Mais elevadas

211 visualizações

Publicada em

FELIZ NATAL. FELIZ 2014!!!

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
211
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Mais elevadas

  1. 1. Numa noite do ano de 1951, o jovem casal dançava com leveza e graça. Passados mais de 60 anos, onde eles estarão agora?
  2. 2. Quem se recorda de seus nomes? Que fim terão levado seus sonhos mais sinceros, suas mais acaloradas esperanças?
  3. 3. E nós, que hoje dançamos a dança da existência terrena, onde estaremos daqui a 60 anos? 60 anos voam depressa, – feito um sopro, um minuto, um instante.
  4. 4. O tempo, o vigor físico, e a disposição da alma são nossos por um breve intervalo apenas.
  5. 5. Numa tarde de 1934, jovens moças ensaiam na beira do mar os passos para uma apresentação de dança. Há quem diga que a dança é a mais elevada forma de arte. Um mágico instante, – a sutil sintonia entre corpo, mente e alma.
  6. 6. “As palavras apenas evocam as coisas. É aí que entra a dança.” “Eu não estou interessada em saber como as pessoas se movem, Pina Bausch eu estou interessada no que as faz mover.” Pina Bausch
  7. 7. O que move você? O que move as pessoas? Que a nossa força-motriz seja sempre o sonho de alcançarmos a nossa plenitude, a nossa bem-aventurança.
  8. 8. “Se você quer entender, sinta.” Pina Bausch “Dance, dance, do contrário, estamos perdidos.” Pina Bausch
  9. 9. O mar é nosso por um breve instante apenas. Quantas e quantas gerações vieram antes da nossa? Quantas tantas nos sucederão?
  10. 10. Nesta dança do existir, somos todos seres únicos, nenhuma história se repete. Somos melodias sem par na sinfonia da vida.
  11. 11. A fonte que brota do nosso coração, a nossa interioridade, é única, sem paralelo no teatro dos dias.
  12. 12. Somos todos córregos e correntezas correndo em regresso ao insondável Mar.
  13. 13. O Mar do Amor, da Ternura, da Bondade, do Perdão, da Partilha é o nosso destino comum.
  14. 14. Que possamos cumprir a nossa meta existencial, sintonizando nossa alma nas estações mais elevadas.
  15. 15. “Se você quer entender, sinta.”
  16. 16. Que possamos permanecer sempre despertos, acolhendo no nosso interior as palavras do incomparável Mestre. “Bem-aventurados os vossos olhos, porque veem, e os vossos ouvidos, porque ouvem.” Jesus Cristo
  17. 17. Que possamos permanecer sempre despertos, acolhendo no nosso interior as palavras do incomparável Mestre. “Bem-aventurados os que buscam com mãos puras.” Jesus Cristo
  18. 18. Que possamos permanecer sempre despertos, acolhendo no nosso interior as palavras do incomparável Mestre. “Bem-aventurados os que aspiram tornar-se Filhos da Luz.” Jesus Cristo
  19. 19. Feliz Natal! Que possamos permanecer sempre despertos, acolhendo no nosso interior as palavras do incomparável Mestre. “Bem-aventurados os puros de coração.” Jesus Cristo
  20. 20. Feliz Natal! Que possamos permanecer sempre despertos, acolhendo no nosso interior as palavras do Tema muscal: incomparável Mestre. ‘How Great Thou Art’, Floyd Cramer Formatação: um_peregrino@hotmail.com “Bem-aventurados os puros de coração.” Jesus Cristo

×