Rede Social Livre

211 visualizações

Publicada em

Apresentação do projeto de construção de uma rede social que garanta a liberdade e a privacidade de seus membros.

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
211
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Rede Social Livre

  1. 1. Rede Social Livre: Precisamos de uma?
  2. 2. Para quê uma rede social? • Comunicação entre as pessoas • Difundir ideias • Informar sobre ações • Mobilizar para ações • Disputar versões dos fatos na sociedade
  3. 3. Para quê uma rede social? • Debater ideias • Construir propostas • Construir ações unitárias • Usar todo o potencial deste hábito social que já faz parte do dia-a-dia de milhões de pessoas no Brasil
  4. 4. Por que não usar o Facebook? • Não é nosso • É vigiado pelo governo dos EUA • Usa nossos dados para seus interesses comerciais e políticos • Censura opiniões • Apaga perfis, fan pages, fotos e postagens sem aviso prévio • Não existe privacidade • Rastreia nossa navegação
  5. 5. Mas há alternativas? • SIM! • Alternativas livres, onde se tem total controle sobre o que acontece (saber o que se passa, o que se faz com os dados dos usuários) • Sistemas integrados à outras redes sociais, inclusive ao Facebook e Twitter • Redes descentralizadas
  6. 6. Mas há alternativas? • As pessoas não seriam obrigadas a deixar de estar em outras redes • Sem necessidade de se cadastrar novamente • Poderiam usar o mesmo usuário e senha do Facebook (mesmo login) • O que for postado na rede livre, seria também automaticamente no Facebook, até o usuário se livrar deste hábito
  7. 7. E quem “manda” nessa rede? • Seria orientada por um Conselho, formado por representação das entidades da sociedade civil e também representações individuais • A política de privacidade e de uso da rede seria construída colaborativamente e aprovada – ou não - pelos membros da rede, em votação direta e online
  8. 8. E quem “sustenta” essa rede? • Contribuições mensais de entidades da sociedade civil • Contribuições de ativistas e defensores da liberdade na rede • Contribuições de seus membros • Lucros vindos de publicidade, dos quais uma parte seriam divididos pelos participantes da rede
  9. 9. E a arrancada da rede? Crowdfunding no ar dia 20/9/2013 www.catarse.me/pt/redelivre
  10. 10. Então? O que você acha?

×