O slideshow foi denunciado.

Relatório de autoavaliação da beml2013 domínio d - gestão da be

1.672 visualizações

Publicada em

  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Relatório de autoavaliação da beml2013 domínio d - gestão da be

  1. 1. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar 2012/ 2013 BE Moinho das Leituras EB1 Manuel Coco Agrupamento de Escolas Moinhos da Arroja A professora bibliotecária| Vera Monteiro Junho de 2013 Domínio D | Gestão da BE
  2. 2. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 2 Domínio D | Gestão da BE “…a avaliação não constitui um fim em si mesma, devendo ser entendida como um processo que deverá conduzir à reflexão e originar mudanças concretas na prática. Os exemplos de ações para a melhoria e os próprios fatores críticos de sucesso apontam pistas importantes, mas em cada caso avaliação ajudará a escola/ BE a traçar o rumo que deve seguir com vista à melhoria do seu desempenho…” In MAABE – RBE – Ministério da Educação Julho de 2011
  3. 3. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 3 Domínio D | Gestão da BE 1. Breve Introdução A avaliação é um instrumento de melhoria da qualidade. Os resultados obtidos no processo de autoavaliação devem, por isso, ser objeto de análise coletiva e de reflexão no agrupamento e originar a implementação de medidas adequadas aos resultados obtidos. Esta análise deve identificar os sucessos, pontos fortes e fracos no trabalho realizado em cada um dos domínios de funcionamento das bibliotecas escolares. O relatório final de autoavaliação deve ser o instrumento que descreve os resultados da autoavaliação e que delineia o conjunto de ações a ter em conta no planeamento de ações futuras a desenvolver. Esse relatório deve dar uma visão holística do funcionamento das bibliotecas escolares e assumir-se como instrumento de recolha e de difusão de resultados a ser apresentado junto dos órgãos de gestão e de decisão pedagógica. Deve integrar o relatório anual de atividades do agrupamento e originar uma síntese a incorporar no relatório de avaliação interna do agrupamento e deve orientar o coordenador na entrevista a realizar pela Inspeção Geral de Educação.
  4. 4. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 4 Domínio D | Gestão da BE 2. Metodologia a seguir na elaboração do relatório A aplicação do Modelo de Autoavaliação prevê que, decorrido um ciclo de quatro anos, todos os domínios representativos do funcionamento das bibliotecas escolares tenham sido avaliados. A seleção, em cada ano, de um ou mais domínios para ser objeto de avaliação representará um investimento mais significativo nesse ou nesses domínios, no sentido de procurar aferir, de forma sistemática e objetiva, os resultados efetivos do trabalho desenvolvido nessa (s) área (s). O trabalho e a ação educativa das bibliotecas escolares efetivam-se, no entanto, em cada ano, através dos quatro domínios representativos das áreas essenciais inerentes ao cumprimento dos pressupostos e objetivos que suportam a sua ação. A opção pela avaliação de um dos domínios não pode significar, por isso, o abandono dos restantes domínios. O Relatório encontra-se, por isso, estruturado em três Secções: A Secção A – Destina-se à apresentação da avaliação do domínio ou domínios que, no âmbito da aplicação do Modelo, foram objeto de avaliação. A Secção B – Destina-se a apresentar informação acerca do perfil de desempenho das BE´s nos domínios que, não sendo objeto de avaliação nesse ano letivo, testemunham o seu desempenho nas diferentes áreas de funcionamento das BE´s. A Secção C – Visa um resumo que forneça uma visão global, recorrendo a um quadro síntese dos resultados obtidos e das ações a implementar. A estrutura apresentada contém um layout onde todos os domínios estão presentes nas seções A e B. Cada escola/ biblioteca escolar deve adaptar a estrutura à sua situação e, na seção A, preenche-se apenas o quadro correspondente ao domínio em que aplicou o Modelo de Avaliação. Este domínio não será objeto de referência na Secção B.
  5. 5. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 5 Domínio D | Gestão da BE Avaliação da BE Moinho das Leituras EB 1 Manuel Coco Encontro com a escritora Sara Rodrigues Formação de utilizadores da BE
  6. 6. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 6 Domínio D | Gestão da BE SECÇÃO A Cada Escola / Biblioteca Escolar relata os resultados da auto-avaliação do domínio que, no âmbito da aplicação do Modelo de Auto-Avaliação, foi escolhido no presente ano lectivo.
  7. 7. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 7 Domínio D | Gestão da BE D. Gestão da biblioteca escolar D.1 Articulação da biblioteca escolar com a escola. Acesso e serviços prestados pela biblioteca Indicadores Evidências recolhidas Pontos Fortes Identificados Pontos Fracos Identificados D.1.1. Integração/ ação da BE na escola  A BE está contemplada nos seguintes documentos que regulamentam o agrupamento: - Projeto Educativo; - Regulamento Interno; - Projeto Curricular de Agrupamento; Estes documentos referem objetivamente a missão da BE, os seus objetivos, a sua organização, o seu funcionamento e a gestão dos recursos humanos e físicos.  A BE é também referida nos Projetos de Turma, como um projeto de promoção da leitura e das literacias. A dinamização da BE resulta da articulação da professora bibliotecária com os 25 professores titulares de turma do 1ºciclo e 9 educadores de infância.  O Regimento da BE contempla um capítulo dedicado à articulação da BE com as restantes estruturas pedagógicas do agrupamento (Capítulo VI do Regimento).  O plano anual de atividades e o projeto de dinamização da BE convergem com os objetivos do projeto educativo do A integração da BE na escola e no agrupamento está consolidada. A referência à BE e à sua missão é feita de forma explícita, clara e precisa nos três principais documentos reguladores da escola e do agrupamento, no plano anual de atividades e projetos de turma. A professora bibliotecária /coordenadora da BE é membro de pleno direito do conselho pedagógico e participa ativamente nas sessões deste órgão, apresentando regularmente as atividades e iniciativas desenvolvidas pela/com a BE. As ações com vista à partilha, discussão e aprovação da missão e objetivos da BE nos órgãos de administração e gestão, departamentos curriculares e demais estruturas de coordenação educativa e de supervisão pedagógica são, ainda, realizadas de forma incipiente.
  8. 8. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 8 Domínio D | Gestão da BE agrupamento. No PAA do agrupamento há referência às atividades de articulação entre BE e sala de aula e entre os diferentes graus de ensino do agrupamento.  A professora bibliotecária Paula Oliveira, coordenadora das bibliotecas escolares do agrupamento, tem assento no conselho pedagógico, onde intervém mensalmente para apresentar projetos, atividades e iniciativas referentes às três Bibliotecas Escolares do agrupamento.  A directora do agrupamento considerou como “implementado com sucesso” sete dos nove pontos referentes à forma como a BE é apoiada para se promover a sua integração na escola/no agrupamento. E assinalou como “implementado mas a requerer ações de melhoria” os pontos 5 (A BE tem condições – recursos materiais; verbas anuais – para cumprir os requisitos necessários de funcionamento de acordo com as orientações da RBE, designadamente para a renovação dos equipamentos e a atualização da coleção) e 6 (A BE tem os recursos humanos necessários – docentes e não docentes – em número, disponibilidade e em competências para o seu bom funcionamento).  A coordenadora das Bibliotecas Escolares tem, sempre que solicitado, reuniões com a direção para tratar de assuntos das BE do agrupamento. A BE é apoiada pela direção.
