UNIDADE 2SÉRIES ESTATÍSTICAS   1
Séries Estatísticas1.   Tabelas estatísticas;2.   Séries estatísticas;3.   Dados brutos;4.   Dados derivados..Professor Wa...
1.Tabelas estatísticas  A elaboração de tabelas obedece à Resolução no 886,  de 26 de outubro de 1966, do Conselho Naciona...
Os elementos complementares são:                                                               Chamadas                   ...
Observações  1. Nenhuma casa da tabela deve ficar em branco. Na  ausência de um dado numérico, emprega-se alguns dos  sina...
4. Os totais e subtotais devem ser destacados.  5. Deverá ser mantida a uniformidade, quanto ao  número de casas decimais....
2. Séries Estatísticas  Definição  É uma sucessão de dados estatísticos que medem a  intensidade     do      fenômeno,    ...
8
Série Histórica O elemento variável é a fração do tempo. Ex: : Taxa de produtividade de arroz nos últimos 10 anos na cidad...
Série Específica O elemento variável é o fato(ou espécie), permanecendo fixos a época e o local. Ex: A cana-de-açúcar de u...
3. Dados Brutos  É o conjunto dos dados numéricos obtidos após a  coleta dos dados.  Ex: Idade dos alunos do curso de medi...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Estatística unidade 2

628 visualizações

Publicada em

cadeira de estatística - professor Walter Alencar - CESJOP/UEMA

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
628
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
23
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
48
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Estatística unidade 2

  1. 1. UNIDADE 2SÉRIES ESTATÍSTICAS 1
  2. 2. Séries Estatísticas1. Tabelas estatísticas;2. Séries estatísticas;3. Dados brutos;4. Dados derivados..Professor Walter – Estatística e Probabilidade – Tecnologia em Agroindústria – 2CESJOP/UEMA
  3. 3. 1.Tabelas estatísticas A elaboração de tabelas obedece à Resolução no 886, de 26 de outubro de 1966, do Conselho Nacional de Estatística. Uma tabela possui elementos essenciais e complementares. Os elementos essenciais são: Coluna Indicadora Cabeçalho Corpo da Tabela TítuloProfessor Walter – Estatística e Probabilidade – Tecnologia em Agroindústria – 3CESJOP/UEMA
  4. 4. Os elementos complementares são: Chamadas Notas FonteProfessor Walter – Estatística e Probabilidade – Tecnologia em Agroindústria – 4CESJOP/UEMA
  5. 5. Observações 1. Nenhuma casa da tabela deve ficar em branco. Na ausência de um dado numérico, emprega-se alguns dos sinais convencionais, como hífen, reticências, etc. 2. As tabelas devem ser fechadas no alto e embaixo por linhas horizontais, não sendo fechadas à direita ou à esquerda por linhas verticais. É facultativo o emprego de traços verticais para a separação de colunas no corpo da tabela. 3. Em publicações que compreendem muitas tabelas, estas devem ser numeradas em ordem crescente, conforme a ordem do aparecimento.Professor Walter – Estatística e Probabilidade – Tecnologia em Agroindústria – 5CESJOP/UEMA
  6. 6. 4. Os totais e subtotais devem ser destacados. 5. Deverá ser mantida a uniformidade, quanto ao número de casas decimais.Professor Walter – Estatística e Probabilidade – Tecnologia em Agroindústria – 6CESJOP/UEMA
  7. 7. 2. Séries Estatísticas Definição É uma sucessão de dados estatísticos que medem a intensidade do fenômeno, segundo suas características qualitativas ou quantitativas. Classificação As séries estatísticas serão classificadas de acordo com a variação de três elementos: Tempo Local FatoProfessor Walter – Estatística e Probabilidade – Tecnologia em Agroindústria – 7CESJOP/UEMA
  8. 8. 8
  9. 9. Série Histórica O elemento variável é a fração do tempo. Ex: : Taxa de produtividade de arroz nos últimos 10 anos na cidade do São João dos Patos-MA. Série Geográfica O elemento variável é somente o local. Ex: A produção de cereais no Brasil, em 1996, segundo os Estados produtores.Professor Walter – Estatística e Probabilidade – Tecnologia em Agroindústria – 9CESJOP/UEMA
  10. 10. Série Específica O elemento variável é o fato(ou espécie), permanecendo fixos a época e o local. Ex: A cana-de-açúcar de uma cidade, em determinado ano, classificada segundo a espécie. Série Mista Refere-se às séries que são combinações de outros tipos de séries já estudadas. Ex: Classificação das espécies de feijão no Brasil segundo as Unidades da Federação e a época de colheita.Professor Walter – Estatística e Probabilidade – Tecnologia em Agroindústria – 10CESJOP/UEMA
  11. 11. 3. Dados Brutos É o conjunto dos dados numéricos obtidos após a coleta dos dados. Ex: Idade dos alunos do curso de medicina veterinária da UEMA, no ano de 2011. 24 - 23 - 22 - 28 - 35 - 21 - 23 - 33 - 34 - 24 - 21 - 25 - 36 - 26 - 22 - 30 - 32 - 25 - 26 - 33 - 34 - 21 - 31 - 25 - 31 - 26 - 25 - 35 - 33 – 31 4. Dados Derivados São criados a partir de transformação dos dados existentes, com o objetivo de criar dados adicionais.Professor Walter – Estatística e Probabilidade – Tecnologia em Agroindústria – 11CESJOP/UEMA

×