SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 25
Baixar para ler offline
Língua Portuguesa
Professor ALEX
6º ANO
ESTUDO DE NARRATIVAS
O que é uma NARRAÇÃO?
É uma sequência de fatos
na qual os personagens se movimentam
num determinado espaço
à medida que o tempo passa.
Qual o OBJETIVO de um texto
narrativo?
O principal objetivo de um texto
narrativo é contar um fato e que esse
fato sirva como:
 Informação
 Aprendizado
 Entretenimento
FORMAS NARRATIVAS
 ROMANCE - é uma narrativa longa, geralmente dividida em
capítulos, possui personagens variadas em torno das quais acontece
a história principal e também histórias paralelas a essa, pode
apresentar espaço e tempo variados.
 NOVELA - é um módulo mais compilado do romance e também mais
dinâmico, é dividida em episódios, são contínuos e não têm
interrupções.
 CONTO - é uma narrativa curta que gira em torno de um só
conflito, com poucos personagens.
 CRÔNICA - é uma narrativa breve que tem por objetivo comentar
algo do cotidiano; é um relato pessoal do autor sobre determinado
fato do dia a dia.
 FÁBULA – é uma narrativa geralmente composta por personagens
representados na figura de animais, é de caráter pedagógico, pois
transmite noções de cunho moral e ético. Quando são
representadas por personagens inanimados, recebe o nome de
Apólogo, mas a intenção é a mesma da fábula.
 LENDA - é uma narrativa fantasiosa transmitida pela tradição oral
através dos tempos. De caráter fantástico e/ou fictício, as lendas
combinam fatos reais e históricos com fatos irreais que são
meramente produto da imaginação aventuresca humana. Uma
lenda pode ser também verdadeira, o que é muito importante
Quais os ELEMENTOS DE UMA
NARRATIVA?
Personagens (protagonista, antagonista e coadjuvante)
Enredo (Apresentação, Desenvolvimento, Clímax e Desfecho)
Narrador (1ª ou 3ª pessoa)
Tempo (cronológico e psicológico)
Espaço (ambiente, lugar)
Como se ESTRUTURA O ENREDO?
 Apresentação
 Complicação ou desenvolvimento
 Clímax
 Desfecho
6 PERGUNTINHAS
PARA FACILITAR NA HORA DA ESCRITA DE UMA NARRATIVA ...
 O QUÊ? - o(s) fato(s) que determina(n) a história;
 QUEM? - a personagem ou personagens;
 COMO? - o enredo, o modo como se tecem os fatos;
 ONDE? - o lugar ou lugares da ocorrência;
 QUANDO? - o momento ou momentos em que se passam os fatos;
 POR QUÊ? - a causa do acontecimento.
 É A VOZ QUE NOS CONTA A HISTÓRIA.
O que é o NARRADOR?
 Narrador-observador
 Narrador participa da história
como personagem
 Em 1ª pessoa.
 Narrador conta a história como
observador dos personagens e
acontecimentos.
 Em 3ª pessoa.
 Narrador-personagem
 O narrador conhece os pensamentos e
sentimentos dos personagens
 Narrador - Onisciente
Vamos tomar a água milagrosa?..rs
Professor Alex
Vamos tomar mais
água?...
Professor Alex
A fonte da juventude está em cultivar
pensamentos e sentimentos bons.
Professor Alex S. S. Santos
Antes Agora
Lendas do Japão

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Estágio em Educação Infantil
Estágio em Educação InfantilEstágio em Educação Infantil
Estágio em Educação InfantilRosinara Azeredo
 
Formação recomposição da Aprendizagem
Formação recomposição da Aprendizagem Formação recomposição da Aprendizagem
Formação recomposição da Aprendizagem carmensilva723002
 
Aula 02 orientação educacional
Aula 02   orientação educacionalAula 02   orientação educacional
Aula 02 orientação educacionalKarine Silva
 
Caracterização da escola 2
Caracterização da escola 2Caracterização da escola 2
Caracterização da escola 2Superestagio
 
Ppoint.Planejamento.Revisado2006
Ppoint.Planejamento.Revisado2006Ppoint.Planejamento.Revisado2006
Ppoint.Planejamento.Revisado2006Albano Novaes
 
Plano de curso 9 ano
Plano de curso 9 anoPlano de curso 9 ano
Plano de curso 9 anoJaiza Nobre
 
Plano de ação coordenação pedagógica 2013 ec10
Plano de ação coordenação pedagógica 2013 ec10Plano de ação coordenação pedagógica 2013 ec10
Plano de ação coordenação pedagógica 2013 ec10QUEDMA SILVA
 
Função social da escola e educação ferreira
Função social da escola e educação ferreiraFunção social da escola e educação ferreira
Função social da escola e educação ferreiraMarco Antonio Tavares
 
Projeto por entre as linhas da poesia as linhas do desenho
Projeto   por entre as linhas da poesia as linhas do desenhoProjeto   por entre as linhas da poesia as linhas do desenho
Projeto por entre as linhas da poesia as linhas do desenhojucinei1971claudio
 
