Era vargas

56.893 visualizações

Publicada em

Slide explicativo do seminário da matéria de História sobre a Era Vargas, ministrado pelo professor Marco Antônio.

Publicada em: Educação
2 comentários
50 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
56.893
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
28
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3.078
Comentários
2
Gostaram
50
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Era vargas

  1. 1. Era Vargas<br />
  2. 2. Tópicos<br />Revolução de 1930<br />Revolução Constitucionalista<br />Integralismo<br />Combate ao Comunismo<br />Brasil de Vargas na 2a Guerra<br />Populismo de Vargas<br />Queda de Vargas<br />Indicadores Sociais do Governo Vargas<br />
  3. 3. “Façamos a revolução antes que o povo a faça!”<br /> Antônio Carlos de Andrada – Presidente de MG.<br />ERA<br />VARGAS<br />Governo Provisório (1930 – 1934).<br />Governo Constitucional (1934 – 1937).<br />Estado Novo (1937 – 1945).<br />GETÚLIO<br />VARGAS<br />Pai dos Pobres ou Mãe dos Ricos?<br />
  4. 4. Revolução de 30<br />A Revolução de 1930 foi o movimento armado, liderado pelos estados de Minas Gerais, Paraíba e Rio Grande do Sul, que culminou com o Golpe de 1930, que depôs o presidente da república Washington Luís em outubro de 1930, impediu a posse do presidente eleito Júlio Prestes e pôs fim à República Velha.<br />Em 1929, lideranças de São Paulo romperam a aliança com os mineiros, conhecida como política do café-com-leite, e indicaram o paulista Júlio Prestes como candidato à presidência da República. Em reação, o Presidente de Minas Gerais apoiou a candidatura oposicionista do gaúcho Getúlio Vargas.<br />
  5. 5.
  6. 6. Em março de 1930, foram realizadas as eleições para presidente da República, que deram a vitória ao candidato governista, que era o presidente do estado de São Paulo, Júlio Prestes. Porém, ele não tomou posse, em virtude do golpe de estado desencadeado em outubro de 1930, e foi exilado, junto com Washington Luís.<br />Getúlio Vargas assumiu a chefia do "Governo Provisório" em novembro de, data que marca o fim da República Velha.<br />
  7. 7. Revolução Constitucionalista<br />A Revolução Constitucionalista foi o movimento armado ocorrido em São Paulo, entre os meses de julho e outubro de 1932, que tinha por objetivo a derrubada do Governo Provisório de Vargas e a criação de uma nova constituição para o Brasil.<br />Lideranças de São Paulo também pediam a troca do interventor do Estado nomeado por Vargas, pois queriam um paulista no comando.<br />
  8. 8. Conseguiram ao final do combate, mesmo com a derrota, serem governados novamente por um paulista, Pedro de Toledo, além da criação de uma nova constituição, em 1934.<br />Durante os combates, foram mortos 5 estudantes, o que foi o estopim da revolta. As mortes deram nome ao novo movimento criado, atualmente denominado MMDCA.<br />
  9. 9. Constituição de 1934<br /><ul><li>Promulgada;
  10. 10. Federação, Presidencialismo e Três Poderes (executivo, Legislativo e Judiciário);
  11. 11. Criação da Justiça Eleitoral;
  12. 12. Criação de uma Legislação Trabalhista (salário mínimo regional, jornada de trabalho de oito horas diárias, descanso semanal aos domingos, férias anuais remuneradas, indenização por demissão sem justa causa, regulamentação do trabalho infantil e feminino e direito a aposentadoria);
  13. 13. Extinção do cargo de vice-presidente da República;
  14. 14. Anistia de todos os presos políticos do país;
  15. 15. Mandato presidencial de quatro anos;
  16. 16. Direito presidencial de decretar estado de sítio por trinta dias;
  17. 17. Elegeu, indiretamente, Getúlio Vargas para a Presidência da República.</li></li></ul><li>
