Missão
Representar, conectar e
fortalecer a atuação do
profissional da
sustentabilidade.
Ser referência como
movimento de profissionais
que atuam decisivamente em
processos e iniciativas com
foco na sustentabili...
Ética
Respeito
Coerência
Comprometimento
Equilíbrio
Valores
OBJETIVOS
Promover ações que busquem o
desenvolvimento sustentável
Representar formalmente os profissionais de
sustentabil...
Participações
em eventos
• Conferência Internacional do Instituto Ethos, com
o tema: “O canal da Abraps sobre a Rio+20 – a...
Realizações
• Agenda mínima Abraps Rio +20
• Pesquisa: Profissionais de Sustentabilidade 2011
• Pesquisa Salarial Abraps –...
Twitter
www.twitter.com/abraps
Facebook
www.facebook.com/abraps
Linkedin
Grupo de discussão - Associação Brasileira
dos Pr...
Associação Brasileira dos
Profissionais de Sustentabilidade
contato@abraps.org.br
ANÁLISE DO PERFIL DO
PROFISSIONAL DE
SUSTENTABILIDADE,
SEGUNDO PESQUISA ABRAPS:
O contexto atual; O profissional; Áreas de...
INFORMAÇÕES
DA PESQUISA
 Data: 2011
 Total de Participantes: 283
O CONTEXTO ATUAL
DO PROFISSIONAL DE SUSTENTABILIDADE
 A sustentabilidade está em foco. As
diversas conferências e encontros
realizados no mundo tornam a
abordagem e o desenvo...
 No Brasil, apesar de sediar eventos
significativos no contexto da
sustentabilidade (como a Eco 92 e
a Rio+20), segundo q...
AS PRINCIPAIS
OPORTUNIDADES/FACILITADORES
PARA ESSES PROFISSIONAIS SÃO:
 Aumento da educação da sociedade em sustentabili...
A PRINCIPAIS DIFICULDADES
ENFRENTADAS SÃO:
 Falta de engajamento dos líderes e da diretoria da
organização/empresa 16%
 ...
 Segundo os próprios profissionais
da área, os temas mais
importantes que englobam a
sustentabilidade são:
PRINCIPAIS DESAFIOS:
 Sensibilização e Mobilização da
sociedade e dos stakeholders que
trabalham dentro das
organizações/...
QUEM SÃO OS PROFISSIONAIS
QUE TRABALHAM COM
SUSTENTABILIDADE
 A maioria dos profissionais:
 40% têm entre 20 e 35 anos
 Mais de 55% são residentes no estado de São Paulo.
GRAU DE INSTRUÇÃO
 Profissionais valorizam e investem na
sua formação e conhecimento teórico.
 Reconhecem a necessidade ...
GRAU DE INSTRUÇÃO
ÁREA DE FORMAÇÃO EM
PÓS-GRADUAÇÃO, ESPECIALIZAÇÃO,
MBA, MESTRADO OU DOUTORADO
AS CARACTERÍSTICAS CONSIDERADAS MAIS
RELEVANTES PARA ESTE PROFISSIONAL SÃO:
 Formação teórica na área 20%
 Atuação em pr...
A IMPORTÂNCIA
DA ESSÊNCIA
 A formação desse profissional, além do
conhecimento teórico e prático, é pautada na
construção...
 Possui boa formação teórica e prática 29%
 Principais áreas de interesse em aperfeiçoamento:
 Gestão de Sustentabilida...
ÁREAS
DE ATUAÇÃO
ONDE TRABALHA O
PROFISSIONAL DE
SUSTENTABILIDADE?
 Setor de Educação 11%
 Outros serviços 31%
 Não respondidas 13%
 Fases da Sustentabilidade em sua empresa:
 Implanta...
NÍVEL DO PROFISSIONAL
DE SUSTENTABILIDADE
NAS EMPRESAS
 Analista Sênior, Pleno e/ou Júnior 9%
 Coordenador, Supervisor o...
AREA EM QUE TRABALHAM
 Sustentabilidade e responsabilidade social 34%
 Comunicação 6%
 Diversos 52%
 Atuam diretamente...
AS PRINCIPAIS FUNÇÕES DOS
DEPARTAMENTOS ONDE ESTE PROFISSIONAL
ATUA SÃO
 Engajamento com stakeholders e projetos sociais ...
EXPECTATIVAS
 Mesmo com grandes desafios
pela frente (como a valorização
do profissional, engajamento de
stakeholders, entre outros) a...
EXPECTATIVAS
 No Brasil, o número de organizações / empresas engajadas
com Sustentabilidade crescerá nos próximos anos:
...
COM RELAÇÃO À ÁREA POLÍTICA
 Apenas 3% dos entrevistados concordam
totalmente que, nas eleições 2014, o tema
desenvolvime...
