SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 32
Baixar para ler offline
Uma professora de Nova York decidiu honrar cada um dos seus alunos que estavam para se graduar no colégio, falando-lhes da marca que cada um deles tinha deixado.
Chamou cada um dos estudantes à frente da classe, um a um. Primeiro, contou a cada um como tinham deixado marca na vida dela e na da turma.
Então presenteou cada um, com uma faixa azul, impressa com letras douradas, na qual se lia, “ Quem sou faz a diferença .”
 
Por fim, a mestra decidiu fazer um projecto de aula para ver o impacto que o reconhecimento teria na comunidade.
Deu a cada aluno mais três faixas azuis e pediu-lhes que levassem adiante esta  cerimónia de reconhecimento. E que deveriam acompanhar os resultados, ver quem premiou quem, e informar à turma no final de uma semana.
Um dos alunos foi ver um jovem executivo  de uma indústria próxima e premiou-o por tê-lo ajudado com o planeamento de sua carreira. Deu-lhe uma faixa azul, e colou-a na sua camisa.
Em seguida deu-lhe as duas faixas extras e lhe disse:  “Estamos fazendo na aula   um projecto de... ‘reconhecimento’, e gostaríamos que você encontrasse alguém a quem premiar e lhe desse uma faixa azul.”
Mais tarde, nesse mesmo dia, o jovem executivo foi ver o seu chefe que tinha reputação de ser uma pessoa amargurada, e disse-lhe que o admirava profundamente por ser um génio criativo.
O chefe pareceu ficar muito surpreendido. Então o jovem executivo perguntou-lhe se ele aceitaria o presente da faixa azul e se lhe dava permissão de colocá-la na sua camisa.
O chefe disse:  “Bem…claro!”  Então o  jovem executivo pegou uma das faixas azuis e colocou-a no casaco do chefe, bem sobre o seu coração…
… e oferecendo-lhe a última faixa, perguntou:  “Poderia pegar nesta  faixa extra e passá-la a alguém mais a quem queira premiar?”
“ O estudante que me deu estas faixas está  fazendo um projecto de aula, e queremos continuar esta cerimónia de reconhecimento para ver como vai afectar as pessoas.”
Nessa noite, o chefe chegou a casa, sentou- se com o seu filho de 14 anos, e disse-lhe:  “Hoje aconteceu-me algo incrível!”
“… estava no meu escritório e um de meus empregados veio e disse-me que me admirava; então deu-me uma faixa azul por me considerar um génio criativo.”
“ Imagina! Ele pensa que eu sou um génio criativo! Logo me pôs uma faixa azul que diz: ‘ “ Quem sou faz a diferença .”
“ Deu-me uma faixa extra e pediu-me que encontrasse alguém mais a quem premiar. Quando eu estava conduzindo para casa esta  noite, comecei a pensar a quem  poderia premiar com esta faixa, e pensei em ti. Quero premiar a ti.”
“ Meus dias são muito agitados  e quando venho para casa, não te dou muita atenção; grito contigo por não tirares boas notas  e pela desordem no teu quarto…”
“ Por isso, esta noite, só quero sentar-me aquí e …bem!… dizer-te que és muito importante para mim.”
“ Tu és a pessoa mais importante na minha vida. És um grande garoto e amo-te muito!”
O garoto surpreendido começou a soluçar e a chorar, e não conseguia parar. Todo o seu corpo tremia.
Olhou para seu pai e entre lágrimas disse-lhe:  “Papai, momentos atrás sentei-me no  meu  quarto e escrevi uma carta para ti e para  mamãe, explicando porque iria tirar a minha vida, e lhes pedia que me perdoassem.”
“ Ía-me suicidar esta noite depois de vocês terem  adormecido. Eu pensava que  vocês não se importavam comigo.”
“ A carta está lá em cima, mas não creio que eu vá precisar dela, depois de tudo o que conversámos.”
Seu pai subiu ao segundo piso e encontrou a carta, sincera e cheia de angústia e dor.
 
