SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 7
Baixar para ler offline
JORNAL
Casinhas – 18 Anos de História.
Edição 1

Jornal

História –
Casinhas/PE

S

egundo a tradição local, por volta de 1890, no
caminho entre Bom Jardim e a mata existente
no local, havia
uma casinha de
palha, onde vivia
uma
senhora
portadora
de
deficiência que
costumava dar
pouso
aos
viajantes.
Imagem ilustrativa
Posteriormente
mudou-se para o local o Sr. José Barbosa de Farias.
Outras famílias estabeleceram-se no local. Em 1894,
foi construída uma
capela dedicada a
Nossa Senhora das
Dores,
atual
padroeira,
pelo
professor
José
Merim. A partir deste
núcleo de pequenas
casas,
que
deu
origem ao nome
Casinhas, surgiu o
município.

Em divisão territorial datada de 1-VII-1960,
o distrito de Casinhas permanece no município de
Surubim.
Assim permanecendo em divisão territorial
datada de 1988.
Elevado à categoria de município com a
denominação de Casinhas, pela lei estadual nº
11228, de 12-07-1995, desmembrado do município
de Surubim. Sede no antigo distrito de
Casinhas. Constituído do distrito sede. Instalado em
01-01-1997.
Em divisão territorial datada de 2001, o
município é constituído do distrito sede.
Assim permanecendo em divisão territorial
datada de 2009.

Fonte:
IBGE
–
disponível
em:
http://biblioteca.ibge.gov.br/visualizacao/dtbs/pern
ambuco/casinhas.pdf

Dados Gerais
Unidade Federativa:
Pernambuco
Mesorregião: Agreste
Pernambucano IBGE/2008
Microrregião: Alto
Capibaribe IBGE/2008
Área: 125km2
População: 14.798 hab. est.

IBGE/2009
Densidade: 109 hab./hm2
Altitude: 390m
Latitude: -7.766510
Longitude: -35.674839
Fuso horário: UTC-3

Gentílico:
casinhense

Formação Administrativa
Distrito criado com a denominação de
Casinhas, pelas leis municipais nºs 46, de 16-121925, e nº 2, de 16-11-1929, subordinado ao
município de Surubim.
Em divisão administrativa referente ao ano
de 1933, o distrito de Casinhas figura no município
de Surubim.
No quadro fixado para vigorar no período de
1944-1948, o distrito figura no município de
Surubim.

IDH: 0,588 médio PNUD/2000
PIB: R$ 30.185 mil IBGE/2005
PIB per capita: R$ 2.182,00 IBGE/2005

Distâncias
Distancias de Casinhas- PE
Cidade
Km
Recife (Capital de Pernambuco)
132
Surubim/PE
15
Orobó/PE
13
Umbuzeiro/PB
8,5
Vertente do Lério/PE
Limoeiro/PE
Caruaru/PE

10,6
36
61

Limites
O município de Casinhas está localizado no Agreste
do Estado de Pernambuco, limitando-se a norte com
Umbuzeiro, no estado da Paraíba, a sul com
Surubim, a leste com Orobó e a oeste com Vertente
do Lério.

Fonte: cprm.gov.br

Clima / Temperatura
O clima é do tipo Bs'h da classificação de Köppen,
árido ou semiárido, muito quente, com chuvas no
outono e inverno. O período normal de chuva iniciase em fevereiro/março e pode estender-se até
agosto. Dados históricos de precipitação revelam
uma média anual de 644,80 mm, com um máximo
de 1.143,00 mm e um mínimo de 275,20 mm
(Sudene,1962-1985). As temperaturas variam,
acompanhando a época das precipitações
pluviométricas. A média anual fica em torno de 25
°C. O período compreendido entre maio e agosto é
caracterizado por noites frias, com temperaturas em
torno de 20°C.

Fonte: cprm.gov.br

representado por ortognaisse tonalítico a granítico,
Vertentes
constituído
por
paragnaisse,
metavulcânica máfica e intermediaria, e SurubimCaroalina representado por xisto, ganisse, quartzito
e metacarbonato.

Fonte: cprm.gov.br

Vegetação
O município, assim como a maior parte da região no
seu entorno, apresenta vegetação do tipo caatinga
hipoxerófila. (ZANE - Zoneamento Agroecológico do
Nordeste - EMBRAPA/2000). A hidrografia do
município é dominada por afluentes da bacia do Rio
Capibaribe, sendo o Rio Caiai e os Riachos Gado
Bravo e do Pato, seus principais afluentes na área.
O Rio Capibaribe é perene, porém de baixa vazão,
mas todos os seus afluentes e subafluentes neste
trecho são intermitentes.

Fonte: cprm.gov.br

Algumas rotas
de Turismo no
município

Relevo
O relevo de Casinhas está inserido nas Áreas
Desgastadas da Província Borborema, unidade
formada por maciços altos e outeiros, com altitudes
variando de 650 a 1.000 m, ou seja, superfícies
onduladas com relevos residuais altos. O relevo é
geralmente movimentado, com vales profundos e
estreitos. Nas cristas residuais altas predominam os
solos litólicos, nos topos e vertentes das ondulações,
os solos brunos não cálcicos e nas baixas vertentes
das ondulações os planossolos. Os solos são pouco
profundos e de fertilidade variando entre média e
alta.

Fonte: cprm.gov.br

Hidrografia
Rio Capibaribe e Rio Goiana.

