Apresentação nespd

151 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
151
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação nespd

  1. 1. Prelecionista: Wesley Richard SolerAdministrador de agronegócios – Unesp 2009 Eng. Agrônomo - Uf la 2014
  2. 2.  Definição de um futuro desejado e os meios para alcançá-lo.
  3. 3.  Aquilo que a empresa não pode interferir ou controlar ou cuja interferência causa pequeno impacto.  Legislação  Preço => Oferta X Demanda  Exigências do consumidor  Concorrência x Cooperativismo  Desenvolvimento de novas tecnologias  Política  Entrada e saída de “players”=> Fornecedores, produtos, etc.
  4. 4.  Aquilo que a empresa pode e deve interferir, é onde temos a maior efetividade na intervenção dos gestores (resultados)  Recursos Humanos (Treinamento)  Administração  Produção  P&D  Gestão de recursos financeiros  Estoque e logística  Marketing
  5. 5.  Necessidade de implantação do sistema  Maior sustentabilidade  Recuperação de áreas degradas  Aumento de matéria orgânica no solo  Redução do risco com veranicos  Maior aproveitamento da adubação  Redução das perdas de solo  Redução de custos com combustível  Aumento do portfólio de produtos (redução de riscos financeiros)
  6. 6.  Localização Estrutura  Interna (Armazéns, máquinas, equipamentos, ferramentas, etc.)  Externa ( Estradas, acesso a água, distância do mercado consumidor, disponibilidade de mão de obra, etc.) Solo Clima Capacidade de produção Possibilidades de expansão Área
  7. 7.  Culturas Principais (Safra Principal ou Safrão) Culturas secundárias (Segunda Safra ou Safrinha) Cultivo de inverno (Terceira Safra ) ou Plantas de cobertura
  8. 8.  Alto custo  Todas as operações devem ser perfeitas, de modo que não seja necessário realizar novas intervenções no solo.  Análises preliminares  Fertilidade (0-20) (20-40)  Adensamento  Textura
  9. 9.  Correção de erosões (sulcos e pequenas voçorocas) Subsolagem Correção de Ph  Calagem ( Calcário PRNT mais baixo) Aração Profunda (até 40 cm) Correções de fertilidade Sistematização da área (Gradagem)
  10. 10.  Implantação  Cultura formadora de palhada (dessecação e roçagem (capim) ou colheita (milho, aveia, trigo, etc.)  Cultura principal (Safrão)  Cuidados na colheita ( Distribuição uniforme da palhada)  Trincha da palhada  Cultura secundária (Safrinha)  Terceira safra ou planta de cobertura Rotação
  11. 11. FATORES DE SUCESSO FATORES DE INSUCESSO Planejamento  Amadorismo Visão de futuro  Visão imediatista Visão de sistema  Visão de cultura Organização  Improviso Antecipação  Apagar fogo
  12. 12.  Não se pode abandonar a rotação por causa de preços esporádicos, entretanto pode-se ajustar a rotação dependendo exclusivamente da capacidade de antecipação do gestor. Rotação de culturas é a premissa básica na diminuição da infestação por pragas e doenças. O planejamento, as visões de futuro e de sistema, assim como a organização e a antecipação do produtor são chaves para o sucesso do SPD. No mercado competitivo gestão e técnica devem andar juntas para obter-se os melhores resultados

×