SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 22
VAMOS DAR UMA
Antecedentes do Big Brother
Brasil
Big Brother Brasil



Programa de entretenimento da REDE GLOBO de
televisão, onde pessoas de diferentes personalidades
são confinadas e obrigadas a conviver, mostrando
seu telhado de vidro para milhares de pessoas e com
o intuito de receber 1,5 milhão de reais.
O que dizem os
telespectadores?



O BBB, é importante para o nosso estudo acerca
do comportamento de um ser humano em um
confinamento e suas atitudes para manipular o jogo
em seu favor.
O que dizem os críticos favoráveis
ao BBB ?

Cultura de massa
também é cultura!
O publico não é alienado, ele pode reaproveitar o conteúdo
recebido diversamente.
De um conteúdo a principio alienador, passará a existir um
programa que servirá como instrumento de conhecimento e de
incentivo ao pensamento critico, de forma emancipatória, já
que ao nível dos valores culturais, se verificam processos de
conhecimento progressivo, que uma vez abertos, não são mais
controláveis por quem os desencadeou.
O que mais os críticos
defendem?


No país do samba, da cerveja e da
mulher pelada, chega a ser

hipocrisia criticar uma atração
que leva ao ar a realidade e a cultura
do povo brasileiro.
É um produto que entristece,
emociona, surpreende e anima
antes da hora de dormir!


Os números assustam


Houveram cerca de 29 milhões de ligações do
povo brasileiro em algum candidato para ser
eliminado do Big Brother. Considerando que o
preço da ligação do 0300 é de R$
0,30, teremos R$ 8.700.000,00.


Os brasileiros gastaram OITO MILHÕES E
SETECENTOS MIL REAIS em um único
“paredão”, em uma única noite.


Suponhamos que a Rede Globo
tenha feito um contrato "fifty to
fifty" com a operadora do
0300,
ela
embolsou
R$
4.350.000,00.


A Rede Globo já faturou cerca de R$ 161 milhões
só em patrocínios, de acordo com dados levantados
pela
revista
Exame.
As
marcas
Fiat, Ambev/cerveja, Ambev/guaraná, Chocolates
Brasil Cacau, Unilever e L‟oreal decidiram
patrocinar por mais um ano o programa, pagando
algo em torno de R$ 26,9 milhões por cada cota
(que este ano foram 12% mais caras em
comparação com o ano passado, quando custaram
R$ 23,9 milhões).


As classes menos letradas e abastadas da
sociedade, que ganham mal e trabalham o ano
inteiro, ajudam a pagar o prêmio do vencedor
e,
claro,
as
contas
dessas
empresas.
“A pessoa assistindo televisão sentada
quieta em seu sofá é parte de
uma audiência respeitável, que presta
cuidadosa atenção e se
concentra em entender e se beneficiar
do entretenimento oferecido, ou
ela é um „parasita de sofá‟4
passivo, dependente da mídia para os
seus
prazeres, e influenciável?”
(Livingstone 2004, p.85)
O

"x" da questão, é entendermos que paga-se para
obter um entretenimento vazio, que em nada colabora
para a formação e o conhecimento de quem dela
desfruta; mostra só a ignorância da população, além da
falta de cultura e até vocabulário básico dos
participantes e, daqueles que os assistem.
O Voyeurismo
Ser inteligente já é sinal de ofensa no
Inglaterra, e no Brasil?



Na Inglaterra pensou-se em fazer um Big Brother só
com pessoas intelectuais. O projeto morreu na fase
inicial, por conta dos testes de audiência. Motivo? o
nível das conversas diárias foi considerado muito
alto, ou seja, o público não se interessou.
BBB e a afirmação de estereótipos
e a supervalorização da estética
Análise antropológica do Big Brother
Brasil, realizada pelos estudantes do 2º ano –
Integrado em informática do IFBA – Campus
Seabra.

Componentes:
Andria Martins;
Isabel Vitoria;
Thais Souza;
Thais Silva;
Enágio Amorim;
Luana Luz;
Marla Silva.

