SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 9
Baixar para ler offline
Lidiane Coutinho– Direito Administrativo
Curso de Exercícios de Direito Administrativo - FCC



                              MÓDULO 02- AGENTES PÚBLICOS E LEI 8.112/90



01. (FCC- Analista Judiciário-TRT7/2009) Na categoria de servidores públicos incluem-se os

a) empregados públicos, os servidores das empresas públicas, os empregados das concessionárias de
serviço público.

b) servidores estatutários, os servidores temporários, os militares.

c) militares, os servidores temporários, os agentes políticos.

d) servidores estatutários, os empregados públicos, os servidores temporários.

e) servidores estatutários, os servidores das empresas públicas, os servidores temporários.



02. (FCC- Técnico Judiciário- TRT8/2010) Sobre cargo público é correto afirmar:

a) Cargo público e emprego público são expressões sinônimas.

b) Os cargos públicos são acessíveis aos brasileiros que preencham os requisitos estabelecidos em lei e aos
estrangeiros, na forma da lei.

c) Cargo em Comissão pode ser provido em caráter permanente.

d) Nem todo cargo tem função, mas a toda função corresponde um cargo.

e) A criação de cargo pode se feita por decreto do Chefe do Poder Executivo.



03. (FCC- Técnico Judiciário- TRT8/2010) As funções de confiança serão exercidas

a) por servidor designado mesmo que não ocupe cargo na Administração Pública.

b) preferencialmente por servidores ocupantes de cargo efetivo.

c) alternadamente por ocupantes de cargo efetivo e de cargo em comissão.

d) exclusivamente por servidores ocupantes de cargo efetivo.

       1    http://www.euvoupassar.com.br                                          Eu Vou Passar – e você?
e) por servidor aposentado que retorna ao serviço público, sem ocupar cargo.



04. (FCC- Analista Judiciário-TRT8/2010) A Lei nº 8.112/90 estabelece que a reintegração

a) quando provido o cargo do servidor estável objeto desta, o seu eventual ocupante será reconduzido ao
cargo de origem, sem direito à indenização ou aproveitado em outro cargo, ou ainda, posto em
disponibilidade.

b) é a investidura do servidor em cargo de atribuições e responsabilidades compatíveis com a limitação que
tenha sofrido em sua capacidade física ou mental verificada em inspeção médica.

c) será efetivada em cargo de atribuições afins, respeitada a habilitação exigida, nível de escolaridade e
equivalência de vencimentos e, na hipótese de inexistência de cargo vago, o servidor exercerá suas
atribuições como excedente, até a ocorrência de vaga.

d) é o retorno à atividade de servidor aposentado por invalidez, quando junta médica oficial declarar
insubsistentes os motivos da aposentadoria.

e) é o retorno à atividade de servidor, mediante aproveitamento obrigatório em cargo de atribuições e
vencimentos compatíveis com o anteriormente ocupado.




05. (FCC- Técnico Judiciário- TRF4/2010) Dentre outras, NÃO é hipótese de vacância do cargo público a

(A) aposentadoria.

(B) exoneração.

(C) promoção.

(D) readaptação.

(E) posse em outro cargo acumulável.




06.( FCC- TCE/MG- Téc.Cont. Externo-Economia/2007) De acordo com a Constituição Federal de 1988, o
servidor público terá aposentadoria

(A) compulsória, aos 60 anos de idade, com proventos proporcionais ao tempo de contribuição.

(B) compulsória, aos 70 anos de idade, com proventos integrais, desde que cumpridos ao menos 10 anos de
efetivo exercício no serviço público e 5 anos no cargo efetivo em que se dará a aposentadoria.




       2   http://www.euvoupassar.com.br                                         Eu Vou Passar – e você?
(C) voluntária, aos 30 anos de serviço público, se homem, e aos 25 anos de serviço público, se mulher, com
proventos integrais, desde que cumpridos ao menos 5 anos no cargo efetivo em que se dará a
aposentadoria.

(D) voluntária, aos 60 anos de idade, se homem, e aos 55 anos de idade, se mulher, com proventos
proporcionais ao tempo de contribuição, desde que cumpridos ao menos 10 anos de efetivo exercício no
serviço público e 5 anos no cargo efetivo em que se dará a aposentadoria.

(E) voluntária, aos 65 anos de idade, se homem, e 60 anos de idade, se mulher, com proventos
proporcionais ao tempo de contribuição, desde que cumpridos ao menos 10 anos de efetivo exercício no
serviço público e 5 anos no cargo efetivo em que se dará a aposentadoria.



07. (FCC- Oficial da Def. Pub- DPE -SP/2010) Em relação ao servidor público ocupante de cargo efetivo
pode-se afirmar:

a) adquire estabilidade após dois anos de efetivo exercício no cargo.

b) perde o cargo em virtude de sentença judicial transitada em julgado ou mediante processo
administrativo em que lhe seja assegurada a ampla defesa.

c) perde o cargo após dois anos de efetivo exercício e apenas mediante decisão administrativa transitada
em julgado.

d) adquire estabilidade com a aprovação no concurso público para provimento do cargo.

e) perde o cargo por meio de decisão administrativa somente se já adquiriu estabilidade.



08. (FCC- Auxiliar Judiciário- TRT6/2006) Ao entrar em exercício, o servidor nomeado para cargo de
provimento efetivo ficará sujeito a estágio probatório por período de

(A) 1 (um) ano.

(B)3 (três) anos.

(C) 18 (dezoito) meses.

(D) 24 (vinte e quatro) meses.

(E) 180 (cento e oitenta) dias.



09. (FCC- Analista Judiciário- Exec.Mandados- TRF4/2010) Analise:




        3   http://www.euvoupassar.com.br                                         Eu Vou Passar – e você?
I. O retorno do servidor estável ao cargo anteriormente ocupado e decorrente de inabilitação em estágio
probatório relativo a outro cargo ou reintegração do anterior ocupante.

