 projetos
Aula 01   projetosAula 01   projetos
Aula 01 projetos
 
GESTÃO DO TEMPO EM PROJETOS - MBA EM GESTÃO DE PROJETOS DA PUC/GO
GESTÃO DO TEMPO EM PROJETOS - MBA EM GESTÃO DE PROJETOS DA PUC/GOGESTÃO DO TEMPO EM PROJETOS - MBA EM GESTÃO DE PROJETOS DA PUC/GO
GESTÃO DO TEMPO EM PROJETOS - MBA EM GESTÃO DE PROJETOS DA PUC/GO
 
Metricas indicadores planejamento_controle
Metricas indicadores planejamento_controleMetricas indicadores planejamento_controle
Metricas indicadores planejamento_controle
 
Gerenciamento de escopo em projetos
Gerenciamento de escopo em projetosGerenciamento de escopo em projetos
Gerenciamento de escopo em projetos
 
Introdução ao Microsoft Project 2010
Introdução ao Microsoft Project 2010Introdução ao Microsoft Project 2010
Introdução ao Microsoft Project 2010
 

Destaque

Destaque (9)

Gestão de Projetos (08/09/2014)
Gestão de Projetos (08/09/2014)Gestão de Projetos (08/09/2014)
Gestão de Projetos (08/09/2014)
 
Reducing PC Management Costs With NxTop
Reducing PC Management Costs With NxTopReducing PC Management Costs With NxTop
Reducing PC Management Costs With NxTop
 
Camara vereadores
Camara vereadoresCamara vereadores
Camara vereadores
 
Hello Roboto - Singapore GTUG 31/10/2009
Hello Roboto - Singapore GTUG 31/10/2009Hello Roboto - Singapore GTUG 31/10/2009
Hello Roboto - Singapore GTUG 31/10/2009
 
Untitle]£\_d
Untitle]£\_dUntitle]£\_d
Untitle]£\_d
 
PTGA06
PTGA06 PTGA06
PTGA06
 
Baroque performance practice
Baroque performance practiceBaroque performance practice
Baroque performance practice
 
anexo9a
anexo9aanexo9a
anexo9a
 
Edital TJ-RO 2015
Edital TJ-RO 2015Edital TJ-RO 2015
Edital TJ-RO 2015
 

Semelhante a Por que ERPs atrasam

Planejamento, Execução e Controle de Projetos: Aula 4
Planejamento, Execução e Controle de Projetos: Aula 4Planejamento, Execução e Controle de Projetos: Aula 4
Planejamento, Execução e Controle de Projetos: Aula 4Alessandro Almeida
 
Aula 2 - Gestão de Projetos
Aula 2 - Gestão de ProjetosAula 2 - Gestão de Projetos
Aula 2 - Gestão de ProjetosFernando Dantas
 
[slides] Planejamento, Execução e Controle de Projetos (2015: 2º semestre)
[slides] Planejamento, Execução e Controle de Projetos (2015: 2º semestre)[slides] Planejamento, Execução e Controle de Projetos (2015: 2º semestre)
[slides] Planejamento, Execução e Controle de Projetos (2015: 2º semestre)Alessandro Almeida
 
Gestão de Projetos (15/09/2014)
Gestão de Projetos (15/09/2014)Gestão de Projetos (15/09/2014)
Gestão de Projetos (15/09/2014)Alessandro Almeida
 
Gestão de Projetos - Aula 5 (TAD-NB4)
Gestão de Projetos - Aula 5 (TAD-NB4)Gestão de Projetos - Aula 5 (TAD-NB4)
Gestão de Projetos - Aula 5 (TAD-NB4)Alessandro Almeida
 
C:\Documents And Settings\Juliana\Desktop\Palestra 19 03 2010
C:\Documents And Settings\Juliana\Desktop\Palestra 19 03 2010C:\Documents And Settings\Juliana\Desktop\Palestra 19 03 2010
C:\Documents And Settings\Juliana\Desktop\Palestra 19 03 2010Facuuldade Norte Sul
 
Gestão de Projetos (28/04/2015)
Gestão de Projetos (28/04/2015)Gestão de Projetos (28/04/2015)
Gestão de Projetos (28/04/2015)Alessandro Almeida
 