Mais conteúdo relacionado

Destaque

Linux, como funciona esta fera! - II Fórum Tchêlinux de Software Livre de San...
Linux, como funciona esta fera! - II Fórum Tchêlinux de Software Livre de San...Linux, como funciona esta fera! - II Fórum Tchêlinux de Software Livre de San...
Linux, como funciona esta fera! - II Fórum Tchêlinux de Software Livre de San...Samuel Flores Moraes
 
A galinha do vizinho
A galinha do vizinhoA galinha do vizinho
A galinha do vizinhoBrincadeiras
 
Comportamento do consumidor viagra
Comportamento do consumidor   viagraComportamento do consumidor   viagra
Comportamento do consumidor viagraRaphael Simonetti
 
Quem Somos NóS FíSica Quantica
Quem Somos NóS  FíSica QuanticaQuem Somos NóS  FíSica Quantica
Quem Somos NóS FíSica Quanticasilasco
 
História do linux ppt
História do linux pptHistória do linux ppt
História do linux pptshade09
 
Física Quântica
Física QuânticaFísica Quântica
Física QuânticaKim Evy
 

Destaque (11)

BBB
BBBBBB
BBB
 
Linux, como funciona esta fera! - II Fórum Tchêlinux de Software Livre de San...
Linux, como funciona esta fera! - II Fórum Tchêlinux de Software Livre de San...Linux, como funciona esta fera! - II Fórum Tchêlinux de Software Livre de San...
Linux, como funciona esta fera! - II Fórum Tchêlinux de Software Livre de San...
 
Gatinhos
GatinhosGatinhos
Gatinhos
 
A galinha do vizinho
A galinha do vizinhoA galinha do vizinho
A galinha do vizinho
 
Comportamento do consumidor viagra
Comportamento do consumidor   viagraComportamento do consumidor   viagra
Comportamento do consumidor viagra
 
Gatinhos curiosidades
Gatinhos curiosidadesGatinhos curiosidades
Gatinhos curiosidades
 
Quem Somos NóS FíSica Quantica
Quem Somos NóS  FíSica QuanticaQuem Somos NóS  FíSica Quantica
Quem Somos NóS FíSica Quantica
 
História do linux ppt
História do linux pptHistória do linux ppt
História do linux ppt
 
Física Quântica
Física QuânticaFísica Quântica
Física Quântica
 
Reação
 Reação Reação
Reação
 
Física Quântica
Física QuânticaFísica Quântica
Física Quântica
 

Semelhante a Análise antropológica do Big Brother Brasil (20)

O dinheiro adquirido pelo BBB
O dinheiro adquirido pelo BBBO dinheiro adquirido pelo BBB
O dinheiro adquirido pelo BBB
 
BBB 2008
BBB 2008 BBB 2008
BBB 2008
 
Bbb 2012
Bbb 2012Bbb 2012
Bbb 2012
 
BBB 2012
BBB  2012BBB  2012
BBB 2012
 
Bbb 2012
Bbb 2012Bbb 2012
Bbb 2012
 
Bbb 2012
Bbb 2012Bbb 2012
Bbb 2012
 
BBB 12
BBB 12BBB 12
BBB 12
 
Bbb 2012
Bbb 2012Bbb 2012
Bbb 2012
 
Bbb 2012
Bbb 2012Bbb 2012
Bbb 2012
 
Bbb 2012
Bbb 2012Bbb 2012
Bbb 2012
 
Big Brother Brasil 12
Big Brother Brasil 12Big Brother Brasil 12
Big Brother Brasil 12
 
Bbb 2012
Bbb 2012Bbb 2012
Bbb 2012
 
BBB 2012
BBB 2012 BBB 2012
BBB 2012
 
Bbb 2012
Bbb 2012Bbb 2012
Bbb 2012
 
BBB 2012
BBB 2012BBB 2012
BBB 2012
 
BBB 2012
BBB 2012BBB 2012
BBB 2012
 
Bbb 2012
Bbb 2012Bbb 2012
Bbb 2012
 
Troféu Raça Negra
Troféu Raça NegraTroféu Raça Negra
Troféu Raça Negra
 
O Reverso Da MíDia Ou A Era Da Insensatez
O Reverso Da MíDia Ou A Era Da InsensatezO Reverso Da MíDia Ou A Era Da Insensatez
O Reverso Da MíDia Ou A Era Da Insensatez
 
Bbb 2012 um desserviço à sociedade
Bbb 2012 um desserviço à sociedadeBbb 2012 um desserviço à sociedade
Bbb 2012 um desserviço à sociedade
 

Mais de Isabel Vitória

O capitalismo e a sociedade do consumo
O capitalismo e a sociedade do consumoO capitalismo e a sociedade do consumo
O capitalismo e a sociedade do consumoIsabel Vitória
 
Artigo papel da mulher na sociedade
Artigo papel da mulher na sociedadeArtigo papel da mulher na sociedade
Artigo papel da mulher na sociedadeIsabel Vitória
 
A mulher e o mercado de trabalho
A mulher e o mercado de trabalhoA mulher e o mercado de trabalho
A mulher e o mercado de trabalhoIsabel Vitória
 