No dia seguinte, o chefe regressou ao trabalho totalmente modificado. Já não estava amargurado, e empenhou-se em fazer todos os seus empregados saberem que cada um deles faz a diferença.
Por outro lado, o jovem executivo ajudou muitos outros jovens a planearem as suas carreiras, inclusive o filho do chefe,  e nunca se esqueceu de recordar-lhes que  eles deixavam marcas na sua vida.
Ainda mais, o jovem e seus companheiros de classe aprenderam uma lição muito valiosa.
“ Quem és faz a diferença .”
[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object]

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados (10)

DEIXE SUA MARCA
DEIXE SUA MARCADEIXE SUA MARCA
DEIXE SUA MARCA
 
Quem sou deixa marca
Quem sou deixa marcaQuem sou deixa marca
Quem sou deixa marca
 
Quem sou deixa marca
Quem sou deixa marcaQuem sou deixa marca
Quem sou deixa marca
 
Quem sou deixa marca
Quem sou deixa marcaQuem sou deixa marca
Quem sou deixa marca
 
Quem sou deixa marca
Quem sou deixa marcaQuem sou deixa marca
Quem sou deixa marca
 
Quem sou deixa_marca
Quem sou deixa_marcaQuem sou deixa_marca
Quem sou deixa_marca
 
Quem sou deixa marca
Quem sou deixa marcaQuem sou deixa marca
Quem sou deixa marca
 
Quem sou deixa marca
Quem sou deixa marcaQuem sou deixa marca
Quem sou deixa marca
 
Caso Verídico
Caso VerídicoCaso Verídico
Caso Verídico
 
Quem sou deixa_marca.pps
Quem sou deixa_marca.ppsQuem sou deixa_marca.pps
Quem sou deixa_marca.pps
 

Destaque

Artes recreação e criatividade
Artes recreação e criatividadeArtes recreação e criatividade
Artes recreação e criatividadejugegi
 
O ARTESANATO COMO MEIO DE RESSOCIALIZAÇÃO PARA OS REEDUCANDOS DA PENITENCIÁRI...
O ARTESANATO COMO MEIO DE RESSOCIALIZAÇÃO PARA OS REEDUCANDOS DA PENITENCIÁRI...O ARTESANATO COMO MEIO DE RESSOCIALIZAÇÃO PARA OS REEDUCANDOS DA PENITENCIÁRI...
O ARTESANATO COMO MEIO DE RESSOCIALIZAÇÃO PARA OS REEDUCANDOS DA PENITENCIÁRI...Vis-UAB
 
Artes, saberes e sabores final
Artes, saberes e sabores finalArtes, saberes e sabores final
Artes, saberes e sabores finalcarlasalgueiro
 
Projeto
ProjetoProjeto
Projetoklemtz
 
Portfólio Carol Mendoza
Portfólio Carol MendozaPortfólio Carol Mendoza
Portfólio Carol MendozaCarol Mendoza
 
Guia de geração de trabalho e renda
Guia de geração de trabalho e rendaGuia de geração de trabalho e renda
Guia de geração de trabalho e rendaHERLLSON CUNHA
 
A Educação Patrimonial na Escola Nanzio Magalhães
A Educação Patrimonial na Escola Nanzio Magalhães A Educação Patrimonial na Escola Nanzio Magalhães
A Educação Patrimonial na Escola Nanzio Magalhães Vis-UAB
 
Projeto Arte e Cultura na Interação com Crianças e Adolescentes
Projeto Arte e Cultura na Interação com Crianças e AdolescentesProjeto Arte e Cultura na Interação com Crianças e Adolescentes
Projeto Arte e Cultura na Interação com Crianças e AdolescentesArte Despertar
 
Estágio Supervisionado em Artes Visuais-3
Estágio Supervisionado em Artes Visuais-3Estágio Supervisionado em Artes Visuais-3
Estágio Supervisionado em Artes Visuais-3Suzy Nobre
 
“Projeto de higiene pessoal e prevenção de doenças” Rotaract Club, Escola Eunice
“Projeto de higiene pessoal e prevenção de doenças” Rotaract Club, Escola Eunice“Projeto de higiene pessoal e prevenção de doenças” Rotaract Club, Escola Eunice
“Projeto de higiene pessoal e prevenção de doenças” Rotaract Club, Escola EuniceSeduc MT
 
Atividades oficina pedagógica
Atividades oficina pedagógicaAtividades oficina pedagógica
Atividades oficina pedagógicazilmapae
 
A presença da arte na educação infantil
A presença da arte na educação infantilA presença da arte na educação infantil
A presença da arte na educação infantilLuziete Leite
 