Administração de Projetos - Planejamento - Escopo - Aula 8
Administração de Projetos - Planejamento - Escopo - Aula 8Administração de Projetos - Planejamento - Escopo - Aula 8
Administração de Projetos - Planejamento - Escopo - Aula 8Ueliton da Costa Leonidio
 
Gestão de Projetos e Empreendedorismo (26/03/2013)
Gestão de Projetos e Empreendedorismo (26/03/2013)Gestão de Projetos e Empreendedorismo (26/03/2013)
Gestão de Projetos e Empreendedorismo (26/03/2013)Alessandro Almeida
 
GP_04_Gerenciamento de Escopo (1).pdf
GP_04_Gerenciamento de Escopo (1).pdfGP_04_Gerenciamento de Escopo (1).pdf
GP_04_Gerenciamento de Escopo (1).pdfMarciodias402888
 
Gestão de Projetos - Aula 4 (TAD-MA4 e TAD-NA4)
Gestão de Projetos - Aula 4 (TAD-MA4 e TAD-NA4)Gestão de Projetos - Aula 4 (TAD-MA4 e TAD-NA4)
Gestão de Projetos - Aula 4 (TAD-MA4 e TAD-NA4)Alessandro Almeida
 
Gerenciamento projetos cap
Gerenciamento projetos capGerenciamento projetos cap
Gerenciamento projetos capleopaiva217101
 
Trabalho individual 5 semestre Analise de Sistemas
Trabalho individual 5 semestre Analise de SistemasTrabalho individual 5 semestre Analise de Sistemas
Trabalho individual 5 semestre Analise de SistemasWANDERSON JONER
 
Gestão de Projetos e Empreendedorismo (26/03/2014)
Gestão de Projetos e Empreendedorismo (26/03/2014)Gestão de Projetos e Empreendedorismo (26/03/2014)
Gestão de Projetos e Empreendedorismo (26/03/2014)Alessandro Almeida
 

Semelhante a Por que ERPs atrasam (20)

Ciclo de Vida Ágil em TI
Ciclo de Vida Ágil em TICiclo de Vida Ágil em TI
Ciclo de Vida Ágil em TI
 
Planejamento, Execução e Controle de Projetos: Aula 4
Planejamento, Execução e Controle de Projetos: Aula 4Planejamento, Execução e Controle de Projetos: Aula 4
Planejamento, Execução e Controle de Projetos: Aula 4
 
Aula 2 - Gestão de Projetos.pptx
Aula 2 - Gestão de Projetos.pptxAula 2 - Gestão de Projetos.pptx
Aula 2 - Gestão de Projetos.pptx
 
Aula 2 - Gestão de Projetos
Aula 2 - Gestão de ProjetosAula 2 - Gestão de Projetos
Aula 2 - Gestão de Projetos
 
[slides] Planejamento, Execução e Controle de Projetos (2015: 2º semestre)
[slides] Planejamento, Execução e Controle de Projetos (2015: 2º semestre)[slides] Planejamento, Execução e Controle de Projetos (2015: 2º semestre)
[slides] Planejamento, Execução e Controle de Projetos (2015: 2º semestre)
 
Gestão de Projetos (15/09/2014)
Gestão de Projetos (15/09/2014)Gestão de Projetos (15/09/2014)
Gestão de Projetos (15/09/2014)
 
Pmbok5 escopo (2)
Pmbok5   escopo (2)Pmbok5   escopo (2)
Pmbok5 escopo (2)
 
Gestão de Projetos - Aula 5 (TAD-NB4)
Gestão de Projetos - Aula 5 (TAD-NB4)Gestão de Projetos - Aula 5 (TAD-NB4)
Gestão de Projetos - Aula 5 (TAD-NB4)
 
Gestão de projetos básico
Gestão de projetos básicoGestão de projetos básico
Gestão de projetos básico
 
Gestão de projetos básico
Gestão de projetos básicoGestão de projetos básico
Gestão de projetos básico
 