Psicanálise e a interpretação dos sonhos
Psicanálise e a interpretação dos sonhosPsicanálise e a interpretação dos sonhos
Psicanálise e a interpretação dos sonhosIsabel Vitória
 
Autora Contemporânea : Carolina Maria de Jesus
Autora Contemporânea : Carolina Maria de Jesus Autora Contemporânea : Carolina Maria de Jesus
Autora Contemporânea : Carolina Maria de Jesus Isabel Vitória
 
Domínio morfoclimático [recuperado]
Domínio morfoclimático [recuperado]Domínio morfoclimático [recuperado]
Domínio morfoclimático [recuperado]Isabel Vitória
 
Interferencia, interferencia com a luz
Interferencia, interferencia com a luzInterferencia, interferencia com a luz
Interferencia, interferencia com a luzIsabel Vitória
 
Conceito de Lugar na Geografia
Conceito de Lugar na GeografiaConceito de Lugar na Geografia
Conceito de Lugar na GeografiaIsabel Vitória
 
Introdução aos Processos
Introdução aos ProcessosIntrodução aos Processos
Introdução aos ProcessosIsabel Vitória
 

Mais de Isabel Vitória (19)

O capitalismo e a sociedade do consumo
O capitalismo e a sociedade do consumoO capitalismo e a sociedade do consumo
O capitalismo e a sociedade do consumo
 
Cinética Química
Cinética QuímicaCinética Química
Cinética Química
 
Revolta da vacina
Revolta da vacinaRevolta da vacina
Revolta da vacina
 
Artigo papel da mulher na sociedade
Artigo papel da mulher na sociedadeArtigo papel da mulher na sociedade
Artigo papel da mulher na sociedade
 
A mulher e o mercado de trabalho
A mulher e o mercado de trabalhoA mulher e o mercado de trabalho
A mulher e o mercado de trabalho
 
Psicanálise e a interpretação dos sonhos
Psicanálise e a interpretação dos sonhosPsicanálise e a interpretação dos sonhos
Psicanálise e a interpretação dos sonhos
 
Triggers
TriggersTriggers
Triggers
 
Autora Contemporânea : Carolina Maria de Jesus
Autora Contemporânea : Carolina Maria de Jesus Autora Contemporânea : Carolina Maria de Jesus
Autora Contemporânea : Carolina Maria de Jesus
 
O petróleo
O petróleoO petróleo
O petróleo
 
Domínio morfoclimático [recuperado]
Domínio morfoclimático [recuperado]Domínio morfoclimático [recuperado]
Domínio morfoclimático [recuperado]
 
Topologia de redes
Topologia de redesTopologia de redes
Topologia de redes
 
Interferencia, interferencia com a luz
Interferencia, interferencia com a luzInterferencia, interferencia com a luz
Interferencia, interferencia com a luz
 
Industria cultural
Industria culturalIndustria cultural
Industria cultural
 
Sexo e poder
Sexo e poderSexo e poder
Sexo e poder
 
Conceito de Lugar na Geografia
Conceito de Lugar na GeografiaConceito de Lugar na Geografia
Conceito de Lugar na Geografia
 
Taoismo
TaoismoTaoismo
Taoismo
 
Difusão do futebol
Difusão do futebolDifusão do futebol
Difusão do futebol
 
Introdução aos Processos
Introdução aos ProcessosIntrodução aos Processos
Introdução aos Processos
 
Aditivos Quimicos
Aditivos QuimicosAditivos Quimicos
Aditivos Quimicos
 

Último

PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basico
PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basicoPRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basico
PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basicoSilvaDias3
 
ADJETIVO para 8 ano. Ensino funda.mental
ADJETIVO para 8 ano. Ensino funda.mentalADJETIVO para 8 ano. Ensino funda.mental
ADJETIVO para 8 ano. Ensino funda.mentalSilvana Silva
 
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 anoAdelmaTorres2
 
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGISPrática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGISVitor Vieira Vasconcelos
 
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdforganizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdfCarlosRodrigues832670
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxIsabellaGomes58
 
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileirosMary Alvarenga
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoCelianeOliveira8
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaFernanda Ledesma
 
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕESPRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕESpatriciasofiacunha18
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfHenrique Pontes
 
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.HildegardeAngel
 
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...Martin M Flynn
 
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbyasminlarissa371
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfaulasgege
 
Mapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdf
Mapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdfMapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdf
Mapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdfangelicass1
 

Último (20)

PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basico
PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basicoPRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basico
PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basico
 
ADJETIVO para 8 ano. Ensino funda.mental
ADJETIVO para 8 ano. Ensino funda.mentalADJETIVO para 8 ano. Ensino funda.mental
ADJETIVO para 8 ano. Ensino funda.mental
 
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
 
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGISPrática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
 
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdforganizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
 
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
 
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕESPRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
 
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
LIVRO A BELA BORBOLETA. Ziraldo e Zélio.
 