II. O deslocamento do servidor a pedido, no âmbito do mesmo quadro, com mudança de sede.

Tais situações configuram, respectivamente,

(A) transferência e recondução.

(B) remoção e transferência.

(C) ascenção e reintegração.

(D) recondução e remoção.

(E) reversão e ascenção.




10. (FCC- Técnico Judiciário- TRF4/2010) Analise:

I. A promoção interrompe o tempo de exercício a partir da data da posse do servidor no novo cargo.

II. Exercício é o efetivo desempenho das atribuições do cargo público ou da função de confiança.

III. Só haverá posse nos casos de provimento de cargo por nomeação.

IV. Os servidores cumprirão jornada de trabalho respeitada a duração máxima do trabalho semanal de
quarenta e oito horas e observados os limites mínimo e máximo de quatro horas e seis horas diárias,
respectivamente.

V. O servidor não aprovado no estágio probatório exigido em cargo comissionado, se estável, será
reconduzido ao cargo anteriormente ocupado.

É correto o que consta APENAS em

(A) I, III e IV.

(B) I e IV.

(C) IV e V.

(D) II e III.

(E) I, II e V.



11. (FCC- Analista Administrativo-TRT8/2010) Considere as assertivas abaixo, relacionadas ao vencimento
e a remuneração do servidor público.

          4      http://www.euvoupassar.com.br                                    Eu Vou Passar – e você?
I. As faltas justificadas decorrentes de caso fortuito não poderão, em qualquer caso, ser compensadas, não
sendo assim consideradas como efetivo exercício.

II. Quando o pagamento indevido houver ocorrido no mês anterior ao do processamento da folha, a
reposição será feita imediatamente, em uma única parcela.

III. O vencimento, a remuneração e o provento não serão objeto de arresto, sequestro ou penhora, exceto
nos casos de prestação de alimentos resultante de decisão judicial.

IV. É assegurada a isonomia de vencimentos para cargos de atribuições iguais ou assemelhadas do mesmo
Poder, ou entre servidores dos três Poderes, ressalvadas as vantagens de caráter individual e as relativas à
natureza ou ao local de trabalho.

V. Vencimento é a remuneração do cargo efetivo, acrescido das vantagens pecuniárias permanentes
estabelecidas em lei.

Está correto o que se afirma APENAS em

a) I, III e V.

b) I e IV.

c) I e V.

d) II, III e IV.

e) II, IV e V.




12. (FCC- Técnico Judiciário-TRE- AC/2010) Quanto aos direitos e vantagens do servidor público civil é
certo que,

a) as vantagens pecuniárias serão, em qualquer caso, computadas ou acumuladas, para efeito de concessão
de quaisquer outros

acréscimos pecuniários ulteriores, ainda que sob o mesmo título ou idêntico fundamento.

b) o vencimento e a remuneração do cargo efetivo, são redutíveis, não podendo contudo, o servidor
receber menos que dois salários mínimos.

c) a remuneração e o provento poderão ser, em qualquer caso, objeto de arresto, sequestro ou penhora.

d) o servidor em débito com o erário, que for demitido, terá que quitar o débito no ato da exoneração,
vedado prazo ou parcelamento da dívida.

e) não será concedida ajuda de custo ao servidor que se afastar do cargo, ou reassumi-lo, em virtude de
mandato eletivo.


            5      http://www.euvoupassar.com.br                                  Eu Vou Passar – e você?
13. (FCC- Técnico Judiciário- TRE-AL-2010) Antonia, servidora pública federal, recebeu R$ 1.000,00 (um
mil reais) a título de diárias. Entretanto, atendendo a ordens superiores, não houve necessidade de
afastar-se da sede. Nesse caso, no que se refere às diárias, Antonia

(A) ficará obrigada a restituí-las, integralmente, no prazo de cinco dias.

(B) deverá restituí-las, pela metade, no prazo de cinco dias.

(C) não deverá restituí-las, por ter cumprido ordens superiores.

(D) poderá compensar um terço do valor como dias trabalhados, mas restituindo o saldo.

(E) deverá restituí-las, de imediato, no valor de dois terços e o restante até trinta dias.




14. (FCC- Analista Administrativo-TRT8/2010) Quanto às férias e às licenças do servidor público,
considere:

I. A critério da Administração, poderão ser concedidas ao servidor ocupante de cargo efetivo ou em estágio
probatório, licenças para tratar de assuntos particulares pelo prazo de até três anos consecutivos, com ou
sem remuneração.

II. O servidor exonerado do cargo efetivo, ou em comissão, perceberá indenização relativa ao período das
férias a que tiver direito e ao incompleto, na proporção de um doze avos por mês de efetivo exercício, ou
fração superior a quatorze dias.

III. As férias poderão ser parceladas em até três etapas, desde que assim requeridas pelo servidor, e no
interesse da administração pública.

IV. A licença concedida dentro de sessenta dias do término de outra da mesma espécie não será
considerada como prorrogação.

V. O servidor terá direito a licença, com remuneração, durante o período que mediar entre a sua escolha
em convenção partidária, como candidato a cargo eletivo, e a véspera do registro de sua candidatura
perante a Justiça Eleitoral.

Está correto o que se afirma APENAS em:

a) I, III e V.

b) I e IV.

c) II e III.

d) II, IV e V.


          6      http://www.euvoupassar.com.br                                         Eu Vou Passar – e você?
e) III e V.



15. (FCC- Analista Administrativo- TRT9/2010) Sobre as licenças previstas na Lei n° 8.112/1990, é correto
afirmar:

a) O servidor terá direito à licença, sem remuneração, para atividade política, durante o período que
mediar entre a sua escolha em convenção partidária, como candidato a cargo eletivo, e à véspera do
registro de sua candidatura perante a Justiça Eleitoral.

b) Concluído o serviço militar, o servidor terá até sessenta dias sem remuneração para reassumir o
exercício do cargo.

c) A licença por motivo de afastamento do cônjuge pode ser concedida, no máximo, por dois anos
consecutivos.

d) Após cada triênio de efetivo exercício, o servidor poderá, no interesse da Administração, afastar-se do
exercício do cargo efetivo, com a respectiva remuneração, por até três meses, para participar de curso de
capacitação profissional.

e) Não faz jus à licença por motivo de doença em pessoa da família se a doença for do padrasto ou
madrasta do servidor.