Alfabetização e Letramento _apresentação 1 - formação de professores
Alfabetização e Letramento _apresentação 1 - formação de professoresAlfabetização e Letramento _apresentação 1 - formação de professores
Alfabetização e Letramento _apresentação 1 - formação de professoresMicheli Rader
 
PPP PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO ESCOLA CORNÉLIA 2016-2018
PPP PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO ESCOLA CORNÉLIA 2016-2018PPP PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO ESCOLA CORNÉLIA 2016-2018
PPP PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO ESCOLA CORNÉLIA 2016-2018Antônio Fernandes
 
Formação Continuada sobre produção textuAL
Formação Continuada sobre produção textuALFormação Continuada sobre produção textuAL
Formação Continuada sobre produção textuALMaria Cecilia Silva
 
ALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO - SIMULADO COM 50 QUESTÕES
ALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO -  SIMULADO COM 50 QUESTÕESALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO -  SIMULADO COM 50 QUESTÕES
ALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO - SIMULADO COM 50 QUESTÕESValdeci Correia
 
Projeto Interdisciplinar Partindo do Ensino da Matemática
Projeto Interdisciplinar Partindo do Ensino da MatemáticaProjeto Interdisciplinar Partindo do Ensino da Matemática
Projeto Interdisciplinar Partindo do Ensino da Matemáticadantecarelli
 
Projeto político pedagógico
Projeto político pedagógicoProjeto político pedagógico
Projeto político pedagógicoFellipe Martins
 
O que é mesmo o ato de avaliar
O que é mesmo o ato de avaliarO que é mesmo o ato de avaliar
O que é mesmo o ato de avaliarclaudia murta
 

Mais procurados (20)

Estágio em Educação Infantil
Estágio em Educação InfantilEstágio em Educação Infantil
Estágio em Educação Infantil
 
Minicurso - Parte 4 : Uso de Tecnologias para o Ensino da Matemática - Jogos...
Minicurso - Parte 4  : Uso de Tecnologias para o Ensino da Matemática - Jogos...Minicurso - Parte 4  : Uso de Tecnologias para o Ensino da Matemática - Jogos...
Minicurso - Parte 4 : Uso de Tecnologias para o Ensino da Matemática - Jogos...
 
Formação recomposição da Aprendizagem
Formação recomposição da Aprendizagem Formação recomposição da Aprendizagem
Formação recomposição da Aprendizagem
 
Aula 02 orientação educacional
Aula 02   orientação educacionalAula 02   orientação educacional
Aula 02 orientação educacional
 
Interacionismo E Letramento
Interacionismo E LetramentoInteracionismo E Letramento
Interacionismo E Letramento
 
Caracterização da escola 2
Caracterização da escola 2Caracterização da escola 2
Caracterização da escola 2
 
Ppoint.Planejamento.Revisado2006
Ppoint.Planejamento.Revisado2006Ppoint.Planejamento.Revisado2006
Ppoint.Planejamento.Revisado2006
 
Plano de curso 9 ano
Plano de curso 9 anoPlano de curso 9 ano
Plano de curso 9 ano
 
Plano de ação coordenação pedagógica 2013 ec10
Plano de ação coordenação pedagógica 2013 ec10Plano de ação coordenação pedagógica 2013 ec10
Plano de ação coordenação pedagógica 2013 ec10
 
Função social da escola e educação ferreira
Função social da escola e educação ferreiraFunção social da escola e educação ferreira
Função social da escola e educação ferreira
 
Slide pronto
Slide prontoSlide pronto
Slide pronto
 
Projeto mala viajante tn 1
Projeto mala viajante tn 1Projeto mala viajante tn 1
Projeto mala viajante tn 1
 
Projeto por entre as linhas da poesia as linhas do desenho
Projeto   por entre as linhas da poesia as linhas do desenhoProjeto   por entre as linhas da poesia as linhas do desenho
Projeto por entre as linhas da poesia as linhas do desenho
 
Alfabetização e Letramento _apresentação 1 - formação de professores
Alfabetização e Letramento _apresentação 1 - formação de professoresAlfabetização e Letramento _apresentação 1 - formação de professores
Alfabetização e Letramento _apresentação 1 - formação de professores
 
PPP PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO ESCOLA CORNÉLIA 2016-2018
PPP PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO ESCOLA CORNÉLIA 2016-2018PPP PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO ESCOLA CORNÉLIA 2016-2018
PPP PROJETO POLÍTICO PEDAGÓGICO ESCOLA CORNÉLIA 2016-2018
 
Formação Continuada sobre produção textuAL
Formação Continuada sobre produção textuALFormação Continuada sobre produção textuAL
Formação Continuada sobre produção textuAL
 
ALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO - SIMULADO COM 50 QUESTÕES
ALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO -  SIMULADO COM 50 QUESTÕESALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO -  SIMULADO COM 50 QUESTÕES
ALFABETIZAÇÃO E LETRAMENTO - SIMULADO COM 50 QUESTÕES
 
