Farmacologia scv

1.408 visualizações

Publicada em

Farmacologia do sistema cardiovascular

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.408
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Farmacologia scv

  1. 1. Victor Eduardo Almeida CostaFARMACOLOGIA SCV
  2. 2. IECA Inibem a conversão de angiotensina I em angiotensina II (bloq. competitivo); Inibem a degradação de bradicinina(tosse); ↓[Aldosterona] (vasodilatação renal); Ex.:T1/2 curta: Captopril, LisinoprilT1/2 intermed.: EnalaprilT1/2 longa: Ramipril, Trandolapril
  3. 3. IECAVantagens Desvantagens E.A. C.I.Redução da PA Alto custo Tosse*** GravidezNefropatia Doença renal Hipotensão Estenose aórticadiabética avançadaDislipidêmicos Hiperpotassemia Estenose da artéria renalPós-IAM Proteinúria (toxicidade)Facil associação Perda do paladar (toxicidade)CardiopatiaisquêmicaIR progressiva
  4. 4. ARAII ou BRA Antagonistas dos receptores de angiotensina II; Efeitos semelhantes aos IECA; Menos E.A., principalmente a tosse; Ex.:Losartana, Ibesartana*, Valsartan.
  5. 5. ARAII ou BRAVantagens Desvantagens E.A. C.I.Idem IECA Alto custo Constipação GravidezDiuréticos Doença hepática Irritação gástrica Insuficiênciapotencializam hepáticaefeitos Estenose aórtica Hiperpotassemia Insuficiência renal Prurido e erupções Hipercalimia Hipercalcemia
  6. 6. BLOQUEADORES DOS CANAIS DE Ca² Bloqueio dos canais Ca² tipo L(lentos); ↓PA(vasodilatação), ↓Contratilidade; Antiarrítmico; Ex.: Verapamil/Diltiazem – predomina efeito cardíacoNifedipina(IV*) – Urg. e Emergência (vasodilatação intensa)Amlodipina
  7. 7. BLOQUEADORES DOS CANAIS DE Ca²Vantagens Indicações E.A. C.I.Anti-anginoso Angina Constipação Doença do NSA E (Verapamil) NAV (Verap. e Dilt.)Anti-arritmico HAS Rash Facial ICC (Nifedipina)Vasodilatação Cefaléia Estenose Aoperiférica (Nifedipina)Diabéticos Hipotensão Insuficiência coronariana (Nifedipina)S. Raynaud Edema MaleolarRedução da PA
  8. 8. BETABLOQUEADORES ↓ FC (cronotrópico negativo), ↓DC; ↓RVP; ↓Força de contração (inotrópico negativo); ***Não suspender abruptamente (síndrome de abstnência) Ex.: Atenolol, Carvedilol, Propanolol, Esmolol
  9. 9. BETABLOQUEADORESVantagens Indicações E.A. C.I.1x ao dia Angina Bronco constrição IVEAnti-anginoso DAC Fadiga Insuficiência vascular periféricaPós-IAM HAS Disfunção sexual Asma (estimulação de B2)Antiarritmico Arritmias Doença do nó sinusal ou AVAnsiolítico
  10. 10. DIURÉTICOS* ↓[Na+] e/ou ↓ Vol. → ↓ DC(ativ. RAA) → ↓ PA; ALÇA: atuam na alça ascendente espessaInibem simporte Na+K+2Cl-Ex.: Furosemida e Bumetanida TIAZÍDICOS: atuam no início do TCDResposta em quatro semanas*Ex.: Clortalidona, Hidroclorotiazida e Indapamida POUPADORES DE K+: atuam no fim do TCDEx.: Espironolactona e Amilorida
  11. 11. Vantagens Desvantagens E.A. C.I.Edema Morte súbita Hiperglicemia Hipocalimia (exceto poupadores de K+)AVC DM e Gota Hipercolesterolem Hiperplasia de ia próstata (furosemida)1x ao dia Dislipidemia Hiperuricemia Hipersensibilidade (gota)Baixo custo Disfunção erétil (tiazídicos) Hipocalimia