Geologia / Solo
O município de Casinhas encontra-se inserido,
geologicamente, na Província Borborema, sendo
constituído pelos litotipos do Complexo Salgadinho,

A

comunidade de Vertentes do Heráclio de
Casinhas, situada nos limites de UmbuzeiroPB e Orobó, com beleza exuberante e
paisagem verde, clima agradável, um dos pontos
histórico do município, onde o turista encontra uma
beleza natural e tranquilidade da natureza.
Lá também está situada a barragem da Vertentes do
Heráclio que por décadas já abasteceu o município
de Casinhas e atualmente atende à famílias do sítio
Gruta funda e algumas famílias do sítio Serra Verde,
que além de utilizarem a água para suas
necessidades diárias, utilizam para geração de
renda, onde algumas famílias de agricultores
cultivam hortaliças como: coentro, alface, pimentão,
cebolinha, chuchu, quiabo, tomate entre outras.
Também é cultivado por algumas famílias flores e
algumas raízes como macaxeira, inhame e cará.
Barragem de Vertente do Heráclio. Foto: Arquivo pessoal Gil Mello

N

o mesmo percurso, rumo a barragem, é
possível observar também uma linda capela,
de São João Batista, que carrega traços de
histórias e exuberância de beleza.

Barragem de Vertente do Heráclio. Foto: Arquivo pessoal Gil Mello

Barragem de Vertente do Heráclio. Foto: Arquivo pessoal Gil Mello

Igreja de São João Batista, Vertente do Heráclio. Foto: Edmilson Gonçalves. Disponível em:
http://www.casinhasagreste.com.br/2012/12/imagenscasinhas.html#.UoCEaeVTvmI

A paisagem da região (considerando aqui, Sítio
Gruta Funda e Vertentes do Heráclio) também
chama atenção, com suas áreas verdes de pequenas
matas.
A praça MÃE RAINHA, onde o Padre Antônio
Maria já celebrou missa para o fiéis.
Sítio
Gruta
Funda.
Foto:
Edmilson
Gonçalves.
Disponível
http://www.casinhasagreste.com.br/2012/12/imagenscasinhas.html#.UoCEaeVTvmI

em:

Sítio
Gruta
Funda.
Foto:
Edmilson
Gonçalves.
Disponível
http://www.casinhasagreste.com.br/2012/12/imagenscasinhas.html#.UoCEaeVTvmI

em:

O Cruzeiro – Local de devoção de fiéis, fica
localizado em um ponto privilegiado, permitindo
uma vista panorâmica da Cidade.
A ACADEMIA DAS CIDADES, local de práticas de
exercícios físicos, para a promoção da qualidade de
vida.

Algumas formas de
empreendedorismo
no município

O

s alunos, acompanhados de professores,
coordenadores e gestão escolar, realizaram
visitas a alguns empreendedores no
município, no intuito conhecer e de despertar o
interesse pela valorização de nossa terra, cuidado e
zelo, como também redirecionar o olhar para a
importância do desenvolvimento de meios de
captação de renda, geração de empregos,
valorização da agricultura, para a melhoria da
qualidade da vida do homem do campo.
Para o empreendedor Lázaro Santana, Sítio
Areia de Chatinha “...acreditar no potencial da
região, no qual destaca-se a produção do caju, cajá
e acerola, é tornar possível o desenvolvimento dos
pequenos agricultores”, disse. Então foi nesse
princípio que o mesmo criou a FÁBRICA DE
POLPAS, na qual são processadas as frutas do
cajueiro, da cajazeira e da aceroleira. Tais frutas são
oriundas do próprio município (Areia de Chatinha,
Montado, Montado de Baixo, Catolé, Guaribas,
Lagoa Escondida, e outros) como também da região.
Os alunos ficaram encantados ao perceber os
processos envolvidos no processamento realizado
pela fábrica.

A IGREJA NOSSA SENHORA DAS DORES,
padroeira da cidade, recentemente, através da
criação da área pastoral de Casinhas, caminha para
se tornar Igreja Matriz Nossa Senhora das Dores.
Fotos: Gil Mello

Em se tratando de valorizar o potencial de nossa
terra, outro tipo de empreendedorismo que merece
destaque é o da FÁBRICA DE BOLO, localizada no
Sítio Fundão, dos empreendedores da Família
Cizino. Os alunos, em visita ao local, puderam
perceber os processos envolvidos na fabricação dos
bolos, a matéria prima utilizada, a mão de obra
envolvida e a destinação do produto pronto, não
deixando de refletir sobre a importância da
agricultura familiar.

CULTIVO DE HORTALIÇAS - Sítio Gruta Funda

M

uitas famílias que residem no sítio Gruta
Funda cultivam hortaliças e comercializam
nas feiras livres da região, um meio de renda
para a família. Os alunos do 6º ano B e 8ª série
foram até o local e puderam ver de perto todo o
processo, fizeram perguntas aos cultivadores sobre
hortaliças cultivadas, tempo para colheita, forma de
cultivo, e consequentemente como forma de
compreender melhor a importância dos vegetais,
frutas e verduras na alimentação.
Visita ao “Açude de Sólon”

A

escola Professor Daniel, preocupada com o
uso racional dos recursos naturais, em
especial à água, abordou o tema em sala de
aula e conduziu um grupo de alunos (7º B ano e 8ª
série) para conhecer de perto alguns locais de
armazenamento de água (“açude de Sólon” e a
barragem de Vertente do Heráclio) no intuído de
promover reflexões sobre a importância do uso
racional da água, bem como, conhecer meios de
armazenamento da mesma. Na aula-campo, os
alunos puderam perceber o grande valor do uso
racional da água, principalmente devido sua
escassez na região e sua fundamental importância
para a saúde, uma vez que água é vida.