16. (FCC- Analista Administrativo- TRT9/2010) Sobre a acumulação prevista na Lei n° 8.112/1990, é
correto afirmar:

a) Considera-se acumulação proibida a percepção de vencimento de cargo ou emprego público efetivo com
proventos da inatividade, salvo quando os cargos de que decorram essas remunerações forem acumuláveis
na atividade.

b) A proibição de acumular não se estende a cargos, empregos e funções em autarquias, fundações
públicas, sociedades de economia mista e empresas públicas da União, dos Estados, dos Territórios e dos
Municípios.

c) É permitida a acumulação de cargo em comissão com dois cargos efetivos cumuláveis, desde que haja
compatibilidade de horários e autorização dos superiores hierárquicos do servidor.

d) A acumulação de cargos, sendo lícita, não fica condicionada à comprovação da compatibilidade de
horários.

e) É proibida a acumulação de dois cargos em comissão, mesmo que um deles seja cargo de confiança
interino.




         7    http://www.euvoupassar.com.br                                      Eu Vou Passar – e você?
17. (FCC- Analista Jud.- Exec. Mandados- TRT2/2008)Nos termos da Lei no 8.112/90, a pena de
advertência será aplicada por escrito, dentre outras hipóteses, quando o agente

(A) praticar usura sob qualquer de suas formas.

(B) valer-se do cargo para lograr proveito pessoal ou de outrem, em detrimento da dignidade da função
pública.

(C) receber presente ou vantagem de qualquer espécie, em razão de suas atribuições.

(D) coagir ou aliciar subordinados no sentido de filiarem-se a associação profissional ou sindical, ou a
partido político.

(E) utilizar pessoal ou recursos materiais da repartição em serviços ou atividades particulares.



18. (FCC- Analista Judiciário- TRT7/2009) A pena de suspensão do servidor público, conforme a Lei n°
8.112/90,

a) não poderá exceder de cento e vinte dias, salvo na hipótese de abandono de cargo ou improbidade
administrativa.

b) não poderá ser convertida em pena de multa, salvo no caso de inassiduidade habitual.

c) será de até quinze dias, quando injustificadamente, recusar-se a ser submetido a inspeção médica
determinada pela autoridade competente.

d) terá seu registro suspenso, após o decurso de três anos no cargo, se o servidor não houver nesse
período, praticado nova e) infração passível de suspensão.

e a ação disciplinar pela prática de crime de corrupção, prescreverão em cinco anos, contados da data do
fato.


19. (FCC- Tecnico Administrativo -TRE-AM/2010) A Ação disciplinar prevista na Lei no 8.112/90,
prescreverá, dentre outras hipóteses, em

a) 24 (vinte e quatro) meses, quanto às infrações puníveis com destituição de cargo em comissão.

b) 90 (noventa) dias, quanto à advertência.

c) 2 (dois) anos, quanto à suspensão.

d) 03 (três) anos, quanto às infrações puníveis com cassação de aposentadoria.

e) 180 (cento e oitenta) dias, quanto à disponibilidade.




       8    http://www.euvoupassar.com.br                                            Eu Vou Passar – e você?
20. (FCC- Procurador de Contas- TCE-AP/2010) A apuração de infração administrativa disciplinar
praticada por servidor público

a) independe da instauração de processo criminal para apuração de infração penal, embora possa sofrer
repercussão conforme o conteúdo da sentença judicial.

b) independe da instauração de procedimento administrativo disciplinar, em razão da informalidade que
rege a apuração.

c) é feita exclusivamente por meio de procedimento judicial quando se tratar de funcionário público
ocupante de cargo efetivo, como decorrência da estabilidade funcional.

d) depende da instauração de processo criminal quando houver indícios materiais suficientes de que do
mesmo ato possa ter decorrido infração penal.

e) é deslocada para a esfera da responsabilidade civil caso do fato imputado ao servidor tenham decorrido
danos a terceiros, hipótese em que se aplica, em grau de exclusividade, a norma do artigo 37, parágrafo 6º
da Constituição Federal.




       9   http://www.euvoupassar.com.br                                         Eu Vou Passar – e você?

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Lei 8.112 90 2012
Lei 8.112 90 2012Lei 8.112 90 2012
Lei 8.112 90 2012arigabal
 
Questões para fixação da lei n 8112
Questões para fixação da lei n 8112Questões para fixação da lei n 8112
Questões para fixação da lei n 8112Sil Vitorio
 
500 Exercícios da Lei 8112 Comentadas - PROF. PAULO LUSTOSA
500 Exercícios da Lei 8112 Comentadas - PROF. PAULO LUSTOSA500 Exercícios da Lei 8112 Comentadas - PROF. PAULO LUSTOSA
500 Exercícios da Lei 8112 Comentadas - PROF. PAULO LUSTOSANa Silva
 
Questões+8.112 90+cespe
Questões+8.112 90+cespeQuestões+8.112 90+cespe
Questões+8.112 90+cespelucasjatem
 
Bateria de questões inss
Bateria de questões   inssBateria de questões   inss
Bateria de questões inssFabio Lucio
 
Slides da aula gratuita sobre a Lei nº 8.112/90 para o Concurso TRF 3
Slides da aula gratuita sobre a Lei nº 8.112/90 para o Concurso TRF 3Slides da aula gratuita sobre a Lei nº 8.112/90 para o Concurso TRF 3
Slides da aula gratuita sobre a Lei nº 8.112/90 para o Concurso TRF 3Estratégia Concursos
 
POLÍCIA CIVIL - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSO PÚBLICO
POLÍCIA CIVIL - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSO PÚBLICOPOLÍCIA CIVIL - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSO PÚBLICO
POLÍCIA CIVIL - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSO PÚBLICOValdeci Correia
 
