XVI Congresso Anual da APNEP - Protocolos de Nutrição em UCI: implementação

1.096 visualizações

Publicada em

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.096
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

XVI Congresso Anual da APNEP - Protocolos de Nutrição em UCI: implementação

  1. 1. Abílio Cardoso Teixeira Mestre Ciências da Enfermagem | Vogal de Enfermagem da APNEP | Enfermeiro no Serviço de Cuidados Intensivos 1 do CHP-HSA Coordenador do Grupo de Trabalho de Enfermagem da APNEP | Coordenador do Grupo de Trabalho “Prática Baseada na Evidência” do SCI
  2. 2. Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira Serviço de Cuidados Intensivos 1 Conselho de Administração Departamentos/Serviços Clínicos Centro de Cirurgia de Ambulatório Centro de Transplantação Centro Materno Infantil DACIE (…) Área de gestão e logística Dep. da Qualidade S. Gestão de Recursos Humanos Serviço de Gestão de doentes (…) Serviços de suporte à prestação de cuidados Serviços Farmacêuticos Serviço Social Serviço de Nutrição e Alimentação (…) Ensino, formação e investigação GCC Transplantação
  3. 3. Enfermeiro Especialista Enfermagem Reabilitação (3) Equipas Equipa A Chefe equipa: Enf. Especialista em Enfermagem Médico-Cirúrgica Equipa B Chefe equipa: Enf. Especialista em Enfermagem Médico-Cirúrgica Equipa C Chefe equipa: Enf. Especialista em Enfermagem Médico-Cirúrgica Equipa D Chefe equipa: Enf. Especialista em Enfermagem Médico-Cirúrgica Equipa E Chefe equipa: Enf. Especialista em Enfermagem Médico-Cirúrgica Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira Serviço de Cuidados Intensivos 1 Grupos de Trabalho
  4. 4. Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira Serviço de Cuidados Intensivos 1 Margarida Oliveira | Abílio Cardoso Teixeira | Ana Isabel Costa | André Maia
  5. 5. Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira Serviço de Cuidados Intensivos 1 Educação?Formação?
  6. 6. Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira O que se irá abordar? 1. Nutrição Artificial: conceitos chave 2. Protocolos: redução do erro e/ou limitação da autonomia? 3. Nutrição Entérica 4. A realidade no SCI1: não somos perfeitos!
  7. 7. Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira Nutrição Artificial: conceitos chave 1 2 3 4
  8. 8. Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira Nutrição Artificial: conceitos chave 1 2 3 4
  9. 9. Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira Nutrição Artificial: conceitos chave % clientes admitidos em unidades hospitalares: risco de desnutrição (Pedersen, Tewes & Bjerrum, 2011) 1 2 3 4
  10. 10. Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira Nutrição Artificial: conceitos chave 1 2 3 4
  11. 11. Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira Nutrição Artificial: conceitos chave Cliente em UCI com pobre estado nutricional, comummente experiencia (ICSI, 2012; Hegazi e Wischmeyer, 2011): disfunção imunitária; fraqueza dos musculos respiratórios; baixa capacidade ventilatória; alterações coagulação; baixa tolerância GI; atraso cicatrização. 1 2 3 4
  12. 12. Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira Nutrição Artificial: conceitos chave Kim, H; Stotts, NA; Froelicher, ES; Engler, ME; Porter, C; Kwak, H (2012) Adequacy of early enteral nutrition in adult patients in the intensive care unit. Journal of Clinical Nursing, 21, 2860–2869 1 2 3 4
  13. 13. Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira Nutrição Artificial: conceitos chave Há um claro papel para os enfermeiros que irão auxiliar na redução da prevalência de desnutrição hospitalar, mas a implementação bem-sucedida só pode ocorrer com o apoio da equipa multidisciplinar. Jefferies, D.; Johnson, J.; Ravens, J. (2011). Nurturing and nourishing: the nurses’ role in nutritional care. Journal of Clinical Nursing, 20, 317–330 317 doi: 10.1111/j.1365- 2702.2010.03502.x 1 2 3 4
  14. 14. Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira Nutrição Artificial: conceitos chave 84% enfermeiros: plano nutricional deve constar do plano de cuidados 39%: dificuldade em estabelecer um adequado plano de cuidados 79%: expressam necessidade de normas de orientação específicas Atitude do enfermeiro perante a nutrição: indiferente ou negativa. Bjerrum, M., Tewes, M., Pedersen, P. (2012). Nurses’ self-reported knowledge about and attitude to nutrition – before and after a training programme. Scandinavian Journal of Caring Sciences, 26(1). 81-9. 1 2 3 4 No entanto…
  15. 15. Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira Nutrição Artificial: conceitos chave Diversos estudos demonstram que o enfermeiro tem conhecimentos inadequados sobre nutrição. 1 2 3 4 … e para além disto:
  16. 16. Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira Nutrição Artificial: conceitos chave 1 2 3 4 RESPOSTA CERTA: no fim da apresentação!
