Volume 1, Edição 3                                               Setembro de 2004  “Amai o teu próximo   Como a ti mesmo” ...
Página 2                                      FURTO NO CED 7                                     Secretário: Não houve vít...
Volume 1, Edição 3                                                                                             Página 3   ...
Página 4Impressionismo. Nessa Amostra vimos como a arte brasileira sofreu influência da Arte internacional. Havia desdequa...
Volume 1, Edição 3                                                                                                Página 5...
Página 6                          Acontecimentos dos meses: Agosto e Setembro                                         Olim...
Volume 1, Edição 3                                                                                              Página 7  ...
Caro leitor,                                       Pedimos a sua colaboração  Endereço comercial principal  EQNN 13 Área e...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Jornal 02

186 visualizações

Publicada em

Jornal do CED 07 de Ceilândia - DF

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
186
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Jornal 02

  1. 1. Volume 1, Edição 3 Setembro de 2004 “Amai o teu próximo Como a ti mesmo” ”Descaso TOTAL” Será que é descaso dei- um aviso; “Zelem pela sua “JOVEM, supere seus xar um “BANHEIRO” Escola”. Imagine você Limites” como o nosso está, UM quando alguém no futuro LIXO? perguntar como era a sua Para essa pergunta escola, o que vai dizer? Se eu queria uma resposta não estiver preocupado bem ligeira. Não agüento com o futuro de sua esco-Nesta edição: la, então tenha ao menos mais nem sequer entrar no banheiro, que dirá usá-lo! um pouco de Educação,Furto no CED 7 2 Não sei se é descaso dos ou quer ser engolido pelo funcionários, ou irrespon- “vaso sanitário”, é, não sabilidade nossa (alunos), estou exagerando, se con-“Caralho, que calor! 3 enfim, de qualquer forma tinuar como está, escreva não quero acusar nin- o que eu digo... gente não brinca. NemAceleração!? 3 guém, só quero usar o ba- Como eu dizia, com a sujeira! nheiro! Numa escola tão futuramente com as condi- Meus amigos,“Se liga, arte tam- 3 grande como esta e com o ções do nosso banheiro, tentem mudar essa reali-bém faz parte” tanto de alunos, o lugar começarão a brotar aliení- dade enquanto há tempo.Salvação para muitos 4 mais limpo, eu acho, de- genas e aparecer privadas Amigos que eu falo, quer veria ser o banheiro. Não assassinas comedoras de dizer; alunos, a direção,Bimestre conturbado 4 adianta você fugir, todos gente nos banheiros como professores, servidores e usam o bendito banheiro. nos filmes de ficção, é etc.Universitária Dife- 5 verdade, com a evolução arente Para todos deixo Por: AlexandreO mundo 6 TIRA OU NÃO O BONEZÃO?Fatos Bomba 7 “A questão do boné no “Eu acho que não é bem intencionados que tra- CED7. Diretoria alega assim, drogas podem ser zem drogas para a esco- que alunos mal intencio- transportadas de várias la”. nados possam transpor- maneiras como nas mo- tar drogas com mais fa- A Atitude da direção chilas, dentro do sapato, pode ser bem intenciona- cilidade para dentro da até na cueca,o que deve- da, e é, porém é preciso Escola”. riam fazer era colocar reforçar a segurança da Passando pelos corredo- detectores de metais e escola. Nesse ponto nós res, o Jornal 7 INFOR- concordamos com o alu- policiais para revistar os MA entrevistou um alu- no entrevistado. alunos na entrada da no do 7, que utiliza mui- to o boné na Escola. escola, aí sim poderiam descobrir os mal- Por: Daniel