Pmbok5 escopo
Pmbok5   escopoPmbok5   escopo
Pmbok5 escopo
 
C:\Documents And Settings\Juliana\Desktop\Palestra 19 03 2010
C:\Documents And Settings\Juliana\Desktop\Palestra 19 03 2010C:\Documents And Settings\Juliana\Desktop\Palestra 19 03 2010
C:\Documents And Settings\Juliana\Desktop\Palestra 19 03 2010
 
Gestão de Projetos (28/04/2015)
Gestão de Projetos (28/04/2015)Gestão de Projetos (28/04/2015)
Gestão de Projetos (28/04/2015)
 
Administração de Projetos - Planejamento - Escopo - Aula 8
Administração de Projetos - Planejamento - Escopo - Aula 8Administração de Projetos - Planejamento - Escopo - Aula 8
Administração de Projetos - Planejamento - Escopo - Aula 8
 
Gestão de Projetos e Empreendedorismo (26/03/2013)
Gestão de Projetos e Empreendedorismo (26/03/2013)Gestão de Projetos e Empreendedorismo (26/03/2013)
Gestão de Projetos e Empreendedorismo (26/03/2013)
 
GP_04_Gerenciamento de Escopo (1).pdf
GP_04_Gerenciamento de Escopo (1).pdfGP_04_Gerenciamento de Escopo (1).pdf
GP_04_Gerenciamento de Escopo (1).pdf
 
Gestão de Projetos - Aula 4 (TAD-MA4 e TAD-NA4)
Gestão de Projetos - Aula 4 (TAD-MA4 e TAD-NA4)Gestão de Projetos - Aula 4 (TAD-MA4 e TAD-NA4)
Gestão de Projetos - Aula 4 (TAD-MA4 e TAD-NA4)
 
Gerenciamento projetos cap
Gerenciamento projetos capGerenciamento projetos cap
Gerenciamento projetos cap
 
Trabalho individual 5 semestre Analise de Sistemas
Trabalho individual 5 semestre Analise de SistemasTrabalho individual 5 semestre Analise de Sistemas
Trabalho individual 5 semestre Analise de Sistemas
 
Gestão de Projetos e Empreendedorismo (26/03/2014)
Gestão de Projetos e Empreendedorismo (26/03/2014)Gestão de Projetos e Empreendedorismo (26/03/2014)
Gestão de Projetos e Empreendedorismo (26/03/2014)
 

Mais de Alessandro Almeida

[ServiceNow] Visão geral da plataforma
[ServiceNow] Visão geral da plataforma[ServiceNow] Visão geral da plataforma
[ServiceNow] Visão geral da plataformaAlessandro Almeida
 
[ServiceNow] Visão geral da plataforma
[ServiceNow] Visão geral da plataforma[ServiceNow] Visão geral da plataforma
[ServiceNow] Visão geral da plataformaAlessandro Almeida
 
Comunicação Não Violenta: Roda de Conversa
Comunicação Não Violenta: Roda de ConversaComunicação Não Violenta: Roda de Conversa
Comunicação Não Violenta: Roda de ConversaAlessandro Almeida
 
Uma visão prática (e parcial) sobre o Gerenciamento de Projetos, 2ª edição
Uma visão prática (e parcial) sobre o Gerenciamento de Projetos, 2ª ediçãoUma visão prática (e parcial) sobre o Gerenciamento de Projetos, 2ª edição
Uma visão prática (e parcial) sobre o Gerenciamento de Projetos, 2ª ediçãoAlessandro Almeida
 
[ServiceNow] Governança da Plataforma (5ª edição)
[ServiceNow] Governança da Plataforma (5ª edição)[ServiceNow] Governança da Plataforma (5ª edição)
[ServiceNow] Governança da Plataforma (5ª edição)Alessandro Almeida
 
[Projeto de Pesquisa] Psicanálise no processo de elaboração do luto
[Projeto de Pesquisa] Psicanálise no processo de elaboração do luto[Projeto de Pesquisa] Psicanálise no processo de elaboração do luto
[Projeto de Pesquisa] Psicanálise no processo de elaboração do lutoAlessandro Almeida
 
Obediência e conformidade no mundo corporativo: XX ENABRAPSO
Obediência e conformidade no mundo corporativo: XX ENABRAPSOObediência e conformidade no mundo corporativo: XX ENABRAPSO
Obediência e conformidade no mundo corporativo: XX ENABRAPSOAlessandro Almeida
 