  9. 9. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 9 Domínio D | Gestão da BE D.1.2 Valorização da BE pelos órgãos de direcção, administração e gestão da escola/agrupa mento  Na BE Moinho das Leituras não existe equipa da biblioteca escolar, a organização e dinamização da BE estão ao encargo da professora bibliotecária Vera Monteiro que articula com os professores titulares de turma e coordenadoras de estabelecimento na realização de atividades.  A direção do agrupamento não disponibilizou, no ano letivo de 2012/2013, uma verba para atualização da coleção e para despesas correntes da BE.  Foram apresentadas em conselho pedagógico, pela professora bibliotecária/coordenadora da BE e pela professora coordenadora de projetos do 1ºciclo, as iniciativas/ atividades mensais das BE: Formação de utilizadores da BE; Bibliopaper; Comemoração do Halloween; Sequência Didática no âmbito da leitura orientada da obra “A Bruxa Mimi”; Feira das Ciências; Atividades comemorativas do Dia Nacional do Mar e do Dia Mundial do Não Fumador; Sequência Didática no âmbito da leitura orientada “Natal nas asas do arco-íris”; Projeto de parceria com o Projeto SEI da CMO no âmbito do “Mês da Internet mais segura – os direitos e deveres na internet”; Comemoração do Dia Escolar da Não Violência e Paz; Semana da Leitura; Projeto Conhecer a Cidade; Sequencia Didática no âmbito da leitura orientada da obra “Tio Lobo”; Comemoração do 25 de abril;  A directora do agrupamento considerou como ‘implementado com sucesso’ os nove pontos referentes à forma como a BE é apoiada para desenvolver as competências e o sucesso dos alunos. • As coordenadoras de estabelecimento são um forte recurso para a BE, apoiando todas as atividades da BE e contribuindo para a sua realização com recursos financeiros. • A BE é apoiada pelos órgãos de direcção, administração e gestão da escola/do agrupamento e é percecionada como um serviço indispensável na vida da escola/do agrupamento. • As despesas correntes da BE são apoiadas pela coordenadora de estabelecimento. • A BE é apoiada pelos: coordenador do departamento do 1ºciclo, coordenadores de ano e professores titulares de turma. •Apesar do apoio e reconhecimento da direção, não existe uma verba para atualização da coleção e para despesas correntes da BE.
  10. 10. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 10 Domínio D | Gestão da BE D.1.3 Resposta da BE às necessidades da escola/agrupa mento  A BE funciona, no período diurno, de 2ª a 6ª feira, das 09:00 às 17:30, assegurado pela professora bibliotecária e professores titulares de turma;  Nos questionários aplicados aos alunos verificaram-se que 65 % dos alunos frequenta a BE uma ou duas vezes por semana e 24,1 % frequenta a BE uma ou duas vezes por mês.  As professoras bibliotecárias reúnem, no início do ano lectivo e sempre que necessário, com os seguintes agentes educativos do agrupamento:  Coordenadores dos departamentos do agrupamento para apresentar a missão e objetivos da BE; divulgar a ferramenta web Diigo - marcador social; apelar à utilização frequente da BE e à consulta dos seus recursos bem como para mostrar a sua disponibilidade para a organização de atividades com todos os departamentos;  Professores titulares de turma, professores do apoio socioeducativo, professores do ensino especial e professores das AEC para o desenvolvimento de atividades do PAA;  Associação de Pais e Encarregados de Educação do Agrupamento para discutir parcerias e projetos a realizar (projeto Conhecer a Cidade, Semana da leitura, etc);  As professoras bibliotecárias produziram e disponibilizaram a toda a comunidade educativa documentos de caráter pedagógico-didático acessíveis através do blog www.moinhodasleituras.blogspot.com e divulgados na página da BE no facebook, https://www.facebook.com/be.moinhodasleituras;  A professora bibliotecária organizou , dinamizou e divulgou as seguintes atividades/projetos: • A taxa de utilização da BE por alunos e professores é muito elevada e, no caso dos alunos inquiridos, regista-se que 100% dos mesmos utiliza a BE. • Os recursos e os serviços da BE são todos utilizados, com destaque maior para a leitura e requisição domiciliária. • A BE é entendida pelos alunos como um recurso muito útil ao serviço da escola, respondendo de forma elevada às suas necessidades e contando com o apoio da professora bibliotecária. • Todos os docentes consideram que a BE tem um impacto forte na escola e no seu trabalho. • A BE articula atividades e projetos com todas as estruturas pedagógicas da escola, disponibiliza os seus recursos e os materiais pedagógicos que produz e procede à formação de utilizadores. • A BE Moinho das Leituras não tem um professor ou uma assistente operacional a tempo inteiro, o que por vezes impossibilita a utilização autónoma da BE pelos alunos nos intervalos e à hora de almoço.