  2. 2. Página 2 FURTO NO CED 7 Secretário: Não houve vítimas, mas são alugados devido a umAs conseqüências de um furto: pois foi depois que aconteceu o convênio com a Codeplan. furto que o vigia foi perceber o 7INFORMA:O que foi feito Quem saiu mais prejudicado? que havia acontecido. O vigia a- com a arrecadação do dinheiro Alunos ou comunidade? cionou a sirene, pois todos os te- das carteirinhas?Na madrugada de 29 de Agosto lefones foram cortados e não ha-para o dia 30 ocorreu no Centro via como avisar a polícia. Secretário: Toda a verba que so-Educacional 07 um furto que brou (cerca de 60%) foi destina- 7INFORMA: Esse assalto pode- da a aquisição de 3 computadorestrouxe sérias conseqüências. rá comprometer a segurança (que foram roubados), no forro da O Jornal 7INFORMA es- dos alunos e professores? secretaria, no piso, nos balcões,teve lá para fazer a cobertura e Secretário: Não. Geralmente os nas impressoras, na passarela dosentrevistou o chefe de Secretaria assaltos são feitos de madrugada alunos e nos passeios para o BayJoão Batista de Lima, para saber e também há policiamento apenas Park.sobre o ocorrido e quais foram as no período de aula. (fora esse pe- Na realidade tanto os alu-conseqüências da atitude desses ríodo temos vigias) nos como a comunidade foramindivíduos. 7INFORMA: Há alguma espe- prejudicados, pois os aparelhos7INFORMA: Quais os danos rança de recuperação ou que a de uma instituição de Ensino sãoque o assalto trouxe para a es- escola providencie novos equi- somente para benefício da popu-cola e qual a providência da di- pamentos mais evoluídos? lação.reção em relação a isso? Secretário: Quanto a recupera- Os indivíduos que come-Secretário: Foram levados qua- ção do material, não, mas em re- teram esse tipo de atitude prejudi-tro computadores e consequente- lação a colaboração de todos in- caram a si mesmos, pois com cer-mente, os dados dos alunos foram clusive alunos, sim tenho espe- teza, seus próprios familiares es-perdidos, fazendo com que o a- ranças de aquisição de novos e- tudam ou já estudaram notendimento fosse prejudicado. Os quipamentos, bem melhores se CED07, e fizeram isso ainda semalunos do matutino juntamente Deus quiser. pensar que para obter equipamen-com os professores fizeram uma 7INFORMA: Como está sendo tos em uma instituição pública émobilização para conseguir fazer o trabalho de vocês sem os com- preciso a contribuição da comuni-a aquisição de um novo computa- putadores e como vocês irão dade que está pagando atravésdor. fazer para recuperar os arqui- dos Impostos.7INFORMA:Qual a opinião da vos perdidos? Por: Aline Cristina e Neidepolícia em relação a isso? Hásuspeitos? Secretário: O trabalho está sendo realizado lentamente. EstamosSecretário: A polícia acha que fazendo levantamentos do que foinão deveria acontecer, por que o perdido; a partir daí está havendoque foi levado é de uso beneficiá- a digitação e a conferência dosrio e há um número considerável dados, mas isso acontece devido ade pessoas, mas há uma “tese” de um disquete de zip drive onde seque possam ter sido os próprios grava os dados e backup.alunos. (tese apenas) 7INFORMA:Porque a Secreta-7INFORMA: No momento do ria de Educação não repõe osassalto havia segurança? Houve computadores?vítimas? Qual foi a reação dapessoa? Secretário: A Secretaria de Edu- cação repõe os computadores,
