Successfully reported this slideshow.

87048310 sem-laerte neves

378 visualizações

Publicada em

arquitetura

Publicada em: Engenharia
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

87048310 sem-laerte neves

  1. 1. ADOÇÃO DO PARTIDO NA ARQUITETURA Laerte Neves
  2. 2. Método em Arquitetura • Embora o conhecimento sobre o tema seja absolutamente necessário, o método de projeto independe do tema e é o que leva o projetista a adotar o partido arquitetônico conveniente e adequado à sua interpretação do tema.
  3. 3. Partido em ARQUITETURA • O partido arquitetônico é a idéia proliminar do projeto, é a concepção inicial do projeto, a feitura de seu esboço e é um ato criativo de síntese, fundem-se o ato de projeto, de criar, com o ato de desenhar • O partido é: registro gráfico da idéia preliminar, expressão / comunicação do processo criativo de síntese, instrumento para dialogar com o cliente (se atende sua expectativa), para verificar sua viabilidade técnica (estrutural, de instalações, das técnicas e dos materiais etc.)
  4. 4. Partido... • O partido arquitetônico só pode ser imaginado após ter-se clareza plena dos aspectos conceituais do tema, do programa arquitetônico, das articulações de suas partes, de seu pré-dimensionamento e dos aspectos físicos do terreno, de sua forma, de seu relevo, da sua orientação solar e de ventos, de sua posição na malha urbanística, de seus acessos e das exigências da legislação.
  5. 5. Método de projeto... Embora a criação do partido deva ser ato sintético e uno, segundo Laert, do ponto de vista didático- pedagógico, podemos desmembrá-la na seguinte ordem: – As decisões de projeto – As idéias dominantes – As idéias geradas nos planos horizontais – As idéias geradas nos planos verticais – O ajuste tridimensional das idéias
  6. 6. Decisões de Projeto • A interpretação de conceitos; • o modo de ocupação do edifício no plano horizontal; • O número de pavimentos; • A distribuição dos setores e dos elmentos do programa • As relações do programa e de seus componentes e destes com a conformação do relevo • A posição dos elementos de ligação • A disposição dos acessos • As restrições e permissões • As relações do edifício com a forma e dimensão do terreno • Compromisso entre o edifício e o entorno
  7. 7. Idéia dominante • É a referência ideológica do partido: a ajuda a hierarquizar as outras idéias e é diretriz na adoção do partido arquitetônico; pode vir das informações básicas, conceituais e físicas, ou das decisões de projeto, portanto, de um aspecto muito variado, quase infinito.
  8. 8. Linguagens... • O ideal da adoção é de que o pensamento criador e a expressão perceptível desse pensamento correspondam a uma forma de linguagem tridimensional que traduza por inteiro a dimensão volumétrica do edifício. • O sistema bidimensional de representação: planos de referência horizontais (planta de situação, planta baixa e de cobertura) e planos de referência verticais (cortes e fachadas) são as representações necessárias ao entendimento do parido e ajudam o iniciante a ir percebendo a sua tridimensionalidade e corrigindo suas incoerências.

×