A

creditar que a educação é a base para
a formação cidadã, de seres
pensantes, que possam interagir com
o seu meio de maneira harmônica e
reflexiva, conhecendo sua história, seus
valores, em meio a natureza, nos remete ao
grande valor de todo o processo de
construção de uma educação para a vida.
Acreditar que é possível, é o primeiro
passo, direcionar ações que viabilizem tal
processo é o desafio.
Todos os procedimentos desenvolvidos
durante as ações da PRODAC, pudemos
confirmar nos olhos brilhantes dos
estudantes a emoção de “redirecionar um
olhar mais crítico sobre as coisas”, as
mesmas coisas que compõem seu cenário,
sua vida, apenas observando de um
diferente ângulo, geratriz de tantas
percepções, das dificuldades enfrentadas
muitas vezes em seus lares, mas além disso,
da força de vontade e de esperança
interiorizada em cada ser, que compõe esse
chão, nossa Casinhas.
Gestão Escolar/Coordenação Pedagógica
Janiere Aguiar – Maria Cícera – Josivaldo Lima –
Givanildo Melo – Robervânia Nadja.
Novembro de 2013.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

09 2017 Boletim do Contribuinte Asas de Socorro
09 2017 Boletim do Contribuinte Asas de Socorro09 2017 Boletim do Contribuinte Asas de Socorro
09 2017 Boletim do Contribuinte Asas de SocorroAsas de Socorro
 
Casa de Sementes: caminhos para a autonomia
Casa de Sementes: caminhos para a autonomiaCasa de Sementes: caminhos para a autonomia
Casa de Sementes: caminhos para a autonomiaFCVSA
 
JORNAL DO SERTÃO EDIÇÃO 108 FEVEREIRO 2015
JORNAL DO SERTÃO EDIÇÃO 108 FEVEREIRO 2015 JORNAL DO SERTÃO EDIÇÃO 108 FEVEREIRO 2015
JORNAL DO SERTÃO EDIÇÃO 108 FEVEREIRO 2015 JORNAL DO SERTÃO Enes
 
Cm volcker livro são joão
Cm volcker livro são joãoCm volcker livro são joão
Cm volcker livro são joãocmvolcker
 
Caragua Verao 12/17 de fevereiro de 2011
Caragua Verao 12/17 de fevereiro de 2011Caragua Verao 12/17 de fevereiro de 2011
Caragua Verao 12/17 de fevereiro de 2011Comunicação Caraguá
 
Reunião sobre o patrimônio cultural do São Francisco iphan
 Reunião sobre o patrimônio cultural do São Francisco iphan Reunião sobre o patrimônio cultural do São Francisco iphan
Reunião sobre o patrimônio cultural do São Francisco iphanMarcelo Luiz
 
Programação do JIMAVI (2017)
Programação do JIMAVI (2017)Programação do JIMAVI (2017)
Programação do JIMAVI (2017)esportealtovale
 
Seminário Internacional Sampa CriAtiva, 3/12/2013 - Apresentação Marcelo Rose...
Seminário Internacional Sampa CriAtiva, 3/12/2013 - Apresentação Marcelo Rose...Seminário Internacional Sampa CriAtiva, 3/12/2013 - Apresentação Marcelo Rose...
Seminário Internacional Sampa CriAtiva, 3/12/2013 - Apresentação Marcelo Rose...FecomercioSP
 
Cadastramento Para ParticipaçãO Do Ii Circuito Tela Verde
Cadastramento Para ParticipaçãO Do Ii Circuito Tela VerdeCadastramento Para ParticipaçãO Do Ii Circuito Tela Verde
Cadastramento Para ParticipaçãO Do Ii Circuito Tela VerdeRicardo Ferrao
 
EDIÇÃO 453 DE 24 DE SETEMBRO DE 2021
EDIÇÃO 453 DE 24 DE SETEMBRO DE 2021EDIÇÃO 453 DE 24 DE SETEMBRO DE 2021
EDIÇÃO 453 DE 24 DE SETEMBRO DE 2021JulianoPena4
 
Plante arvores xingu_araguaia-guia-isa
Plante arvores xingu_araguaia-guia-isaPlante arvores xingu_araguaia-guia-isa
Plante arvores xingu_araguaia-guia-isaAndre Benedito
 

Mais procurados (20)

09 2017 Boletim do Contribuinte Asas de Socorro
09 2017 Boletim do Contribuinte Asas de Socorro09 2017 Boletim do Contribuinte Asas de Socorro
09 2017 Boletim do Contribuinte Asas de Socorro
 
Casa de Sementes: caminhos para a autonomia
Casa de Sementes: caminhos para a autonomiaCasa de Sementes: caminhos para a autonomia
Casa de Sementes: caminhos para a autonomia
 
Serrano nº205
Serrano nº205Serrano nº205
Serrano nº205
 
JORNAL DO SERTÃO EDIÇÃO 108 FEVEREIRO 2015
JORNAL DO SERTÃO EDIÇÃO 108 FEVEREIRO 2015 JORNAL DO SERTÃO EDIÇÃO 108 FEVEREIRO 2015
JORNAL DO SERTÃO EDIÇÃO 108 FEVEREIRO 2015
 
Terras do Tapajos - Novembro/2010
Terras do Tapajos - Novembro/2010Terras do Tapajos - Novembro/2010
Terras do Tapajos - Novembro/2010
 
EDIÇÃO 107 JANEIRO 2015
EDIÇÃO 107 JANEIRO 2015 EDIÇÃO 107 JANEIRO 2015
EDIÇÃO 107 JANEIRO 2015
 
Cm volcker livro são joão
Cm volcker livro são joãoCm volcker livro são joão
Cm volcker livro são joão
 
Caragua Verao 12/17 de fevereiro de 2011
Caragua Verao 12/17 de fevereiro de 2011Caragua Verao 12/17 de fevereiro de 2011
Caragua Verao 12/17 de fevereiro de 2011
 