Prinart. Projeto Interdisciplinar de Arte na Escola
Prinart. Projeto Interdisciplinar de Arte na EscolaPrinart. Projeto Interdisciplinar de Arte na Escola
Prinart. Projeto Interdisciplinar de Arte na EscolaSeduc MT
 
A princesa baixinha power point
A princesa baixinha   power pointA princesa baixinha   power point
A princesa baixinha power pointlabeques
 
Projeto interdisciplinar arte e educação
Projeto interdisciplinar arte e educaçãoProjeto interdisciplinar arte e educação
Projeto interdisciplinar arte e educaçãoRaquel Barboza
 

Destaque (20)

Oficinas de artes
Oficinas de artesOficinas de artes
Oficinas de artes
 
Artes recreação e criatividade
Artes recreação e criatividadeArtes recreação e criatividade
Artes recreação e criatividade
 
O ARTESANATO COMO MEIO DE RESSOCIALIZAÇÃO PARA OS REEDUCANDOS DA PENITENCIÁRI...
O ARTESANATO COMO MEIO DE RESSOCIALIZAÇÃO PARA OS REEDUCANDOS DA PENITENCIÁRI...O ARTESANATO COMO MEIO DE RESSOCIALIZAÇÃO PARA OS REEDUCANDOS DA PENITENCIÁRI...
O ARTESANATO COMO MEIO DE RESSOCIALIZAÇÃO PARA OS REEDUCANDOS DA PENITENCIÁRI...
 
Artes, saberes e sabores final
Artes, saberes e sabores finalArtes, saberes e sabores final
Artes, saberes e sabores final
 
Projeto
ProjetoProjeto
Projeto
 
Portfólio Carol Mendoza
Portfólio Carol MendozaPortfólio Carol Mendoza
Portfólio Carol Mendoza
 
Guia de geração de trabalho e renda
Guia de geração de trabalho e rendaGuia de geração de trabalho e renda
Guia de geração de trabalho e renda
 
A Educação Patrimonial na Escola Nanzio Magalhães
A Educação Patrimonial na Escola Nanzio Magalhães A Educação Patrimonial na Escola Nanzio Magalhães
A Educação Patrimonial na Escola Nanzio Magalhães
 
Projeto Arte e Cultura na Interação com Crianças e Adolescentes
Projeto Arte e Cultura na Interação com Crianças e AdolescentesProjeto Arte e Cultura na Interação com Crianças e Adolescentes
Projeto Arte e Cultura na Interação com Crianças e Adolescentes
 
Estágio Supervisionado em Artes Visuais-3
Estágio Supervisionado em Artes Visuais-3Estágio Supervisionado em Artes Visuais-3
Estágio Supervisionado em Artes Visuais-3
 
“Projeto de higiene pessoal e prevenção de doenças” Rotaract Club, Escola Eunice
“Projeto de higiene pessoal e prevenção de doenças” Rotaract Club, Escola Eunice“Projeto de higiene pessoal e prevenção de doenças” Rotaract Club, Escola Eunice
“Projeto de higiene pessoal e prevenção de doenças” Rotaract Club, Escola Eunice
 
Atividades oficina pedagógica
Atividades oficina pedagógicaAtividades oficina pedagógica
Atividades oficina pedagógica
 
Auto estima.ppt 2014 (hj)
Auto estima.ppt 2014 (hj)Auto estima.ppt 2014 (hj)
Auto estima.ppt 2014 (hj)
 
A presença da arte na educação infantil
A presença da arte na educação infantilA presença da arte na educação infantil
A presença da arte na educação infantil
 
Projeto de artes
Projeto de artesProjeto de artes
Projeto de artes
 
Prinart. Projeto Interdisciplinar de Arte na Escola
Prinart. Projeto Interdisciplinar de Arte na EscolaPrinart. Projeto Interdisciplinar de Arte na Escola
Prinart. Projeto Interdisciplinar de Arte na Escola
 
A princesa baixinha power point
A princesa baixinha   power pointA princesa baixinha   power point
A princesa baixinha power point
 
Projeto interdisciplinar arte e educação
Projeto interdisciplinar arte e educaçãoProjeto interdisciplinar arte e educação
Projeto interdisciplinar arte e educação
 
Projeto tarsila
Projeto tarsilaProjeto tarsila
Projeto tarsila
 
Autoestima
AutoestimaAutoestima
Autoestima
 

Semelhante a Reconhecimento salva vidas

Quem sou deixa marca
Quem sou deixa marcaQuem sou deixa marca
Quem sou deixa marcaaipaf
 