  18. 18. Combate ao Comunismo<br />Em 1935 o plano de fazer uma revolução foi colocado em prática, inclusive com o apoio da Rússia (país comunista à época), que enviou dinheiro e agentes para o Brasil.<br />A ação foi planejada dentro dos quartéis. Militares simpatizantes da ANL deram início às rebeliões. Imaginava-se que depois a revolta ganharia o apoio popular, mas isto não ocorreu.<br />A principal falha dos revolucionários foi com relação à organização. As revoltas se deram em datas diferentes, o que facilitou as ações do governo para dominar a situação e frustrar o movimento.<br />Após derrotá-los, Vargas decretou estado de sítio e uma forte repressão aos envolvidos na Intentona Comunista. Luís Carlos Prestes foi preso, bem como vários íderes sindicais, militares e intelectuais, além de Olga Benário Prestes, alemã que veio ao Brasil para ajudar os comunistas, e foi deportada a Alemanha, sendo executada lá. Mas tudo isto não passou de estratégias do presidente para preparar um futuro golpe de Estado.<br />Em nome do combate ao “perigo comunista”, Vargas decreta estado de guerra, fecha o Congresso Nacional e instaura a ditadura.<br />
  19. 19.
  20. 20. Brasil na 2ª Guerra Mundial<br />Durante a 2ª Guerra Mundial, Vargas decidiu apoiar os Aliados, sofrendo graves danos causados pela Alemanha, que afundaram 9 navios brasileiros, mas conseguiu em troca um financiamento para a construção da usina de Volta Redonda e contratos de fornecimento de matéria prima de primeira necessidade durante a guerra (borracha e ferro). <br />
  21. 21.
  22. 22. Queda de Vargas<br />O Estado Novo não podia mais manter sua postura ditatorial, enquanto as tropas brasileiras combatiam o fascismo na Europa. Até as próprias manifestações de rua a favor da entrada do Brasil na guerra, começaram a cobrar que o esquema repressivo montado por Vargas, tivesse um fim. Uma parte da elite, que até então tinha apoiado a ditadura, retirou publicamente esse apoio, através do Manifesto dos Mineiros.<br />Durante todo o ano de 1944 aconteceram manifestações favoráveis a redemocratização.<br />
  23. 23. Na época das eleições, foi decretada a anistia aos presos políticos e concedida a liberdade de imprensa. Mesmo com todo esse clima de eleição, existia uma parte da população que acreditava que Vargas pretendia continuar no poder, principalmente quando lançaram uma campanha favorável que o processo de redemocratização fosse feito com Vargas no poder, esse movimento foi chamado de Queremismo.<br />Em 1945, as mais poderosas forças políticas do país, posicionaram-se contra Getúlio Vargas. A oportunidade aconteceu em 29 de outubro do mesmo ano, foi quando os generais Gaspar Dutra e Góis Monteiro mandaram que as forças blindadas cercassem o Palácio Guanabara, logo após isso, Getúlio renunciou. Estava acabado o Estado Novo.<br />Trinta e Cinco dias depois da renuncia de Getúlio, foi realizada as eleições, o eleito foi o general Dutra, que a partir dessa data era o mais novo presidente do Brasil.<br />
  24. 24.
  25. 25. Populismo de Vargas<br />Populismo é uma forma de governar em que o governante utiliza de vários recursos para obter apoio popular. O populista utiliza uma linguagem simples e popular, usa e abusa da propaganda pessoal, afirma não ser igual aos outros políticos, toma medidas autoritárias, diz que é capaz de resolver todos os problemas e possui um comportamento bem carismático. <br />Getúlio Vargas adotou o populismo como uma das características de seu governo. Apelidado de "pai do pobres", promoveu seu governo com manifestações e discursos populares, principalmente no Dia do Trabalho (1º de maio). Não respeitou a liberdade de expressão e a democracia no país. Usou a propaganda para divulgar suas ações de governo.<br />
  26. 26.
  27. 27. Indicadores Sociais<br />Vargas assumiu o poder logo após a crise do café, e tomou como atitude imediata a compra de aproximadamente 70 milhões de sacas de café e a proibição da plantação do café no país, para reduzir a oferta.<br />Criou o salário mínimo, jornada máxima de trabalho, férias...(a CLT), o que levou Vargas a obter grande apoio da população.<br />Criou empresas estatais como a Vale do Rio Doce, Companhia Siderúrgica Nacional e a Companhia Hidrelétrica do Vale do São Francisco.<br />
  28. 28. Componentes:<br />Alanderson Timóteo da Silva Junior<br />Leandro Coutinho Paixão<br />Rodrigo Oliveira<br />Jessilene Rocha<br />Bianca Magalhães<br />

×