Operação de Sistemas de Potência: Um estudo na Indústria Química de Grande Porte no Estado do Pará André Camarão Ramos Ori...
Indústria Consumo Expansão Motivação
Setor Industrial e Consumo Produção Física e Consumo de Energia Elétrica – 2004 (EPE)
Indústria do Alumínio Mineração Rio do Norte MBP (VALE) ALN ALBRAS
Expansão e Complexidade 1986 1995 2006 2008 ALBRAS MRN ALUNORTE MBP 160000 t 3,35 mi t 345000 t 459000 t 459000 t 1,6 mi t...
Sistemas de Potência
TRANSMISSÃO / SUBTRANSMISSÃO
SIN e Indústrias
Limitações Preços Características Naturais Operações Planejamento Regulamentos Infra-Estrutura
ALUNORTE Um caso de operação
ALUNORTE Utilidades Porto Vermelha Branca
ALN – Diagrama Unifilar
ALUNORTE : Estruturas DISTRIBUIÇÃO, CARGAS e GERAÇÃO
Estruturas de Distribuição <ul><li>Subesta ção Principal </li></ul><ul><li>Demais SE’s </li></ul>
Cargas <ul><li>Caldeiras Elétricas </li></ul>Motores de Indução
Estruturas de Geração TG 01 TG 02 TG 03 2001 2006/2007 1995 30 MVA 7200 rpm 2 X 37,5 MVA 7200 rpm Zero MVA
ALUNORTE: OPERAÇÃO Fator de Potência Geração Industrial Confiabilidade
Fator de Potência Regulamento: 0,98 1 Trafo  60 MVA 11,95 MVAr 2 Trafos  120 MVA 23,89 MVAr 3 Trafos  180 MVA 35,82 MVAr 4...
Geração Industrial FW 250 t/h 26,5  MW TG1 Alstom 1 240 t/h Alstom 2 240 t/h 29,8 MW TG2 29,8 MW TG3 condensado Processo B...
Bombeamento + P ELN
Confiabilidade na Operação
Ilhamento
Confiabilidade <ul><li>Geração Reserva </li></ul>2,43 MVA 5,625 MVA 7,5 MVA 15,55 MVA
Confiabilidade <ul><li>Circuito </li></ul><ul><li>Auxiliar SEs </li></ul>
ALUNORTE: CARGA
Carga 09 a 16 de maio de 2007
Carga 09 a 16 de maio de 2007
CONCLUSÃO
Agradeço a... Obrigado !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Operação de Sistemas de Potência - Um Estudo na Indústria Química de Grande Porte no Estado do Pará

2.035 visualizações

Publicada em

Power System Operation - An overview on a high structured chemical refinery at Pará

Publicada em: Tecnologia, Diversão e humor
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.035
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
27
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
29
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • Operação de Sistemas de Potência - Um Estudo na Indústria Química de Grande Porte no Estado do Pará

    1. 1. Operação de Sistemas de Potência: Um estudo na Indústria Química de Grande Porte no Estado do Pará André Camarão Ramos Orientação: Carminda Carvalho Alex Takashi Yokoyama
    2. 2. Indústria Consumo Expansão Motivação
    3. 3. Setor Industrial e Consumo Produção Física e Consumo de Energia Elétrica – 2004 (EPE)
    4. 4. Indústria do Alumínio Mineração Rio do Norte MBP (VALE) ALN ALBRAS
    5. 5. Expansão e Complexidade 1986 1995 2006 2008 ALBRAS MRN ALUNORTE MBP 160000 t 3,35 mi t 345000 t 459000 t 459000 t 1,6 mi t 4 mi t 6,3 mi t 16,4 mi t 17,8 mi t 18 mi t 9 mi t 5 mi t
    6. 6. Sistemas de Potência
    7. 7. TRANSMISSÃO / SUBTRANSMISSÃO
    8. 8. SIN e Indústrias
    9. 9. Limitações Preços Características Naturais Operações Planejamento Regulamentos Infra-Estrutura
    10. 10. ALUNORTE Um caso de operação
    11. 11. ALUNORTE Utilidades Porto Vermelha Branca
    12. 12. ALN – Diagrama Unifilar
    13. 13. ALUNORTE : Estruturas DISTRIBUIÇÃO, CARGAS e GERAÇÃO
    14. 14. Estruturas de Distribuição <ul><li>Subesta ção Principal </li></ul><ul><li>Demais SE’s </li></ul>
    15. 15. Cargas <ul><li>Caldeiras Elétricas </li></ul>Motores de Indução
    16. 16. Estruturas de Geração TG 01 TG 02 TG 03 2001 2006/2007 1995 30 MVA 7200 rpm 2 X 37,5 MVA 7200 rpm Zero MVA
    17. 17. ALUNORTE: OPERAÇÃO Fator de Potência Geração Industrial Confiabilidade
    18. 18. Fator de Potência Regulamento: 0,98 1 Trafo 60 MVA 11,95 MVAr 2 Trafos 120 MVA 23,89 MVAr 3 Trafos 180 MVA 35,82 MVAr 4 Trafos 240 MVA 47,76 MVAr 5 Trafo 300 MVA 59,7 MVAr
    19. 19. Geração Industrial FW 250 t/h 26,5 MW TG1 Alstom 1 240 t/h Alstom 2 240 t/h 29,8 MW TG2 29,8 MW TG3 condensado Processo Bayer 14,5 kgf 240º C
    20. 20. Bombeamento + P ELN
    21. 21. Confiabilidade na Operação
    22. 22. Ilhamento
    23. 23. Confiabilidade <ul><li>Geração Reserva </li></ul>2,43 MVA 5,625 MVA 7,5 MVA 15,55 MVA
    24. 24. Confiabilidade <ul><li>Circuito </li></ul><ul><li>Auxiliar SEs </li></ul>
    25. 25. ALUNORTE: CARGA
    26. 26. Carga 09 a 16 de maio de 2007
    27. 27. Carga 09 a 16 de maio de 2007
    28. 28. CONCLUSÃO
    29. 29. Agradeço a... Obrigado !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    ×