Projeto Interdisciplinar Partindo do Ensino da Matemática
Projeto Interdisciplinar Partindo do Ensino da MatemáticaProjeto Interdisciplinar Partindo do Ensino da Matemática
Projeto Interdisciplinar Partindo do Ensino da Matemática
 
Projeto político pedagógico
Projeto político pedagógicoProjeto político pedagógico
Projeto político pedagógico
 
O que é mesmo o ato de avaliar
O que é mesmo o ato de avaliarO que é mesmo o ato de avaliar
O que é mesmo o ato de avaliar
 

Destaque

Versos livres - Alunos do 6o Anos - EE Prof. Joao Ferreira dos Santos - 2014 ...
Versos livres - Alunos do 6o Anos - EE Prof. Joao Ferreira dos Santos - 2014 ...Versos livres - Alunos do 6o Anos - EE Prof. Joao Ferreira dos Santos - 2014 ...
Versos livres - Alunos do 6o Anos - EE Prof. Joao Ferreira dos Santos - 2014 ...Alex Santos
 
Resumo - Novo acordo ortográfico - Tufano
Resumo - Novo acordo ortográfico - TufanoResumo - Novo acordo ortográfico - Tufano
Resumo - Novo acordo ortográfico - TufanoAlex Santos
 
Língua Portuguesa - Trabalho sobre o Irere - Ilustrações - 6º ano - Fevereiro...
Língua Portuguesa - Trabalho sobre o Irere - Ilustrações - 6º ano - Fevereiro...Língua Portuguesa - Trabalho sobre o Irere - Ilustrações - 6º ano - Fevereiro...
Língua Portuguesa - Trabalho sobre o Irere - Ilustrações - 6º ano - Fevereiro...Alex Santos
 
Apostila - Paródias Pedagógicas - ProAlex (Atualizada 01Out17)
Apostila - Paródias Pedagógicas - ProAlex (Atualizada 01Out17)Apostila - Paródias Pedagógicas - ProAlex (Atualizada 01Out17)
Apostila - Paródias Pedagógicas - ProAlex (Atualizada 01Out17)Alex Santos
 
Saboreando o Poema - O dedo do tempo no barro da vida - Vander Lee
Saboreando o Poema - O dedo do tempo no barro da vida - Vander LeeSaboreando o Poema - O dedo do tempo no barro da vida - Vander Lee
Saboreando o Poema - O dedo do tempo no barro da vida - Vander LeeAlex Santos
 
Atividade avaliativa sobre o filme Kiriku e a feiticeira
Atividade avaliativa sobre o filme Kiriku e a feiticeiraAtividade avaliativa sobre o filme Kiriku e a feiticeira
Atividade avaliativa sobre o filme Kiriku e a feiticeiraAlex Santos
 
Atividade avaliativa sobre o filme Mãos Talentosas
Atividade avaliativa sobre o filme Mãos TalentosasAtividade avaliativa sobre o filme Mãos Talentosas
Atividade avaliativa sobre o filme Mãos TalentosasAlex Santos
 

Destaque (7)

Versos livres - Alunos do 6o Anos - EE Prof. Joao Ferreira dos Santos - 2014 ...
Versos livres - Alunos do 6o Anos - EE Prof. Joao Ferreira dos Santos - 2014 ...Versos livres - Alunos do 6o Anos - EE Prof. Joao Ferreira dos Santos - 2014 ...
Versos livres - Alunos do 6o Anos - EE Prof. Joao Ferreira dos Santos - 2014 ...
 
Resumo - Novo acordo ortográfico - Tufano
Resumo - Novo acordo ortográfico - TufanoResumo - Novo acordo ortográfico - Tufano
Resumo - Novo acordo ortográfico - Tufano
 
Língua Portuguesa - Trabalho sobre o Irere - Ilustrações - 6º ano - Fevereiro...
Língua Portuguesa - Trabalho sobre o Irere - Ilustrações - 6º ano - Fevereiro...Língua Portuguesa - Trabalho sobre o Irere - Ilustrações - 6º ano - Fevereiro...
Língua Portuguesa - Trabalho sobre o Irere - Ilustrações - 6º ano - Fevereiro...
 
Apostila - Paródias Pedagógicas - ProAlex (Atualizada 01Out17)
Apostila - Paródias Pedagógicas - ProAlex (Atualizada 01Out17)Apostila - Paródias Pedagógicas - ProAlex (Atualizada 01Out17)
Apostila - Paródias Pedagógicas - ProAlex (Atualizada 01Out17)
 
Saboreando o Poema - O dedo do tempo no barro da vida - Vander Lee
Saboreando o Poema - O dedo do tempo no barro da vida - Vander LeeSaboreando o Poema - O dedo do tempo no barro da vida - Vander Lee
Saboreando o Poema - O dedo do tempo no barro da vida - Vander Lee
 
Atividade avaliativa sobre o filme Kiriku e a feiticeira
Atividade avaliativa sobre o filme Kiriku e a feiticeiraAtividade avaliativa sobre o filme Kiriku e a feiticeira
Atividade avaliativa sobre o filme Kiriku e a feiticeira
 
