Bacia hidrográfica da pampulha

4.156 visualizações

Publicada em

Produzido pelo Consórcio de Recuperação da Bacia da Pampulha para apresentação em palestra.

  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Bacia hidrográfica da pampulha

  1. 1. “Educar é fazer desabrochar ... É ensinar a amar, É preparar para a vida.Educar é promover valores ... É acariciar talentos, É transformar momentos.” Ana Luiza D.A. Mazzini
  2. 2. Bacia Hidrográfica da Pampulha
  3. 3. Bacia Hidrográfica da Pampulha Segundo Barrela (2001) bacia hidrográfica é definida como conjunto de terras drenadas por um rio e seus afluentes Bacia da Pampulha é composta por 44 córregos :  70 % nascem em Contagem  30% nascem em Belo Horizonte Área: 97 km² - população estimada da bacia hoje é de 350.000 habitantes
  4. 4. “As pessoas são como as águas, crescem porque se encontram”
  5. 5. História: CRIAÇÃO: em 1936 na administração do prefeito de Otacílio Negrão de Lima; FINALIDADE: amortecer enchentes e contribuir para o abastecimento da capital. 1940: Projeto de modernização proposto por Juscelino Kubitschek
  6. 6. Criação de quatro grandes obrasarquitetônicas
  7. 7. Criação de quatro grandes obrasarquitetônicas
  8. 8. Lagoa da Pampulha como localde lazer
  9. 9. Problemas Ambientais da Lagoa da Pampulha Processo de urbanização acelerado após 1940; Inícios dos problemas ambientais na bacia da Pampulha; Entre eles:  Assoreamento  Eutrofização  Lixo  Efluentes
  10. 10. AssoreamentoAssoreamento é a obstrução de umcurso d’água por sedimentos, areia oudetritos quaisquer.
  11. 11. Assoreamento Década de 60 Década de 90
  12. 12. Evolução do Assoreamento 1964 1981 2000
  13. 13. Do assoreamento ao ParqueEcológico da Pampulha Se formou com o acúmulo do material sedimentar depositado ao longo dos anos na lagoa da Pampulha.
  14. 14. Do assoreamento ao ParqueEcológico da Pampulha
  15. 15. EutrofizaçãoEm ecologia, chama-se eutrofização ofenômeno causadopelo excesso denutrientes (compostosquímicos ricos emfósforo ou oxigênio)em um corpo d’água,provocando umaumento excessivo dealgas.
  16. 16. Eutrofização
  17. 17. LixoPeixes, capivaras eaves disputamespaço com garrafaspet, cocos verde,linhas de anzóis,pente de cabelo,embalagem deremédio, brinquedosvelhos, cadeiras,sofás, carcaças debichos, entre outros.
  18. 18. Lixo Somente na Lagoa da Pampulha, é retirado diariamente, no período chuvoso, cerca de 20 toneladas de lixo das águas. 20% da população não têm atendimento com regularidade na coleta de lixo; São gerados aproximadamente 750 m3/mês de entulho clandestino.
  19. 19. " O lixo tem um destino, e ele não é arua."
  20. 20. Esgoto Parte da população não possuem coleta de esgoto
  21. 21. Encontro de Águas: Córrego Flor D’água comesgoto interceptado e Córrego Ressacapoluído
  22. 22. O que fazer quanto ao esgoto? ETE - Estação de Tratamento de Esgoto, é a unidade operacional que através de processos físicos, químicos ou biológicos removem as os poluentes do esgoto, devolvendo ao ambiente efluente tratado
  23. 23. FaunaA fauna nativa da Lagoa é bemdiversificada, composta porrepresentantes de todas as classes,incluindo:• insetos• peixes• répteis• aves• mamíferos e• moluscos
  24. 24. BiguásTilápias Garças
  25. 25. Capivaras Jacarés
  26. 26. O que tem sido feito paramelhorar a Bacia da Pampulha? Usinas de Reciclagem de Entulho
  27. 27. O que tem sido feito paramelhorar a Bacia da Pampulha?URPV- Unidade de Recebimento de Pequenos Volumes
  28. 28. O que tem sido feito para melhorar a Bacia da Pampulha?Criação de Aterros Sanitários Ampliação da Coleta Seletiva
  29. 29. O que tem sido feito paramelhorar a Bacia da Pampulha? Mutirão de Limpeza dos Córregos
  30. 30. O que tem sido feito paramelhorar a Bacia da Pampulha? Trabalhos de Percepção Ambiental
  31. 31. O que tem sido feito paramelhorar a Bacia da Pampulha? Monitoramento da Qualidade da Água
  32. 32. CEA - PROPAM Centro de Educação Ambiental da Lagoa da Pampulha do Programa de Recuperação e Desenvolvimento Ambiental da Lagoa da Pampulha Desenvolver trabalhos de Educação, conscientização, percepção e sensibilização ambiental na Bacia da Pampulha.
  33. 33. Planejamento para Pampulha 2014
  34. 34. “Não temos nasnossas mãos assoluções para todosos problemas domundo, mas diante Pampul dede todos os ha D Sproblemas domundo temos asnossas mãos.” (Autor:Friedrich Von Schiller)
  35. 35. CEA-PROPAM Referências Bibliográficas: Consórcio de Recuperação da Bacia da Pampulha: http://www.recuperacaobaciapampulh a.com.br Somos Pampulha: http://somospampulha.org

×