  11. 11. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 11 Domínio D | Gestão da BE  Formação de utilizadores da BE, com recurso a guião de atividades, para as 25 turmas do 1ºciclo e respetivos professores titulares de turma, para as 9 turmas da pré-escolar e respetivas educadoras;  Bibliopaper , realizado com as cinco turmas do 4º ano de escolaridade;  Comemoração do Halloween em articulação com os professores da AEC de Inglês;  Sequência Didática no âmbito da leitura orientada da obra “A Bruxa Mimi”, dinamizada para todas as turmas do 1ºciclo de onde surgiram vários recursos pedagógico-didáticos;  Feira das Ciências, realizada com as 25 turmas do 1ºciclo, 6 turmas da pré-escolar em articulação com os professores titulares de turma/educadoras;  Atividades comemorativas do Dia Nacional do Mar realizadas com as 25 turmas do 1ºciclo, 6 turmas da pré-escolar em articulação com os professores titulares de turma/educadoras e professores responsáveis pelas atividades lúdico-expressivas;  Atividades comemorativas do Dia Mundial do Não Fumador, em articulação com os professores titulares de turma/educadoras;  Sequência Didática no âmbito da leitura orientada “Natal nas asas do arco-íris”, dinamizada para todas as turmas do 1ºciclo de onde surgiram vários recursos pedagógico-didáticos;  Parceria com o Projeto SEI da CMO no âmbito da comemoração do “Mês da Internet mais segura – os direitos e deveres na internet”, com a realização de vários workshops sobre a temática para as 25 turmas do 1ºciclo e um seminário para pais e encarregados de educação;  Comemoração do Dia Escolar da Não Violência e Paz, em articulação com o Projeto SEI da CMO, e no qual estiveram
  12. 12. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 12 Domínio D | Gestão da BE envolvidas 13 turmas do 1ºciclo, 3 turmas da pré- escolar e respetivos professores titulares de turma/educadoras;  Semanas da Leitura, atividades de promoção da leitura realizadas em articulação com 25 turmas do 1ºciclo, 6 turmas da pré-escolar, professores titulares de turma, educadoras, pais e encarregados de educação, etc;  Projeto Conhecer a Cidade, projeto de educação urbanística e para a cidadania em parceria com a Ordem de Arquitetos, RBE, CMO e APEEAEMA;  Sequência Didática no âmbito da leitura orientada da obra “Tio Lobo”, dinamizada para todas as turmas do 1ºciclo de onde surgiram vários recursos pedagógico-didáticos;  Nos questionários aplicados aos alunos, 87 % consideraram que o horário da BE é adequado e responde às suas necessidades de acesso e 13 % consideraram que não.  97,8% dos alunos foram de opinião de que o regulamento de funcionamento da BE é adequado e responde às suas necessidades e 2,2% foram de opinião que não.  100% dos alunos afirmaram que a equipa da BE presta apoio aos utilizadores, se pedirem ajuda, quando precisam de um livro, de realizar uma pesquisa ou de fazer um trabalho;  96% dos alunos inquiridos avaliaram o trabalho do professor bibliotecário e da equipa no acesso à BE, no apoio à pesquisa de informação e na realização de trabalhos como Muito Bom e 3% avaliam como Bom.  Nos questionários aplicados aos docentes, 82% afirmaram que o horário de funcionamento da BE é Bom e 18% que é muito Bom.  100% dos docentes inquiridos consideraram que a gestão da BE é muito eficaz e capaz de favorecer o trabalho com os alunos e a articulação com o currículo.
  13. 13. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 13 Domínio D | Gestão da BE  82% dos docentes afirmaram que a definição de programas formativos e de trabalho com departamentos e docentes é Muito Bom; 18% que é Bom.  60% dos docentes fizeram um balanço global do impacto da BE na vida da escola e no apoio ao seu trabalho enquanto docente como Muito Bom, 40% como Bom.  54,5% dos docentes consideraram como Muito Bom a criação de condições de acesso e acompanhamento aos utilizadores na pesquisa e uso da informação, 45,5% consideraram como Bom.  54,5% dos docentes classificaram como Bom a criação de condições para o uso das TIC e para exploração e uso qualificado da Internet e disseminação de ferramentas Web, 18,2% consideraram como Razoável e 18,2% como Fraco.  82% dos docentes avaliaram como Muito Bom a criação de condições para a promoção da leitura e da literacia, e os restantes 18% avaliaram como Bom.  82% dos docentes classificam como Muito Bom o trabalho articulado com os docentes e o apoio ao desenvolvimento curricular e 18% classificam como Bom.
  14. 14. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 14 Domínio D | Gestão da BE D.1.4 Avaliação da BE na escola/agrupa mento  A BE implementa instrumentos de recolha de informação sobre a taxa de utilização da BE e sobre o tipo de utilização (em Base de Dados do Office)  A BE implementa ao longo do ano instrumentos de recolha de informação sobre empréstimos de fundo documental – domiciliários, para a sala de aula e integrados em itinerâncias para o JI da Dr. João Santos.  A BE redige trimestralmente relatórios da execução do plano anual de atividades, com uma apreciação do trabalho desenvolvido e fornece o documento à direcção para ser analisado em conselho pedagógico.  A BE redige trimestralmente relatórios da execução do plano anual de atividades, com uma apreciação do trabalho desenvolvido e partilha o documento aos professores titulares de turma aguardando o seu feedback.  A BE implementa o Modelo de auto-avaliação da biblioteca escolar através da aplicação dos respectivos questionários e elabora o respectivo relatório com referência aos pontos fortes e àquilo que deve ser objeto de melhoria; O relatório é divulgado à diretora e ao conselho pedagógico e disponibilizado para consulta no blog da BE;  Na lista de verificação preenchida pela diretora do agrupamento, a mesma considerou como “implementado com sucesso” o apoio dado no processo de avaliação da BE, sendo facilitadas as condições necessárias à sua realização, e a inclusão de referências concretas à BE na auto-avaliação da escola/do agrupamento, pelo seu contributo para a qualidade do ensino e da aprendizagem. • A BE procede, de forma sistemática e contínua, à avaliação dos seus serviços, à divulgação dos respetivos resultados e à melhoria dos pontos fracos. • Todos os docentes do 1ºciclo recebem a avaliação trimestral da BE e dão o seu feedback à PB de forma a melhorar o trabalho da BE. • Nem sempre é possível preencher a “ficha de monotorização da atividade” desenvolvida na BE. Pois a professora bibliotecária dinamiza atividades para 25 turmas do 1ºciclo semanalmente, o que não deixa muito tempo para refletir e avaliar (por escrito) todas as atividades realizadas.
  15. 15. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 15 Domínio D | Gestão da BE D.2 Condições humanas e materiais para a prestação dos serviços. Indicadores Evidências recolhidas Pontos Fortes Identificados Pontos Fracos Identificados D.2.1 Liderança do professor bibliotecário na escola/agrupamento  A professora bibliotecária / coordenadora da equipa da BE participa nas reuniões do Conselho Pedagógico;  A professora bibliotecária partilha com todos os docentes do 1ºciclo a planificação mensal da BE, abrindo espaço para a discussão das atividades propostas, bem como todos os recurso criados para a sequência didática a trabalhar naquele mês.  A professora bibliotecária reúne, frequentemente formal e informalmente, com todos os docentes e sempre que solicitada.  A professora bibliotecária elabora e dinamiza, juntamente com os 25 professores titulares de turma e 9 educadoras, o plano de ação do PNL;  As professoras bibliotecárias participaram nas atividades/ projetos indicados no campo D.1.3;  As professoras bibliotecárias celebraram parcerias internas com as seguintes estruturas pedagógicas da escola/do agrupamento: Jardins-de-Infância, Escolas Básicas do 1º Ciclo, Subdepartamentos de 2º Ciclo e 3º •A capacidade de liderança da professora bibliotecária é reconhecida pelos utilizadores e considerada como forte e consistente alunos e professores. • O trabalho da professora bibliotecária com os docentes e com os representantes de outras estruturas de coordenação educativa e de supervisão pedagógica é feito regularmente para divulgar atividades, articular projetos e assegurar a utilização rentável dos serviços. • A professora bibliotecária preocupa- se com a promoção da leitura e da literacia informática e dinamiza vários projetos nesse âmbito. • A professora bibliotecária promove a celebração de parcerias, internas ou externas à Escola e potencia as • A integração da BE no trabalho curricular dos docentes, o desenvolvimento de competências digitais e da literacia da informação deve ser mais incrementado no futuro pois é ainda frágil. • A comunicação entre a professora bibliotecária e os diversos órgãos de direção, administração e gestão do agrupamento, é regular, contudo não garante a gestão profícua dos recursos físicos e humanos.