[ServiceNow] Governança das Instâncias (4ª edição)
[ServiceNow] Governança das Instâncias (4ª edição)[ServiceNow] Governança das Instâncias (4ª edição)
[ServiceNow] Governança das Instâncias (4ª edição)Alessandro Almeida
 
[ServiceNow] Governança das Instâncias - 3ª versão
[ServiceNow] Governança das Instâncias - 3ª versão[ServiceNow] Governança das Instâncias - 3ª versão
[ServiceNow] Governança das Instâncias - 3ª versãoAlessandro Almeida
 
Design Thinking: Do Conceito ao Mundo Real [3ª edição]
Design Thinking: Do Conceito ao Mundo Real [3ª edição]Design Thinking: Do Conceito ao Mundo Real [3ª edição]
Design Thinking: Do Conceito ao Mundo Real [3ª edição]Alessandro Almeida
 
[ServiceNow] Dicas para upgrade de Versão
[ServiceNow] Dicas para upgrade de Versão[ServiceNow] Dicas para upgrade de Versão
[ServiceNow] Dicas para upgrade de VersãoAlessandro Almeida
 
Design Thinking: Do Conceito ao Mundo Real [2ª edição]
Design Thinking: Do Conceito ao Mundo Real [2ª edição]Design Thinking: Do Conceito ao Mundo Real [2ª edição]
Design Thinking: Do Conceito ao Mundo Real [2ª edição]Alessandro Almeida
 
[ServiceNow] Upgrade de Versão: "Boas" Práticas
[ServiceNow] Upgrade de Versão: "Boas" Práticas[ServiceNow] Upgrade de Versão: "Boas" Práticas
[ServiceNow] Upgrade de Versão: "Boas" PráticasAlessandro Almeida
 
[Projeto Integrador] Psicologia Clínica
[Projeto Integrador] Psicologia Clínica[Projeto Integrador] Psicologia Clínica
[Projeto Integrador] Psicologia ClínicaAlessandro Almeida
 
[ServiceNow] Governança das Instâncias
[ServiceNow] Governança das Instâncias[ServiceNow] Governança das Instâncias
[ServiceNow] Governança das InstânciasAlessandro Almeida
 
Templates: Mapa da Empatia, Canvas da Proposta de Valor, Canvas do Modelo de ...
Templates: Mapa da Empatia, Canvas da Proposta de Valor, Canvas do Modelo de ...Templates: Mapa da Empatia, Canvas da Proposta de Valor, Canvas do Modelo de ...
Templates: Mapa da Empatia, Canvas da Proposta de Valor, Canvas do Modelo de ...Alessandro Almeida
 
Minicurso - Aplicando o Design Thinking para definir a proposta de valor e o ...
Minicurso - Aplicando o Design Thinking para definir a proposta de valor e o ...Minicurso - Aplicando o Design Thinking para definir a proposta de valor e o ...
Minicurso - Aplicando o Design Thinking para definir a proposta de valor e o ...Alessandro Almeida
 
Design Thinking: Do Conceito ao Mundo Real
Design Thinking: Do Conceito ao Mundo RealDesign Thinking: Do Conceito ao Mundo Real
Design Thinking: Do Conceito ao Mundo RealAlessandro Almeida
 

Mais de Alessandro Almeida (20)

[ServiceNow] Visão geral da plataforma
[ServiceNow] Visão geral da plataforma[ServiceNow] Visão geral da plataforma
[ServiceNow] Visão geral da plataforma
 
[ServiceNow] Visão geral da plataforma
[ServiceNow] Visão geral da plataforma[ServiceNow] Visão geral da plataforma
[ServiceNow] Visão geral da plataforma
 
[ServiceNow] Now Create
[ServiceNow] Now Create[ServiceNow] Now Create
[ServiceNow] Now Create
 
Comunicação Não Violenta: Roda de Conversa
Comunicação Não Violenta: Roda de ConversaComunicação Não Violenta: Roda de Conversa
Comunicação Não Violenta: Roda de Conversa
 
