Braga

485 visualizações

Publicada em

Aqui esta um trabalho sobre Braga de modo a divulgar esta área cheia de turismo e magia onde os recursos não são tão explorados como merecem.

Publicada em: Meio ambiente
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
485
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
11
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Braga

  1. 1. Agrupamento de Escolas do Forte da Casa Escola Secundária do Forte da Casa Curso Profissional Técnico de Turismo Informação e Animação Turística Módulo 11 “Qualidade dos Destinos Turísticos” Professora Fernanda Balhana Joana Águamel nº12 12ºPT 2014/2015
  2. 2. Escolhi esta cidade porque foi nomeada a Capital Europeia da Juventude em 2012, sendo uma das cidades mais jovens da União Europeia. Braga tem imensos eventos para a participação ativa dos jovens na sociedade, espaços ao ar livre, novas e inovadoras abordagens ao emprego jovem e multiculturalismo e integração.
  3. 3. A cidade de Braga localiza-se no vale do Cávado, na região Noroeste de Portugal Continental. Está inserida na região do Minho.
  4. 4. O clima é tropical. Em Braga existe uma pluviosidade significativa ao longo do ano, mesmo o mês mais seco. Em Braga a temperatura média é 23.2 °C. A pluviosidade média anual é 2158 mm.
  5. 5. Segundo um estudo realizado para avaliar a satisfação dos turistas na região de Braga: Braga regista um valor médio de Satisfação de 7,3 pontos, enquanto a Recomendação obteve 8,2 pontos. 7.9 8 8.2 6.9 7.3 8.2 Valorizações Médias da Satisfação e das suas Dimensões Antecedentes e Consequentes entre Turistas em Braga
  6. 6. Seguidamente, apresentam-se as características associadas aos turistas mais satisfeitos, bem como aquelas associadas aos turistas menos satisfeitos: Os turistas com índices mais elevados de Satisfação: Os turistas com índices mais baixos de Satisfação: Têm entre 45 e 64 anos de idade Têm entre 25 e 44 anos de idade Deslocam-se de avião ao norte Deslocam-se de automóvel ao norte Viajam entre julho e setembro Viajam entre outubro e dezembro Não são naturais do destino e não têm lá parentes São naturais do destino ou têm lá parentes Provêm de Outros mercados Realizaram 2 ou 3 viagens ao destino
  7. 7. Comunidade Local Acessibilidades e
  8. 8. 68.60% 12.50% 2.10% 16.80% Portugal Espanha França Outros Mercado de Origem do Turista em Braga Deondevem?
  9. 9. 83.10% 13.70% 3.20% 16.80% LRF Negócios Visita a familiares ou amigos Outros Principal Motivo da Viagem Porqueveio?
  10. 10. 75.90% 17.60% 3.50% 3.00% Automóvel Avião Autocarro Comboio Meio de Transporte para Deslocação Comoveio?
  11. 11. 41.50% 18.50% 40.00% 1 vez 2 a 3 vezes 4 ou mais vezes Número de Visitas ao Destino Quantas visitas fez?
  12. 12. Comquemveio? 73.10% 14.70% 6.60% 4.40% 1.20% Família Amigos Sozinho Família e Amigos Em excursão Quem Acompanhou o Turista na Viagem
  13. 13. 51.70% 42.30% 6.00% Menos de 50 euros 50 a 100 euros Mais de 100 euros Gasto Diário Médio Quantogastou?
  14. 14. Comoconheceuo destino? 44.90% 28.90% 14.00% 6.30% 5.20% Visitas anteriores Através de familiares/amigos Internet Jornal ou revistas Folhetos ou guias turísticos Meios de Conhecimento do Destino
  15. 15. 58.00% 10.40% 7.60% 7.40% 6.70% 9.80% Atividades Realizadas pelo Turista Durante a Estadia Comoocupouotempo útil?
  16. 16. Resumidamente, o turista que visita Braga maioritariamente É proveniente do mercado português. Tem como principal motivo da viagem lazer, recreio ou férias. Viaja em família. Tem entre 25 e 44 anos. Utiliza o automóvel para a deslocação. Tomou conhecimento de Braga através das visitas anteriores ou ou da recomendação de familiares e amigos. Gasta menos de 100 euros por dia. Despende a maior parte do tempo em visitas a locais históricos.
  17. 17. 7.9 8.3 8.5 7.6 7.8 8.2 8.1 8 Valorizações Médias da Dimensão, Imagem e Respetivos Indicadores entre Turistas em Braga