Sobre a Abraps
ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DOS PROFISSIONAIS DE SUSTENTABILIDADE
 Conhece pouco a Abraps 19%
 Não é associado ...
A Abraps
ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DOS PROFISSIONAIS DE SUSTENTABILIDADE
 É importante ressaltar que o profissional em
susten...
Expectativa com relação a Abraps
 Compartilhar conhecimento sobre a área 17%
 Promover encontros gratuitos entre profiss...
WORKSHOP
 9:00 – 9:20 – contextualização – Quem é o profissional de
sustentabilidade? O que é o movimento pela sustentabi...
PERGUNTAS
 MESA 1
 Que valores e competências o
profissional de sustentabilidade tem que
ter?
 Quais os principais desa...
SÍNTESE DAS DISCUSSÕES
Mesa 1: Que valores e competências o
profissional de sustentabilidade tem que ter?
 Ética e coerência
 Pró-atividade: Se...
Mesa 1:Quais os principais desafios dos
profissionais em empresas, ONGs, governo?
 Planejar e mapear stakeholders
 Focar...
Mesa 2: Que temas deveriam essencialmente
fazer parte do código de ética do profissional
de sustentabilidade?
 Comprometi...
Mesa 2: Que conteúdos falta no mercado e que
a Abraps possa vir a trabalhar?
 Estudo de Tendências
 Gestão de Mudanças
...
Abraps gife analise_profissional_de_sustentabilidade_28mar2014 (2)
Abraps gife analise_profissional_de_sustentabilidade_28mar2014 (2)
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Abraps gife analise_profissional_de_sustentabilidade_28mar2014 (2)

352 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
352
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
7
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Abraps gife analise_profissional_de_sustentabilidade_28mar2014 (2)

  1. 1. Missão Representar, conectar e fortalecer a atuação do profissional da sustentabilidade.
  2. 2. Ser referência como movimento de profissionais que atuam decisivamente em processos e iniciativas com foco na sustentabilidade para a preservação da vida. Visão
  3. 3. Ética Respeito Coerência Comprometimento Equilíbrio Valores
  4. 4. OBJETIVOS Promover ações que busquem o desenvolvimento sustentável Representar formalmente os profissionais de sustentabilidade na defesa de seus interesses, tornando a atividade legítima e reconhecida na sociedade Articular e mobilizar profissionais dedicados ao assunto na sociedade Compartilhar, fomentar e construir conhecimento
  5. 5. Participações em eventos • Conferência Internacional do Instituto Ethos, com o tema: “O canal da Abraps sobre a Rio+20 – a vez e a voz do profissional de sustentabilidade” • Seminário de Responsabilidade Social da FIEMG • Congresso do GIFE 2012 • Sustentar 2012 • HSM ExpoManagement 2011 • EIMA 8 (Encontro Ibero-americano sobre Desenvolvimento Sustentável) 2011 entre outros
  6. 6. Realizações • Agenda mínima Abraps Rio +20 • Pesquisa: Profissionais de Sustentabilidade 2011 • Pesquisa Salarial Abraps – Deloitte 2011 • Descontos em Cursos, Palestras, Seminários e Workshops para Associados • Encontro Nacional dos Profissionais de Sustentabilidade, durante a FiBops na Universidade Anhembi Morumbi 2011/2012
  7. 7. Twitter www.twitter.com/abraps Facebook www.facebook.com/abraps Linkedin Grupo de discussão - Associação Brasileira dos Profissionais de Sustentabilidade http://linkd.in/GFQzM5 Site www.abraps.org.br
  8. 8. Associação Brasileira dos Profissionais de Sustentabilidade contato@abraps.org.br
  9. 9. ANÁLISE DO PERFIL DO PROFISSIONAL DE SUSTENTABILIDADE, SEGUNDO PESQUISA ABRAPS: O contexto atual; O profissional; Áreas de Atuação e Expectativas para o Setor
  10. 10. INFORMAÇÕES DA PESQUISA  Data: 2011  Total de Participantes: 283
  11. 11. O CONTEXTO ATUAL DO PROFISSIONAL DE SUSTENTABILIDADE
  12. 12.  A sustentabilidade está em foco. As diversas conferências e encontros realizados no mundo tornam a abordagem e o desenvolvimento de atividades voltadas a esse tema cada vez mais evidentes, necessárias e urgentes.
  13. 13.  No Brasil, apesar de sediar eventos significativos no contexto da sustentabilidade (como a Eco 92 e a Rio+20), segundo quem trabalha na área, há uma carência em relação ao número de profissionais de sustentabilidade capacitados.
  14. 14. AS PRINCIPAIS OPORTUNIDADES/FACILITADORES PARA ESSES PROFISSIONAIS SÃO:  Aumento da educação da sociedade em sustentabilidade 17%  Carência de profissionais capacitados na área 16%  Crescente comunicação sobre ações nesta área 13%.
