Capacitação de estoquistas

8.608 visualizações

Publicada em

Criado por Aldenildo Cordeiro
fone ( 83) 8724-7527
e-mail: aldenildo.paraiba@grupodoces.com.br

1 comentário
2 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
8.608
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
264
Comentários
1
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Capacitação de estoquistas

  1. 1. GRUPO DOCESCAPACITAÇÃO DEESTOQUISTAS
  2. 2. ESTOQUISTA Aptidão; Senso de organização; Atenção Concentrada; Acuidade Visual; Iniciativa; Bom Relacionamento interpessoal ; Matemática Básica ;
  3. 3. Higiene Pessoal  Tomar banho diariamente;  Manteros cabelos curtos, barba feita, sapatos engraxados, calça limpa, camisa bem passada;  Manter unhas curtas, limpas;
  4. 4. Cuidados com as MãosLavar as mãos sempre que:
  5. 5. Cuidados com as Mãos Pia exclusiva para lavagem das mãos; Impresso afixado, sabonete anti-séptico, papel toalha;
  6. 6. Uniformização Os uniformes devem estar sempre limpos, e sem desgaste excessivo; O uso do crachá é indispensável. Camiset a Crachá Calça Sapatos fechados
  7. 7. Estoque Local onde fica armazenado toda a mercadoria; Manter fechado durante todo o processo de separação ou recebimento; Proibida a entrada que qualquer pessoa sem autorização do responsável; Deve estar sempre limpo e organizado; Os níveis de empilhamento deverão seguir o padrão exigido pela companhia;
  8. 8. Acesso ao Estoque Proibidaa entrada de qualquer pessoa sem a autorização do responsável;
  9. 9. Estocagem VISITANTES: Pessoas que não fazem parte da equipe do Estoque  Devem usar sapatos fechados; Devem lavar as mãos antes de manipular alimentos ou objetos; Nãopodem comer, fumar ou mascar goma durante a visita.
  10. 10. EstocagemO estoque deve ser avaliado periodicamente a fim de detectar: Condições anti-higiênicas; Controle de Pragas; Temperatura/umidade;
  11. 11. Controle de pragasTemperatura/Umidade
  12. 12. CONTROLE DE PRAGAS Sobrevivência depende: água, abrigo e alimento; Ações preventivas (medidas que impeçam a entrada de pragas); Tratamento: desinsetização e desratização (deve ser realizada mesalmente);
  13. 13. Estocagem Temperatura/Umidade Estocagem Ambiente: Condições prevalecentes sem controle de temperatura ou umidade requerido ou esperado; Estocagem Seca: Condições prevalecentes controladas para evitar a absorção da umidade do ar. Estocagem Condicionada: Controlada pela temperatura dentro de uma faixa de +10 a +15ºc . Umidade 65% máximo
  14. 14. ARMAZENAMENTO Temperatura Ambiente:  Manter as caixas distantes da parede ( 30 cm ) e piso;  Estrados e prateleiras de material adequado;  Respeitar o empilhamento máximo;  Utilizar o método PVPS;  Manter a etiqueta de prazo de validade visível;Importante: os produtos de limpeza devem ser armazenados em local separado dos gêneros alimentícios.
  15. 15. Cuidados com os Chocolates
  16. 16. Cuidados com os Chocolates
  17. 17. Estocagem Sistema PVPS; Primeiro que vence, Primeiro que sai; Deve-se preencher o formulário de controle de validade periodicamente;
  18. 18. Palets Base para o empilhamento da mercadoria; Devem estar sempre limpos, secos e livres de pragas ou musgo ; Não podem estar quebrados, conter ferpas ou pregos;
  19. 19. Palets É expressamente PROIBIDO pisar nos palets;
  20. 20. CUIDADOS NO RECEBIMENTO Verificar integridade das embalagens, todas as caixas devem ser abertas; Nenhuma Mercadoria poderá ter contato diretamente com o Piso, todas deveram ser postas em cima dos palets; Conferir a quantidade recebida com a descrita na nota; Se tudo estiver correto, assinar e carimbar; Em caso de irregularidade, informar ao setor fiscal;
  21. 21. CUIDADOS NORECEBIMENTO
  22. 22. RECEBIMENTO DA MERCADORIA VENDEDOR ( RETORNO ) O estoquista devera auxiliar o vendedor a descarregar o veículo; Deve-se verificar a integridade das embalagens; Deve organizar a mercadoria de forma que todas estejam visíveis e de fácil conferencia; Conferencia do Retorno juntamente com o vendedor; Ambos devem assinar e datar o espelho do retorno conferido; O estoquista devera entregar nas mãos da pessoa responsável pelo acerto do vendedor o retorno do mesmo; Após conclusão do acerto, o estoquista recebera o retorno de forma digitada, para que faça a conferencia do mesmo afim de detectar irregularidades ; Concluindo a conferencia, devera guardar o retorno de forma organizada no estoque;