  16. 16. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 16 Domínio D | Gestão da BE Ciclo, Educação Especial e professores das AEC´s;  Foram ainda celebradas parcerias externas com as seguintes instituições: BMDD, Associação de Pais do Agrupamento, CMO – Projeto SEI, Ordem de Arquitetos;  Nos questionários aplicados aos alunos, 96% opinaram no sentido de que o trabalho do professor bibliotecário e da equipa no acesso à BE, no apoio à pesquisa de informação e na realização de trabalhos é Muito Bom.  Nos questionários aplicados aos docentes, 100% classificaram como Muito Bom a capacidade de liderança da professora bibliotecária, o trabalho com os departamentos, docentes e alunos e o desempenho ao nível de gestão da BE.  Na lista de verificação para o professor bibliotecário, a PB considerou como “implementado, mas a requerer ações de melhoria” os seguintes pontos: - 1. Tem um nível de formação aprofundado e continua a investir na melhoria e atualização das suas competências. - 2. Desenvolve uma boa gestão e uma liderança forte, mobilizando a equipa e a escola/agrupamento para o uso da BE e dos seus recursos. - 3. Gere a equipa, fomentando boas relações condições do acesso dos utilizadores aos meios existentes.
  17. 17. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 17 Domínio D | Gestão da BE interpessoais. Cria situações de formação em contexto e incentiva a equipa a recorrer à autoformação e a formação externa, para melhorar o nível das suas competências. - 4. Cria condições de acesso aos recursos e desenvolve estratégias de acompanhamento e de formação aos utilizadores. - 10. Avalia os recursos e os serviços em contínuo, planifica e atua de acordo com os resultados e as problemáticas identificadas.  A PB avaliou como “Implementado com sucesso”, na lista de verificação para o professor bibliotecário, os seguintes: - 5. Promove a integração da BE no funcionamento global da escola e no trabalho curricular dos docentes. - 6. Promove, de forma sistemática e continuada, o desenvolvimento dos hábitos e do gosto pela leitura e das competências a ela associadas.  Foram avaliados “Em implementação” na lista de verificação para o professor bibliotecário, os seguintes: - 7. Estimula o uso das TIC e explora os recursos Web, incrementando o desenvolvimento de competências digitais e da literacia da informação. - 8. Implementa serviços de biblioteca no agrupamento, procurando criar condições de igualdade no acesso e estendendo o impacto desses serviços a todo o agrupamento. - 9. Define objetivos, delineia atividades, trabalha em articulação com as restantes
  18. 18. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 18 Domínio D | Gestão da BE escolas/ bibliotecas e desenvolve políticas de cooperação com o exterior. D.2.2 Adequação dos recursos humanos às necessidades de funcionamento da BE na escola/agrupamento  A professora bibliotecária realizou formação contínua, certificada ou creditada com as seguintes designações: - Práticas e modelos na autoavaliação das bibliotecas escolares; - Organização da Informação: a cadeia documental; - A Utilização das TIC nos processos de ensino/ aprendizagem; - Gestão Integrada da Biblioteca Escolar no Agrupamento; - Curso de formação inicial à utilização do Bibliosoft;  A professora bibliotecária organizou o seu horário de forma a que quinzenalmente, todas as turmas do 1ºciclo e JI tenham 45 min. na BE para uma atividade estruturada e dinamizada pela PB;  Nos questionários aplicados aos alunos, 100% afirmaram que a equipa da BE presta apoio aos utilizadores, se pedirem ajuda, quando precisam de um livro, de realizar uma pesquisa ou de fazer um trabalho.  96% dos alunos classificaram o trabalho do professor bibliotecário e da equipa no acesso à BE, no apoio à pesquisa de informação e na realização de trabalhos como Muito Bom. •A formação e as competências da professora bibliotecária são adequadas às funções que desempenha. • Apesar do escasso tempo que é possível disponibilizar para todas as turmas, a professora bibliotecária realizou com todas as turmas as mesmas atividades. • Em média, alunos e professores avaliaram como muito bom o trabalho da professora bibliotecária. • Não existe equipa da BE nas bibliotecas do 1ºciclo, o que sobrecarrega a PB.
  19. 19. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 19 Domínio D | Gestão da BE  Nos questionários aplicados aos docentes,54,5% dos docentes consideraram como Muito Bom o trabalho da equipa na criação de instrumentos de apoio ao trabalho escolar e aos utilizadores e 45,5% como Bom.  Na lista de verificação preenchida pela diretora do agrupamento, esta considerou como “implementado, mas a requerer ações para a melhoria” os recursos humanos – docentes e não docentes – necessários em número, disponibilidade e competências para o bom funcionamento da BE.  Na lista de verificação para o professor bibliotecário, a professora bibliotecária considerou como “implementado, mas a requerer ações para a melhoria” a formação aprofundada e a continuação no investimento na melhoria e atualização das suas competências.  A PB considerou como ‘“implementado, mas a requerer ações para a melhoria” a forma como gere a equipa, fomentando boas relações interpessoais, como cria situações de formação em contexto e como incentiva a equipa a recorrer à autoformação para melhorar o nível das suas competências. D.2.3 Adequação da BE em termos de espaço  O espaço da BE contempla todas as zonas e áreas definidas pela RBE: zona de atendimento/ acolhimento, zona de leitura informal, zona de pesquisa e trabalho, zona • O espaço da BE contempla uma diversidade de valências que corresponde de forma muito adequada Não foram encontrados pontos fracos neste parâmetro da avaliação da BEML.