Lei complementar840
Lei complementar840Lei complementar840
Lei complementar840Plook Joy
 
8112 90 questões
8112 90 questões8112 90 questões
8112 90 questõeslucasjatem
 
Coleção Estatutos Comentados - Lei Orgânica da Polícia Civil de São Paulo
Coleção Estatutos Comentados - Lei Orgânica da Polícia Civil de São PauloColeção Estatutos Comentados - Lei Orgânica da Polícia Civil de São Paulo
Coleção Estatutos Comentados - Lei Orgânica da Polícia Civil de São PauloEditora Juspodivm
 
Caderno -de--questoes---lei-811290
Caderno -de--questoes---lei-811290Caderno -de--questoes---lei-811290
Caderno -de--questoes---lei-811290Herval Vieira
 
Bizurada alpb solaris concursos 310313
Bizurada alpb solaris concursos 310313Bizurada alpb solaris concursos 310313
Bizurada alpb solaris concursos 310313Solaris Concursos
 

Mais procurados (16)

Lei 8.112 90 2012
Lei 8.112 90 2012Lei 8.112 90 2012
Lei 8.112 90 2012
 
Questões para fixação da lei n 8112
Questões para fixação da lei n 8112Questões para fixação da lei n 8112
Questões para fixação da lei n 8112
 
500 Exercícios da Lei 8112 Comentadas - PROF. PAULO LUSTOSA
500 Exercícios da Lei 8112 Comentadas - PROF. PAULO LUSTOSA500 Exercícios da Lei 8112 Comentadas - PROF. PAULO LUSTOSA
500 Exercícios da Lei 8112 Comentadas - PROF. PAULO LUSTOSA
 
Questões+8.112 90+cespe
Questões+8.112 90+cespeQuestões+8.112 90+cespe
Questões+8.112 90+cespe
 
Bateria de questões inss
Bateria de questões   inssBateria de questões   inss
Bateria de questões inss
 
Slides da aula gratuita sobre a Lei nº 8.112/90 para o Concurso TRF 3
Slides da aula gratuita sobre a Lei nº 8.112/90 para o Concurso TRF 3Slides da aula gratuita sobre a Lei nº 8.112/90 para o Concurso TRF 3
Slides da aula gratuita sobre a Lei nº 8.112/90 para o Concurso TRF 3
 
Prova TRT 11 Direito do Trabalho
Prova TRT 11 Direito do TrabalhoProva TRT 11 Direito do Trabalho
Prova TRT 11 Direito do Trabalho
 
Trt lei 8112 (1)
Trt   lei 8112 (1)Trt   lei 8112 (1)
Trt lei 8112 (1)
 
POLÍCIA CIVIL - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSO PÚBLICO
POLÍCIA CIVIL - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSO PÚBLICOPOLÍCIA CIVIL - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSO PÚBLICO
POLÍCIA CIVIL - SIMULADO DIGITAL PARA CONCURSO PÚBLICO
 
Lei complementar840
Lei complementar840Lei complementar840
Lei complementar840
 
8112 90 questões
8112 90 questões8112 90 questões
8112 90 questões
 
Coleção Estatutos Comentados - Lei Orgânica da Polícia Civil de São Paulo
Coleção Estatutos Comentados - Lei Orgânica da Polícia Civil de São PauloColeção Estatutos Comentados - Lei Orgânica da Polícia Civil de São Paulo
Coleção Estatutos Comentados - Lei Orgânica da Polícia Civil de São Paulo
 
Caderno -de--questoes---lei-811290
Caderno -de--questoes---lei-811290Caderno -de--questoes---lei-811290
Caderno -de--questoes---lei-811290
 
Bizurada alpb solaris concursos 310313
Bizurada alpb solaris concursos 310313Bizurada alpb solaris concursos 310313
Bizurada alpb solaris concursos 310313
 
Prova pm 2009
Prova pm 2009Prova pm 2009
Prova pm 2009
 
Lei 869 1
Lei 869 1Lei 869 1
Lei 869 1
 

Destaque

Messi o ronaldo
Messi o ronaldoMessi o ronaldo
Messi o ronaldollamas159
 
Presentación tutores 1. cassiani, ma. dolores
Presentación tutores 1. cassiani, ma. doloresPresentación tutores 1. cassiani, ma. dolores
Presentación tutores 1. cassiani, ma. doloresdolocassiani
 
Los derechos del auto daniel
Los derechos del auto danielLos derechos del auto daniel
Los derechos del auto danieldanny king
 
Voto lewandowski-feto-anencefalo
Voto lewandowski-feto-anencefaloVoto lewandowski-feto-anencefalo
Voto lewandowski-feto-anencefaloAgassis Rodrigues
 
Ato nº 963 nomeação
Ato nº 963 nomeaçãoAto nº 963 nomeação
Ato nº 963 nomeaçãoAdriano Lopes
 
Licenciamento - Sistema Integrado para auditagem e fiscalização de mídia exte...
Licenciamento - Sistema Integrado para auditagem e fiscalização de mídia exte...Licenciamento - Sistema Integrado para auditagem e fiscalização de mídia exte...
Licenciamento - Sistema Integrado para auditagem e fiscalização de mídia exte...FENAPEX
 
Tutorial como insertar
Tutorial como insertarTutorial como insertar
Tutorial como insertarTamara Labbe
 
Apresentação Grupo Preto
Apresentação Grupo PretoApresentação Grupo Preto
Apresentação Grupo PretoSalatiel Ribeiro
 
Ato nº 964 convocação
Ato nº 964 convocaçãoAto nº 964 convocação
Ato nº 964 convocaçãoAdriano Lopes
 
Panama gleici kelly 7 serie a
Panama gleici kelly 7 serie aPanama gleici kelly 7 serie a
Panama gleici kelly 7 serie aEduarda Loyola
 