Atividade avaliativa sobre o filme Mãos Talentosas
Atividade avaliativa sobre o filme Mãos TalentosasAtividade avaliativa sobre o filme Mãos Talentosas
Atividade avaliativa sobre o filme Mãos Talentosas
 

Semelhante a Leitura compartilhada - Lenda - A Fonte da Juventude - Prof. Alex

Noções básicas de linguagem cinematográfica
Noções básicas de linguagem cinematográficaNoções básicas de linguagem cinematográfica
Noções básicas de linguagem cinematográficadesignuna
 
Slide conto e crônica 7ºano.pdf
Slide conto e crônica 7ºano.pdfSlide conto e crônica 7ºano.pdf
Slide conto e crônica 7ºano.pdfthaisayumi2
 
Textos narrativos contos e crônicas
Textos narrativos contos e crônicasTextos narrativos contos e crônicas
Textos narrativos contos e crônicasMarcia Oliveira
 
Como abordar o texto narrativo
Como abordar o texto narrativoComo abordar o texto narrativo
Como abordar o texto narrativoDiana Vicente
 
Trabalho da Daniela, Laís e Paula - 1º B
Trabalho da Daniela, Laís e Paula - 1º BTrabalho da Daniela, Laís e Paula - 1º B
Trabalho da Daniela, Laís e Paula - 1º BVanda Crivillari
 
Guião: Como escrever um conto
Guião: Como escrever um contoGuião: Como escrever um conto
Guião: Como escrever um contoCarla Crespo
 
Gêneros textuais: algumas estruturas.
Gêneros textuais: algumas estruturas.Gêneros textuais: algumas estruturas.
Gêneros textuais: algumas estruturas.luci1971
 
Gêneros textuais. algumas estruturas.
Gêneros textuais. algumas estruturas.Gêneros textuais. algumas estruturas.
Gêneros textuais. algumas estruturas.luci1971
 
O conto (apresentação)
O conto  (apresentação)O conto  (apresentação)
O conto (apresentação)vcosouto
 

Semelhante a Leitura compartilhada - Lenda - A Fonte da Juventude - Prof. Alex (20)

Noções básicas de linguagem cinematográfica
Noções básicas de linguagem cinematográficaNoções básicas de linguagem cinematográfica
Noções básicas de linguagem cinematográfica
 
Texto narrativo
Texto narrativoTexto narrativo
Texto narrativo
 
generos.pptx
generos.pptxgeneros.pptx
generos.pptx
 
Slide conto e crônica 7ºano.pdf
Slide conto e crônica 7ºano.pdfSlide conto e crônica 7ºano.pdf
Slide conto e crônica 7ºano.pdf
 
Textos narrativos contos e crônicas
Textos narrativos contos e crônicasTextos narrativos contos e crônicas
Textos narrativos contos e crônicas
 
Como abordar o texto narrativo
Como abordar o texto narrativoComo abordar o texto narrativo
Como abordar o texto narrativo
 
Gênero textual
Gênero textualGênero textual
Gênero textual
 
Narração
NarraçãoNarração
Narração
 
Trabalho da Daniela, Laís e Paula - 1º B
Trabalho da Daniela, Laís e Paula - 1º BTrabalho da Daniela, Laís e Paula - 1º B
Trabalho da Daniela, Laís e Paula - 1º B
 
Narração
NarraçãoNarração
Narração
 
Guião: Como escrever um conto
Guião: Como escrever um contoGuião: Como escrever um conto
Guião: Como escrever um conto
 
Crônica e conto eemh
Crônica e conto eemhCrônica e conto eemh
Crônica e conto eemh
 
Conto
ContoConto
Conto
 
Ppt tipos texto[1]
Ppt tipos texto[1]Ppt tipos texto[1]
Ppt tipos texto[1]
 
Ppt tipos texto[1]
Ppt tipos texto[1]Ppt tipos texto[1]
Ppt tipos texto[1]
 
Gêneros textuais: algumas estruturas.
Gêneros textuais: algumas estruturas.Gêneros textuais: algumas estruturas.
Gêneros textuais: algumas estruturas.
 
Gêneros textuais. algumas estruturas.
Gêneros textuais. algumas estruturas.Gêneros textuais. algumas estruturas.
Gêneros textuais. algumas estruturas.
 