  12. 12. CARDIOTÔNICOS Digitálicos*:Inibem a bomba Na+/K+;↓Pot. Ação, ↓ pot. repouso, ↑Ca² IC(inotrópico positivo);Cronotrópico negativo;Digoxina, Digitoxina;Intoxicação: retirar e utilizar diurético e lidocaína; Aminas:↑Ca² IC(inotrópico positivo);Adrenalina¹, Noradrenalina², Dopamina³, Dobutamina. Inibidores da fosfodiesterase:Amrinona e Milrinona.
  13. 13. CARDIOTÔNICOSIndicações E.A. C.I.ICC Fibrose miocárdica³ Flutter atrialAnafilaxia¹ Necrose miocárdica³PCR¹² Bloqueio da condução AVChoque¹²Broncoespasmo¹
  14. 14. ANTIAGREGANTES AAS***:↓TxA2, inibe COX;↑Prostaciclina(antiagregante);*suspender 7 dias antes de cirúrgias (liga-se irreversívelmente às plaquetas); Ex.: AAS, Dipiridamol, Ticlopidina, Clopidogrel, Abcximab.
  15. 15. Indicações E.A. C.I.IAM Neutropenia Cirurgias (Ticlopidina)AVC SangramentosAnginaTrombose venosa
  16. 16. ANTICOAGULANTES Heparinas(IV):Se ligam a antitrombina e inibem a formação de trombina;Impede a formação de fibrina (fibrinolítico); Heparinas de baixo peso molecular(IV):Mesmos efeitos;Menos interação com ptn plasmáticas;Mais seguras;Ex.: Enoxaparina.
  17. 17. •Varfarina(oral);Indicações E.A. C.I.Tromboembolismo Trombocitopenia GravidezProteses valvares Osteoporose SangramentosAngina pós-IAM Alopécia Cirúrgias Hipersensibilidade Hipoaldosteronismo Sangramentos
  18. 18. NITRATOS Vasodilatador; Redução da pré* e pós-carga; Redução da atividade mec. do coração; Aumento a capacidade de exercícios; Podem ser usados em associação a Betabloqueadores. Ex.: Trinitrato de glicerila, dinitrato de isossorbicida.
  19. 19. ANTIARRÍTMICOS Utilizados apenas em taquicardias estáveis; Não associar antiarrítmicos; ClasseI: Bloq. NaEx.: Disopiramida**, Lidocaína, Fenitoína, Flecaína e Prepofenona; ClasseII: Antagonistas dos receptores betaEx.: Metoprolol; ClasseIII: Bloq. KEx.: Amiodarona***; ClasseIV: Bloq. CaEx.: Verapamil;*atrial**ventricular***ambos
  20. 20. CASO CLÍNICO Paciente PAS, 66 anos, masculino, agricultor, divorciado, natural de Presidente Dutra – MA, procedente de Palmas – TO, sem histórico de viagem recente, pardo. Há 5 anos durante o trabalho sentiu dispnéia intensa e síncope, com melhora após repouso. Iniciou tratamento medicamentoso para HAS após o incidente, mas não aderiu adequadamente ao tratamento...
  21. 21. CASO CLÍNICO Evoluiu com piora dos sintomas apresentando dispnéia aos mínimos esforços, dispnéia paroxística noturna, apresentando melhora com O2 e aerosol. Fora tabagista por 30 anos e não é etilista. O paciente em questão foi diagnosticado com ICC descompensada (grau 4). Na ocasião fora medicado com dipirona, AAS, carvedilol, espironolactona, clexane, furosemida, enalapril, ranitidina, digoxina, diazepam, O2, dormonid e lasix.
  22. 22. ANÁLISE MEDICAMENTOSA Dipirona: dor AAS e Clexane: evitar trombos Carvedilol: diminui gasto cardíaco e HAS Espironolactona, Furosemida e Lasix: diminuir volume e consequente carga para o coração Enalapril: HAS Ranitidina: protetor gástrico Digoxina: inotrópico positivo Diazepam e Dormonid: ansiolítico e sedativo O2: dispnéia

×