biofisica som

2.927 visualizações

Publicada em

0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.927
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
53
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

biofisica som

  1. 1. O som
  2. 2. Som <ul><li>O som é produzido por ondas de compressão e descompressão alternadas do ar. As ondas sonoras propagam-se através do ar exatamente da mesma forma que as ondas propagam-se na superfície da água. </li></ul>
  3. 5. Mecanismo da audição <ul><li>A captação do som até sua percepção e interpretação </li></ul><ul><li>transformações de energia - sonora , m ecânica , hidráulica e finalizando com a energia elétrica dos impulsos nervosos que chegam ao cérebro </li></ul>
  4. 7. Tímpano – energia sonora <ul><li>O pavilhão auditivo capta e canaliza as ondas para o canal auditivo e para o tímpano </li></ul><ul><li>O canal auditivo serve como proteção e como amplificador de pressão </li></ul><ul><li>Quando se choca com a membrana timpânica, a pressão e a descompressão alternadas do ar adjacente à membrana provocam o deslocamento do tímpano para trás e para frente.  </li></ul>
  5. 9. Vibração da membrana basilar - as células receptoras do órgão de Corti. O deslocamento da membrana basilar move as células ciliadas que agitam o fluido circundante desta área, havendo deslocamento dos cílios.     
  6. 10. Movimentos de estímulo da células ciliares no sistema coclear, responsável pela transmissão dos sons ao nervo auditivo (coloração vermelha).
  7. 11. <ul><li>As células ciliadas - potencial receptor - liberação de um mediador químico que ativa os sítios receptores no neurônio aferente que está embaixo das células ciliadas e este é despolarizado. </li></ul><ul><li>Na audição normal, as despolarizações do neurônio aferente deflagram pulsos que são levados ao SNC. Quanto maior a energia da onda sonora: </li></ul><ul><li>- maior o movimento da membrana basilar  - maior a despolarização do neurônio aferente     </li></ul>
  8. 13. Medida do som <ul><li>A unidade é Hertz: número de vezes que um período (um ciclo) se repete em um intervalo de tempo, medido em ciclos por segundo (Hertz, Hz). </li></ul><ul><li>. </li></ul>
  9. 14. <ul><li>O homem é capaz de perceber ondas sonoras na freqüência de aproximadamente 16 a 20.000 hertz (ciclos por segundo). Já os cães são capazes de ouvir vibrações sonoras aproximadamente nos limites de 10 a 40.000 hertz. </li></ul>
  10. 15. <ul><li>Audição humana - decibel (dB). </li></ul><ul><li>O nosso limiar de detecção sonora é, por definição, 0dB e quando os sons atingem os 130dB, a sensação torna-se desconfortável e causa dor </li></ul>
  11. 16.   Nível de ruído dB ( A) Máxima exposição diária permissível 85 8 horas 86 7 horas 87 6 horas 88 5 horas 89 4 horas e 30 minutos 90 4 horas 91 3 horas e 30 minutos 92 3 horas 93 2 horas e 40 minutos 94 2 horas e 40 minutos 95 2 horas 96 1 hora e 45 minutos 98 1 hora e 15 minutos 100 1 hora 102 45 minutos 104 35 minutos 105 30 minutos 106 25 minutos 108 20 minutos 110 15 minutos 112 10 minutos 114 8 minutos 115 7 minutos
  12. 17. <ul><li>Certas aranhas conseguem ouvir ondas infrasónicas, permitindo esta capacidade detectar a aproximação de presas ou atacantes. Além de detectarem infra-sons, podem ser sensíveis a ondas sonoras de frequências acima dos 40.000Hz (ultra-sons). </li></ul>
  13. 18. <ul><li>Os golfinhos emitem ultra-sons que lhes permitem encontrar o seu caminho debaixo de água. Alguns são sensíveis a ultrasons de frequências superiores a 120.000Hz. </li></ul>
  14. 19. <ul><li>Os cães detectam sons de freqüências menores e maiores do que as detectadas pelos humanos. Assim, o intervalo da freqüência do som que eles captam é bem maior que a do homem. Com isso, é possível usar apitos ultra-sônicos para comunicar-se com o cão, sem que a pessoa escute. </li></ul>
  15. 20. <ul><li>Muitas espécies de morcegos, essencialmente os que se alimentam de insetos, orientam-se por meio de ultra-sons para apanhar o seu alimento. Os morcegos conseguem ouvir sons com frequências entre 1000Hz e 120.000Hz. </li></ul>
  16. 21. <ul><li>A audição dos gatos é muito apurada e é mais sensível aos sons agudos. Enquanto a frequência de percepção humana vai até aos 20.000Hz, a dos gatos vai de 60Hz até cerca dos 65.000Hz. É por esta razão que os gatos percebem o movimento humano a alguns metros de distância . </li></ul>

×