  3. 3. Volume 1, Edição 3 Página 3 “Caralho” que calor!!!! Desculpem pelo título, chada com essa temperatura era persados.mas é o que muita gente andou praticamente inviável. O calor Na minha opinião, a piordizendo em relação ao tempo atrapalha o raciocínio dos profes- aula para assistir, nesse calor é aquente. Saiba que o clima pode sores e alunos, fora a constante de Educação Física, Afinal, mui-influenciar e muito o relaciona- saída de alunos para beber água. tas pessoas não possuem resistên-mento entre professor e aluno na Foram então feitas várias cia para praticar algum esportesala de aula. reuniões entre professores e de- debaixo de sol (às vezes nem so- A partir do final do mês pois de muita insistência, o horá- brava sombra). Até o fechamentode Agosto de 2004, houve uma rio foi modificado. Todos os ho- dessa Edição do 7 Informa no diamudança brusca no clima. Estava rários foram reduzidos a 40 minu- 23/09/2004, o horário de entradafazendo calor, mas a partir desse tos. Com isso os alunos passariam continuava sendo as 14h00 e omomento, a coisa piorou. A tem- a entrar as 14h00. Mas será mes- calor, mesmo na primavera, con-peratura passou a ficar na casa mo que isso foi a melhor solução? tinuava prejudicando o rendimen-dos 30ºC e a umidade variando de Antes da modificação de horário, to de alunos e professores em Sa-35% a 20%. O “clima” nas salas muitos professores tentaram dar la de aula.de aula ficou ruim também. Dar aulas na Pracinha, mas os alunos Por: Alex da Silva Neres.uma aula dentro de uma sala fe- na maioria das vezes ficavam dis- E-mail: alexsnf1@hotmail.com ACELERAÇÃO SE LIGA! Arte também faz parte... Você, leitor, é contra ou a favor da Alunos do 2º ano visi- foi uma em que as fotos eram fei- Aceleração? tam duas exposições de temas tas de recortes de jornais e revis- A aceleração escolar possibilita aos distintos, apreciam fotos, qua- tas em formato circular. E foi jus-alunos com idade avançada conforme a sé- dros e até ganham concurso. tamente essa exposição que inspi-rie que estão cursando de terem “mais facili- A arte hoje não é tão rou a organização do FotoArte adade” de prosseguirem para uma série se- apreciada e vista como antiga- realizar um concurso. Foram da-guinte. Um dos fatores que mais contribui mente. Mas se engana quem dos um monte de papel picado e apara ajudar esses alunos foi a dependência. pensa que arte é só pintura, es- idéia; a mesma da amostra: fazerO que é dependência? É a possibilidade que cultura e etc. Prova disso foi a um rosto humano. Foram feitaso aluno tem de passar e dever algumas ma- exposição visitada por alunos duas Obras pelo pessoal dotérias, mesmo assim ele prossegue na série das turmas; 2ºE e 3º E do ves- Ced.07: Uma do 2ºE e outra doseguinte e repõe essas matérias que ficaram pertino. Esses alunos visitaram a 3ºE . E não é que a do 2º E conse-na série anterior. Novamente eu lhe faço exposição Foto Arte Brasília, no guiu ganhar o concurso ?! Cadaoutra pergunta, meu caro leitor, será que Espaço Cultural Contemporâ- aluno do 2º ano que visitou e aju-isso é uma boa? Não poderia ser uma tática neo, no Venâncio 2000. A expo- dou a fazer a obra vencedora ga-“governamental”, por exemplo, para te dei- sição contava com várias galeri- nhou um kit maneiro com algunsxar menos inteligente do que já é? Dando-te as, de vários fotógrafos diferen- postais e fotos do Eventoesse mundo de brechas para passar de ano, tes. Em cada foto, um detalhe, (FotoArte). No matutino houveserá que você, uma pessoa tão esforçada, uma peculiaridade. Uma exposi- dois ganhadores do 3º ano, nointeligente, com força de vontade, não pode ção que possuía fotos de todas prêmio individual.passar de uma série a outra com suas pró- as maneiras, desde fotos de ca- A segunda exposição foi visitadaprias perninhas? “PO...”, ‘7’ pontos de tra- samentos, simples, em preto e por 20 alunos do matutino e 20 dobalho não bastam? Em um futuro não tão branco e até montagens por vespertino (todos do 2º ano) nolongínquo, em um vestibular, por exemplo, computador nas quais o fotógra- Centro Cultural Banco do Brasil.você não terá essa mordomia, e aí vai se fo tirava foto de um homem e Essa exposição era mais tradicio-ferrar! Então estude, seja o melhor nisso uma mulher lado a lado, mas nal pois mostrava quadros e es-pelo menos. Tá na HORA DE ACORDAR! trocando o olhar das duas pesso- culturas de vários períodos: do Por: Daniel as. Outra amostra de destaque neoclassicismo ao Pós-
