O Brasil depois de 1945

472 visualizações

Publicada em

Literatura Contemporânea - Concretismo e seus principais representantes

Publicada em: Educação
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
472
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
32
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O Brasil depois de 1945

  1. 1. O Brasil depois de 1945 A literatura contemporânea Embora o que se costuma chamar de “poesia moderna” seja uma coisa multiforme demais, não é excessivo querer descobrir nela um denominador comum: seu espírito de pesquisa formal Prof. Adriana Christinne
  2. 2. As bienais Bienal – exposição internacional que oferece prêmios e muito prestígio, promovida pelo Museu de Arte Moderna. • Os anos 1950 ficaram marcados pelas primeiras bienais. Prof. Adriana Christinne Literatura
  3. 3. • Os princípios do concretismo afastam da arte qualquer conotação lírica ou simbólica. O quadro, construído exclusivamente com elementos plásticos - planos e cores -, não tem outra significação senão ele próprio. Prof. Adriana Christinne Literatura
  4. 4. • INÍCIO • São Paulo, 1956 • Décio Pignatari Augusto de Campos Haroldo de Campos • Revista Noigandres (1953) • Atende ao propósito da sociedade capitalista industrial – Comunicação rápida, imagética. Prof. Adriana Christinne Literatura
  5. 5. • CARACTERÍSTICAS • Trabalha com a forma, com o espaço do papel. • Sem preocupação social • Experimentalismo • O poema transforma-se em objeto visual, valendo-se do espaço gráfico como agente estrutural: uso dos espaços brancos, de recursos tipográficos, etc.; em função disso o poema deverá ser simultaneamente lido e visto. Prof. Adriana Christinne Literatura
  6. 6. • Exige do leitor uma participação ativa • Permite uma leitura múltipla. • Poema = Desafio • Leitor = Co-autor Prof. Adriana Christinne Literatura
  7. 7. Cristal Haroldo de Campos Prof. Adriana Christinne Literatura
  8. 8. Prof. Adriana Christinne Literatura
  9. 9. O termo latino de seu título significa “epitalâmio”, poema ou canto em homenagem aos que se casam. Prof. Adriana Christinne Literatura
  10. 10. Prof. Adriana Christinne Literatura
  11. 11. O Pulsar Augusto de Campos Prof. Adriana Christinne Literatura
  12. 12. Prof. Adriana Christinne Literatura
  13. 13. Prof. Adriana Christinne Literatura
  14. 14. Olho por olho Augusto de Campos 1964 Prof. Adriana Christinne Literatura
  15. 15. Décio Pignatari Prof. Adriana Christinne Literatura
  16. 16. Pós-Tudo Augusto de Campos 1984 Prof. Adriana Christinne Literatura
  17. 17. Prof. Adriana Christinne Literatura
  18. 18. Prof. Adriana Christinne Literatura
  19. 19. Prof. Adriana Christinne Literatura
  20. 20. Prof. Adriana Christinne Literatura
  21. 21. Precursores : Oswald de Andrade e João Cabral Poema-objeto “crise do verso” recursos Acústico Visual Carga semântica Espaço tipográfico Disposição geométrica dos vocábulos na página Prof. Adriana Christinne Literatura
  22. 22. Fatos históricos • Fim do Estado Novo (1945). • Retorno de Getúlio Vargas à presidência (1951-1954). • Mandato de Juscelino Kubitshek (1956-1961). • Fundação de Brasília, nova capital política do país (1960). • Jânio Quadros na presidência (1961). • João Goulart na presidência (1961-março de 1964). Prof. Adriana Christinne Literatura
  23. 23. • Ditadura Militar (1964-1978). • Redemocratização (de 1979 até nossos dias). 1945-1963: PERÍODO DEMOCRÁTICO. • Predominância de modelos políticos populistas. • O nacionalismo como bandeira esquerdizante. • Nacional-desenvolvimento X reação das classes conservadoras. • Interesse pela cultura popular X cosmopolitismo Prof. Adriana Christinne Literatura
  24. 24. 1964-1978: DITADURA MILITAR. • Fim das liberdades democráticas. • Novo modelo econômico: o “milagre brasileiro” (o Estado , as multinacionais e o capital nacional). 1979: Anistia Prof. Adriana Christinne Literatura
  25. 25. OS RUMOS DA POESIA E DA PROSA • A “Geração de 45”; • O Concretismo; • Tradição e ruptura. Prof. Adriana Christinne Literatura
  26. 26. Principais características • Retrocesso em relação às conquistas de 22. • Volta ao passado: revalorização da rima, da métrica, do vocabulário erudito e das referências mitológicas. • Passadismo, academicismo; • Introdução de uma nova cultura internacional nas letras brasileiras Prof. Adriana Christinne Literatura
  27. 27. Os grandes criadores de 45, que retomam e fecundam as experiências desenvolvidas no país • Prosa: João Guimarães Rosa e Clarice Lispector. • Poesia: João Cabral de Melo Neto. • Literatura: constante pesquisa de linguagem + sendo do compromisso entre a arte e realidade, engajamento. Prof. Adriana Christinne Literatura
  28. 28. • Síntese de ambas as gerações: experimentalismo + maturidade artística; nacionalismo + universalismo. • Guimarães Rosa: narrativas mitopoéticas, que resgatam a sutileza do elo entre a fala e o texto literário. • Clarice Lispector: romances e contos introspectivos, que dialogam com as fronteiras do indizível. • João Cabral: poesia que associa compromisso social e precisão arquitetônica, substantiva. Prof. Adriana Christinne Literatura

×