  18. 18. 25.60% 19.20% 18.90% 7.00% 5.60% 5.10% 4.30% 3.80% 3.70% 0.00% 5.00% 10.00% 15.00% 20.00% 25.00% 30.00% PATRIMÓNIO RELIGIOSO ACOLHIMENTO PATRIMÓNIO HISTÓRICO ARQUITETURA GASTRONOMIA PAISAGEM ESPAÇOS VERDES SEGURANÇA CULTURA Aspetos Positivos do Municipio de Braga
  19. 19. 8 7.8 8.4 7.8 7.9 Recursos Turisticos Património Histórico Gastronomia Meio Natural e Rural Meio Urbano Valorizações Médias da Macro Dimensão Recursos Turísticos e Respectivas Dimensões entre Turistas em Braga
  20. 20. 8.2 8 7.4 8.5 8.1 8.1 8.4 8.1 Valorizações Médias da Macro Dimensão Recursos Turísticos e Respectivas Dimensões entre Turistas em Braga
  21. 21. 51.80% 34.30% 29.00% 25.30% 14.20% Os pratos regionais O preço Qualidade do restaurante A recomendação por amigos/familiares A localização Motivos Determinantes para a Escolha de um Restaurante
  22. 22. 73.20% 13.80% 5.80% 3.60% 2.80% Viatura individual Viatura alugada Autocarro público Taxi Unicamente a pé Meios de Transporte Utilizados para Circular dentro do Destino
  23. 23. A Universidade Católica Portuguesa é um estabelecimento de ensino superior (privado) português , com sede em Lisboa e centros regionais em Braga, Porto e Viseu.
  24. 24. A Universidade do Minho foi fundada em Braga em 1973 e integrou-se no chamado grupo das "Novas Universidades" que vieram alterar o panorama do ensino superior em Portugal.
  25. 25. O Hospital de Braga é um hospital público localizado na freguesia de São Victor, Sete Fontes, cidade e concelho de Braga. Em 2011 substituiu o antigo Hospital de São Marcos.
  26. 26. O Estádio 1.º de Maio localiza-se no Parque da Ponte em Braga, Portugal, com a capacidade de 30 000 espectadores e é utilizado pelo Sporting Clube de Braga B. Até 1974, chamou- se Estádio 28 de Maio.
  27. 27. O Estádio Municipal de Braga, conhecido por Estádio da Pedreira afirma-se como uma mais-valia para o concelho, valorizando a cidade e a região. O estádio é atualmente utilizado pelo Sporting Clube de Braga.
  28. 28. A cidade de Braga é também designada como a Cidade dos Arcebispos. É bastante rica em património religioso. Os locais históricos foram preservados e hoje em dia servem de convívio entre gerações.
  29. 29. O Elevador do Bom Jesus localiza-se no Santuário do Bom Jesus do Monte, na freguesia de Tenões, na cidade e concelho de Braga.
  30. 30. O Santuário do Bom Jesus do Monte, também referido como Santuário do Bom Jesus de Braga, localiza-se na freguesia de Tenões.
  31. 31. As Sete Fontes localizam-se na freguesia de São Victor, cidade e concelho de Braga. Constituem-se num antigo sistema de abastecimento de água à cidade.
  32. 32. O Café Vianna é um dos mais emblemáticos cafés da cidade de Braga, localizado no edifício da Arcada, na Praça da República.
  33. 33. Fundada em 2005, a galeria de arte contemporânea, IKON, localiza-se numa das ruas históricas da cidade de Braga – Rua de Santa Margarida. A Galeria Mário Sequeira inaugurou em 1994, no rés-do-chão de uma antiga casa de quinta dos finais do séc. XIX, localizada numa região culturalmente deprimida, nos arredores de Braga.
  34. 34. Ao longo dos séculos a música em Braga foi profundamente marcada pela música popular, folclore e música religiosa ou Sacra. Braga, tem-se também afirmado no panorama da música moderna portuguesa com o surgimento, desde os anos 1980, de várias bandas de referência. Como incentivo a este tipo de música, a Câmara Municipal de Braga criou no estádio 1.º de Maio várias salas de ensaio.
  35. 35. O São João de Braga é uma festa popular, que tem lugar no mês de Junho, que celebra o nascimento de São João Batista. O culminar da festa é na noite de 23 para 24 de Junho.
  36. 36. A Semana Santa em Braga é considerada a principal atração turística da cidade. Nessa semana realizam-se todo um conjunto de manifestações culturais e religiosas como exposições, concertos, procissões entre outras.