  23. 23. RECEBIMENTO DAMERCADORIA VENDEDOR ( RETORNO )
  24. 24. RECEBIMENTO DAMERCADORIA VENDEDOR ( RETORNO )
  25. 25. CHECAGEM DO VEÍCULOO vendedor só poderá carregar o veículo após a checagem do mesmo; Limpeza áreas interna e externa ; Manutenção;
  26. 26. CARREGAMENTO VENDEDOR Após a conferencia da mercadoria, o estoquista deverá auxiliar o vendedor a carregar o veículo de forma organizada; Se for detectado alguma irregularidade no veículo, tipo sujeira, o vendedor não poderá carregar o veículo até que o mesmo esteja em condições higiênicas de receber a mercadoria;
  27. 27. CARREGAMENTO VENDEDOR Após o acerto e toda checagem de veículo o vendedor deverá conferir e carregar a mercadoria juntamente com o estoquista; Depois de todo o processo, o vendedor estará liberado para a rota; Lembrem-se, todo esse processo de retorno ,acerto e carga deve durar no máximo 1 hora;
  28. 28. SEPARAÇÃO DOS PEDIDOS Toda e qualquer mercadoria, só devera ser separada, mediante apresentação do(s) pedido(s); Depois do pedido entregue, deve-se verificar o tipo de pedido; Só poderão ser separados pedidos do tipo: Acerto P.E; Venda Interna; Venda; Bonificação; Obs.: Qualquer pedido que estiver com outro tipo e for separada, irá causar diferença no estoque, ficando assim a pessoa que o digitou e o separou responsável.
  29. 29. SEPARAÇÃO DOS PEDIDOS Após a separação da mercadoria, a mesma deverá ser transportada, ao local da segunda conferencia a Baia;
  30. 30. SEPARAÇÃO DOS PEDIDOS Dentroda Baia a mercadoria deve ser organizada, e que fique em destaque o pedido referente a mesma;
  31. 31. SEPARAÇÃO DOS PEDIDOS Após a organização de toda a mercadoria dentro da Baia, deve-se conferir novamente a mercadoria, a fim de detectar alguma irregularidade na separação ( Quantidade, Sabor, tipos de produtos diferentes); Logo após deve-se trancar com cadeado a Baia para que ninguém tenha acesso a mercadoria anteriormente conferida; A Baia só deve ser aberta quando o estoquista e o vendedor estiverem juntos para a terceira conferencia, fechando essa a saída da mercadoria do estoque;
  32. 32. RETENÇÃO E LIBERAÇÃO Retenção: Qualquer material ou produto identificado como não-conforme devera ser colocado em retenção imediatamente; Não-conforme: E aquele que não se encontra de acordo com as especificações e requerimentos de qualidade, pode ser qualquer ingrediente, matéria- prima, material de embalagem, produto,brindes ou amostra para vendas. A industria entrara em contato com o distribuidor ( identificação do produto,lote, motivo, )solicitando a RETENÇÃO imediata do produto e informará se o mesmo tem condições ou não de ficar armazenado em estoque(categoria da retenção); O produto retido deverá esta em local visível com informação detalhada da retenção;
  33. 33. RETENÇÃO Ao verificar não conformidade de algum gênero da mercadoria, proceder da seguinte maneira: Reter imediatamente o produto, deixa-lo em local seguro e impresso afixado com as seguintes informações:  Marca;  Quantidade com problema;  Lote;  Validade;  Descrição da não conformidade. IMPORTANTE: não descartar o produto!
  34. 34. Produtos impróprios Toda mercadoria devolvida, devem ser manuseados e estocados de forma a evitar contaminação ou transferência de odores; Cobrar aos responsáveis nota fiscal de devolução de todo o impróprio
  35. 35. HIGIENE AMBIENTAL E DAS INSTALAÇÕES Manter os ambientes limpos e organizados, sem vestígios de insetos; Manter estrados e prateleirasdevidamente higienizados. Manutenção e conservação por parte dos funcionários.
  36. 36. CUIDADOS COM A COZINHA E ESTOQUE Mantera estrutura da cozinha e estoque (piso, parede, janelas e luminárias) adequadas; Osralos devem possuir dispositivo de fechamento; Objetosestranhos não devem permanecer na cozinha ou estoque.
  37. 37. MANEJO DE RESÍDUOS Acondicionar o lixo em recipiente adequado; Manter o recipiente higienizado; Monitorar a saída do lixo a fim de evitar contaminação.
  38. 38. MANUAL DE BOAS PRÁTICAS Descreve os requisitos higiênico-sanitários dos edifícios, a manutenção e higienização das instalações, dos equipamentos e dos utensílios, o controle da água de abastecimento, controle integrado de vetores e pragas urbanas, a capacitação profissional, o controle da higiene e saúde os manipuladores, o manejo de resíduos e o controle e garantia do alimento preparado, separado, recebido.

×