Pontos TuríSticos Campo Grande
Pontos TuríSticos Campo GrandePontos TuríSticos Campo Grande
Pontos TuríSticos Campo Grande
 
3 ano artes campo grande
 3 ano artes campo grande 3 ano artes campo grande
3 ano artes campo grande
 
Festa do Bode
Festa do BodeFesta do Bode
Festa do Bode
 
Reunião sobre o patrimônio cultural do São Francisco iphan
 Reunião sobre o patrimônio cultural do São Francisco iphan Reunião sobre o patrimônio cultural do São Francisco iphan
Reunião sobre o patrimônio cultural do São Francisco iphan
 
Programação do JIMAVI (2017)
Programação do JIMAVI (2017)Programação do JIMAVI (2017)
Programação do JIMAVI (2017)
 
Seminário Internacional Sampa CriAtiva, 3/12/2013 - Apresentação Marcelo Rose...
Seminário Internacional Sampa CriAtiva, 3/12/2013 - Apresentação Marcelo Rose...Seminário Internacional Sampa CriAtiva, 3/12/2013 - Apresentação Marcelo Rose...
Seminário Internacional Sampa CriAtiva, 3/12/2013 - Apresentação Marcelo Rose...
 
Velho Chico
Velho ChicoVelho Chico
Velho Chico
 
Velho Chico
Velho ChicoVelho Chico
Velho Chico
 
Cadastramento Para ParticipaçãO Do Ii Circuito Tela Verde
Cadastramento Para ParticipaçãO Do Ii Circuito Tela VerdeCadastramento Para ParticipaçãO Do Ii Circuito Tela Verde
Cadastramento Para ParticipaçãO Do Ii Circuito Tela Verde
 
Maio
MaioMaio
Maio
 
EDIÇÃO 453 DE 24 DE SETEMBRO DE 2021
EDIÇÃO 453 DE 24 DE SETEMBRO DE 2021EDIÇÃO 453 DE 24 DE SETEMBRO DE 2021
EDIÇÃO 453 DE 24 DE SETEMBRO DE 2021
 
Plante arvores xingu_araguaia-guia-isa
Plante arvores xingu_araguaia-guia-isaPlante arvores xingu_araguaia-guia-isa
Plante arvores xingu_araguaia-guia-isa
 

Semelhante a História de Casinhas contada em seu 1o jornal

Texto santa maria de itabira
Texto   santa maria de itabiraTexto   santa maria de itabira
Texto santa maria de itabiraRenata Duarte
 
Projeto açaí vida verde implantação itapuã 2016
Projeto açaí vida verde   implantação itapuã 2016Projeto açaí vida verde   implantação itapuã 2016
Projeto açaí vida verde implantação itapuã 2016Leonardo Pool
 
Revelando são paulo
Revelando são pauloRevelando são paulo
Revelando são pauloAmanda Bicas
 
Cartografia de Conceicão das Crioulas
Cartografia de Conceicão das  CrioulasCartografia de Conceicão das  Crioulas
Cartografia de Conceicão das CrioulasRosangela Nascimento
 
Distritos de Uberlândia
Distritos de UberlândiaDistritos de Uberlândia
Distritos de Uberlândiakatiabeatriz22
 
Relatório de Levantamento de Dados: Estudo detalhado sobre pecuária na comun...
Relatório de Levantamento de Dados: Estudo detalhado sobre pecuária  na comun...Relatório de Levantamento de Dados: Estudo detalhado sobre pecuária  na comun...
Relatório de Levantamento de Dados: Estudo detalhado sobre pecuária na comun...Fagner Aquino
 
Fazenda Agrícola e Pecuária a Venda
Fazenda Agrícola e Pecuária a VendaFazenda Agrícola e Pecuária a Venda
Fazenda Agrícola e Pecuária a VendaEdmo Ferreira
 
Escrevendo uma nova história
Escrevendo uma nova históriaEscrevendo uma nova história
Escrevendo uma nova históriaFCVSA
 
Convivência com o semiárido apres. alidéia e do mark-guanambi-ba
Convivência com o semiárido   apres. alidéia e do mark-guanambi-baConvivência com o semiárido   apres. alidéia e do mark-guanambi-ba
Convivência com o semiárido apres. alidéia e do mark-guanambi-baProjeto Redesan
 
Vacaria - Destino Turistico
Vacaria  - Destino TuristicoVacaria  - Destino Turistico
Vacaria - Destino TuristicoMichely Oliveira
 
ManhuaçU
ManhuaçUManhuaçU
ManhuaçUecsette
 
CULTURA ACREANA- A IMPORTÂNCIA DAS LENDAS E DO FOLCLORE NO ENSINO DE ARTES .
CULTURA ACREANA- A IMPORTÂNCIA DAS LENDAS E DO FOLCLORE NO ENSINO DE ARTES .CULTURA ACREANA- A IMPORTÂNCIA DAS LENDAS E DO FOLCLORE NO ENSINO DE ARTES .
CULTURA ACREANA- A IMPORTÂNCIA DAS LENDAS E DO FOLCLORE NO ENSINO DE ARTES .Vis-UAB
 
Campanha da fraternidade 2017 cf 2017 biomas brasileiros resumo do texto base
Campanha da fraternidade 2017 cf 2017 biomas brasileiros resumo do texto baseCampanha da fraternidade 2017 cf 2017 biomas brasileiros resumo do texto base
Campanha da fraternidade 2017 cf 2017 biomas brasileiros resumo do texto baseAntonio De Assis Ribeiro
 
Arvores Frutíferas do Cerrado-Projeto Pomar Nativo
Arvores Frutíferas do Cerrado-Projeto Pomar NativoArvores Frutíferas do Cerrado-Projeto Pomar Nativo
Arvores Frutíferas do Cerrado-Projeto Pomar Nativomargosanta
 