  37. 37. Braga Romana é um evento que decorre anualmente em Braga em maio ou junho desde 2003. Pretende mostrar como seria a vida na cidade na época do Império Romano.
  38. 38. “Os recursos naturais são bens suscetíveis de aproveitamento económico ou de utilização pela Humanidade e que não são produzíveis pela ação humana”
  39. 39. É uma serra do distrito de Braga, com a altitude máxima de 825 metros. Anualmente, em finais de julho, realiza-se no cimo da serra, uma das mais típicas romarias do Minho, em honra de Santa Marta.
  40. 40. Pequeno lago rodeado por uma paisagem magnífica, com árvores e flores de grande beleza, uma pequena ponte e barcos que se podem alugar.
  41. 41. A Spirito Cupcakes & Coffee nasceu em Braga no verão de 2011 para oferecer uma alternativa ao café tradicional, aos bolos típicos e aos gelados industriais.
  42. 42. O Docamar, destaca o marisco na sua ementa, mas também uma cozinha tradicionalmente portuguesa com um leve toque de contemporaneidade.
  43. 43. O Bira dos Namorados é um novo conceito de Bar, Restaurante e Café, um projeto inovador, com um design estético fantástico.
  44. 44. A cidade de Braga tem uma gastronomia riquíssima onde o bacalhau se assume como o prato em destaque. Braga é uma cidade de sabores e com pratos de excelência como por exemplo o Bacalhau à Minhota, as papas de sarrabulho, os rojões à moda do Minho e o Pudim Abade de Priscos.
  45. 45. O artesanato de Braga é um dos artesanatos portugueses mais conhecidos internacionalmente, os cavaquinhos, as violas, os trabalhos de ferro forjado, os artigos de linho, os bordados, a cestaria, principalmente trabalhos em vime, as miniaturas em madeira, farricocos, bijuteria e as bonecas em trajes regionais.
  46. 46. Hotel de 5 estrelas. Moderno com design inovador, ideal para conhecer Braga e arredores.
  47. 47. Hotel de 4 estrelas. Moderno com os benefícios de um health club, um spa e salas para conferências.
  48. 48. Hotel de 4 estrelas. Implementado ao longo da extensa alameda de centenários carvalhos, entre o Santuário de Santa Maria Madalena e a Capela de Santa Marta de Leão.
  49. 49. Forças • A cidade de Guimarães localiza-se no distrito de Braga; • Vários eventos de carater religioso; • Variedade de artesanato; • Grande quantidade de estabelecimentos na área da restauração; • Bastantes locais e infraestruturas de animação noturna; • Diverso património religioso, arquitetónico, arqueológico, etc.; • Existência de locais de interesse para amantes da natureza e desportos.
  50. 50. Fraquezas • Variedade de roteiros turísticos quase nula; • Poucas infraestruturas de carater de lazer; • Pouca exploração e divulgação do turismo religioso da região.
  51. 51. Potencialidades • Maior divulgação da prática de artesanato tradicional; • Inovação e elaboração de roteiros de interesse turístico; • Potenciar a realização de eventos; • Mais divulgação em relação à beleza natural da cidade e às atividades que podem ser desenvolvidas no local; • Aproveitamento do fluxo de pessoas que as feiras tradicionais trazem à cidade; • Tirar um melhor proveito dos monumentos inseridos no distrito.
  52. 52. Ameaças • Proximidade a cidades muito dinâmicas do ponto de vista social, cultural e de grande importância nacional (ex.: Porto);
  53. 53. http://pt.wikipedia.org/wiki/Braga http://www.cm- braga.pt/wps/portal/publico/!ut/p/c4/04_SB8K8xLLM9MSSzPy8xBz9CP0os_gAN0e vQE8zH09TEzPnMBMTL3cTAwjQL8h2VAQANSQlrw!!/ http://pt.climate-data.org/location/625651/ http://www2.ccdr-n.pt/fotos/editor2/norte2015/avaltur_braga.pdf http://www.cm- braga.pt/wps/portal/publico/!ut/p/c4/04_SB8K8xLLM9MSSzPy8xBz9CP0os_gAN0e vQE8zH09TEzPnMBMTy2ATAwjQL8h2VAQAlycaxw!!/
  54. 54.  http://www.viagemdeultimahora.com/braga-cidade-jovem-e-de-tradicoes/  http://www.sol.pt/noticia/97084  http://www.jornaldoalgarve.pt/tromba-de-agua-alaga-parte-da-cidade-de-braga- sem-causar-vitimas/

×