Crônicas e contos
Crônicas e contosCrônicas e contos
Crônicas e contos
 
O conto (apresentação)
O conto  (apresentação)O conto  (apresentação)
O conto (apresentação)
 
O conto
O contoO conto
O conto
 

Mais de Alex Santos

NOS TRILHOS DA APRENDIZAGEM - Em busca do saber - ProAlex
NOS TRILHOS DA APRENDIZAGEM - Em busca do saber - ProAlexNOS TRILHOS DA APRENDIZAGEM - Em busca do saber - ProAlex
NOS TRILHOS DA APRENDIZAGEM - Em busca do saber - ProAlexAlex Santos
 
Como encurtar e personalizar links com o Bitly - Hora de Estudar - ProAlex
Como encurtar e personalizar links com o Bitly - Hora de Estudar -  ProAlexComo encurtar e personalizar links com o Bitly - Hora de Estudar -  ProAlex
Como encurtar e personalizar links com o Bitly - Hora de Estudar - ProAlexAlex Santos
 
Extensão de captura de tela e criação de imagens - LightShot - ProAlex
Extensão de captura de tela e criação de imagens - LightShot - ProAlexExtensão de captura de tela e criação de imagens - LightShot - ProAlex
Extensão de captura de tela e criação de imagens - LightShot - ProAlexAlex Santos
 
Too Young To Burn - Sonny & The Sunsets – Ukulele Cifra Cover - ProAlex
Too Young To Burn - Sonny & The Sunsets – Ukulele Cifra Cover - ProAlexToo Young To Burn - Sonny & The Sunsets – Ukulele Cifra Cover - ProAlex
Too Young To Burn - Sonny & The Sunsets – Ukulele Cifra Cover - ProAlexAlex Santos
 
Tipos textuais - Resumo
Tipos textuais - ResumoTipos textuais - Resumo
Tipos textuais - ResumoAlex Santos
 
Tipologia textual - ProAlex
Tipologia textual - ProAlexTipologia textual - ProAlex
Tipologia textual - ProAlexAlex Santos
 
7 passos para acessar as atividades no google sala de aula
7 passos para acessar as atividades no google sala de aula7 passos para acessar as atividades no google sala de aula
7 passos para acessar as atividades no google sala de aulaAlex Santos
 
9 ano caderno do aluno - volume 1 - 9 ano ef
9 ano   caderno do aluno - volume 1 - 9 ano ef9 ano   caderno do aluno - volume 1 - 9 ano ef
9 ano caderno do aluno - volume 1 - 9 ano efAlex Santos
 
7 ano caderno do aluno - volume 1 - 7 ano ef
7 ano   caderno do aluno - volume 1 - 7 ano ef7 ano   caderno do aluno - volume 1 - 7 ano ef
7 ano caderno do aluno - volume 1 - 7 ano efAlex Santos
 
8 ano caderno do aluno - volume 1 - 8 ano ef
8 ano   caderno do aluno - volume 1 -  8 ano ef8 ano   caderno do aluno - volume 1 -  8 ano ef
8 ano caderno do aluno - volume 1 - 8 ano efAlex Santos
 
6 ano caderno do aluno volume 1 - 6 ano ef
6 ano   caderno do aluno   volume 1 - 6 ano ef6 ano   caderno do aluno   volume 1 - 6 ano ef
6 ano caderno do aluno volume 1 - 6 ano efAlex Santos
 
Tipos de Predicado - Desenho de Deus (Armandinho) - Paródias Pedagógicas - Pr...
Tipos de Predicado - Desenho de Deus (Armandinho) - Paródias Pedagógicas - Pr...Tipos de Predicado - Desenho de Deus (Armandinho) - Paródias Pedagógicas - Pr...
Tipos de Predicado - Desenho de Deus (Armandinho) - Paródias Pedagógicas - Pr...Alex Santos
 
Noticiando na escola (Esperando na janela) – Gilberto Gil – Paródias Pedagógi...
Noticiando na escola (Esperando na janela) – Gilberto Gil – Paródias Pedagógi...Noticiando na escola (Esperando na janela) – Gilberto Gil – Paródias Pedagógi...
Noticiando na escola (Esperando na janela) – Gilberto Gil – Paródias Pedagógi...Alex Santos
 
Dicas inocentes (Vida boa) – Victor e Léo – Paródias Pedagógicas - ProAlex
Dicas inocentes (Vida boa) – Victor e Léo – Paródias Pedagógicas - ProAlexDicas inocentes (Vida boa) – Victor e Léo – Paródias Pedagógicas - ProAlex
Dicas inocentes (Vida boa) – Victor e Léo – Paródias Pedagógicas - ProAlexAlex Santos
 
Termos da oração (Meu erro) G - Paralamas do sucess - Paródias Pedagógicas - ...
Termos da oração (Meu erro) G - Paralamas do sucess - Paródias Pedagógicas - ...Termos da oração (Meu erro) G - Paralamas do sucess - Paródias Pedagógicas - ...
Termos da oração (Meu erro) G - Paralamas do sucess - Paródias Pedagógicas - ...Alex Santos
 
Dicas Ortográficas (Somos quem podemos ser) - Engenheiros do Hawaii - Paródia...
Dicas Ortográficas (Somos quem podemos ser) - Engenheiros do Hawaii - Paródia...Dicas Ortográficas (Somos quem podemos ser) - Engenheiros do Hawaii - Paródia...
Dicas Ortográficas (Somos quem podemos ser) - Engenheiros do Hawaii - Paródia...Alex Santos
 