  15. 15. A PRINCIPAIS DIFICULDADES ENFRENTADAS SÃO:  Falta de engajamento dos líderes e da diretoria da organização/empresa 16%  Verba reduzida na área 15%  Falta de educação da sociedade em Sustentabilidade e de reconhecimento do profissional de sustentabilidade 10%
  16. 16.  Segundo os próprios profissionais da área, os temas mais importantes que englobam a sustentabilidade são:
  17. 17. PRINCIPAIS DESAFIOS:  Sensibilização e Mobilização da sociedade e dos stakeholders que trabalham dentro das organizações/empresas.  É preciso que as lideranças das organizações:  Dêem mais Importância ao Desenvolvimento Sustentável,  Valorizem mais o Profissional de Sustentabilidade.
  18. 18. QUEM SÃO OS PROFISSIONAIS QUE TRABALHAM COM SUSTENTABILIDADE
  19. 19.  A maioria dos profissionais:  40% têm entre 20 e 35 anos  Mais de 55% são residentes no estado de São Paulo.
  20. 20. GRAU DE INSTRUÇÃO  Profissionais valorizam e investem na sua formação e conhecimento teórico.  Reconhecem a necessidade e importância da experiência e atuação prática em projetos sociais e de sustentabilidade.
  21. 21. GRAU DE INSTRUÇÃO
  22. 22. ÁREA DE FORMAÇÃO EM PÓS-GRADUAÇÃO, ESPECIALIZAÇÃO, MBA, MESTRADO OU DOUTORADO
  23. 23. AS CARACTERÍSTICAS CONSIDERADAS MAIS RELEVANTES PARA ESTE PROFISSIONAL SÃO:  Formação teórica na área 20%  Atuação em processos e iniciativas com foco na sustentabilidade 19%  Bom relacionamento com a liderança / diretoria da organização/empresa 15%.
  24. 24. A IMPORTÂNCIA DA ESSÊNCIA  A formação desse profissional, além do conhecimento teórico e prático, é pautada na construção de valores:  Atitudes mais destacadas:  Ética 29%  Comprometimento 22%
  25. 25.  Possui boa formação teórica e prática 29%  Principais áreas de interesse em aperfeiçoamento:  Gestão de Sustentabilidade e Estratégia de Negócios 13%  Educação para sustentabilidade 11%  Empreendedorismo social e Negócios sociais 9%  Cadeia produtiva e ciclo de negócios 9%  Engajamento de Stakeholders 9% CAPACITAÇÃO
  26. 26. ÁREAS DE ATUAÇÃO
  27. 27. ONDE TRABALHA O PROFISSIONAL DE SUSTENTABILIDADE?
  28. 28.  Setor de Educação 11%  Outros serviços 31%  Não respondidas 13%  Fases da Sustentabilidade em sua empresa:  Implantação 30%  Maturidade (área referência em inovação) 7% ONDE TRABALHA O PROFISSIONAL DE SUSTENTABILIDADE?
  29. 29. NÍVEL DO PROFISSIONAL DE SUSTENTABILIDADE NAS EMPRESAS  Analista Sênior, Pleno e/ou Júnior 9%  Coordenador, Supervisor ou Chefe 8%  Sempre trabalharam com sustentabilidade 16%  Trabalham somente agora na área 35%
  30. 30. AREA EM QUE TRABALHAM  Sustentabilidade e responsabilidade social 34%  Comunicação 6%  Diversos 52%  Atuam diretamente com o tema 61%
  31. 31. AS PRINCIPAIS FUNÇÕES DOS DEPARTAMENTOS ONDE ESTE PROFISSIONAL ATUA SÃO  Engajamento com stakeholders e projetos sociais 20%  Comunicação Organizacional 14%  Adequação às leis ambientais e sociais 13%
  32. 32. EXPECTATIVAS
  33. 33.  Mesmo com grandes desafios pela frente (como a valorização do profissional, engajamento de stakeholders, entre outros) as expectativas do profissional de sustentabilidade em relação ao futuro são bastante positivas. Nesse sentido, as afirmativas de maior consenso são:
  34. 34. EXPECTATIVAS  No Brasil, o número de organizações / empresas engajadas com Sustentabilidade crescerá nos próximos anos:  Concorda ou Concorda totalmente 43%  Na próxima década, o conhecimento da sociedade em relação à Sustentabilidade deve se consolidar e ampliar:  Concorda ou concorda totalmente 41%  As empresas estarão mais conscientes de que a Sustentabilidade afeta de fato os negócios e pode ser tanto uma vantagem competitiva como uma vulnerabilidade em relação aos concorrentes :  Concorda ou concorda totalmente 39%
  35. 35. COM RELAÇÃO À ÁREA POLÍTICA  Apenas 3% dos entrevistados concordam totalmente que, nas eleições 2014, o tema desenvolvimento sustentável será decisivo para as campanhas dos candidatos  17% não concordam nem discordam.