Uma visão prática (e parcial) sobre o Gerenciamento de Projetos, 2ª edição
Uma visão prática (e parcial) sobre o Gerenciamento de Projetos, 2ª ediçãoUma visão prática (e parcial) sobre o Gerenciamento de Projetos, 2ª edição
Uma visão prática (e parcial) sobre o Gerenciamento de Projetos, 2ª edição
 
[ServiceNow] Now Create
[ServiceNow] Now Create[ServiceNow] Now Create
[ServiceNow] Now Create
 
[ServiceNow] Governança da Plataforma (5ª edição)
[ServiceNow] Governança da Plataforma (5ª edição)[ServiceNow] Governança da Plataforma (5ª edição)
[ServiceNow] Governança da Plataforma (5ª edição)
 
[Projeto de Pesquisa] Psicanálise no processo de elaboração do luto
[Projeto de Pesquisa] Psicanálise no processo de elaboração do luto[Projeto de Pesquisa] Psicanálise no processo de elaboração do luto
[Projeto de Pesquisa] Psicanálise no processo de elaboração do luto
 
Obediência e conformidade no mundo corporativo: XX ENABRAPSO
Obediência e conformidade no mundo corporativo: XX ENABRAPSOObediência e conformidade no mundo corporativo: XX ENABRAPSO
Obediência e conformidade no mundo corporativo: XX ENABRAPSO
 
[ServiceNow] Governança das Instâncias (4ª edição)
[ServiceNow] Governança das Instâncias (4ª edição)[ServiceNow] Governança das Instâncias (4ª edição)
[ServiceNow] Governança das Instâncias (4ª edição)
 
[ServiceNow] Governança das Instâncias - 3ª versão
[ServiceNow] Governança das Instâncias - 3ª versão[ServiceNow] Governança das Instâncias - 3ª versão
[ServiceNow] Governança das Instâncias - 3ª versão
 
Design Thinking: Do Conceito ao Mundo Real [3ª edição]
Design Thinking: Do Conceito ao Mundo Real [3ª edição]Design Thinking: Do Conceito ao Mundo Real [3ª edição]
Design Thinking: Do Conceito ao Mundo Real [3ª edição]
 
[ServiceNow] Dicas para upgrade de Versão
[ServiceNow] Dicas para upgrade de Versão[ServiceNow] Dicas para upgrade de Versão
[ServiceNow] Dicas para upgrade de Versão
 
Design Thinking: Do Conceito ao Mundo Real [2ª edição]
Design Thinking: Do Conceito ao Mundo Real [2ª edição]Design Thinking: Do Conceito ao Mundo Real [2ª edição]
Design Thinking: Do Conceito ao Mundo Real [2ª edição]
 
[ServiceNow] Upgrade de Versão: "Boas" Práticas
[ServiceNow] Upgrade de Versão: "Boas" Práticas[ServiceNow] Upgrade de Versão: "Boas" Práticas
[ServiceNow] Upgrade de Versão: "Boas" Práticas
 
[Projeto Integrador] Psicologia Clínica
[Projeto Integrador] Psicologia Clínica[Projeto Integrador] Psicologia Clínica
[Projeto Integrador] Psicologia Clínica
 
[ServiceNow] Governança das Instâncias
[ServiceNow] Governança das Instâncias[ServiceNow] Governança das Instâncias
[ServiceNow] Governança das Instâncias
 
Templates: Mapa da Empatia, Canvas da Proposta de Valor, Canvas do Modelo de ...
Templates: Mapa da Empatia, Canvas da Proposta de Valor, Canvas do Modelo de ...Templates: Mapa da Empatia, Canvas da Proposta de Valor, Canvas do Modelo de ...
Templates: Mapa da Empatia, Canvas da Proposta de Valor, Canvas do Modelo de ...
 
Minicurso - Aplicando o Design Thinking para definir a proposta de valor e o ...
Minicurso - Aplicando o Design Thinking para definir a proposta de valor e o ...Minicurso - Aplicando o Design Thinking para definir a proposta de valor e o ...
Minicurso - Aplicando o Design Thinking para definir a proposta de valor e o ...
 