  4. 4. Página 4Impressionismo. Nessa Amostra vimos como a arte brasileira sofreu influência da Arte internacional. Havia desdequadros enormes pintados em tinta a óleo a minúsculos estudos e pinturas pintadas a aquarela. A época mais desta-cada (na minha opinião) na exposição foi o período imperial já que há muitas obras relatando a vida da família realportuguesa, como D. Pedro I e D. Pedro II e etc. A exposição está no C.C.B.B até novembro.Nota: Quer ver essa amostra de Perto? Então vá até o C.C.B.B e aprecie o melhor da arte no Brasil. Por: Alex da Silva Neres. SALVAÇÃO PARA MUITOS! “BIMESTRE CONTURBADO”! O Início do 3º Bimestre, começou com tumultos em relação a elaboração da Gincana do CED 7 , houve uma gama de informações contraditórias entre a equipe organizadora, di- reção, professores e alunos. Até ai, não se sabia como seriam as notas dadas aos alunos que não participaram da Gincana, que por sua vez fo- ram castigados com relatórios, onde tiveram que vir a escola e anotar todos os fatos ocorri- dos nas apresentações. Até então nenhum problema, pois os relatórios foram avaliados com os 3 pontos nor- Ultimamente a pracinha tem servido de sala malmente, assim como a nota original das equi- de aula por ser um local arejado e favorável ao a- pes. prendizado dos alunos, os professores usam da pra- O problema maior foi que o início das cinha como artifício pedagógico para tentar mini- apresentações foi conturbado, sem esclareci- mizar o problema do calor, pois as salas de aula se mentos por parte dos organizadores que deixa- tornaram verdadeiras estufas, é impossível de se ter ram a desejar no quesito “INFORMAÇÃO”. uma aula, os alunos ficam agitados e pedem cons- Outro Fator relevante é que depois que tantemente para ir beber água e aproveitando a situ- os alunos fizeram os relatórios, nem todos os ação vão dar um “passeio pela escola”, prejudican- professores o adotaram como avaliação, que do assim os que ficam na fila de espera com sede. por sua vez passaram uma pilha de trabalhos Por isso a pracinha veio a calhar, pois fica para complementar a falta de conteúdo, pois mais prático para o professor, e aquele aluno muitos alegavam que a gincana havia tomado “turista” não mais atrapalhará os outros. É claro muito tempo. que muitos ficam dispersos, mas existem aqueles Desta forma foi se empurrando com a que querem aprender, já os outros, enfim, já não é barriga o 3º bimestre, que para muitos é decisi- problema nosso, muito menos do professor. vo para passar de ano. “Nada é melhor do que uma boa sombra e Não temos nada contra a Gincana ape- água fresca para aqueles que tem sede de saber” sar de que houve mais ênfase em fatores sociais do que “conteúdo escolar” e várias disciplinas Por: Rodrigo ficaram de fora, principalmente na área de E- XATAS”. Como ia dizendo, nem tudo tem seu la-
