asceu
em 19 de janeiro de 1736 em
Greenock, Escócia, e morreu
Dia 25 de agosto de 1819 em
Heathfield Hall, Inglaterra.
Watt tinha saúde frágil e, em
consequência, sua
frequência escolar foi um
tanto irregular. Por isso,
Watt absorveu a maior...
A máquina de Newcomen era a mais avançada da
época, mas Watt observou que a perda de grandes
quantidades de calor era um d...
Nos anos seguintes, consagrou-se ainda mais por uma
notável sequência de inventos que aperfeiçoaram ainda
mais a máquina a...
O motor de Watt usava 75% menos
carvão que o motor original de
Newcomen. Nas máquinas de
Newcomen e de Watt a
condensação ...
A máquina é quase toda em ferro fundido cinzento, porém
parafusos, bielas, eixo, hastes de comando e afins são de
aço carb...
O Motor de Watt possui uma característica que o distingue dos demais,
o cilindro motor está na vertical, o êmbolo do cilin...
O Paralelogramo de Watt é um conjunto de hastes
montada de tal forma que ao se movimentar para cima
e para baixo, o movime...
Essa máquina a vapor não cria energia, ela utiliza o
vapor para transformar a energia calorífica liberada pela
queima de c...
As máquinas a vapor deste tipo possuem êmbolos que
deslizam com um movimento de vaivém no interior de
cilindros. . Estas m...
Máquina a Vapor James Watt
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Máquina a Vapor James Watt

759 visualizações

Publicada em

Power Point sobre um pouco da vida de James watt e a máquina a vapor.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
759
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
28
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Máquina a Vapor James Watt

  1. 1. asceu em 19 de janeiro de 1736 em Greenock, Escócia, e morreu Dia 25 de agosto de 1819 em Heathfield Hall, Inglaterra.
  2. 2. Watt tinha saúde frágil e, em consequência, sua frequência escolar foi um tanto irregular. Por isso, Watt absorveu a maior parte de seus conhecimentos na oficina do pai, onde aprendeu marcenaria, ferraria, fabricação de instrumentos e criação de protótipos. Em 1765, Watt fez sua primeira e mais importante invenção, que foi patenteada em 1769: o condensador para a máquina a vapor de Thomas Newcomen. Embora não tenha sido o inventor da máquina a vapor, foi Watt quem produziu os avanços que seriam cruciais a esta nova tecnologia.
  3. 3. A máquina de Newcomen era a mais avançada da época, mas Watt observou que a perda de grandes quantidades de calor era um defeito grave. Watt idealizou então o condensador, dispositivo que seria mantido separado do cilindro, mas conectado a ele. Para manter a temperatura do condensador baixa, Watt tentou conseguir o máximo de vácuo.
  4. 4. Nos anos seguintes, consagrou-se ainda mais por uma notável sequência de inventos que aperfeiçoaram ainda mais a máquina a vapor, tornando-a economicamente viável e deflagrando a revolução industrial. Em 1766, Watt fechou sua oficina na universidade e abriu um escritório de levantamentos topográficos e engenharia civil.
  5. 5. O motor de Watt usava 75% menos carvão que o motor original de Newcomen. Nas máquinas de Newcomen e de Watt a condensação do vapor é que mais contribui para a diferença de pressão , sendo usadas a pressão atmosférica ou a baixa pressão do vapor para empurrar o pistão respectivamente. Watt escreveu também um artigo para a Royal Society de Londres, em 1783, sugerindo que a água seria uma combinação de dois gases, ideia que viria a ser confirmada por Antonie Lavoisier.
  6. 6. A máquina é quase toda em ferro fundido cinzento, porém parafusos, bielas, eixo, hastes de comando e afins são de aço carbono 1020. A caldeira é toda em cobre e soldada a prata. O coletor de fumaça e a chaminé é em latão e também soldada a prata.
  7. 7. O Motor de Watt possui uma característica que o distingue dos demais, o cilindro motor está na vertical, o êmbolo do cilindro está conectado a um balancim através de um paralelogramo de Watt , o balancim tem na outra extremidade uma biela que por sua vez está conectada a um eixo manivela e esta é console com o eixo motor que suporta o volante e a polia motriz. Neste eixo console está um excêntrico que dá o comando, e através de uma haste, movimenta o conjunto distribuidor do vapor e da exaustão.
  8. 8. O Paralelogramo de Watt é um conjunto de hastes montada de tal forma que ao se movimentar para cima e para baixo, o movimento mantém o paralelo fixo sempre no prumo; dando um movimento linear ao êmbolo do motor.
  9. 9. Essa máquina a vapor não cria energia, ela utiliza o vapor para transformar a energia calorífica liberada pela queima de combustível , em movimento de rotação e movimento alternado de vaivém, a fim de realizar trabalho. Ela possui uma fornalha, na qual se queima carvão, óleo, madeira ou algum outro combustível. O calor proveniente da queima de combustível leva a água a transformar-se em vapor no interior da caldeira. O vapor expande-se, e ocupa um espaço muitas vezes maior que o ocupado pela água. Essa energia da expansão pode ser aproveitada de duas formas:  Deslocando um êmbolo num movimento de vaivém ;  Acionando uma turbina.
  10. 10. As máquinas a vapor deste tipo possuem êmbolos que deslizam com um movimento de vaivém no interior de cilindros. . Estas máquinas são geralmente denominadas máquinas de movimento alternado, por causa do movimento de vaivém, dos seus êmbolos.

×