Amadurecimento psicológico

632 visualizações

Publicada em

Amadurecimento via crescimento moral

Publicada em: Espiritual
1 comentário
4 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
632
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
17
Comentários
1
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Amadurecimento psicológico

  1. 1. EXPOSITOR –Victor Passos
  2. 2. O relacionamento inter- pessoal revela o comportamento dos indivíduos. A aproximação e a convivência provocam a queda de máscaras.
  3. 3. Nas pessoas que já alcançaram o amadurecimento psicológico, a conduta permanece sem surpresas, porque há uma interação da sua vivência interior com a exterior.
  4. 4. As pessoas imaturas alternam condutas entre: • a alegria e a tristeza; • a confiança e a suspeita; • o amor e a antipatia.
  5. 5. A falta do autodescobrimento gera estados de instabilidade,de desventura conduzindo a enfermidades emocionais que são projetadas, reaparecendo na área orgânica.
  6. 6. O projeto de melhoria individual de todos nós esbarrará ainda longo tempo na moléstia moral do orgulho que constitui a raiz de larga soma de atitudes humanas.
  7. 7. Algo insensato na Humanidade consiste em vermos o mal de outrem, antes de vermos o mal que está em nós. Para julgar-se a si mesmo, fora preciso que o homem pudesse ver seu interior num espelho, pudesse, de certo modo, transportar-se para fora de si próprio, considerar-se como outra pessoa e perguntar: Que pensaria eu, se visse alguém fazer o que faço? E.S.E. capítulo X – item 10
  8. 8. Incontestavelmente, é o orgulho que induz o homem a disfarçar, para si mesmo, os seus defeitos, tanto morais, quanto físicos. E.S.E. cap. X, item 10
  9. 9. Melindre é o orgulho na mágoa. Cultivemos a coragem de ser criticados.
  10. 10. Pretensão é o orgulho nas ambições. Aprendamos a contentar com a alegria de trabalhar, sem expectativas pessoais.
  11. 11. Presunção é o orgulho no saber. Tomemos por divisa que toda opinião deve ser escutada com o desejo de aprender.
  12. 12. Preconceito é o orgulho nas concepções. Habituemos a manter análises imparciais e flexíveis.
  13. 13. Indiferença é o orgulho na sensibilidade. Adotemos a aceitação e respeito em todas ocasiões de êxitos e insucessos alheios.
  14. 14. Desprezo é o orgulho no entendimento. Habituemo-nos a pensar que para Deus tudo tem valor, mesmo que por agora não o compreendamos.
  15. 15. Personalismo é o orgulho centrado no eu. Eduquemos a abnegação nas atitudes.
  16. 16. Vaidade é o orgulho do que se imagina ser. Procuremos conhecer a nós mesmos e ter coragem para aceitarmo-nos tal qual somos, fazendo o melhor que pudermos na melhoria pessoal.
  17. 17. Inveja é o orgulho perante os sucessos alheios. Aceitemos que temos esse sentimento e o enfrentemos com dignidade e humildade.
  18. 18. A falsa modéstia é o orgulho da “humildade artificial”. Esforcemo-nos pela simplicidade que vem da alma sem querer impressionar.
  19. 19. A prepotência é o orgulho de poder. Aprendamos a descobrir o poder interior em nós mesmos, transformando a prepotência em autoridade.
  20. 20. Dissimulação é o orgulho nas aparências. Esforcemos por ser quem somos, sem receios, amando-nos como somos.
  21. 21. A tua ação e reação traduz como somos interiormente.
  22. 22. Não desperdices energias mascarando-te, antes aplica-as em contínuo trabalho de auto- aprimoramento, de crescimento interior até exteriorizares as conquistas em simpatias, cordialidade e amor.
  23. 23. A reeducação moral por meio das reencarnações nos levará a renovar esse quadro íntimo e alcançar o amadurecimento psicológico.
  24. 24. MUITA PAZ Palestrante – Victor Passos

×