  5. 5. Volume 1, Edição 3 Página 5do ruim, pelo fator social foi muito bom, pois tirou falar no nosso banquete de futebol. Jamais esquecerei oos alunos da monotonia da sala de aula, fazendo uma que ela nos ensinou.disputa saudável e com fins humanitários. Também Ela foi apresentada e se aproximou do pódium.porque tudo o que foi arrecadado foi distribuído na Quando ela começou a ler a sua fala, já preparada, dei- xou cair três, das cinco folhas no chão. Frustrada e umcomunidade, obedecendo assim ao 1º Mandamento pouco embaraçada, ela pegou o microfone e disse sim-do grande mestre; “Amai o teu próximo com a ti plesmente: "Desculpem-me, eu estou tão nervosa! Eumesmo”. não conseguirei colocar meus papéis em ordem de no- vo, então deixem-me apenas falar para vocês sobre aquilo que eu sei."Por: Maria Rejânia e Rodrigo Enquanto nós ríamos, ela limpou sua garganta e começou: "Nós não paramos de jogar porque ficamos velhos; nós nos tornamos velhos porque paramos de jogar. Existem somente quatro segredos para continu- armos jovens, felizes e conseguir o sucesso. Primeiro, você precisa rir e encontrar humor em cada dia. Segun- do, você precisa ter um sonho. Quando você perde seus sonhos, você morre. Nós temos tantas pessoas cami- UNIVERSITÁRIA DIFERENTE nhando por aí que estão mortas e nem desconfiam! Terceiro, há uma enorme diferença entre envelhecer e crescer. Se você tem dezenove anos de idade e ficar No primeiro dia de aula nosso professor se a- deitado na cama por um ano inteiro, sem fazer nada de presentou aos alunos, e nos desafiou a que nos apresen- produtivo, você ficará com vinte anos. Se eu tenho oi- tássemos a alguém que não conhecêssemos ainda. tenta e sete anos e ficar na cama por um ano e não fizer Eu fiquei em pé para olhar ao redor quando coisa alguma, eu ficarei com oitenta e oito anos. Qual- uma mão suave tocou meu ombro. Olhei para trás e vi quer um, mais cedo ou mais tarde ficará mais velho. uma pequena senhora, velhinha e enrugada, sorrindo Isso não exige talento nem habilidade, é uma conse- radiante para mim. Um sorriso lindo que iluminava to- qüência natural da vida. A idéia é crescer através das do o seu ser. Ela disse: "Ei, bonitão. Meu nome é Rosa. oportunidades. E por último, não tenha remorsos. Os Eu tenho oitenta e sete anos de idade. Posso te dar um velhos geralmente não se arrependem por aquilo que abraço?" Eu ri, e respondi entusiasticamente: "É claro fizeram, mas sim por aquelas coisas que deixaram de que pode!", e ela me deu um gigantesco apertão. Não fazer. As únicas pessoas que tem medo da morte são resisti e perguntei-lhe: "Por que você está na faculdade aquelas que tem remorsos." Ela concluiu seu discurso em tão tenra e inocente idade?", e ela respondeu brinca- cantando corajosamente "A Rosa". Ela desafiou a cada lhona: "Estou aqui para encontrar um marido rico, ca- um de nós a estudar poesia e vivê-la em nossa vida sar, ter um casal de filhos, e então me aposentar e via- diária. jar." "Está brincando", eu disse. Eu estava curioso em No fim do ano Rose terminou o último ano da saber o que a havia motivado a entrar neste desafio com faculdade que começara há tantos anos atrás. Uma se- a sua idade, e ela disse: "Eu sempre sonhei em ter um mana depois da formatura, Rose morreu tranqüilamen- estudo universitário, e agora estou tendo um!". te em seu sono. Mais de dois mil alunos da faculdade Após a aula nós caminhamos para o prédio da foram ao seu funeral, em tributo à maravilhosa mulher união dos estudantes, e dividimos um milkshake de que ensinou, através de seu exemplo, que nunca é tarde chocolate. Nos tornamos amigos instantaneamente. To- demais para ser tudo aquilo que você pode provavel- dos os dias nos próximos três meses nós teríamos aula mente ser, se realmente desejar. Quando você terminar juntos e falaríamos sem parar. Eu ficava sempre extasi- de ler isto, passe esta palavra de conselho para seus ado ouvindo aquela "máquina do tempo" compartilhar amigos e familiares. Estas palavras têm sido divulga- sua experiência e sabedoria comigo. No decurso de um das por amor, em memória de "Rose". Uma grande ano, Rose tornou-se um ícone no campus universitário, mulher. Na verdade um grande ser humano. e fazia amigos facilmente, onde quer que fosse. Ela LEMBRE-SE: adorava vestir-se bem, e revelava-se na atenção que lhe davam os outros estudantes. Ela estava curtindo a vida! ENVELHECER É INEVITÁVEL, MAS CRESCER É No fim do semestre nós convidamos Rose para OPCIONAL! Texto extraído da Internet
  6. 6. Página 6 Acontecimentos dos meses: Agosto e Setembro Olimpíadas de quem!? Como todo mundo já sabia o “todo poderoso do mundo” (EUA) ficou em primeiro no qua- dro de medalhas, seguido do mais populoso, a China! Agora, você saberia me dizer qual foi o último colocado(ou melhor os últimos)? Curte só: 76º Afeganistão 116º Guatemala 156º Nauru 192º Tunísia do un o 77º Albânia 117º Guiana 157º Nepal 193º Turcomenistão o m com e 78º Andorra 118º Guiné 158º Nicarágua 194º Uganda eja de qu !! “V ém er a” 79º Angola 119º Guiné Equatorial 159º Níger 195º Uruguai al e qu vej 80º Antigua e Barbuda 120º Guiné-Bissau 160º Omã 196º Vanuatu el ê o c 81º Antilhas Holande- 121º Haiti 161º Palau 197º Vietnã vo sas 122º Honduras 162º Palestina 198º Zâmbia 82º Arábia Saudita 123º Iêmen 163º Panamá 83º Argélia 124º Ilhas Cayman 164º Papua-Nova Guiné UFA!!, numa olimpíada mundial 84º Armênia 125º Ilhas Comores 165º Paquistão veja só o tanto de países fora do 85º Aruba 126º Ilhas Cook 166º Peru quadro de medalhas, ou seja não 86º Bahrein 127º Ilhas Maurício 167º Porto Rico 87º Bangladesh 128º Ilhas Salomão 168º Rep. Centro- sentiram nem o cheiro de uma me- 88º Barbados 129º Ilhas Virgens Africana dalhinha!! 89º Belize 130º Ilhas Virgens Bri- 169º Rep. Democrática “Nós não quisemos mostrar os 90º Bermudas tânicas do Congo 91º Bolivia 131º Iraque 170º Ruanda campeões( os países ricos e podero- 92º Bósnia Herzegovi- 132º Islândia 171º S. Vicente e Gra- sos) mas sim os verdadeiros campe- na 133º Jordânia nadivas ões, aqueles que são assolados pela 93º Botsuana 134º Kiribati 172º Samoa fome, Pobreza, desigualdade social 94º Brunei 135º Kuwait 173º Samoa Americana e que gastam o seu pouco dinheiro 95º Burkina Faso 136º Laos 174º San Marino 96º Burundi 137º Lesoto 175º Santa Lúcia para ao menos ter o orgulho de ga- 97º Cabo Verde 138º Líbano 176º São Cristovão e nhar uma medalha(coisa que não 98º Camboja 139º Libéria Neves aconteceu)para não se sentir inferi- 99º Catar 140º Líbia 177º São Tomé e Prínci- ores aos outros países. Nós brasilei- 100º Chipre 141º Liechtenstein pe ros temos é que ter orgulho com a 102º Congo 142º Luxemburgo 178º Senegal 103º Costa do Marfim 143º Macedônia 179º Serra Leoa 18ª colocação, ao contrário dos ao 104º Costa Rica 144º Madagascar 180º Seychelles lado citados”. 105º Djibuti 145º Malásia 181º Somália 106º Dominica 146º Malaui 182º Sri Lanka 107º El Salvador 147º Maldivas 183º Suazilândia SE 108º Equador 148º Mali 184º Sudão N PE 109º Fiji 149º Malta 185º Suriname 110º Filipinas 150º Mauritânia 186º Tadjiquistão 111º Gabão 151º Moçambique 187º Tanzânia O S 112º Gâmbia 152º Moldávia 188º Tchad IS N 113º Gana 153º Mônaco 189º Timor-Leste 114º Granada 154º Myanmar 190º Togo 115º Guam 155º Namíbia 191º Tonga Dados Extraídos do site:www.globo.com/olimpíadas