VIAGEM VIRTUAL: Geografia e Sala Informatizada
VIAGEM VIRTUAL: Geografia e Sala InformatizadaVIAGEM VIRTUAL: Geografia e Sala Informatizada
VIAGEM VIRTUAL: Geografia e Sala InformatizadaMara Aguiar Souza
 
Jornal espirito santo_ed-07_agosto_2012_formato_gazeta
Jornal espirito santo_ed-07_agosto_2012_formato_gazetaJornal espirito santo_ed-07_agosto_2012_formato_gazeta
Jornal espirito santo_ed-07_agosto_2012_formato_gazetaLeonardo Gomez
 

Semelhante a História de Casinhas contada em seu 1o jornal (20)

Texto santa maria de itabira
Texto   santa maria de itabiraTexto   santa maria de itabira
Texto santa maria de itabira
 
Projeto açaí vida verde implantação itapuã 2016
Projeto açaí vida verde   implantação itapuã 2016Projeto açaí vida verde   implantação itapuã 2016
Projeto açaí vida verde implantação itapuã 2016
 
Bioma pampa
Bioma pampaBioma pampa
Bioma pampa
 
Revelando são paulo
Revelando são pauloRevelando são paulo
Revelando são paulo
 
Cartografia de Conceicão das Crioulas
Cartografia de Conceicão das  CrioulasCartografia de Conceicão das  Crioulas
Cartografia de Conceicão das Crioulas
 
Distritos de Uberlândia
Distritos de UberlândiaDistritos de Uberlândia
Distritos de Uberlândia
 
Semana da agua
Semana da aguaSemana da agua
Semana da agua
 
Relatório de Levantamento de Dados: Estudo detalhado sobre pecuária na comun...
Relatório de Levantamento de Dados: Estudo detalhado sobre pecuária  na comun...Relatório de Levantamento de Dados: Estudo detalhado sobre pecuária  na comun...
Relatório de Levantamento de Dados: Estudo detalhado sobre pecuária na comun...
 
Fazenda Agrícola e Pecuária a Venda
Fazenda Agrícola e Pecuária a VendaFazenda Agrícola e Pecuária a Venda
Fazenda Agrícola e Pecuária a Venda
 
Diario eletronico
Diario eletronicoDiario eletronico
Diario eletronico
 
Carta
CartaCarta
Carta
 
Escrevendo uma nova história
Escrevendo uma nova históriaEscrevendo uma nova história
Escrevendo uma nova história
 
Convivência com o semiárido apres. alidéia e do mark-guanambi-ba
Convivência com o semiárido   apres. alidéia e do mark-guanambi-baConvivência com o semiárido   apres. alidéia e do mark-guanambi-ba
Convivência com o semiárido apres. alidéia e do mark-guanambi-ba
 
Vacaria - Destino Turistico
Vacaria  - Destino TuristicoVacaria  - Destino Turistico
Vacaria - Destino Turistico
 
ManhuaçU
ManhuaçUManhuaçU
ManhuaçU
 
CULTURA ACREANA- A IMPORTÂNCIA DAS LENDAS E DO FOLCLORE NO ENSINO DE ARTES .
CULTURA ACREANA- A IMPORTÂNCIA DAS LENDAS E DO FOLCLORE NO ENSINO DE ARTES .CULTURA ACREANA- A IMPORTÂNCIA DAS LENDAS E DO FOLCLORE NO ENSINO DE ARTES .
CULTURA ACREANA- A IMPORTÂNCIA DAS LENDAS E DO FOLCLORE NO ENSINO DE ARTES .
 
Campanha da fraternidade 2017 cf 2017 biomas brasileiros resumo do texto base
Campanha da fraternidade 2017 cf 2017 biomas brasileiros resumo do texto baseCampanha da fraternidade 2017 cf 2017 biomas brasileiros resumo do texto base
Campanha da fraternidade 2017 cf 2017 biomas brasileiros resumo do texto base
 
Arvores Frutíferas do Cerrado-Projeto Pomar Nativo
Arvores Frutíferas do Cerrado-Projeto Pomar NativoArvores Frutíferas do Cerrado-Projeto Pomar Nativo
Arvores Frutíferas do Cerrado-Projeto Pomar Nativo
 
VIAGEM VIRTUAL: Geografia e Sala Informatizada
VIAGEM VIRTUAL: Geografia e Sala InformatizadaVIAGEM VIRTUAL: Geografia e Sala Informatizada
VIAGEM VIRTUAL: Geografia e Sala Informatizada
 
Jornal espirito santo_ed-07_agosto_2012_formato_gazeta
Jornal espirito santo_ed-07_agosto_2012_formato_gazetaJornal espirito santo_ed-07_agosto_2012_formato_gazeta
Jornal espirito santo_ed-07_agosto_2012_formato_gazeta
 

Mais de Agreste Casinhas

Programação carnaval de Aroeiras 2015
Programação carnaval de Aroeiras 2015Programação carnaval de Aroeiras 2015
Programação carnaval de Aroeiras 2015Agreste Casinhas
 
Garantiasafra.mda.gov.br garantiasafra boleto_frm_viewboleto
Garantiasafra.mda.gov.br garantiasafra boleto_frm_viewboletoGarantiasafra.mda.gov.br garantiasafra boleto_frm_viewboleto
Garantiasafra.mda.gov.br garantiasafra boleto_frm_viewboletoAgreste Casinhas
 
Cidade Eleições 2014 2 turno no estado
Cidade Eleições 2014 2 turno no estadoCidade Eleições 2014 2 turno no estado
Cidade Eleições 2014 2 turno no estadoAgreste Casinhas
 