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
DIGNITAS INFINITA - DIGNIDADE HUMANA -Declaração do Dicastério para a Doutrin...
 
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
 
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
 
Mapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdf
Mapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdfMapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdf
Mapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdf
 

Análise antropológica do Big Brother Brasil

  • 2. Antecedentes do Big Brother Brasil
  • 3. Big Brother Brasil  Programa de entretenimento da REDE GLOBO de televisão, onde pessoas de diferentes personalidades são confinadas e obrigadas a conviver, mostrando seu telhado de vidro para milhares de pessoas e com o intuito de receber 1,5 milhão de reais.
  • 4. O que dizem os telespectadores?  O BBB, é importante para o nosso estudo acerca do comportamento de um ser humano em um confinamento e suas atitudes para manipular o jogo em seu favor.
  • 5. O que dizem os críticos favoráveis ao BBB ? Cultura de massa também é cultura!
  • 6. O publico não é alienado, ele pode reaproveitar o conteúdo recebido diversamente. De um conteúdo a principio alienador, passará a existir um programa que servirá como instrumento de conhecimento e de incentivo ao pensamento critico, de forma emancipatória, já que ao nível dos valores culturais, se verificam processos de conhecimento progressivo, que uma vez abertos, não são mais controláveis por quem os desencadeou.
  • 7. O que mais os críticos defendem?  No país do samba, da cerveja e da mulher pelada, chega a ser hipocrisia criticar uma atração que leva ao ar a realidade e a cultura do povo brasileiro.
  • 8. É um produto que entristece, emociona, surpreende e anima antes da hora de dormir! 
  • 9. Os números assustam  Houveram cerca de 29 milhões de ligações do povo brasileiro em algum candidato para ser eliminado do Big Brother. Considerando que o preço da ligação do 0300 é de R$ 0,30, teremos R$ 8.700.000,00.  Os brasileiros gastaram OITO MILHÕES E SETECENTOS MIL REAIS em um único “paredão”, em uma única noite.
  • 10.  Suponhamos que a Rede Globo tenha feito um contrato "fifty to fifty" com a operadora do 0300, ela embolsou R$ 4.350.000,00.
  • 11.  A Rede Globo já faturou cerca de R$ 161 milhões só em patrocínios, de acordo com dados levantados pela revista Exame. As marcas Fiat, Ambev/cerveja, Ambev/guaraná, Chocolates Brasil Cacau, Unilever e L‟oreal decidiram patrocinar por mais um ano o programa, pagando algo em torno de R$ 26,9 milhões por cada cota (que este ano foram 12% mais caras em comparação com o ano passado, quando custaram R$ 23,9 milhões).
  • 12.  As classes menos letradas e abastadas da sociedade, que ganham mal e trabalham o ano inteiro, ajudam a pagar o prêmio do vencedor e, claro, as contas dessas empresas.
  • 13. “A pessoa assistindo televisão sentada quieta em seu sofá é parte de uma audiência respeitável, que presta cuidadosa atenção e se concentra em entender e se beneficiar do entretenimento oferecido, ou ela é um „parasita de sofá‟4 passivo, dependente da mídia para os seus prazeres, e influenciável?” (Livingstone 2004, p.85)
  • 14. O "x" da questão, é entendermos que paga-se para obter um entretenimento vazio, que em nada colabora para a formação e o conhecimento de quem dela desfruta; mostra só a ignorância da população, além da falta de cultura e até vocabulário básico dos participantes e, daqueles que os assistem.
  • 16.
  • 17. Ser inteligente já é sinal de ofensa no Inglaterra, e no Brasil?  Na Inglaterra pensou-se em fazer um Big Brother só com pessoas intelectuais. O projeto morreu na fase inicial, por conta dos testes de audiência. Motivo? o nível das conversas diárias foi considerado muito alto, ou seja, o público não se interessou.
  • 18.
  • 19.
  • 20.
  • 21. BBB e a afirmação de estereótipos e a supervalorização da estética
  • 22. Análise antropológica do Big Brother Brasil, realizada pelos estudantes do 2º ano – Integrado em informática do IFBA – Campus Seabra. Componentes: Andria Martins; Isabel Vitoria; Thais Souza; Thais Silva; Enágio Amorim; Luana Luz; Marla Silva.