  7. 7. Volume 1, Edição 3 Página 7 Fatos BOMBA! Morre rapaz que injetou anabolizante para ganhar músculos O remédio Estigor, indicado para engorda de gado de corte, tem venda proibida para consumo humano e pode causar lesões nos rins e fígado, deixar seqüelas neurológicas e ainda aumentar o risco de câncer de próstata. Dois jovens, de 15 e 21 anos, estão internados na UTI do Hospital de Base de Brasília, em coma, após tentar "inflar" os músculos to-Hantavirose. Que doença é essa? (DF) mando doses de um combinado de anabolizante e complemento A doença misteriosa que matou qua- vitamínico para uso animal. Outros quatro jovens que utilizaram astro pessoas na cidade de São Sebastião já foi mesmas substâncias foram hospitalizados, mas já receberam alta. Adescoberta. É a Hantavirose. Uma doença polícia investiga mais cinco casos de utilização das drogas com oinfecciosa grave causada por vários vírus e mesmo fim. Todos os casos são de jovens de Padre Bernardo, cida-que se desenvolve em 45 dias. Seus hospe- de goiana que fica a 120 km de Brasília. Segundo a mãe de um dosdeiros são ratos silvestres. Não existe trata-mento específico. São adotados procedimen- internados, o garoto começou a vomitar - etos gerais de suporte, como hidratação, con- não falava coisa alguma - na noite de quin-trole da pressão e alívio sintomático. Por isso ta-feira, 2 horas depois de ter injetado 10é necessário cuidado ao percorrer ambientes ml em cada braço de uma mistura do ana-rurais onde esses roedores podem ter passa- bolizante nandrolona e do complexo vita-do. O Hantavírus causa febre, tosse e pode mínico ADE. O adolescente foi levado aoprovocar insuficiência respiratória. hospital da cidade, de onde foi transferido CorreioWeb com Correio Braziliense para o Hospital Regional de Brazlândia, no 02/06/2004 Distrito Federal. Ainda na madrugada de sexta-feira, foi removido para a UTI doRotina de violência Hospital de Base, em Brasília, onde perma- em SP nece em estado grave. O mesmo ocorreu20/08/2004 - 15:48 com o atendente Jackson Vieira de Souza, 21, que está na UTI em estado gravíssimo. Morre o quarto morador de rua Ele recebeu uma dose de 30 ml em cada atacado no Centro de SP braço. Segundo o médico veterinário Au- SÃO PAULO - Morreu, por volta gusto Moscardini, do Hospital de Grandesda 1h30 desta sexta-feira, mais um Animais da Universidade de Brasília - UnB dos 10 mendigos atacados em cin- co pontos diferentes do Centro da -, a dose recomendada das substânciascapital paulista, na Rua São Bento, rua mortos pelos criminosos, que fica em torno de 10 ml para animais en- Rua Tabatingüera, Praça da Sé, continuam foragidos. tre 350 e 400 quilos.Rua da Glória e Rua 15 de Novem- Os investigadores apuram Todos os seis hospitalizados in-bro. O homem, de cor branca, com ainda a participação de skinheads ou jetaram o produto nos músculos e, em aproximadamente 45 anos, ainda de uma guerra entre moradores de pelo menos um dos casos, houve admi-não foi identificado. O crime ocor- rua. As vítimas estavam com os ros- nistração intravenosa. Os jovens se co-reu por volta das 3h30 da madruga- tos desfigurados, e foram atingidas nheciam e, segundo a Polícia Civil, rece- da de ontem. Acredita-se que os por pancadas de objeto contundente. beram a dose da mesma pessoa. assassinos façam parte de um gru- Fonte: Agência Estado Fonte: www.cinform.com.br po de extermínio. Com mais umóbito, registrado no Pronto-Socorro Municipal Vergueiro, sobe para quatro o número de moradores de VAI ENCARAR!!
  8. 8. Caro leitor, Pedimos a sua colaboração Endereço comercial principal EQNN 13 Área especial “A” para que esse trabalho co Tel: 3714553 n- Tel:92934786Email: alexandrexsb@yahoo.com.br tinue.Se você tem alguma idéia, sugestão, crítica ou quer saber mais sobre este informativo, por favor en- tre em contato conosco Um grande Abraço!! FOTOS DA ESCOLA Frente Frente APAM & Biblioteca DIREÇÃO Frente

×