Design Thinking: Do Conceito ao Mundo Real
Design Thinking: Do Conceito ao Mundo RealDesign Thinking: Do Conceito ao Mundo Real
Design Thinking: Do Conceito ao Mundo Real
 

Por que ERPs atrasam

  • 1. Alessandro Almeida | www.alessandroalmeida.com 04/09/2013 2° Semestre de 2013 SIN-NA7
  • 2. Por que os projetos de ERP ainda atrasam?
  • 3. 30% não sabe se o seu projeto alcançou os objetivos, o que, segundo a consultoria, demonstra a falta de plano de negócio e auditoria pós-implementação. Nesse caso, falta também comunicação sobre os resultados do projeto de liderança. As empresas disseram que a razão do atraso não tem a ver com a tecnologia em si dos ERPs escolhidos, mas por causa de dificuldades técnicas nas implementações e mudança de escopo do projeto inicial. Outra razão apontada são problemas organizacionais.
  • 4.  O que pode estar faltando para as empresas que não conseguem perceber o benefício do projeto de ERP?
  • 5.  Qual é a causa mais provável de tantos atrasos nos projetos:  Fornecedor incompetente?  Cliente que não sabe o que deseja?
  • 6.  Qual estrutura organizacional vocês recomendariam para as empresas gerenciarem seus projetos de implementação de ERP (Funcional, por Projetos ou Matricial)?
  • 7.  Discussão no LinkedIn sobre o tema...  www.linkedin.com/groups/Projetos-ERP- atrasados-sem-retorno-1951322.S.218008423
  • 8.
  • 9.  O ciclo de vida foi definido e divulgado  Os projetos foram identificados e validados com a análise de viabilidade  Você conhece a estrutura organizacional É hora de começar a gestão do projeto!
  • 10. É hora de gerenciar o projeto!
  • 11.  As “melhores práticas”, frameworks e modelos de referência sugerem vários passos, templates e controles para a gestão de um projeto
  • 12.  Não é o objetivo da disciplina (e nem temos tempo para) detalhar as melhores práticas ou navegar em todas as opções de templates e controles para a gestão de um projeto
  • 13.  Nosso objetivo é provocar reflexões e fornecer os conceitos básicos, para que vocês possam aplicá-los e trazer suas dúvidas para as aulas
  • 14.  O método que será apresentado (hoje e nas próximas aulas) é fictício e não foi criado com a intenção de ter aderência com frameworks, modelos, etc., mas tem como objetivo destacar alguns pontos críticos dentro da gestão de um projeto
  • 15.
  • 17. A concepção do projeto!
  • 20.  Como o próprio nome diz, é uma etapa para iniciar o projeto  Ou seja, não tem que ser demorada!  Suas atividades podem ser contempladas pela fase de Planejamento  Algumas entregas que podem ocorrer na Iniciação...  Termo de Abertura do Projeto  Realização do kick-off do projeto
  • 21. Iniciação 1. Preencher oTermo de Abertura do projeto 2. Criar versão inicial da EAP 3. Criar versão inicial do Cronograma 4. Realizar Kick-off do Projeto
  • 22. Iniciação 1. Preencher oTermo de Abertura do projeto 2. Criar versão inicial da EAP 3. Criar versão inicial do Cronograma 4. Realizar Kick-off do Projeto
  • 23.  Termo de Abertura do Projeto  Também conhecido como Project Charter  Documento que formaliza a existência do projeto, o seu escopo e outras definições iniciais
  • 24.  Termo de Abertura do Projeto  Também conhecido como Project Charter  Documento que formaliza a existência do projeto, o seu escopo e outras definições iniciais O que é escopo?
  • 25.  “gama ou limite de operações”  Fonte: Dicionário Houaiss  Soma dos produtos, serviços e resultados a serem fornecidos na forma de projeto  Fonte: PMBOK, 4ª Edição
  • 26.  O trabalho que deve ser realizado para entregar um produto, serviço ou resultado com as características e funções especificadas  Fonte: PMBOK, 4ª Edição  Não basta definir o que faz parte do escopo, mas, principalmente, o que está fora do escopo