  36. 36. Sobre a Abraps ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DOS PROFISSIONAIS DE SUSTENTABILIDADE  Conhece pouco a Abraps 19%  Não é associado 34%  Se interessa pela associação 17%
  37. 37. A Abraps ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DOS PROFISSIONAIS DE SUSTENTABILIDADE  É importante ressaltar que o profissional em sustentabilidade está cada vez mais em evidência, sendo que o mesmo busca se capacitar e ser valorizado no mercado. Nesse sentido, a Associação Brasileira dos Profissionais de Sustentabilidade tem importância na construção e disseminação de conhecimento sobre o tema, oferecendo cursos de capacitação e aperfeiçoamento profissional, bem como promoção de encontros.
  38. 38. Expectativa com relação a Abraps  Compartilhar conhecimento sobre a área 17%  Promover encontros gratuitos entre profissionais para troca de experiência ou mesa redonda 17%  Organização de eventos na área 15%  Oferta de cursos para capacitação de profissionais 13%
  39. 39. WORKSHOP  9:00 – 9:20 – contextualização – Quem é o profissional de sustentabilidade? O que é o movimento pela sustentabilidade?  9:20 – 9:40 – Discussão em formato World Café – perguntas:  Que valores e competências o profissional de sustentabilidade tem que ter?  Quais os principais desafios dos profissionais em empresas, ONGs, governo?  Que temas deveriam essencialmente fazer parte do código de ética do profissional de sustentabilidade?  Que conteúdos faltam no mercado e que a Abraps possa vir a trabalhar?  9:40 – 10:00 – apresentação da síntese das discussões em cada uma das mesas pelos representantes da Abraps  10:00 – 10:30 – encerramento em formato aquário – Que ideias temos para acelerar o movimento?
  40. 40. PERGUNTAS  MESA 1  Que valores e competências o profissional de sustentabilidade tem que ter?  Quais os principais desafios dos profissionais em empresas, ONGs, governo?  MESA 2  Que temas deveriam essencialmente fazer parte do código de ética do profissional de sustentabilidade?  Que conteúdos falta no mercado e que a Abraps possa vir a trabalhar?
  41. 41. SÍNTESE DAS DISCUSSÕES
  42. 42. Mesa 1: Que valores e competências o profissional de sustentabilidade tem que ter?  Ética e coerência  Pró-atividade: Ser incisivo, ter vontade, resiliência e persistência  Conhecimento: Porta voz da sustentabildiade  Foco em resultados  Comunicação estratégica, clara e transparente entre os diversos públicos – pessoas, empresas e instituições  Desenvoltura para trabalhar em equipes multidisciplinares: Falar a linguagem do executivo, ter versatilidade, ser bom negociador/ mediador  Habilidade para engajar e empoderar: ensinar, capacitar, mobilizar e envolver/pertencer  Conciliar discurso e prática  Comprometimento com políticas de transformação social e desenvolvimento humano efetivas
  43. 43. Mesa 1:Quais os principais desafios dos profissionais em empresas, ONGs, governo?  Planejar e mapear stakeholders  Focar em resultados  Avaliar os impactos das ações, especialmente o intangível  Criar cultura interna: Educar para a sustentabilidade, engajar a alta direção e média gerência  Trabalhar para o todo: Ter padrões, comunicação adequada e evitar sentimentos de interesse  Ter uma política de Sustentabilidade e trabalhar um tema transversal, a partir de uma visão organizacional interna e externa  Entender e disseminar a sustentabilidade como trabalho contínuo e a longo prazo  Sair da atividade-meio para a atividade-fim
  44. 44. Mesa 2: Que temas deveriam essencialmente fazer parte do código de ética do profissional de sustentabilidade?  Comprometimento com Transformação Social  Respeito ao modelo de atuação da organização/empresa  Discurso (tangível) em consonância com ação  Transparência  Diversidade: Compreensão da complexidade de temas e contato com as diversas áreas relacionadas à sustentabilidade  Alteridade  Responsabilidade Diplomática – Compreensão e comunicação estratégica com os diversos atores, instituições e organizações  Equilíbrio: Ética de mercado X ética social e ambiental  Ética como Valor  Inovação
  45. 45. Mesa 2: Que conteúdos falta no mercado e que a Abraps possa vir a trabalhar?  Estudo de Tendências  Gestão de Mudanças  Estratégia para sustentabilidade na Cúpula: Estrutura organizacional X Quebra de paradigmas  Políticas Públicas específicas voltadas ao setor  Redes de Sustentabilidade: Estratégias de introdução, permanência e fortalecimento de Redes (Pol. Públicas X Organizações/Empresas X Sociedade)

×