  20. 20. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 20 Domínio D | Gestão da BE às necessidades da escola/agrupamento audiovisual e zona multimédia e de Internet;  A BE tem ainda uma pequena arrecadação, com cerca de 2m2 .  A área da zona nuclear é de 82m2 , por onde se distribuem 35 lugares sentados da seguinte forma: - Zona de atendimento: 1 - Zona de leitura informal: 5 - Zona de pesquisa e trabalho: 30 - Zona audiovisual: 2 - Zona multimédia e de Internet: 6  O mobiliário da BE é constituído por: 10 mesas, 37 cadeiras, 6 estantes duplas, 7 estantes simples, 1 expositor de novidades, 1 expositor de material não livro, 5 puffs e uma secretária/ balcão.  Nos questionários aplicados aos alunos, 93,4% afirmaram que a área da BE é adequada para circularem à vontade e realizarem bem os trabalhos e 6,6% afirmaram que não.  72,7% dos docentes inquiridos classificaram como Bom a área, a organização do espaço, o mobiliário existente e as condições de acomodação nas deslocações com alunos, os restantes 27,3% classificaram como Muito Bom. às necessidades da escola e dos utilizadores da BE. • O espaço da BE, a área, a organização e o número de lugares sentados são muito adequados às necessidades dos utilizadores. • O mobiliário e o equipamento garantem a utilização individual e em grupo e asseguram uma boa qualidade de trabalho. D.2.4 Adequação dos computadores e  O equipamento multimédia é constituído por: - 3 computadores de bancada com ligação à internet, para utilizadores; - 1 computador de bancada com ligação à • Existem na escola computadores portáveis que são, sempre que • O hardware existente na BE (computadores, scanners e
  21. 21. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 21 Domínio D | Gestão da BE equipamentos tecnológicos ao trabalho da BE e dos utilizadores na escola/agrupamento. internet , na secretária de atendimento para registo, consulta e requisições domiciliárias; - 2 tablets; - 1 impressora a cores; - 1 multifunções; - 1 quadro interativo;  As comunicações abrangem rede local, Internet e Internet sem fios (Wireless).  O agrupamento tem plataforma Moodle, http://agema.crie.fc.ul.pt/, onde a BE tem um espaço de partilha e divulgação dos seus recursos digitais.  A BE divulga e promove as atividades que realiza no blog http://moinhodasleituras.blogspot.pt/ e na página do facebook https://pt- pt.facebook.com/be.moinhodasleituras.  A BE organiza e cataloga Recursos Educativos Digitais com recurso ao marcador social Diigo - https://www.diigo.com/user/bemoinhos.  Nos questionários aplicados aos alunos, 67,9% consideraram que os computadores não respondem às suas necessidades e que não têm permitido a realização dos trabalhos, 32,1% dos alunos consideraram que sim.  Relativamente aos docentes, 45,5% classificaram como Bom o número, a necessário, requisitados para a biblioteca escolar possibilitando assim a realização da atividade planificada. • A rede wireless é acessível para todos os dispositivos no espaço da BE, o que possibilita o uso de computadores portáteis, tablets, iPads e smartphones. impressoras) está muitíssimo desatualizado. • O software dos computadores é igualmente obsoleto e desatualizado, dando vários erros durante as sessões de trabalho. • A professora bibliotecária gere e atualiza o blog, facebook e plataforma da RBE sozinha.
  22. 22. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 22 Domínio D | Gestão da BE actualização e a adequação dos equipamentos tecnológicos da BE, 27,3% consideraram que é razoável e 18,2% Fraco.  Em termos de equipamentos informáticos, audiovisuais, fotográficos e de reprodução gráfica a BE está ainda aquém do desejável, pois o equipamento informático da BE é obsoleto, o software está desactualizado e o seu número é insuficiente, tendo em conta as necessidades da escola e dos utilizadores.  As comunicações permitem o acesso à Internet por cabo ou sem fios.  A BE utiliza as ferramentas Web e incentiva o seu uso.
  23. 23. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 23 Domínio D | Gestão da BE D.3 Gestão da coleção/da informação. Indicadores Evidências recolhidas Pontos Fortes Identificados Pontos Fracos Identificados D.3.1 Planeamento/ gestão da colecção de acordo com a inventariação das necessidades curriculares e dos utilizadores da escola/agrupamento  A BE procede anualmente à avaliação da colecção e toma decisões sobre o desbaste.  A BE solicita anualmente aos professores titulares de turma sugestões de títulos a adquirir.  Na lista de verificação para a coleção, no ponto 14 referente ao “desenvolvimento da coleção, faz-se de forma planeada, de acordo com uma avaliação sistemática da coleção e com os critérios formalizados na Política de desenvolvimento da coleção foi considerado como “em desenvolvimento”.  Na lista de verificação para o diretor do agrupamento, a diretora assinalou como “implementado mas a requerer ações para a melhoria” as condições (recursos materiais; verbas anuais) para cumprir os requisitos necessários de funcionamento de acordo com as orientações da RBE, • A informação sobre as novas aquisições é sempre disponibilizada aos utilizadores. • A partilha dos recursos existentes é feita regularmente com as restantes escola do agrupamento. • A coordenadora de estabelecimento apoia, sempre que possível, através de vários meios/recursos, o desenvolvimento da coleção da BE, visando as necessidades dos utilizadores da BE. • A Política de desenvolvimento da coleção da BE está ainda em elaboração, pois existe um elevado número de documentos para cotar e registar. • A partilha de recursos com as bibliotecas municipais pode ser aumentada. • Na BE do 1ºciclo não existe, de forma formal, verba atribuída pelo agrupamento para a aquisição de novos materiais e documentos.
  24. 24. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 24 Domínio D | Gestão da BE designadamente para a renovação dos equipamentos e a atualização da coleção.  Relativamente à forma como a BE desenvolve a política de difusão da informação, recorrendo a diferentes meios e aos novos dispositivos facultados pela Web, na lista de verificação para a coleção, a PB classificou este parâmetro como “desenvolvido, mas a requerer ações para a melhoria”.  Na mesma listagem, o parâmetro que refere a rede de partilha de recursos documentais e de pesquisa/organização de informação relacionada com as necessidades de informação dos utilizadores no agrupamento, com outras bibliotecas e com a biblioteca municipal foi considerado como “em desenvolvimento”. D.3.2 Adequação dos livros e de outros recursos de informação (no local e online) às necessidades curriculares e aos interesses dos utilizadores na  A coleção é constituída, entre outros documentos impressos e não impressos, por: - 2821 monografias - 20 registos sonoros - 82 DVD, jogos e outros  Os documentos impressos estão registados, cotados e arrumados na BE de • A da coleção da BE é recente, atual e diversificada de áreas e de suportes, adequada ao currículo e às necessidades ou aos interesses dos utilizadores. • A maioria dos alunos (94,2%) consideraram que os livros e outros documentos são atuais e têm • A integração na coleção de recursos em linha é inexistente e tem de ser desenvolvida urgente. • O número de periódicos da BE é nulo, o que impossibilita os utilizadores da BE da leitura de jornais e revistas.
  25. 25. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 25 Domínio D | Gestão da BE escola/agrupamento. acordo com as regras da Classificação Decimal Universal.  Nos questionários aplicados aos alunos, 94,2% consideraram que os livros e outros documentos são actuais e têm informação com qualidade, 5,8% consideraram que não.  94,4% dos alunos responderam que na BE existe documentação variada, incluindo CD, CD-ROM, DVD e informação on-line e 5,1% responderam que não.  96,4% dos alunos classificaram como bom as obras de referência: enciclopédias, dicionário e 3,6% consideraram razoável.  51,8% dos alunos classificaram como razoável os jornais e as revistas, 19,7% como Bom e 28,5% como fraco.  96,4% dos alunos consideraram como bom os livros de literatura e 2,9% como razoável.  88,3% dos alunos classificaram como bom os livros de tipo informativo e 10,9% como razoável.  92,7% dos alunos avaliaram como bom os livros para apoio ao estudo e para realização de trabalhos, 5,8% como razoável e 1,5% como fraco.  66,4% dos alunos afirmaram que o fundo dos CD áudio, DVD e jogos é bom, 29,9% afirmaram que é razoável e 3,6% que é informação com qualidade, bem como responderam que na BE existe documentação variada. • Professores e alunos, classificam como adequados os livros e recursos de informação às necessidades curriculares e aos interesses dos utilizadores.