Revista com as devidas correções
Revista   com as devidas correçõesRevista   com as devidas correções
Revista com as devidas correçõesAgreste Casinhas
 
Casinhas PE licitação quadra esportiva
Casinhas PE licitação quadra esportivaCasinhas PE licitação quadra esportiva
Casinhas PE licitação quadra esportivaAgreste Casinhas
 
Festa da Padroeira de Gado Bravo PB programação
Festa da Padroeira de Gado Bravo PB programaçãoFesta da Padroeira de Gado Bravo PB programação
Festa da Padroeira de Gado Bravo PB programaçãoAgreste Casinhas
 
Lista de contratados Casinhas PE
Lista de contratados Casinhas PELista de contratados Casinhas PE
Lista de contratados Casinhas PEAgreste Casinhas
 
Casinhas PE licitação de show
Casinhas PE licitação de showCasinhas PE licitação de show
Casinhas PE licitação de showAgreste Casinhas
 
Atlas idhm2013 aroeiras_pb
Atlas idhm2013 aroeiras_pbAtlas idhm2013 aroeiras_pb
Atlas idhm2013 aroeiras_pbAgreste Casinhas
 
Casinhas PE: Dinheiro da Merenda 2014
Casinhas PE: Dinheiro da Merenda 2014Casinhas PE: Dinheiro da Merenda 2014
Casinhas PE: Dinheiro da Merenda 2014Agreste Casinhas
 
Novo estatuto dos funcionarios publicos de aroeiras
Novo estatuto dos funcionarios publicos de aroeirasNovo estatuto dos funcionarios publicos de aroeiras
Novo estatuto dos funcionarios publicos de aroeirasAgreste Casinhas
 
Ofício da Prefeitura Municipal de Aroeiras
Ofício da Prefeitura Municipal de AroeirasOfício da Prefeitura Municipal de Aroeiras
Ofício da Prefeitura Municipal de AroeirasAgreste Casinhas
 
Festa Nossa s auxiliadora de Lagoa Estreita Casinhas PE
Festa Nossa s auxiliadora de Lagoa Estreita Casinhas PEFesta Nossa s auxiliadora de Lagoa Estreita Casinhas PE
Festa Nossa s auxiliadora de Lagoa Estreita Casinhas PEAgreste Casinhas
 

Mais de Agreste Casinhas (20)

Programação carnaval de Aroeiras 2015
Programação carnaval de Aroeiras 2015Programação carnaval de Aroeiras 2015
Programação carnaval de Aroeiras 2015
 
Garantiasafra.mda.gov.br garantiasafra boleto_frm_viewboleto
Garantiasafra.mda.gov.br garantiasafra boleto_frm_viewboletoGarantiasafra.mda.gov.br garantiasafra boleto_frm_viewboleto
Garantiasafra.mda.gov.br garantiasafra boleto_frm_viewboleto
 
Cidade Eleições 2014 2 turno no estado
Cidade Eleições 2014 2 turno no estadoCidade Eleições 2014 2 turno no estado
Cidade Eleições 2014 2 turno no estado
 
Revista com as devidas correções
Revista   com as devidas correçõesRevista   com as devidas correções
Revista com as devidas correções
 
Revista PRODAC 2014
Revista PRODAC 2014Revista PRODAC 2014
Revista PRODAC 2014
 
Casinhas PE licitação quadra esportiva
Casinhas PE licitação quadra esportivaCasinhas PE licitação quadra esportiva
Casinhas PE licitação quadra esportiva
 
Festa da Padroeira de Gado Bravo PB programação
Festa da Padroeira de Gado Bravo PB programaçãoFesta da Padroeira de Gado Bravo PB programação
Festa da Padroeira de Gado Bravo PB programação
 
Lista de contratados Casinhas PE
Lista de contratados Casinhas PELista de contratados Casinhas PE
Lista de contratados Casinhas PE
 
Casinhas PE licitação de show
Casinhas PE licitação de showCasinhas PE licitação de show
Casinhas PE licitação de show
 
Atlas idhm2013 aroeiras_pb
Atlas idhm2013 aroeiras_pbAtlas idhm2013 aroeiras_pb
Atlas idhm2013 aroeiras_pb
 
Fnde sigef liberacoes
Fnde sigef liberacoesFnde sigef liberacoes
Fnde sigef liberacoes
 
Merenda
MerendaMerenda
Merenda
 
Educação
EducaçãoEducação
Educação
 
Casinhas PE: Dinheiro da Merenda 2014
Casinhas PE: Dinheiro da Merenda 2014Casinhas PE: Dinheiro da Merenda 2014
Casinhas PE: Dinheiro da Merenda 2014
 
Novo estatuto dos funcionarios publicos de aroeiras
Novo estatuto dos funcionarios publicos de aroeirasNovo estatuto dos funcionarios publicos de aroeiras
Novo estatuto dos funcionarios publicos de aroeiras
 
Fundeb
FundebFundeb
Fundeb
 
Doutor valdir
Doutor valdirDoutor valdir
Doutor valdir
 
Ofício da Prefeitura Municipal de Aroeiras
Ofício da Prefeitura Municipal de AroeirasOfício da Prefeitura Municipal de Aroeiras
Ofício da Prefeitura Municipal de Aroeiras
 
Corruptos
CorruptosCorruptos
Corruptos
 
Festa Nossa s auxiliadora de Lagoa Estreita Casinhas PE
Festa Nossa s auxiliadora de Lagoa Estreita Casinhas PEFesta Nossa s auxiliadora de Lagoa Estreita Casinhas PE
Festa Nossa s auxiliadora de Lagoa Estreita Casinhas PE
 