Oferecida contra o prefeito municipal de itapé
Oferecida contra o prefeito municipal de itapéOferecida contra o prefeito municipal de itapé
Oferecida contra o prefeito municipal de itapéItapé Point
 

Destaque (20)

D2 a004026 dinik_retnowati
D2 a004026 dinik_retnowatiD2 a004026 dinik_retnowati
D2 a004026 dinik_retnowati
 
Messi o ronaldo
Messi o ronaldoMessi o ronaldo
Messi o ronaldo
 
La nasa
La nasaLa nasa
La nasa
 
Presentación tutores 1. cassiani, ma. dolores
Presentación tutores 1. cassiani, ma. doloresPresentación tutores 1. cassiani, ma. dolores
Presentación tutores 1. cassiani, ma. dolores
 
002
002002
002
 
Los derechos del auto daniel
Los derechos del auto danielLos derechos del auto daniel
Los derechos del auto daniel
 
Voto lewandowski-feto-anencefalo
Voto lewandowski-feto-anencefaloVoto lewandowski-feto-anencefalo
Voto lewandowski-feto-anencefalo
 
Ato nº 963 nomeação
Ato nº 963 nomeaçãoAto nº 963 nomeação
Ato nº 963 nomeação
 
Licenciamento - Sistema Integrado para auditagem e fiscalização de mídia exte...
Licenciamento - Sistema Integrado para auditagem e fiscalização de mídia exte...Licenciamento - Sistema Integrado para auditagem e fiscalização de mídia exte...
Licenciamento - Sistema Integrado para auditagem e fiscalização de mídia exte...
 
¿De dónde es?
¿De dónde es?¿De dónde es?
¿De dónde es?
 
Tutorial como insertar
Tutorial como insertarTutorial como insertar
Tutorial como insertar
 
Rama Resume
Rama ResumeRama Resume
Rama Resume
 
Apresentação Grupo Preto
Apresentação Grupo PretoApresentação Grupo Preto
Apresentação Grupo Preto
 
Ato nº 964 convocação
Ato nº 964 convocaçãoAto nº 964 convocação
Ato nº 964 convocação
 
áLbum de fotografías
áLbum de fotografíasáLbum de fotografías
áLbum de fotografías
 
training Nigeria
training Nigeriatraining Nigeria
training Nigeria
 
Besi Cert
Besi CertBesi Cert
Besi Cert
 
Panama gleici kelly 7 serie a
Panama gleici kelly 7 serie aPanama gleici kelly 7 serie a
Panama gleici kelly 7 serie a
 
Paul strand
Paul strandPaul strand
Paul strand
 
Oferecida contra o prefeito municipal de itapé
Oferecida contra o prefeito municipal de itapéOferecida contra o prefeito municipal de itapé
Oferecida contra o prefeito municipal de itapé
 

Semelhante a Lidiane administrativo-fcc-010-agentes publicos-e_lei_8112-90

Semelhante a Lidiane administrativo-fcc-010-agentes publicos-e_lei_8112-90 (20)

Trt lei 8112
Trt   lei 8112Trt   lei 8112
Trt lei 8112
 
Questoes da lei_8.112
Questoes da lei_8.112Questoes da lei_8.112
Questoes da lei_8.112
 
Exercicios rju
Exercicios rjuExercicios rju
Exercicios rju
 
Au 13 luisgustavo
Au 13 luisgustavoAu 13 luisgustavo
Au 13 luisgustavo
 
Au 13 luisgustavo
Au 13 luisgustavoAu 13 luisgustavo
Au 13 luisgustavo
 
Da apostila de direito administrativo esquematizado.pdf inss
Da apostila de direito administrativo esquematizado.pdf inssDa apostila de direito administrativo esquematizado.pdf inss
Da apostila de direito administrativo esquematizado.pdf inss
 
Questões para fixação da lei n 8112
Questões para fixação da lei n 8112Questões para fixação da lei n 8112
Questões para fixação da lei n 8112
 
ei-n-8112
ei-n-8112ei-n-8112
ei-n-8112
 
Exercicios direito adm lei 8112
Exercicios direito adm lei 8112Exercicios direito adm lei 8112
Exercicios direito adm lei 8112
 
Questões para fixação da lei n 8112
Questões para fixação da lei n 8112Questões para fixação da lei n 8112
Questões para fixação da lei n 8112
 
Resumos de legislações
Resumos de legislaçõesResumos de legislações
Resumos de legislações
 
Lei 8112 anotações
Lei 8112   anotaçõesLei 8112   anotações
Lei 8112 anotações
 
Lei complemetar 58
Lei complemetar 58Lei complemetar 58
Lei complemetar 58
 
Estatuto do servidor ponte nova mg
Estatuto do servidor ponte nova mgEstatuto do servidor ponte nova mg
Estatuto do servidor ponte nova mg
 
1500 questões lei 8.112
1500 questões lei 8.1121500 questões lei 8.112
1500 questões lei 8.112
 
Simulado.lei 8112
Simulado.lei 8112Simulado.lei 8112
Simulado.lei 8112
 
Mapa mental da 8112
Mapa mental da 8112Mapa mental da 8112
Mapa mental da 8112
 
Exercícios de fixação lei 8.112
Exercícios de fixação   lei 8.112Exercícios de fixação   lei 8.112
Exercícios de fixação lei 8.112
 
03. questões de lei 8.112 fcc
03. questões de lei 8.112 fcc03. questões de lei 8.112 fcc
03. questões de lei 8.112 fcc
 
8112 cespe - amorim
8112  cespe - amorim8112  cespe - amorim
8112 cespe - amorim
 

Mais de Adriano Lopes

Ato nº 991 sms nomeação 24 10-12
Ato nº 991 sms nomeação 24 10-12Ato nº 991 sms nomeação 24 10-12
Ato nº 991 sms nomeação 24 10-12Adriano Lopes
 