  26. 26. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 26 Domínio D | Gestão da BE fraco.  42,9% dos alunos consideraram como razoável a informação organizada acessível através da Internet, 35,7% como bom e 21,4% como fraco.  Nos questionários aplicados aos docentes, 45,5% avaliaram como muito bom a adequação da coleção às necessidades pessoais de documentação e ao trabalho pedagógico com os alunos, 27,3% como bom e 27,3% como razoável.  81,8% dos docentes classificaram como bom a atualidade dos fundos documentais e 9,1% como muito bom.  63,6% dos docentes consideraram como bom a diversidade da coleção em áreas temáticas e em suportes, incluindo recursos organizados em linha, 18,2% como muito bom e 18,2% como razoável.  54,5% dos docentes declararam como bom a disponibilização de informação relacionada com interesses pessoais / divulgação de iniciativas, 27,3% como muito bom e 18,2% como razoável.  Na lista de verificação para a coleção, o
  27. 27. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 27 Domínio D | Gestão da BE parâmetro “a coleção possui uma extensão, abrangência e qualidade dos recursos de informação adequadas às necessidades da escola / do agrupamento” foi considerado como desenvolvido, mas a requerer ações para melhoria.  Na mesma listagem, foi avaliado como desenvolvido mas a requerer ações para melhoria, o parâmetro referente ao equilíbrio da coleção.  Relativamente à inclusão de documentação relacionada com as áreas curriculares adequadas às necessidades da escola / do agrupamento na coleção, este parâmetro foi cotado como “em desenvolvimento”.  No parâmetro a coleção integra recursos em linha e explora as vantagens e possibilidades que o paradigma digital introduz, foi considerado pela PB que necessita de desenvolvimento urgente.  A avaliação dos recursos documentais e da sua atualização, foi considerado como desenvolvido, mas a requerer ações para melhoria.
  28. 28. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 28 Domínio D | Gestão da BE D.3.3 Uso da colecção pelos utilizadores da escola/agrupamento  A BE organiza sessões de formação de utilizadores, no início do ano letivo e com recurso a um guião de atividades, para todas as turmas do JI ao 4º ano de escolaridade e respetivos professores titulares de turma.  O número total de empréstimos domiciliários e para a sala de aula foi de 2643.  A BE Moinho das Leituras faz serviço de itinerância à BE Porto das Palavras, o número de documentos emprestados foi de 210 títulos.  Nos questionários aplicados aos alunos, 91,2% dos alunos afirmaram que encontram os livros ou outros documentos que procuram e 8,8% afirmaram que não.  Nos questionários aos docentes, 54,5% dos inquiridos classificaram como bom a disponibilização de informação relacionada com o trabalho escolar / currículo, 27,3% como muito bom e 18,2% como razoável. • A coleção da BE é muito usada pelos utilizadores no local, em casa, na sala de aula e noutros espaços da escola, através da política de empréstimos domiciliários e para a sala de aula. • A coleção da BE Moinho das Leituras é vasta o que possibilita o empréstimo à BE Porto das Palavras. Não existem pontos fracos a assinalar neste parâmetro.
  29. 29. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 29 Domínio D | Gestão da BE  36,4% dos docentes afirmaram que a articulação de atividades e a partilha de recursos entre escolas /bibliotecas no agrupamento é bom, 36,4% disseram que é igualmente bom e razoável.  No questionário de autoavaliação do professor bibliotecário, a professora bibliotecária declarou como implementado, mas a requerer ações para melhoria a criação de acesso aos recursos e desenvolvimento de estratégias de acompanhamento e de formação aos utilizadores.  A professora bibliotecária classificou como em implementação o parâmetro referente à implementação de serviços de biblioteca no agrupamento, procurando criar condições de igualdade no acesso e estendendo o impacto desses serviços a todo o agrupamento.  No questionário de desenvolvimento da coleção, o empréstimo domiciliário é implementado e regista índices de requisição elevados, foi considerado como desenvolvido com sucesso.
  30. 30. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 30 Domínio D | Gestão da BE  Relativamente ao registo, em índice elevado, de utilização da coleção pelos alunos, este foi considerado como desenvolvido com sucesso. Já a mesma utilização pelos docentes foi avaliado como desenvolvido, mas a requerer ações para a melhoria.  Ainda no questionário de desenvolvimento da coleção, foi considerado como desenvolvido com sucesso o item referente à produção de informação, pela BE, relacionada com a formação dos alunos, com projetos ou atividades em desenvolvimento ou com o desenho curricular. D.3.4 Organização da informação. Informatização da colecção  O tratamento da coleção da BE obedece a procedimentos normalizados que estão contemplados no manual de procedimentos elaborado pelas professoras bibliotecárias de acordo com as orientações da RBE  A catalogação, classificação e indexação da colecção da BE são asseguradas pelas professoras bibliotecárias e feitas de acordo com as Normas Portuguesas de Catalogação, a Classificação Universal A colecção da BE está bem organizada, o que permite a localização de documentos de forma rápida. • A coleção não está totalmente informatizada e disponível, a maioria dos docentes não sabe usar a ferramenta de pesquisa no catálogo na página da BMDD.
  31. 31. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 31 Domínio D | Gestão da BE Decimal e o Cabeçalho de Assuntos.  A catalogação automatizada recorre ao software Bibliobase, sendo que no 1ºciclo essa catalogação é feita por técnicos da BMDD e é ainda em número muito reduzido.  O registo da colecção está 100% tratado, a catalogação automatizada está tratada entre 75% e 100% e a indexação e classificação estão tratadas entre 25% e 50% (v. base de dados da RBE – 2012/2013).  Na lista de verificação da coleção, foi avaliado como desenvolvido mas a requerer ações para a melhoria, o parâmetro a informação está organizada segundo um sistema de classificação normalizado.  Relativamente aos parâmetros: o catálogo está totalmente informatizado e colocado à disposição dos utilizadores para pesquisa da informação e o catálogo pode ser acedido em linha, foram considerados como a precisar de desenvolvimento urgente.
  32. 32. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 32 Domínio D | Gestão da BE D.3.5 Difusão da informação  A BE divulga projetos, concursos e as poucas aquisições feitas para reforço e actualização da coleção em placares apelativos no átrio da escola e da BE.  A BE concebe atividades à volta da promoção dos livros ao longo de todo o ano letivo.  Nos questionários aplicados aos alunos, 98,5% afirma que a BE os informa acerca dos materiais existentes e das atividades que realiza e apenas 1,5% se consideram não informados. A BE divulga regularmente a sua colecção e recorre para isso a uma diversidade de meios de difusão. Como já foi referido no parâmetro D.2.4, o facto de ser apenas a PB a gerir e “alimentar” o blog, facebook e plataforma da RBE, a difusão da informação online é condicionada.