  17. 17. Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira Protocolos: redução do erro e/ou limitação da autonomia? 1 2 3 4 Normas de orientação clínica baseadas na evidência em cuidados intensivos são úteis para suportar decisões clínicas (Marshall et al., 2012)
  18. 18. Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira Protocolos: redução do erro e/ou limitação da autonomia? Rauen et al. (2008) 1 2 3 4
  19. 19. Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira Protocolos: redução do erro e/ou limitação da autonomia? Normas de orientação clínica baseadas na evidência em cuidados intensivos são úteis para suportar decisões clínicas 1 2 3 4
  20. 20. Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira Protocolos: redução do erro e/ou limitação da autonomia? 1 2 3 4 Escolhas compartilhadas; Fornecer suporte nutricional: as directrizes auxiliam na melhora da entrega e redução das complicações; Orientar as decisões práticas dentro da equipa; Reduzir as variações na prática; Melhorar a qualidade.
  21. 21. Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira Protocolos em uso no SC1: Nutrição Entérica 1 2 3 4
  22. 22. Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira Nutrição Entérica Nutrição Parentérica mantem integridade da mucosa intestinal. Associada a:  mortalidade;  infeção;  tempo de internamento melhor relação custo/ beneficio associada a hiperglicemia (pior prognóstico) Inicio precoce de NE vs Inicio precoce de NP: sem alterações na mortalidade.  infeção e outras complicações (quando NP isoladamente) 1 2 3 4 Protocolos em uso no SC1: Nutrição Entérica
  23. 23. Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira Avaliação nutricional Monitorização do risco de desnutrição Nutrição Entérica não deve ser administrada a doentes que não estejam desnutridos ou em risco, que não tenham inadequada ou insegura ingestão oral (Nível de evidência = A) Doentes desnutridos ou em risco de desnutrição; com inadequada ou insegura ingestão oral, com o trato GI disponível: administrar NA, por via entérica (Nível de evidência = B) Dever-se-á atingir o objetivo calórico entre as 48h-72h. Avaliação do residuo gástrico: aceitam-se volumes até 500 mL (de forma a otimizar a demanda) Indivíduos com risco nutricional e risco de UP: oferecer suplementos nutricionais hiperproteicos Lavagem da sonda com 30 mL água: 4/4h (durante nutrição contínua) antes e após a administração intermitente após avaliação VRG 1 2 3 4 Protocolos em uso no SC1: Nutrição Entérica
  24. 24. Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira 1 2 3 4 Protocolos em uso no SC1: Nutrição Entérica
  25. 25. 1 2 3 4
  26. 26. Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira Algoritmo de atuação: volume residual gástrico 1 2 3 4 Protocolos em uso no SC1: Nutrição Entérica
  27. 27. Realidade: Rotinas, Estrutura física, Cultura organizacional, Recursos, Equipa Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira Levantamento de Necessidades Identificação dos Problemas Definição dos objectivos Implementação 1 2 3 4 Protocolos em uso no SC1: Nutrição Entérica Formação Estratégias facilitadoras Auditorias Avaliação das medidas
  28. 28. Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira 1 2 3 4 Protocolos em uso no SC1: Nutrição Entérica
  29. 29. Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira A realidade no SCI: não somos perfeitos! Sendo importante medir os resultados, é igualmente importante monitorizar o processo (Fulbrook & Mooney, 2003) e a adesão ao mesmo. 1 2 3 4
  30. 30. Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira A realidade no SCI: não somos perfeitos! 1 2 3 4
  31. 31. Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira A realidade no SCI: não somos perfeitos! 1 2 3 4
  32. 32. Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira A realidade no SCI: não somos perfeitos! Avaliação do peso Diferenças entre prescrito e administrado Paragens desnecessárias e prolongadas Lavagem da sonda Não cumprimento, sem razão plausível, do protocolo e/ ou algoritmo de atuação Administração de fármacos por sonda Pesquisa de insulina e insulinoterapia Administração de suplementos a individuos com (ou em risco de) UP 1 2 3 4
  33. 33. Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira A realidade no SCI: não somos perfeitos! 1 2 3 4
  34. 34. Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira A realidade no SCI: não somos perfeitos! Espírito crítico da equipa Grupo de trabalho Liderança Formação consoante as necessidades Auditorias 1 2 3 4
  35. 35. Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira A realidade no SCI: não somos perfeitos! 1 2 3 4
  36. 36. Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira A realidade no SCI: não somos perfeitos! 1 2 3 4
  37. 37. Abílio Cardoso Teixeira abilio.cardosoteixeira@gmail.com | slideshare/abiliocardosoteixeira A realidade no SCI: não somos perfeitos! 1 2 3 4
  38. 38. Quantas calorias tem um litro de NaCl 0,9% 100 90 200 900

×