Quem sou deixa marca
Quem sou deixa marcaQuem sou deixa marca
Quem sou deixa marcaFer Sp
 
Quem sou deixa_marca
Quem sou deixa_marcaQuem sou deixa_marca
Quem sou deixa_marcamaria joana
 
Quem sou deixa marca2
Quem sou deixa marca2Quem sou deixa marca2
Quem sou deixa marca2Misterio2010
 
Quem sou deixa marca2
Quem sou deixa marca2Quem sou deixa marca2
Quem sou deixa marca2Misterio2010
 
Quemsoudeixamarca 100928080208-phpapp02 (1)
Quemsoudeixamarca 100928080208-phpapp02 (1)Quemsoudeixamarca 100928080208-phpapp02 (1)
Quemsoudeixamarca 100928080208-phpapp02 (1)Aldo Cioffi
 
Quem sou deixa_marca
Quem sou deixa_marcaQuem sou deixa_marca
Quem sou deixa_marcaRui Almeida
 
Caso Verídico
Caso VerídicoCaso Verídico
Caso VerídicoWeb Master
 
Quem sou deixa marca
Quem sou deixa marcaQuem sou deixa marca
Quem sou deixa marcadiacmiguel
 
Programa fernando namora 2010 - 11
Programa fernando namora 2010  - 11Programa fernando namora 2010  - 11
Programa fernando namora 2010 - 11serparacrescer
 
ATIVIDADES DE ACOLHIMENTO SOCIOEMOCIONAL.pptx
ATIVIDADES DE ACOLHIMENTO SOCIOEMOCIONAL.pptxATIVIDADES DE ACOLHIMENTO SOCIOEMOCIONAL.pptx
ATIVIDADES DE ACOLHIMENTO SOCIOEMOCIONAL.pptxMarlanearruda
 
Quem Eu Sou Faz A DiferençA
Quem Eu Sou Faz A DiferençAQuem Eu Sou Faz A DiferençA
Quem Eu Sou Faz A DiferençAJNR
 

Semelhante a Reconhecimento salva vidas (20)

Quem sou deixa marca
Quem sou deixa marcaQuem sou deixa marca
Quem sou deixa marca
 
Quem sou deixa marca
Quem sou deixa marcaQuem sou deixa marca
Quem sou deixa marca
 
Quem sou deixa marca
Quem sou deixa marcaQuem sou deixa marca
Quem sou deixa marca
 
Quem sou deixa_marca
Quem sou deixa_marcaQuem sou deixa_marca
Quem sou deixa_marca
 
Quem sou deixa marca2
Quem sou deixa marca2Quem sou deixa marca2
Quem sou deixa marca2
 
Quem sou deixa marca2
Quem sou deixa marca2Quem sou deixa marca2
Quem sou deixa marca2
 
Faça a diferença
Faça a diferençaFaça a diferença
Faça a diferença
 
Quemsoudeixamarca 100928080208-phpapp02 (1)
Quemsoudeixamarca 100928080208-phpapp02 (1)Quemsoudeixamarca 100928080208-phpapp02 (1)
Quemsoudeixamarca 100928080208-phpapp02 (1)
 
Quem sou deixa_marca
Quem sou deixa_marcaQuem sou deixa_marca
Quem sou deixa_marca
 
Quem sou deixa_marca
Quem sou deixa_marcaQuem sou deixa_marca
Quem sou deixa_marca
 
Caso Verídico
Caso VerídicoCaso Verídico
Caso Verídico
 
Quem sou deixa_marca
Quem sou deixa_marcaQuem sou deixa_marca
Quem sou deixa_marca
 
Quem sou deixa marca
Quem sou deixa marcaQuem sou deixa marca
Quem sou deixa marca
 
Quem sou faz a diferença
Quem sou faz a diferençaQuem sou faz a diferença
Quem sou faz a diferença
 
Programa fernando namora 2010 - 11
Programa fernando namora 2010  - 11Programa fernando namora 2010  - 11
Programa fernando namora 2010 - 11
 
ATIVIDADES DE ACOLHIMENTO SOCIOEMOCIONAL.pptx
ATIVIDADES DE ACOLHIMENTO SOCIOEMOCIONAL.pptxATIVIDADES DE ACOLHIMENTO SOCIOEMOCIONAL.pptx
ATIVIDADES DE ACOLHIMENTO SOCIOEMOCIONAL.pptx
 