História de Casinhas contada em seu 1o jornal

  • 1. JORNAL Casinhas – 18 Anos de História. Edição 1 Jornal História – Casinhas/PE S egundo a tradição local, por volta de 1890, no caminho entre Bom Jardim e a mata existente no local, havia uma casinha de palha, onde vivia uma senhora portadora de deficiência que costumava dar pouso aos viajantes. Imagem ilustrativa Posteriormente mudou-se para o local o Sr. José Barbosa de Farias. Outras famílias estabeleceram-se no local. Em 1894, foi construída uma capela dedicada a Nossa Senhora das Dores, atual padroeira, pelo professor José Merim. A partir deste núcleo de pequenas casas, que deu origem ao nome Casinhas, surgiu o município. Em divisão territorial datada de 1-VII-1960, o distrito de Casinhas permanece no município de Surubim. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 1988. Elevado à categoria de município com a denominação de Casinhas, pela lei estadual nº 11228, de 12-07-1995, desmembrado do município de Surubim. Sede no antigo distrito de Casinhas. Constituído do distrito sede. Instalado em 01-01-1997. Em divisão territorial datada de 2001, o município é constituído do distrito sede. Assim permanecendo em divisão territorial datada de 2009. Fonte: IBGE – disponível em: http://biblioteca.ibge.gov.br/visualizacao/dtbs/pern ambuco/casinhas.pdf Dados Gerais Unidade Federativa: Pernambuco Mesorregião: Agreste Pernambucano IBGE/2008 Microrregião: Alto Capibaribe IBGE/2008 Área: 125km2 População: 14.798 hab. est. IBGE/2009 Densidade: 109 hab./hm2 Altitude: 390m Latitude: -7.766510 Longitude: -35.674839 Fuso horário: UTC-3 Gentílico: casinhense Formação Administrativa Distrito criado com a denominação de Casinhas, pelas leis municipais nºs 46, de 16-121925, e nº 2, de 16-11-1929, subordinado ao município de Surubim. Em divisão administrativa referente ao ano de 1933, o distrito de Casinhas figura no município de Surubim. No quadro fixado para vigorar no período de 1944-1948, o distrito figura no município de Surubim. IDH: 0,588 médio PNUD/2000 PIB: R$ 30.185 mil IBGE/2005 PIB per capita: R$ 2.182,00 IBGE/2005 Distâncias Distancias de Casinhas- PE Cidade Km Recife (Capital de Pernambuco) 132 Surubim/PE 15 Orobó/PE 13 Umbuzeiro/PB 8,5
  • 2. Vertente do Lério/PE Limoeiro/PE Caruaru/PE 10,6 36 61 Limites O município de Casinhas está localizado no Agreste do Estado de Pernambuco, limitando-se a norte com Umbuzeiro, no estado da Paraíba, a sul com Surubim, a leste com Orobó e a oeste com Vertente do Lério. Fonte: cprm.gov.br Clima / Temperatura O clima é do tipo Bs'h da classificação de Köppen, árido ou semiárido, muito quente, com chuvas no outono e inverno. O período normal de chuva iniciase em fevereiro/março e pode estender-se até agosto. Dados históricos de precipitação revelam uma média anual de 644,80 mm, com um máximo de 1.143,00 mm e um mínimo de 275,20 mm (Sudene,1962-1985). As temperaturas variam, acompanhando a época das precipitações pluviométricas. A média anual fica em torno de 25 °C. O período compreendido entre maio e agosto é caracterizado por noites frias, com temperaturas em torno de 20°C. Fonte: cprm.gov.br representado por ortognaisse tonalítico a granítico, Vertentes constituído por paragnaisse, metavulcânica máfica e intermediaria, e SurubimCaroalina representado por xisto, ganisse, quartzito e metacarbonato. Fonte: cprm.gov.br Vegetação O município, assim como a maior parte da região no seu entorno, apresenta vegetação do tipo caatinga hipoxerófila. (ZANE - Zoneamento Agroecológico do Nordeste - EMBRAPA/2000). A hidrografia do município é dominada por afluentes da bacia do Rio Capibaribe, sendo o Rio Caiai e os Riachos Gado Bravo e do Pato, seus principais afluentes na área. O Rio Capibaribe é perene, porém de baixa vazão, mas todos os seus afluentes e subafluentes neste trecho são intermitentes. Fonte: cprm.gov.br Algumas rotas de Turismo no município Relevo O relevo de Casinhas está inserido nas Áreas Desgastadas da Província Borborema, unidade formada por maciços altos e outeiros, com altitudes variando de 650 a 1.000 m, ou seja, superfícies onduladas com relevos residuais altos. O relevo é geralmente movimentado, com vales profundos e estreitos. Nas cristas residuais altas predominam os solos litólicos, nos topos e vertentes das ondulações, os solos brunos não cálcicos e nas baixas vertentes das ondulações os planossolos. Os solos são pouco profundos e de fertilidade variando entre média e alta. Fonte: cprm.gov.br Hidrografia Rio Capibaribe e Rio Goiana. Geologia / Solo O município de Casinhas encontra-se inserido, geologicamente, na Província Borborema, sendo constituído pelos litotipos do Complexo Salgadinho, A comunidade de Vertentes do Heráclio de Casinhas, situada nos limites de UmbuzeiroPB e Orobó, com beleza exuberante e paisagem verde, clima agradável, um dos pontos histórico do município, onde o turista encontra uma beleza natural e tranquilidade da natureza. Lá também está situada a barragem da Vertentes do Heráclio que por décadas já abasteceu o município de Casinhas e atualmente atende à famílias do sítio Gruta funda e algumas famílias do sítio Serra Verde, que além de utilizarem a água para suas necessidades diárias, utilizam para geração de renda, onde algumas famílias de agricultores cultivam hortaliças como: coentro, alface, pimentão, cebolinha, chuchu, quiabo, tomate entre outras. Também é cultivado por algumas famílias flores e algumas raízes como macaxeira, inhame e cará.
