O Que é Aprendizagem?

223 visualizações

Publicada em

O Que é Aprendizagem?

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
223
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O Que é Aprendizagem?

  1. 1. O QUE É APRENDIZAGEM? “Aprendizagem é uma modificação na disposição ou na capacidade do homem, modificação essa que pode ser anulada e que não pode ser simplesmente atribuída ao processo do crescimento.” (Gagné) 1- Características da Aprendizagem  Aprendizagem e mudanças de comportamento. Isto é, quando repetimos comportamentos já realizados anteriormente, não estamos aprendendo. Só há aprendizagem na medida em que houver uma mudança do comportamento.  Aprendizagem e mudança de comportamento resultante da experiência. Quase todos os nossos comportamentos são aprendidos, mas não todos. Há comportamentos que resultam da maturação ou do crescimento de nossos organismos e, portanto, não constituem aprendizagem. Ex.: respiração, digestão e salivação. A realização do processo de aprendizagem depende de três elementos principais: 1- Situação estimuladora: Soma dos três fatores que estimulam os órgãos do sentido da pessoa que aprende. Se houver apenas um fator, este recebe o nome de estímulo. 2- Pessoa que aprende: Indivíduo atingido pela situação estimuladora. Para a aprendizagem são importantes os órgãos dos sentidos, afetados pela situação estimuladora. O sistema nervoso central, que interpreta a estimulação e ordena a ação; e os músculos, que executam a ação. 3- Resposta: ação que resulta da estimulação e da atividade nervosa.
  2. 2. 2- Etapas no Processo Aprendizagem a) Motivação. Sem motivação não há aprendizagem. b) Objetivo. Qualquer pessoa motivada orienta seu comportamento para os objetivos que possam satisfazer suas necessidades. O comportamento é sempre intencional, isto, é orientada para um objetivo que satisfaça alguma necessidade do indivíduo. c) Preparação ou Prontidão. De nada adianta o indivíduo estar motivado, ter objetivo, se não for capaz de atingir esse objetivo para satisfazer suas necessidades. Sendo assim esta etapa compreende três fatores principais: 1- Fisiológicos; maturação dos órgãos do sentido, do sistema nervoso central, músculos. 2- Psicológico; motivação adequada, auto- conceito positivo, etc. 3- Experiências anteriores; qualquer aprendizagem depende de informações, conceitos aprendidos anteriores. d) Obstáculos. Se não houvesse barreiras não haveria necessidades de aprendizagem, pois bastaria o indivíduo repetir comportamentos anteriores. Os obstáculos podem ser de natureza. 1- Social (a mãe proíbe o filho de jogar bola na rua). 2- Psicológico (a criança que estar dividido em estudar ou brincar). 3- Física (um doce que está numa prateleira muito alta). e) Resposta. O indivíduo vai agir de acordo com a interpretação da situação procurando a melhor maneira de vencer o obstáculo. f) Reforço. Quando a pessoa tenta superar o obstáculo até conseguir, a resposta que leva à sofisticação da necessidade é reforçada e, futuramente em situações semelhantes, tende a ser repetidas.
  3. 3. g) Generalização. Consiste em integrar a resposta correta ao repertório de conhecimentos. Ela permite que o indivíduo dê a mesma resposta que levou a êxito diante de uma situação semelhante. A nova aprendizagem passa a fazer parte do indivíduo e vai ser utilizado sempre que necessário. 3 - Tipos de Aprendizagem a) Aprendizagem de sinais. Acontece através da associação de estímulos. Ter simpatias e antipatias, medo de água, chorar com facilidade e outros comportamentos involuntários podem ser resultados de aprendizagem de sinais produzido por condicionamento respondente. b) Estímulo-resposta. Neste caso, a aprendizagem consiste em associar uma resposta a um determinado estímulo, ela estabelece quando a resposta é reforçada. c) Cadeias motoras. Nenhum comportamento existe isoladamente. d) Cadeias verbais. A memorização torna-se mais eficiente quando associamos palavras, formando cadeias, ou seja associação de palavras, frases poesias e etc. e) Aprendizagem de descriminação. Descriminar consiste em dar respostas diferentes a estímulos semelhantes. f) Aprendizagem de conceitos. O indivíduo aprende a dar uma resposta comum, ou seja, a mesma, a estímulos diferentes em vários aspectos. g) Aprendizagem de princípios. É uma cadeia de dois ou mais conceitos. Para aprender um princípio é necessário ter aprendido previamente os conceitos que o formam. h) Soluções de Problemas. Essa é a forma superior de aprendizagem, pois permite a pessoa enfrentar suas dificuldades, solucionar sem problema, mediante a aplicação de princípios conhecidos. Para que possa solucionar os problemas, é necessário que conheça os princípios aplicáveis, seja capaz de lembrar-se deles e de aplicá-los conforme o caso.

×