A fita azul
A fita azulA fita azul
A fita azul
 
Quem eu
Quem  euQuem  eu
Quem eu
 
Fita azul
Fita azulFita azul
Fita azul
 
Quem Eu Sou Faz A DiferençA
Quem Eu Sou Faz A DiferençAQuem Eu Sou Faz A DiferençA
Quem Eu Sou Faz A DiferençA
 

Mais de Alexandre Guerreiro (10)

Letonia Amatciems
Letonia AmatciemsLetonia Amatciems
Letonia Amatciems
 
Zeepracht
ZeeprachtZeepracht
Zeepracht
 
Are+you+happy
Are+you+happyAre+you+happy
Are+you+happy
 
Indian spirituality
Indian spiritualityIndian spirituality
Indian spirituality
 
Posso ser feliz
Posso ser felizPosso ser feliz
Posso ser feliz
 
Eu aceito ou...
Eu aceito ou...Eu aceito ou...
Eu aceito ou...
 
A coisa mais linda do mundo
A coisa mais linda do mundoA coisa mais linda do mundo
A coisa mais linda do mundo
 
20 verdades som
20 verdades som20 verdades som
20 verdades som
 
13pontesparaavida 0 (1) 0
13pontesparaavida 0 (1) 013pontesparaavida 0 (1) 0
13pontesparaavida 0 (1) 0
 
O silencio da alma
O silencio da almaO silencio da alma
O silencio da alma
 

Último

Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoCelianeOliveira8
 
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLinguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLaseVasconcelos1
 
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileirosMary Alvarenga
 
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxRevolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxHlioMachado1
 
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptxErivaldoLima15
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxJMTCS
 
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?MrciaRocha48
 
A população Brasileira e diferença de populoso e povoado
A população Brasileira e diferença de populoso e povoadoA população Brasileira e diferença de populoso e povoado
A população Brasileira e diferença de populoso e povoadodanieligomes4
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas BrasileirosMary Alvarenga
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...nexocan937
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxGislaineDuresCruz
 
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.HildegardeAngel
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbyasminlarissa371
 
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxFree-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxkarinasantiago54
 
Geometria 5to Educacion Primaria EDU Ccesa007.pdf
Geometria  5to Educacion Primaria EDU  Ccesa007.pdfGeometria  5to Educacion Primaria EDU  Ccesa007.pdf
Geometria 5to Educacion Primaria EDU Ccesa007.pdfDemetrio Ccesa Rayme
 
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxconcelhovdragons
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAlexandreFrana33
 
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxEVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxHenriqueLuciano2
 
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxDeyvidBriel
 

Último (20)

Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
 
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdfLinguagem verbal , não verbal e mista.pdf
Linguagem verbal , não verbal e mista.pdf
 
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
 
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptxRevolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
Revolução Industrial - Revolução Industrial .pptx
 
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
 
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
 
A população Brasileira e diferença de populoso e povoado
A população Brasileira e diferença de populoso e povoadoA população Brasileira e diferença de populoso e povoado
A população Brasileira e diferença de populoso e povoado
 
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona  - Povos Indigenas BrasileirosMini livro sanfona  - Povos Indigenas Brasileiros
Mini livro sanfona - Povos Indigenas Brasileiros
 
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
Minha Luta (Mein Kampf), A História do País que Lutou contra a União Soviétic...
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
 
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
 
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
 
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxFree-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
 
Geometria 5to Educacion Primaria EDU Ccesa007.pdf
Geometria  5to Educacion Primaria EDU  Ccesa007.pdfGeometria  5to Educacion Primaria EDU  Ccesa007.pdf
Geometria 5to Educacion Primaria EDU Ccesa007.pdf
 
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
 
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxEVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
 