  • 27. Precisamos entender o que é o escopo do produto e o escopo do projeto, e saber diferenciá-los!
  • 28.  Escopo do produto: As características e funções que descrevem um produto, serviço ou resultado  Fonte: PMBOK, 4ª edição  Escopo do projeto: O trabalho que precisa ser realizado para entregar um produto, serviço ou resultado com as características e funções especificadas  Fonte: PMBOK, 4ª edição
  • 29.  Escopo do projeto: Documentação Gestão da Mudança Treinamento da Equipe Sistema Projeto
  • 30.  Escopo do projeto:  Escopo do produto: Documentação Gestão da Mudança Treinamento da Equipe Sistema Sistema Cadastro Relatórios Controle de Acesso Banco de Dados Parametri zações Projeto
  • 31.  O escopo do produto é muito importante, mas não deve ser considerado isoladamente, pois ele faz parte do escopo do projeto
  • 32.  OTermo de Abertura fornece informações básicas sobre o projeto, entre elas podemos citar:  Objetivo do projeto  Papéis e responsabilidades  Stakeholders  Cronograma macro  Premissas e restrições  Escopo e principais entregas
  • 33.  Situação que devemos evitar...
  • 35. Iniciação 1. Preencher oTermo de Abertura do projeto 2. Criar versão inicial da EAP 3. Criar versão inicial do Cronograma 4. Realizar Kick-off do Projeto
  • 36. Iniciação 1. Preencher oTermo de Abertura do projeto 2. Criar versão inicial da EAP 3. Criar versão inicial do Cronograma 4. Realizar Kick-off do Projeto
  • 37.  EAP...  Estrutura Analítica do Projeto  Também conhecida comoWBS: Work Breakdown Structure  Decomposição das entregas que compõem o projeto
  • 38.  Como seria a estrutura analítica de uma bicicleta?
  • 40. Bicicleta Estrutura Quadro Controle da Direção Guidão Luvas Garfo dianteiro Freio Alavanca de freio Cabo de aço Pastilhas Itens de Segurança Lanterna Farol Controle deTração Corrente Pedal Coroa Pedivela
  • 41.  Uma EAP bem estruturada ajuda a organizar e definir o escopo do projeto!  Também facilita a estruturação do cronograma É muito mais fácil gerenciar as “partes menores”! (especialmente em grandes projetos)
  • 43. Como seria a versão inicial da EAP do Projeto TCC?
  • 44. Iniciação 1. Preencher oTermo de Abertura do projeto 2. Criar versão inicial da EAP 3. Criar versão inicial do Cronograma 4. Realizar Kick-off do Projeto
  • 45. Iniciação 1. Preencher oTermo de Abertura do projeto 2. Criar versão inicial da EAP 3. Criar versão inicial do Cronograma 4. Realizar Kick-off do Projeto
  • 46.  Linha do tempo com as datas planejadas para realização das atividades  Atividades para realizar cada entrega prevista na EAP  É desta forma que os dois se complementam...
  • 47. SETEMBRO OUTUBRO NOVEMBRO 1 2 3 4 1 2 3 4 5 1 2 3 4 DOCUMENTAÇÃO Plano de Testes Criar plano de testes Validar com Gerente Realizar testes Diagrama de Caso de Uso Levantar requisitos Criar diagrama de Caso de Uso Validar com o cliente SISTEMA Cadastro de Pedreiros Codificar módulo Realizar testes unitários Encaminhar módulo para a célula de testes
  • 48. Por que começar a EAP e o Cronograma na iniciação do projeto?
  • 49. Mesmo sendo versões iniciais, ajudam a organizar os próximos passos e identificar os pontos de atenção que requerem atuação imediata...
  • 50. Iniciação 1. Preencher oTermo de Abertura do projeto 2. Criar versão inicial da EAP 3. Criar versão inicial do Cronograma 4. Realizar Kick-off do Projeto
  • 51. Iniciação 1. Preencher oTermo de Abertura do projeto 2. Criar versão inicial da EAP 3. Criar versão inicial do Cronograma 4. Realizar Kick-off do Projeto
  • 52.  “Ritual” para formalizar o início do projeto  Reunião ou evento  Todos os stakeholders podem participar  Talvez seja necessário um kick-off específico para cada público  Exemplo...
  • 54.  Criem oTermo de Abertura do ProjetoTCC  Aproveitem para montar as versões iniciais do Cronograma e da EAP
  • 55.