Publicado 15680 2012-10-09_0aabb1d5890e2812f25f129c4ec08639
Publicado 15680 2012-10-09_0aabb1d5890e2812f25f129c4ec08639Publicado 15680 2012-10-09_0aabb1d5890e2812f25f129c4ec08639
Publicado 15680 2012-10-09_0aabb1d5890e2812f25f129c4ec08639Adriano Lopes
 
Lidiane administrativo-fcc-001-administracao publica
Lidiane administrativo-fcc-001-administracao publicaLidiane administrativo-fcc-001-administracao publica
Lidiane administrativo-fcc-001-administracao publicaAdriano Lopes
 

Mais de Adriano Lopes (9)

Ato nº 991 sms nomeação 24 10-12
Ato nº 991 sms nomeação 24 10-12Ato nº 991 sms nomeação 24 10-12
Ato nº 991 sms nomeação 24 10-12
 
D.o. 10 02-2012
D.o. 10 02-2012D.o. 10 02-2012
D.o. 10 02-2012
 
D.o. 10 02-2012
D.o. 10 02-2012D.o. 10 02-2012
D.o. 10 02-2012
 
Publicado 15680 2012-10-09_0aabb1d5890e2812f25f129c4ec08639
Publicado 15680 2012-10-09_0aabb1d5890e2812f25f129c4ec08639Publicado 15680 2012-10-09_0aabb1d5890e2812f25f129c4ec08639
Publicado 15680 2012-10-09_0aabb1d5890e2812f25f129c4ec08639
 
Ato nº 939 sms
Ato nº 939   smsAto nº 939   sms
Ato nº 939 sms
 
Ato nº 939 sms
Ato nº 939   smsAto nº 939   sms
Ato nº 939 sms
 
Ato nº 939 sms
Ato nº 939   smsAto nº 939   sms
Ato nº 939 sms
 
Ato nº 939 sms
Ato nº 939   smsAto nº 939   sms
Ato nº 939 sms
 
Lidiane administrativo-fcc-001-administracao publica
Lidiane administrativo-fcc-001-administracao publicaLidiane administrativo-fcc-001-administracao publica
Lidiane administrativo-fcc-001-administracao publica
 