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
 

Reconhecimento salva vidas

  • 1. Uma professora de Nova York decidiu honrar cada um dos seus alunos que estavam para se graduar no colégio, falando-lhes da marca que cada um deles tinha deixado.
  • 2. Chamou cada um dos estudantes à frente da classe, um a um. Primeiro, contou a cada um como tinham deixado marca na vida dela e na da turma.
  • 3. Então presenteou cada um, com uma faixa azul, impressa com letras douradas, na qual se lia, “ Quem sou faz a diferença .”
  • 4.  
  • 5. Por fim, a mestra decidiu fazer um projecto de aula para ver o impacto que o reconhecimento teria na comunidade.
  • 6. Deu a cada aluno mais três faixas azuis e pediu-lhes que levassem adiante esta cerimónia de reconhecimento. E que deveriam acompanhar os resultados, ver quem premiou quem, e informar à turma no final de uma semana.
  • 7. Um dos alunos foi ver um jovem executivo de uma indústria próxima e premiou-o por tê-lo ajudado com o planeamento de sua carreira. Deu-lhe uma faixa azul, e colou-a na sua camisa.
  • 8. Em seguida deu-lhe as duas faixas extras e lhe disse: “Estamos fazendo na aula um projecto de... ‘reconhecimento’, e gostaríamos que você encontrasse alguém a quem premiar e lhe desse uma faixa azul.”
  • 9. Mais tarde, nesse mesmo dia, o jovem executivo foi ver o seu chefe que tinha reputação de ser uma pessoa amargurada, e disse-lhe que o admirava profundamente por ser um génio criativo.
  • 10. O chefe pareceu ficar muito surpreendido. Então o jovem executivo perguntou-lhe se ele aceitaria o presente da faixa azul e se lhe dava permissão de colocá-la na sua camisa.
  • 11. O chefe disse: “Bem…claro!” Então o jovem executivo pegou uma das faixas azuis e colocou-a no casaco do chefe, bem sobre o seu coração…
  • 12. … e oferecendo-lhe a última faixa, perguntou: “Poderia pegar nesta faixa extra e passá-la a alguém mais a quem queira premiar?”
  • 13. “ O estudante que me deu estas faixas está fazendo um projecto de aula, e queremos continuar esta cerimónia de reconhecimento para ver como vai afectar as pessoas.”
  • 14. Nessa noite, o chefe chegou a casa, sentou- se com o seu filho de 14 anos, e disse-lhe: “Hoje aconteceu-me algo incrível!”
  • 15. “… estava no meu escritório e um de meus empregados veio e disse-me que me admirava; então deu-me uma faixa azul por me considerar um génio criativo.”
  • 16. “ Imagina! Ele pensa que eu sou um génio criativo! Logo me pôs uma faixa azul que diz: ‘ “ Quem sou faz a diferença .”
  • 17. “ Deu-me uma faixa extra e pediu-me que encontrasse alguém mais a quem premiar. Quando eu estava conduzindo para casa esta noite, comecei a pensar a quem poderia premiar com esta faixa, e pensei em ti. Quero premiar a ti.”
  • 18. “ Meus dias são muito agitados e quando venho para casa, não te dou muita atenção; grito contigo por não tirares boas notas e pela desordem no teu quarto…”
  • 19. “ Por isso, esta noite, só quero sentar-me aquí e …bem!… dizer-te que és muito importante para mim.”
  • 20. “ Tu és a pessoa mais importante na minha vida. És um grande garoto e amo-te muito!”
  • 21. O garoto surpreendido começou a soluçar e a chorar, e não conseguia parar. Todo o seu corpo tremia.
  • 22. Olhou para seu pai e entre lágrimas disse-lhe: “Papai, momentos atrás sentei-me no meu quarto e escrevi uma carta para ti e para mamãe, explicando porque iria tirar a minha vida, e lhes pedia que me perdoassem.”
  • 23. “ Ía-me suicidar esta noite depois de vocês terem adormecido. Eu pensava que vocês não se importavam comigo.”
  • 24. “ A carta está lá em cima, mas não creio que eu vá precisar dela, depois de tudo o que conversámos.”
  • 25. Seu pai subiu ao segundo piso e encontrou a carta, sincera e cheia de angústia e dor.
  • 26.  
  • 27. No dia seguinte, o chefe regressou ao trabalho totalmente modificado. Já não estava amargurado, e empenhou-se em fazer todos os seus empregados saberem que cada um deles faz a diferença.
  • 28. Por outro lado, o jovem executivo ajudou muitos outros jovens a planearem as suas carreiras, inclusive o filho do chefe, e nunca se esqueceu de recordar-lhes que eles deixavam marcas na sua vida.
  • 29. Ainda mais, o jovem e seus companheiros de classe aprenderam uma lição muito valiosa.
  • 30. “ Quem és faz a diferença .”
  • 31.
  • 32.