Dígrafo (O sanfoneiro só tocava isso) - Suricato - Paródias Pedagógicas - Pro...
Dígrafo (O sanfoneiro só tocava isso) - Suricato - Paródias Pedagógicas - Pro...Dígrafo (O sanfoneiro só tocava isso) - Suricato - Paródias Pedagógicas - Pro...
Dígrafo (O sanfoneiro só tocava isso) - Suricato - Paródias Pedagógicas - Pro...Alex Santos
 
Termos da oração (Meu erro) - Paralamas do Sucesso - Paródias Pedagógicas - P...
Termos da oração (Meu erro) - Paralamas do Sucesso - Paródias Pedagógicas - P...Termos da oração (Meu erro) - Paralamas do Sucesso - Paródias Pedagógicas - P...
Termos da oração (Meu erro) - Paralamas do Sucesso - Paródias Pedagógicas - P...Alex Santos
 
Substantivo – Eu fico assim sem você – Adriana Calcanhoto – Paródias Pedagógi...
Substantivo – Eu fico assim sem você – Adriana Calcanhoto – Paródias Pedagógi...Substantivo – Eu fico assim sem você – Adriana Calcanhoto – Paródias Pedagógi...
Substantivo – Eu fico assim sem você – Adriana Calcanhoto – Paródias Pedagógi...Alex Santos
 
Preposições – Se ela dança eu danço – Mc Leozinho - Paródias Pedagógicas - Pr...
Preposições – Se ela dança eu danço – Mc Leozinho - Paródias Pedagógicas - Pr...Preposições – Se ela dança eu danço – Mc Leozinho - Paródias Pedagógicas - Pr...
Preposições – Se ela dança eu danço – Mc Leozinho - Paródias Pedagógicas - Pr...Alex Santos
 

Mais de Alex Santos (20)

NOS TRILHOS DA APRENDIZAGEM - Em busca do saber - ProAlex
NOS TRILHOS DA APRENDIZAGEM - Em busca do saber - ProAlexNOS TRILHOS DA APRENDIZAGEM - Em busca do saber - ProAlex
NOS TRILHOS DA APRENDIZAGEM - Em busca do saber - ProAlex
 
Como encurtar e personalizar links com o Bitly - Hora de Estudar - ProAlex
Como encurtar e personalizar links com o Bitly - Hora de Estudar -  ProAlexComo encurtar e personalizar links com o Bitly - Hora de Estudar -  ProAlex
Como encurtar e personalizar links com o Bitly - Hora de Estudar - ProAlex
 
Extensão de captura de tela e criação de imagens - LightShot - ProAlex
Extensão de captura de tela e criação de imagens - LightShot - ProAlexExtensão de captura de tela e criação de imagens - LightShot - ProAlex
Extensão de captura de tela e criação de imagens - LightShot - ProAlex
 
Too Young To Burn - Sonny & The Sunsets – Ukulele Cifra Cover - ProAlex
Too Young To Burn - Sonny & The Sunsets – Ukulele Cifra Cover - ProAlexToo Young To Burn - Sonny & The Sunsets – Ukulele Cifra Cover - ProAlex
Too Young To Burn - Sonny & The Sunsets – Ukulele Cifra Cover - ProAlex
 
Tipos textuais - Resumo
Tipos textuais - ResumoTipos textuais - Resumo
Tipos textuais - Resumo
 
Tipologia textual - ProAlex
Tipologia textual - ProAlexTipologia textual - ProAlex
Tipologia textual - ProAlex
 
7 passos para acessar as atividades no google sala de aula
7 passos para acessar as atividades no google sala de aula7 passos para acessar as atividades no google sala de aula
7 passos para acessar as atividades no google sala de aula
 
9 ano caderno do aluno - volume 1 - 9 ano ef
9 ano   caderno do aluno - volume 1 - 9 ano ef9 ano   caderno do aluno - volume 1 - 9 ano ef
9 ano caderno do aluno - volume 1 - 9 ano ef
 
7 ano caderno do aluno - volume 1 - 7 ano ef
7 ano   caderno do aluno - volume 1 - 7 ano ef7 ano   caderno do aluno - volume 1 - 7 ano ef
7 ano caderno do aluno - volume 1 - 7 ano ef
 
8 ano caderno do aluno - volume 1 - 8 ano ef
8 ano   caderno do aluno - volume 1 -  8 ano ef8 ano   caderno do aluno - volume 1 -  8 ano ef
8 ano caderno do aluno - volume 1 - 8 ano ef
 
6 ano caderno do aluno volume 1 - 6 ano ef
6 ano   caderno do aluno   volume 1 - 6 ano ef6 ano   caderno do aluno   volume 1 - 6 ano ef
6 ano caderno do aluno volume 1 - 6 ano ef
 
Tipos de Predicado - Desenho de Deus (Armandinho) - Paródias Pedagógicas - Pr...
Tipos de Predicado - Desenho de Deus (Armandinho) - Paródias Pedagógicas - Pr...Tipos de Predicado - Desenho de Deus (Armandinho) - Paródias Pedagógicas - Pr...
Tipos de Predicado - Desenho de Deus (Armandinho) - Paródias Pedagógicas - Pr...
 