Lidiane administrativo-fcc-010-agentes publicos-e_lei_8112-90

  • 1. Lidiane Coutinho– Direito Administrativo Curso de Exercícios de Direito Administrativo - FCC MÓDULO 02- AGENTES PÚBLICOS E LEI 8.112/90 01. (FCC- Analista Judiciário-TRT7/2009) Na categoria de servidores públicos incluem-se os a) empregados públicos, os servidores das empresas públicas, os empregados das concessionárias de serviço público. b) servidores estatutários, os servidores temporários, os militares. c) militares, os servidores temporários, os agentes políticos. d) servidores estatutários, os empregados públicos, os servidores temporários. e) servidores estatutários, os servidores das empresas públicas, os servidores temporários. 02. (FCC- Técnico Judiciário- TRT8/2010) Sobre cargo público é correto afirmar: a) Cargo público e emprego público são expressões sinônimas. b) Os cargos públicos são acessíveis aos brasileiros que preencham os requisitos estabelecidos em lei e aos estrangeiros, na forma da lei. c) Cargo em Comissão pode ser provido em caráter permanente. d) Nem todo cargo tem função, mas a toda função corresponde um cargo. e) A criação de cargo pode se feita por decreto do Chefe do Poder Executivo. 03. (FCC- Técnico Judiciário- TRT8/2010) As funções de confiança serão exercidas a) por servidor designado mesmo que não ocupe cargo na Administração Pública. b) preferencialmente por servidores ocupantes de cargo efetivo. c) alternadamente por ocupantes de cargo efetivo e de cargo em comissão. d) exclusivamente por servidores ocupantes de cargo efetivo. 1 http://www.euvoupassar.com.br Eu Vou Passar – e você?
  • 2. e) por servidor aposentado que retorna ao serviço público, sem ocupar cargo. 04. (FCC- Analista Judiciário-TRT8/2010) A Lei nº 8.112/90 estabelece que a reintegração a) quando provido o cargo do servidor estável objeto desta, o seu eventual ocupante será reconduzido ao cargo de origem, sem direito à indenização ou aproveitado em outro cargo, ou ainda, posto em disponibilidade. b) é a investidura do servidor em cargo de atribuições e responsabilidades compatíveis com a limitação que tenha sofrido em sua capacidade física ou mental verificada em inspeção médica. c) será efetivada em cargo de atribuições afins, respeitada a habilitação exigida, nível de escolaridade e equivalência de vencimentos e, na hipótese de inexistência de cargo vago, o servidor exercerá suas atribuições como excedente, até a ocorrência de vaga. d) é o retorno à atividade de servidor aposentado por invalidez, quando junta médica oficial declarar insubsistentes os motivos da aposentadoria. e) é o retorno à atividade de servidor, mediante aproveitamento obrigatório em cargo de atribuições e vencimentos compatíveis com o anteriormente ocupado. 05. (FCC- Técnico Judiciário- TRF4/2010) Dentre outras, NÃO é hipótese de vacância do cargo público a (A) aposentadoria. (B) exoneração. (C) promoção. (D) readaptação. (E) posse em outro cargo acumulável. 06.( FCC- TCE/MG- Téc.Cont. Externo-Economia/2007) De acordo com a Constituição Federal de 1988, o servidor público terá aposentadoria (A) compulsória, aos 60 anos de idade, com proventos proporcionais ao tempo de contribuição. (B) compulsória, aos 70 anos de idade, com proventos integrais, desde que cumpridos ao menos 10 anos de efetivo exercício no serviço público e 5 anos no cargo efetivo em que se dará a aposentadoria. 2 http://www.euvoupassar.com.br Eu Vou Passar – e você?
  • 3. (C) voluntária, aos 30 anos de serviço público, se homem, e aos 25 anos de serviço público, se mulher, com proventos integrais, desde que cumpridos ao menos 5 anos no cargo efetivo em que se dará a aposentadoria. (D) voluntária, aos 60 anos de idade, se homem, e aos 55 anos de idade, se mulher, com proventos proporcionais ao tempo de contribuição, desde que cumpridos ao menos 10 anos de efetivo exercício no serviço público e 5 anos no cargo efetivo em que se dará a aposentadoria. (E) voluntária, aos 65 anos de idade, se homem, e 60 anos de idade, se mulher, com proventos proporcionais ao tempo de contribuição, desde que cumpridos ao menos 10 anos de efetivo exercício no serviço público e 5 anos no cargo efetivo em que se dará a aposentadoria. 07. (FCC- Oficial da Def. Pub- DPE -SP/2010) Em relação ao servidor público ocupante de cargo efetivo pode-se afirmar: a) adquire estabilidade após dois anos de efetivo exercício no cargo. b) perde o cargo em virtude de sentença judicial transitada em julgado ou mediante processo administrativo em que lhe seja assegurada a ampla defesa. c) perde o cargo após dois anos de efetivo exercício e apenas mediante decisão administrativa transitada em julgado. d) adquire estabilidade com a aprovação no concurso público para provimento do cargo. e) perde o cargo por meio de decisão administrativa somente se já adquiriu estabilidade. 08. (FCC- Auxiliar Judiciário- TRT6/2006) Ao entrar em exercício, o servidor nomeado para cargo de provimento efetivo ficará sujeito a estágio probatório por período de (A) 1 (um) ano. (B)3 (três) anos. (C) 18 (dezoito) meses. (D) 24 (vinte e quatro) meses. (E) 180 (cento e oitenta) dias. 09. (FCC- Analista Judiciário- Exec.Mandados- TRF4/2010) Analise: 3 http://www.euvoupassar.com.br Eu Vou Passar – e você?
  • 4. I. O retorno do servidor estável ao cargo anteriormente ocupado e decorrente de inabilitação em estágio probatório relativo a outro cargo ou reintegração do anterior ocupante. II. O deslocamento do servidor a pedido, no âmbito do mesmo quadro, com mudança de sede. Tais situações configuram, respectivamente, (A) transferência e recondução. (B) remoção e transferência. (C) ascenção e reintegração. (D) recondução e remoção. (E) reversão e ascenção. 10. (FCC- Técnico Judiciário- TRF4/2010) Analise: I. A promoção interrompe o tempo de exercício a partir da data da posse do servidor no novo cargo. II. Exercício é o efetivo desempenho das atribuições do cargo público ou da função de confiança. III. Só haverá posse nos casos de provimento de cargo por nomeação. IV. Os servidores cumprirão jornada de trabalho respeitada a duração máxima do trabalho semanal de quarenta e oito horas e observados os limites mínimo e máximo de quatro horas e seis horas diárias, respectivamente. V. O servidor não aprovado no estágio probatório exigido em cargo comissionado, se estável, será reconduzido ao cargo anteriormente ocupado. É correto o que consta APENAS em (A) I, III e IV. (B) I e IV. (C) IV e V. (D) II e III. (E) I, II e V. 11. (FCC- Analista Administrativo-TRT8/2010) Considere as assertivas abaixo, relacionadas ao vencimento e a remuneração do servidor público. 4 http://www.euvoupassar.com.br Eu Vou Passar – e você?
  • 5. I. As faltas justificadas decorrentes de caso fortuito não poderão, em qualquer caso, ser compensadas, não sendo assim consideradas como efetivo exercício. II. Quando o pagamento indevido houver ocorrido no mês anterior ao do processamento da folha, a reposição será feita imediatamente, em uma única parcela. III. O vencimento, a remuneração e o provento não serão objeto de arresto, sequestro ou penhora, exceto nos casos de prestação de alimentos resultante de decisão judicial. IV. É assegurada a isonomia de vencimentos para cargos de atribuições iguais ou assemelhadas do mesmo Poder, ou entre servidores dos três Poderes, ressalvadas as vantagens de caráter individual e as relativas à natureza ou ao local de trabalho. V. Vencimento é a remuneração do cargo efetivo, acrescido das vantagens pecuniárias permanentes estabelecidas em lei. Está correto o que se afirma APENAS em a) I, III e V. b) I e IV. c) I e V. d) II, III e IV. e) II, IV e V. 12. (FCC- Técnico Judiciário-TRE- AC/2010) Quanto aos direitos e vantagens do servidor público civil é certo que, a) as vantagens pecuniárias serão, em qualquer caso, computadas ou acumuladas, para efeito de concessão de quaisquer outros acréscimos pecuniários ulteriores, ainda que sob o mesmo título ou idêntico fundamento. b) o vencimento e a remuneração do cargo efetivo, são redutíveis, não podendo contudo, o servidor receber menos que dois salários mínimos. c) a remuneração e o provento poderão ser, em qualquer caso, objeto de arresto, sequestro ou penhora. d) o servidor em débito com o erário, que for demitido, terá que quitar o débito no ato da exoneração, vedado prazo ou parcelamento da dívida. e) não será concedida ajuda de custo ao servidor que se afastar do cargo, ou reassumi-lo, em virtude de mandato eletivo. 5 http://www.euvoupassar.com.br Eu Vou Passar – e você?