  • 3. Barragem de Vertente do Heráclio. Foto: Arquivo pessoal Gil Mello N o mesmo percurso, rumo a barragem, é possível observar também uma linda capela, de São João Batista, que carrega traços de histórias e exuberância de beleza. Barragem de Vertente do Heráclio. Foto: Arquivo pessoal Gil Mello Barragem de Vertente do Heráclio. Foto: Arquivo pessoal Gil Mello Igreja de São João Batista, Vertente do Heráclio. Foto: Edmilson Gonçalves. Disponível em: http://www.casinhasagreste.com.br/2012/12/imagenscasinhas.html#.UoCEaeVTvmI A paisagem da região (considerando aqui, Sítio Gruta Funda e Vertentes do Heráclio) também chama atenção, com suas áreas verdes de pequenas matas.
  • 4. A praça MÃE RAINHA, onde o Padre Antônio Maria já celebrou missa para o fiéis. Sítio Gruta Funda. Foto: Edmilson Gonçalves. Disponível http://www.casinhasagreste.com.br/2012/12/imagenscasinhas.html#.UoCEaeVTvmI em: Sítio Gruta Funda. Foto: Edmilson Gonçalves. Disponível http://www.casinhasagreste.com.br/2012/12/imagenscasinhas.html#.UoCEaeVTvmI em: O Cruzeiro – Local de devoção de fiéis, fica localizado em um ponto privilegiado, permitindo uma vista panorâmica da Cidade.
  • 5. A ACADEMIA DAS CIDADES, local de práticas de exercícios físicos, para a promoção da qualidade de vida. Algumas formas de empreendedorismo no município O s alunos, acompanhados de professores, coordenadores e gestão escolar, realizaram visitas a alguns empreendedores no município, no intuito conhecer e de despertar o interesse pela valorização de nossa terra, cuidado e zelo, como também redirecionar o olhar para a importância do desenvolvimento de meios de captação de renda, geração de empregos, valorização da agricultura, para a melhoria da qualidade da vida do homem do campo. Para o empreendedor Lázaro Santana, Sítio Areia de Chatinha “...acreditar no potencial da região, no qual destaca-se a produção do caju, cajá e acerola, é tornar possível o desenvolvimento dos pequenos agricultores”, disse. Então foi nesse princípio que o mesmo criou a FÁBRICA DE POLPAS, na qual são processadas as frutas do cajueiro, da cajazeira e da aceroleira. Tais frutas são oriundas do próprio município (Areia de Chatinha, Montado, Montado de Baixo, Catolé, Guaribas, Lagoa Escondida, e outros) como também da região. Os alunos ficaram encantados ao perceber os processos envolvidos no processamento realizado pela fábrica. A IGREJA NOSSA SENHORA DAS DORES, padroeira da cidade, recentemente, através da criação da área pastoral de Casinhas, caminha para se tornar Igreja Matriz Nossa Senhora das Dores.
  • 6. Fotos: Gil Mello Em se tratando de valorizar o potencial de nossa terra, outro tipo de empreendedorismo que merece destaque é o da FÁBRICA DE BOLO, localizada no Sítio Fundão, dos empreendedores da Família Cizino. Os alunos, em visita ao local, puderam perceber os processos envolvidos na fabricação dos bolos, a matéria prima utilizada, a mão de obra envolvida e a destinação do produto pronto, não deixando de refletir sobre a importância da agricultura familiar. CULTIVO DE HORTALIÇAS - Sítio Gruta Funda M uitas famílias que residem no sítio Gruta Funda cultivam hortaliças e comercializam nas feiras livres da região, um meio de renda para a família. Os alunos do 6º ano B e 8ª série foram até o local e puderam ver de perto todo o processo, fizeram perguntas aos cultivadores sobre hortaliças cultivadas, tempo para colheita, forma de cultivo, e consequentemente como forma de compreender melhor a importância dos vegetais, frutas e verduras na alimentação.
  • 7. Visita ao “Açude de Sólon” A escola Professor Daniel, preocupada com o uso racional dos recursos naturais, em especial à água, abordou o tema em sala de aula e conduziu um grupo de alunos (7º B ano e 8ª série) para conhecer de perto alguns locais de armazenamento de água (“açude de Sólon” e a barragem de Vertente do Heráclio) no intuído de promover reflexões sobre a importância do uso racional da água, bem como, conhecer meios de armazenamento da mesma. Na aula-campo, os alunos puderam perceber o grande valor do uso racional da água, principalmente devido sua escassez na região e sua fundamental importância para a saúde, uma vez que água é vida. A creditar que a educação é a base para a formação cidadã, de seres pensantes, que possam interagir com o seu meio de maneira harmônica e reflexiva, conhecendo sua história, seus valores, em meio a natureza, nos remete ao grande valor de todo o processo de construção de uma educação para a vida. Acreditar que é possível, é o primeiro passo, direcionar ações que viabilizem tal processo é o desafio. Todos os procedimentos desenvolvidos durante as ações da PRODAC, pudemos confirmar nos olhos brilhantes dos estudantes a emoção de “redirecionar um olhar mais crítico sobre as coisas”, as mesmas coisas que compõem seu cenário, sua vida, apenas observando de um diferente ângulo, geratriz de tantas percepções, das dificuldades enfrentadas muitas vezes em seus lares, mas além disso, da força de vontade e de esperança interiorizada em cada ser, que compõe esse chão, nossa Casinhas. Gestão Escolar/Coordenação Pedagógica Janiere Aguiar – Maria Cícera – Josivaldo Lima – Givanildo Melo – Robervânia Nadja. Novembro de 2013.