Noticiando na escola (Esperando na janela) – Gilberto Gil – Paródias Pedagógi...
Noticiando na escola (Esperando na janela) – Gilberto Gil – Paródias Pedagógi...Noticiando na escola (Esperando na janela) – Gilberto Gil – Paródias Pedagógi...
Noticiando na escola (Esperando na janela) – Gilberto Gil – Paródias Pedagógi...
 
Dicas inocentes (Vida boa) – Victor e Léo – Paródias Pedagógicas - ProAlex
Dicas inocentes (Vida boa) – Victor e Léo – Paródias Pedagógicas - ProAlexDicas inocentes (Vida boa) – Victor e Léo – Paródias Pedagógicas - ProAlex
Dicas inocentes (Vida boa) – Victor e Léo – Paródias Pedagógicas - ProAlex
 
Termos da oração (Meu erro) G - Paralamas do sucess - Paródias Pedagógicas - ...
Termos da oração (Meu erro) G - Paralamas do sucess - Paródias Pedagógicas - ...Termos da oração (Meu erro) G - Paralamas do sucess - Paródias Pedagógicas - ...
Termos da oração (Meu erro) G - Paralamas do sucess - Paródias Pedagógicas - ...
 
Dicas Ortográficas (Somos quem podemos ser) - Engenheiros do Hawaii - Paródia...
Dicas Ortográficas (Somos quem podemos ser) - Engenheiros do Hawaii - Paródia...Dicas Ortográficas (Somos quem podemos ser) - Engenheiros do Hawaii - Paródia...
Dicas Ortográficas (Somos quem podemos ser) - Engenheiros do Hawaii - Paródia...
 
Dígrafo (O sanfoneiro só tocava isso) - Suricato - Paródias Pedagógicas - Pro...
Dígrafo (O sanfoneiro só tocava isso) - Suricato - Paródias Pedagógicas - Pro...Dígrafo (O sanfoneiro só tocava isso) - Suricato - Paródias Pedagógicas - Pro...
Dígrafo (O sanfoneiro só tocava isso) - Suricato - Paródias Pedagógicas - Pro...
 
Termos da oração (Meu erro) - Paralamas do Sucesso - Paródias Pedagógicas - P...
Termos da oração (Meu erro) - Paralamas do Sucesso - Paródias Pedagógicas - P...Termos da oração (Meu erro) - Paralamas do Sucesso - Paródias Pedagógicas - P...
Termos da oração (Meu erro) - Paralamas do Sucesso - Paródias Pedagógicas - P...
 
Substantivo – Eu fico assim sem você – Adriana Calcanhoto – Paródias Pedagógi...
Substantivo – Eu fico assim sem você – Adriana Calcanhoto – Paródias Pedagógi...Substantivo – Eu fico assim sem você – Adriana Calcanhoto – Paródias Pedagógi...
Substantivo – Eu fico assim sem você – Adriana Calcanhoto – Paródias Pedagógi...
 
Preposições – Se ela dança eu danço – Mc Leozinho - Paródias Pedagógicas - Pr...
Preposições – Se ela dança eu danço – Mc Leozinho - Paródias Pedagógicas - Pr...Preposições – Se ela dança eu danço – Mc Leozinho - Paródias Pedagógicas - Pr...
Preposições – Se ela dança eu danço – Mc Leozinho - Paródias Pedagógicas - Pr...
 

Último

A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...azulassessoria9
 
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil  2023.ppsxA área de ciências da religião no brasil  2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsxGilbraz Aragão
 
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullyingMary Alvarenga
 
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfO Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfQueleLiberato
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
PARC 2024 Cadastro de estudante, turma e enturmação - BAHIA (2).pdf
PARC 2024 Cadastro de estudante, turma e enturmação - BAHIA (2).pdfPARC 2024 Cadastro de estudante, turma e enturmação - BAHIA (2).pdf
PARC 2024 Cadastro de estudante, turma e enturmação - BAHIA (2).pdfceajajacu
 
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...azulassessoria9
 
Modernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e AméricaModernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e Américawilson778875
 
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoSer Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoJayaneSales1
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbyasminlarissa371
 
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...azulassessoria9
 
música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdf
música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdfmúsica paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdf
música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdfWALDIRENEPINTODEMACE
 
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxGislaineDuresCruz
 
Aula - 1º Ano - Ciência, Pesquisa e Sociologia.pdf
Aula - 1º Ano - Ciência, Pesquisa e Sociologia.pdfAula - 1º Ano - Ciência, Pesquisa e Sociologia.pdf
Aula - 1º Ano - Ciência, Pesquisa e Sociologia.pdfaulasgege
 
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Paula Meyer Piagentini
 
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOMNOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOMHenrique Pontes
 
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdf
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdfHORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdf
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdfSandra Pratas
 

Último (20)

A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
 
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil  2023.ppsxA área de ciências da religião no brasil  2023.ppsx
A área de ciências da religião no brasil 2023.ppsx
 
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Segunda Série (Primeiro Trimestre)
 
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao  bullyingMini livro sanfona - Diga não ao  bullying
Mini livro sanfona - Diga não ao bullying
 
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdfO Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
O Espetaculo das Racas - Cienti - Lilia Moritz Schwarcz capítulo 2.pdf
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
 
PARC 2024 Cadastro de estudante, turma e enturmação - BAHIA (2).pdf
PARC 2024 Cadastro de estudante, turma e enturmação - BAHIA (2).pdfPARC 2024 Cadastro de estudante, turma e enturmação - BAHIA (2).pdf
PARC 2024 Cadastro de estudante, turma e enturmação - BAHIA (2).pdf
 
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
A alimentação na Idade Média era um mosaico de contrastes. Para a elite, banq...
 
Modernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e AméricaModernidade perspectiva sobre a África e América
Modernidade perspectiva sobre a África e América
 
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoSer Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
 
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
Com base no excerto acima, escreva um texto explicando como a estrutura socia...
 
música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdf
música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdfmúsica paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdf
música paródia cmsp conteúdo 1 bimestre.pdf
 
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Primeira  Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Primeira Série (Primeiro Trimestre)
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
 
Aula - 1º Ano - Ciência, Pesquisa e Sociologia.pdf
Aula - 1º Ano - Ciência, Pesquisa e Sociologia.pdfAula - 1º Ano - Ciência, Pesquisa e Sociologia.pdf
Aula - 1º Ano - Ciência, Pesquisa e Sociologia.pdf
 
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
 
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOMNOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
NOVA ORDEM MUNDIAL - Conceitos básicos na NOM
 
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdf
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdfHORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdf
HORA DO CONTO_BECRE D. CARLOS I_2023_24pdf
 

Leitura compartilhada - Lenda - A Fonte da Juventude - Prof. Alex

  • 1. Língua Portuguesa Professor ALEX 6º ANO ESTUDO DE NARRATIVAS
  • 2. O que é uma NARRAÇÃO? É uma sequência de fatos na qual os personagens se movimentam num determinado espaço à medida que o tempo passa.
  • 3. Qual o OBJETIVO de um texto narrativo? O principal objetivo de um texto narrativo é contar um fato e que esse fato sirva como:  Informação  Aprendizado  Entretenimento
  • 4. FORMAS NARRATIVAS  ROMANCE - é uma narrativa longa, geralmente dividida em capítulos, possui personagens variadas em torno das quais acontece a história principal e também histórias paralelas a essa, pode apresentar espaço e tempo variados.  NOVELA - é um módulo mais compilado do romance e também mais dinâmico, é dividida em episódios, são contínuos e não têm interrupções.  CONTO - é uma narrativa curta que gira em torno de um só conflito, com poucos personagens.  CRÔNICA - é uma narrativa breve que tem por objetivo comentar algo do cotidiano; é um relato pessoal do autor sobre determinado fato do dia a dia.  FÁBULA – é uma narrativa geralmente composta por personagens representados na figura de animais, é de caráter pedagógico, pois transmite noções de cunho moral e ético. Quando são representadas por personagens inanimados, recebe o nome de Apólogo, mas a intenção é a mesma da fábula.  LENDA - é uma narrativa fantasiosa transmitida pela tradição oral através dos tempos. De caráter fantástico e/ou fictício, as lendas combinam fatos reais e históricos com fatos irreais que são meramente produto da imaginação aventuresca humana. Uma lenda pode ser também verdadeira, o que é muito importante
  • 5. Quais os ELEMENTOS DE UMA NARRATIVA? Personagens (protagonista, antagonista e coadjuvante) Enredo (Apresentação, Desenvolvimento, Clímax e Desfecho) Narrador (1ª ou 3ª pessoa) Tempo (cronológico e psicológico) Espaço (ambiente, lugar)
  • 6. Como se ESTRUTURA O ENREDO?  Apresentação  Complicação ou desenvolvimento  Clímax  Desfecho
  • 7. 6 PERGUNTINHAS PARA FACILITAR NA HORA DA ESCRITA DE UMA NARRATIVA ...  O QUÊ? - o(s) fato(s) que determina(n) a história;  QUEM? - a personagem ou personagens;  COMO? - o enredo, o modo como se tecem os fatos;  ONDE? - o lugar ou lugares da ocorrência;  QUANDO? - o momento ou momentos em que se passam os fatos;  POR QUÊ? - a causa do acontecimento.
  • 8.  É A VOZ QUE NOS CONTA A HISTÓRIA. O que é o NARRADOR?
  • 9.  Narrador-observador  Narrador participa da história como personagem  Em 1ª pessoa.  Narrador conta a história como observador dos personagens e acontecimentos.  Em 3ª pessoa.  Narrador-personagem  O narrador conhece os pensamentos e sentimentos dos personagens  Narrador - Onisciente
  • 10.
  • 11.
  • 12.
  • 13.
  • 14.
  • 15.
  • 16.
  • 17.
  • 18.
  • 19.
  • 20. Vamos tomar a água milagrosa?..rs
  • 24. A fonte da juventude está em cultivar pensamentos e sentimentos bons. Professor Alex S. S. Santos Antes Agora