  • 6. 13. (FCC- Técnico Judiciário- TRE-AL-2010) Antonia, servidora pública federal, recebeu R$ 1.000,00 (um mil reais) a título de diárias. Entretanto, atendendo a ordens superiores, não houve necessidade de afastar-se da sede. Nesse caso, no que se refere às diárias, Antonia (A) ficará obrigada a restituí-las, integralmente, no prazo de cinco dias. (B) deverá restituí-las, pela metade, no prazo de cinco dias. (C) não deverá restituí-las, por ter cumprido ordens superiores. (D) poderá compensar um terço do valor como dias trabalhados, mas restituindo o saldo. (E) deverá restituí-las, de imediato, no valor de dois terços e o restante até trinta dias. 14. (FCC- Analista Administrativo-TRT8/2010) Quanto às férias e às licenças do servidor público, considere: I. A critério da Administração, poderão ser concedidas ao servidor ocupante de cargo efetivo ou em estágio probatório, licenças para tratar de assuntos particulares pelo prazo de até três anos consecutivos, com ou sem remuneração. II. O servidor exonerado do cargo efetivo, ou em comissão, perceberá indenização relativa ao período das férias a que tiver direito e ao incompleto, na proporção de um doze avos por mês de efetivo exercício, ou fração superior a quatorze dias. III. As férias poderão ser parceladas em até três etapas, desde que assim requeridas pelo servidor, e no interesse da administração pública. IV. A licença concedida dentro de sessenta dias do término de outra da mesma espécie não será considerada como prorrogação. V. O servidor terá direito a licença, com remuneração, durante o período que mediar entre a sua escolha em convenção partidária, como candidato a cargo eletivo, e a véspera do registro de sua candidatura perante a Justiça Eleitoral. Está correto o que se afirma APENAS em: a) I, III e V. b) I e IV. c) II e III. d) II, IV e V. 6 http://www.euvoupassar.com.br Eu Vou Passar – e você?
  • 7. e) III e V. 15. (FCC- Analista Administrativo- TRT9/2010) Sobre as licenças previstas na Lei n° 8.112/1990, é correto afirmar: a) O servidor terá direito à licença, sem remuneração, para atividade política, durante o período que mediar entre a sua escolha em convenção partidária, como candidato a cargo eletivo, e à véspera do registro de sua candidatura perante a Justiça Eleitoral. b) Concluído o serviço militar, o servidor terá até sessenta dias sem remuneração para reassumir o exercício do cargo. c) A licença por motivo de afastamento do cônjuge pode ser concedida, no máximo, por dois anos consecutivos. d) Após cada triênio de efetivo exercício, o servidor poderá, no interesse da Administração, afastar-se do exercício do cargo efetivo, com a respectiva remuneração, por até três meses, para participar de curso de capacitação profissional. e) Não faz jus à licença por motivo de doença em pessoa da família se a doença for do padrasto ou madrasta do servidor. 16. (FCC- Analista Administrativo- TRT9/2010) Sobre a acumulação prevista na Lei n° 8.112/1990, é correto afirmar: a) Considera-se acumulação proibida a percepção de vencimento de cargo ou emprego público efetivo com proventos da inatividade, salvo quando os cargos de que decorram essas remunerações forem acumuláveis na atividade. b) A proibição de acumular não se estende a cargos, empregos e funções em autarquias, fundações públicas, sociedades de economia mista e empresas públicas da União, dos Estados, dos Territórios e dos Municípios. c) É permitida a acumulação de cargo em comissão com dois cargos efetivos cumuláveis, desde que haja compatibilidade de horários e autorização dos superiores hierárquicos do servidor. d) A acumulação de cargos, sendo lícita, não fica condicionada à comprovação da compatibilidade de horários. e) É proibida a acumulação de dois cargos em comissão, mesmo que um deles seja cargo de confiança interino. 7 http://www.euvoupassar.com.br Eu Vou Passar – e você?
  • 8. 17. (FCC- Analista Jud.- Exec. Mandados- TRT2/2008)Nos termos da Lei no 8.112/90, a pena de advertência será aplicada por escrito, dentre outras hipóteses, quando o agente (A) praticar usura sob qualquer de suas formas. (B) valer-se do cargo para lograr proveito pessoal ou de outrem, em detrimento da dignidade da função pública. (C) receber presente ou vantagem de qualquer espécie, em razão de suas atribuições. (D) coagir ou aliciar subordinados no sentido de filiarem-se a associação profissional ou sindical, ou a partido político. (E) utilizar pessoal ou recursos materiais da repartição em serviços ou atividades particulares. 18. (FCC- Analista Judiciário- TRT7/2009) A pena de suspensão do servidor público, conforme a Lei n° 8.112/90, a) não poderá exceder de cento e vinte dias, salvo na hipótese de abandono de cargo ou improbidade administrativa. b) não poderá ser convertida em pena de multa, salvo no caso de inassiduidade habitual. c) será de até quinze dias, quando injustificadamente, recusar-se a ser submetido a inspeção médica determinada pela autoridade competente. d) terá seu registro suspenso, após o decurso de três anos no cargo, se o servidor não houver nesse período, praticado nova e) infração passível de suspensão. e a ação disciplinar pela prática de crime de corrupção, prescreverão em cinco anos, contados da data do fato. 19. (FCC- Tecnico Administrativo -TRE-AM/2010) A Ação disciplinar prevista na Lei no 8.112/90, prescreverá, dentre outras hipóteses, em a) 24 (vinte e quatro) meses, quanto às infrações puníveis com destituição de cargo em comissão. b) 90 (noventa) dias, quanto à advertência. c) 2 (dois) anos, quanto à suspensão. d) 03 (três) anos, quanto às infrações puníveis com cassação de aposentadoria. e) 180 (cento e oitenta) dias, quanto à disponibilidade. 8 http://www.euvoupassar.com.br Eu Vou Passar – e você?
  • 9. 20. (FCC- Procurador de Contas- TCE-AP/2010) A apuração de infração administrativa disciplinar praticada por servidor público a) independe da instauração de processo criminal para apuração de infração penal, embora possa sofrer repercussão conforme o conteúdo da sentença judicial. b) independe da instauração de procedimento administrativo disciplinar, em razão da informalidade que rege a apuração. c) é feita exclusivamente por meio de procedimento judicial quando se tratar de funcionário público ocupante de cargo efetivo, como decorrência da estabilidade funcional. d) depende da instauração de processo criminal quando houver indícios materiais suficientes de que do mesmo ato possa ter decorrido infração penal. e) é deslocada para a esfera da responsabilidade civil caso do fato imputado ao servidor tenham decorrido danos a terceiros, hipótese em que se aplica, em grau de exclusividade, a norma do artigo 37, parágrafo 6º da Constituição Federal. 9 http://www.euvoupassar.com.br Eu Vou Passar – e você?