  33. 33. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 33 Domínio D | Gestão da BE Domínio Seleccionado para avaliação – Quadro Síntese Motivo da escolha do domínio Em reunião de Coordenação das Professoras Bibliotecárias do Agrupamento de Escolas Moinhos da Arroja, o domínio escolhido foi o D, Gestão da Biblioteca Escolar, sendo aplicado em todas as Bibliotecas Escolares do Agrupamento em avaliação. A escolha das Professoras Bibliotecárias incidiu no domínio D, Gestão da Biblioteca Escolar, por considerarem esta área prioritária na ação da BE no processo educativo. Indicador Nível obtido Ações para a melhoria Observações D.1 3,67  Aumentar as ações com vista à partilha, discussão e aprovação da missão e objetivos da BE nos órgãos de administração e gestão  Promover ainda mais a intervenção dos pais nas atividades da BE, alertando-os para a importância da sua colaboração no desenvolvimento de competências nos seus educandos. D.2 2,80  Incrementar o desenvolvimento de competências digitais e da literacia da informação junto dos docentes,.  Melhorar comunicação entre a professora bibliotecária e os diversos órgãos de direção, administração e gestão do agrupamento, de forma a garantir a gestão profícua dos recursos físicos e humanos. D.3 2,43  Aumentar a partilha de recursos com as bibliotecas municipais.  Negociar com a direção do agrupamento a verba, a ser atribuída à BE do 1ºciclo, para a aquisição de computadores mais funcionais, materiais e documentos.  Concretizar o catálogo online para que a coleção seja acessível a todos.  Fazer assinaturas digitais de jornais e revistas para que todos os utilizadores das BE do agrupamento tenho acesso à leitura de jornais e revistas.
  34. 34. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 34 Domínio D | Gestão da BE SECÇÃO B Recomenda-se que cada biblioteca escolar realize um processo de análise da sua acção. Para isso, utilize a estrutura do Modelo de Auto-Avaliação da Biblioteca Escolar.
  35. 35. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 35 Domínio D | Gestão da BE A. Apoio ao Desenvolvimento Curricular Subdomínio Relatório de Avaliação Evidências que fundamentam o relatório Ações para melhoria A.1 Articulação curricular da BE com as estruturas de coordenação educativa e supervisão pedagógica e os docentes  A PB realizou, ao longo do ano lectivo, reuniões de trabalho, para planificação e articulação de actividades, com os professores titulares de turma, professores das AEC´s e professores do Ensino Especial;  A BE colaborou com a coordenadora de estabelecimento de ensino e conselho de docentes com o objectivo de conhecer os diferentes projetos curriculares e se envolver no planeamento das respectivas actividades  A BE impulsiona, dinamiza e colabora nos seguintes projectos:  “Programa Eco-Escolas” - ABAE/FEE;  “PNL- “JÁ SEI LER” e “Está na Hora da Leitura… na Sala de Aula  PROJECTO “CABEÇAS DE VENTO” –  Atas das reuniões de coordenação de ano e conselho geral de docentes;  Planificações das actividades;  Cartazes de divulgação das actividades;  Registos das actividades;  Relatórios de avaliação de actividade;  PAA;  Blog e facebook da BE;  Promover uma maior participação efetiva dos professores titulares de turma na preparação de actividades da BE;  Incentivar os docentes à pareceria com a BE para o ensino de diferentes conteúdos programáticos;
  36. 36. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 36 Domínio D | Gestão da BE CLUBE DE JORNALISMO/TIC  PROJETO “1, 2, 3… Matemática”  PROJETO “Viagens Multiculturais”  PROJETO “Mundo dos Afetos”  A BE desenvolveu, ao longo do ano lectivo, várias exposições:  com trabalhos realizados nos Ateliês do Conto;  sobre as autoras que visitaram a escola: Sara Rodrigues, Manuela Ribeiro.  de trabalhos e atividades Eco-Escolas;  sobre Multiculturalidade;  exposição de trabalhos de final de ano (de todas as turmas do 1ºciclo);  A BE organizou a Semana da Leitura, tendo estruturado e divulgado actividades, envolvendo toda a comunidade educativa;
  37. 37. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 37 Domínio D | Gestão da BE A.2. Promoção das literacias da informação, tecnológica e digital.  Atualização/divulgação de atividades no blog e facebook da BE;  “Formação de utilizadores da BE” realizada com todas as turmas do JI e 1ºciclo, acompanhadas pelo respetivo professor titular de turma. Nas várias sessões da Formação de Utilizadores foram explicados: o funcionamento da BE, as regras, as atividades realizáveis e a organização pela CDU; Para finalizar e consolidar os conceitos apreendidos os alunos realizaram, um Bibliopaper;  Organização da BE de forma a proporcionar aos alunos e professores trabalho diversificado individual e/ ou em grupo;  Workshops “Internet Mais Segura : os Direitos e os Deveres na Internet – Liga-te mas com respeitinho”, realizados com todas as turmas do 1ºciclo, acompanhadas pelo respetivo professor titular de turma. Nas várias sessões foram abordados os conceitos de: Combate a conteúdos ilegais; Minimização dos efeitos de conteúdos ilegais e lesivos nos cidadãos; Promoção de uma utilização segura da Internet; Consciencialização da sociedade para os riscos PAA Projetos de Turma Actas das reuniões Registos dos projectos  Promover no inicio do próximo ano lectivo, uma nova formação de utilizadores para professores e alunos, de modo a que a BE seja um recurso onde os docentes se movem de forma autónoma;  Estabelecer um plano articulado e progressivo para o desenvolvimentos das TIC;
  38. 38. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 38 Domínio D | Gestão da BE associados à utilização da Internet.  Articulação / Cooperação com o Projeto SEI da CMO, na dinamização de atividades sobre “Internet Segura”, wokshops para os alunos e Palestra “O meu filho no mundo virtual” para pais e encarregados de educação do agrupamento.  Partilha de materiais e Recursos Educativos Digitais com todos os docentes do 1ºciclo e JI através do marcador social Diigo e email;
  39. 39. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 39 Domínio D | Gestão da BE B. Leitura e Literacia Subdomínio Relatório de Avaliação Evidências que fundamentam o relatório Ações para melhoria B.1. Trabalho da BE ao serviço da promoção da leitura  Hora do Conto – atividade de animação da leitura, realizada pela PB a partir das obras: A Bruxa Mimi de Valerie Thomas e Natal nas asas do arco-íris de Alice Cardoso;  Ateliê do Conto - exploração das histórias: A Bruxa Mimi de Valerie Thomas e Natal nas asas do arco-íris de Alice Cardoso. Tendo como objetivos: o desenvolvimento das competências nucleares de LP, o espírito crítico e a criatividade dramática e plástica;  Bibliopaper – atividade lúdica realizada no âmbito do Dia da BE com todas as turmas de 4ºano;  Leitura Digital – durante a Formação de Utilizadores da BE foi abordada e explorada a temática da leitura digital, também disponível nas BE´s;  Apoio aos alunos no seu projeto leitor,  Blog da BE em: http://moinhodasleituras.blogspot.pt/  Facebook da BE em: https://pt- pt.facebook.com/be.moinhodasleituras  Exposição de trabalhos no espaço da BE;  Projetos de Turma;  Registos sobre a preparação, o desenvolvimento e avaliação das atividades.  Materiais produzidos para o desenvolvimento das atividades. ● Dar continuidade à divulgação promoção do blogue e facebook da BE. ● Dar continuidade ao bom trabalho desenvolvido pela PB e professores titulares de turma no âmbito da promoção da leitura.
