Missões esdras

422 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
1 comentário
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
422
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
49
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
6
Comentários
1
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Missões esdras

  1. 2. <ul><li>Métodos, estratégias, projetos são muito úteis na ora de realizar a teoria e prática no que se diz respeito ao conceito missiológico, mas este artigo visa outro olhar, mais abrangente, mais prático, mais dinâmico e sobre tudo dialético, pois se percebe missões não apenas dentro de uma perspectiva simplista e linear olhando apenas para um ponto já discutido, mas ela abre nesse discurso um leque de possibilidades que já foram adotadas e outras que ainda não saíram do papel . </li></ul>
  2. 6. <ul><li>“ O declínio mais dramático da história de número de membros das igrejas protestantes tradicionais americanas começou na metade dos anos 60 e continuou por 20 anos. Durante os 10 primeiros anos de declínio, as denominações em questão prestaram pouca atenção no que estava acontecendo. Mais recentemente, porém, elas têm se preocupado e estão estudando a situação”. Wagner (1995). </li></ul>
  3. 13. <ul><li>ARTHUR, Johnston. The Battle for World Evangelization (Wheaton: Tyndale House Publishers, 1978). </li></ul><ul><li>Congresso Internacional de Evangelização Mundial, Lausanne, Suíça, julho 1974). </li></ul><ul><li>Dicionário Priberam da Língua Portuguesa. 1990 </li></ul><ul><li>DWARD, R. Dayton e David A. Fraser. Planntng Strategiesfor World Evangelization (Grand Raplds: Wm. B. Eerdmans Publishlng Co., 1980). </li></ul><ul><li>EMERGING, Trends. Princeton Religlous Research Center, Jan/1979. </li></ul><ul><li>Evangelismo e Responsabilidade Social, relatório de grupo de trabalho do Comitê de Lausanne (São Paulo: ABU). </li></ul><ul><li>GEORGE, Eldon Ladd. Teologia do Novo Testamento (Rio de Janeiro: JUERP, 1985. </li></ul><ul><li>HARVIE, M. Conn. Evangelism Dotng Justice and Preaching Grace (Grand Raplds: Zondervan Publlshlng House,1982). </li></ul><ul><li>HORACE, L. Fenton, Jr.: “Mission — and Social Concem”, em The Church’s Worldwlde Mission, editado por Harold Llndsell (Waco: Word Books, 1966). </li></ul><ul><li>JOHN, R. W. Stott. “The Great Cornlssion”, em One Race, One Gospel, One Task, editado por Cari F. H. Henry e W. Staniy Mooneyham (Mirmeapolis: World Wlde PubLgelização lications, 1967), volume 1. </li></ul><ul><li>KENNETH, L. Wllson. “Concern for Soclety”, em Christ ianity Today, 1980. </li></ul><ul><li>RLCHARD, B. Wilkie. And Are We YetAlive? (Nashvllle: Ablngdon Press, 1986). </li></ul><ul><li>S.I.M. Now, Congresso Mundial Social. março/abril de 1985. </li></ul><ul><li>Site: http://missoeseadoracao.net/2011/04/slides-5-6-missoes-estatisticas-globais.html Acessado: 06/08/2011 </li></ul><ul><li>Site: http://www.google.com.br/imgres?q=estatistica+sobre+janela+10+40 Acessado: 06/08/2011 </li></ul><ul><li>WAGNER, Peter. Estratégias para o crescimento da Igreja. Editora Sepal, 1995. </li></ul>

×