  40. 40. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 40 Domínio D | Gestão da BE através do empréstimo domiciliário;  Integração da BE nas estratégias e programas de leitura:  Cooperação com os professores titulares de turma no programa do PNL: Está na Hora da Leitura;  Articulação com os professores titulares de turma na construção de estratégias e atividades de promoção da leitura e da literacia;  Leitura Digital – durante as atividades de “Internet Mais Segura : os Direitos e os Deveres na Internet” da BE foi abordada e explorada a temática da leitura digital, também disponível nas BE´s;  Apoio aos alunos no seu projeto leitor, através do empréstimo domiciliário;  Preparação das atividades para a Semana da Leitura;  Elaboração de Sequências Didáticas para a leitura orientada das obras: “Tio Lobo” de Xosé Ballasteros e “Operação Marmelada” de Manuela Ribeiro;
  41. 41. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 41 Domínio D | Gestão da BE  Divulgação das novidades no átrio principal da escola (BEML);  Contacto com editoras e escritores para deslocação destes à escola e dinamização de sessões para os alunos:  Sessões com as escritoras Sara Rodrigues e Manuela Ribeiro (nas BEML e BEPP) e com o escritor Alexandre Honrado (na BEFLG);  Visita à BMDD para as turmas do 3ºA e 3ºC da EB1 Manuel Coco;  Organização das sessões com o contador de histórias do “Mundo Brilhante” para todas as turmas da EB1 Manuel Coco, EB1/JI Porto Pinheiro, JI Dr. João Santos e EB2/3 Moinhos da Arroja;  Planificação, com a presidente da Associação de Pais e Encarregados de Educação do Agrupamento, da palestra “Filhos que leem, filhos felizes”, promovida pelo Dr. Alfredo Leite sobre leitura e literacia para todos os pais e
  42. 42. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 42 Domínio D | Gestão da BE encarregados de educação do agrupamento;  Realização de ateliês sobre Storyboxes, para as 25 turmas do 1ºciclo;  Organização, dinamização e divulgação do concurso de Storyboxes;  Elaboração dos critérios de avaliação das Storyboxes a concurso juntamente com a Dra. Isabel Antunes;  Elaboração de diplomas e oferta de livros para os alunos vencedores, menções honrosas e os que participaram no concurso das Storyboxes;  Organização e dinamização das atividades para a Semana da Leitura, em parceria com os professores titulares de turma; B.2. Integração da BE nas estratégias e programas de leitura  Cooperação com os professores titulares de turma no programa do PNL: Está na Hora da Leitura;  Articulação com os professores titulares de turma na construção de estratégias e  Blog da BE em: http://moinhodasleituras.blogspot.pt/  Facebook da BE em: https://pt- pt.facebook.com/be.moinhodasleituras Dar continuidade ao bom trabalho realizado.
  43. 43. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 43 Domínio D | Gestão da BE atividades de promoção da leitura e da literacia leitora;  Cooperação com os professores titulares de turma no programa do PNL: Está na Hora da Leitura e com as educadoras no programa do PNL: Está na Hora dos Livros;  Articulação com os professores titulares de turma na construção de estratégias e atividades de promoção da leitura e da literacia leitora;  Construção de sequências didáticas para a leitura orientada das obras “Operação Marmelada” e “Tio Lobo”;  Exposição de trabalhos no espaço da BE;  Projetos de Turma;  Registos sobre a preparação, o desenvolvimento e avaliação das atividades.  Materiais produzidos para o desenvolvimento das atividades. B.3. Impacto do trabalho da BE nas atitudes e competências dos alunos no âmbito da leitura e da literacia  Apoio à requisição para leitura domiciliária feita pelos professores titulares de turma.  Relatório de registo das requisições domiciliárias realizadas no ano letivo de 2012/2013. Observações:
  44. 44. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 44 Domínio D | Gestão da BE C. Projectos, Parcerias e Actividades Livres e de Abertura à Comunidade Subdomínio Relatório de Avaliação Evidências que fundamentam o relatório Ações para melhoria C.1. Apoio a actividades livres, extra-curriculares e de enriquecimento curricular  A BE apoiou os alunos nas suas actividades de ocupação dos tempos livres, nomeadamente à hora de almoço;  A PB acompanhou e apoiou diariamente os alunos nas actividades de pesquisa, fomentando metodologias de pesquisa adequadas, em vários suportes;  Relativamente a actividades e projectos constantes no PAA, promoveu-se um trabalho sistemático de valorização da BE na ocupação dos tempos livres, no âmbito da leitura e das literacias: Feira do livro; Destaques do Mês; O Livro do Mês; Semana da Leitura;  A BE planificou, com a presidente da Associação de Pais e Encarregados de Educação do Agrupamento, da palestra “Filhos que leem, filhos felizes”, promovida pelo Dr. Alfredo Leite sobre  Horário da BE;  Plano Anual de Actividades;  Planificação das actividades;  Cartazes de Divulgação das actividades.  Blog e facebook da BE;  Alargar o horário da BE durante os intervalos dos alunos, com a colaboração de todos os docentes;  Reforçar a articulação com as áreas de estudo acompanhado e de apoio ao estudo, produzindo materiais de apoio;  Rentabilizar as iniciativas programadas partilhando-as com outras escolas;  Solicitar uma maior colaboração dos EE e da comunidade educativa na organização e financiamento
  45. 45. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 45 Domínio D | Gestão da BE leitura e literacia para todos os pais e encarregados de educação do agrupamento;  A BE realizou actividades livres de carácter lúdico e cultural e comemorou datas de interesse cultural através de exposições, ateliês, produção de textos ou poemas;  Construção de uma Árvore de Natal, com mensagens poéticas;  Comemoração de efemérides; de eventos; C.2. Projectos e parcerias  A BE promoveu, organizou e participou em vários projectos ao nível da escola ou do agrupamento:  “Programa Eco-Escolas” - ABAE/FEE;  “Projeto Conhecer a Cidade” em parceria com a Ordem de Arquitetos, RBE, CMO, BMDD e APEEAEMA;  PNL- “JÁ SEI LER” e “Está na Hora da Leitura… na Sala de Aula;  Plano Anual de Actividades;  Planificação das actividades;  Cartazes de Divulgação das actividades.  Blog e facebook da BE;  Registo de contactos com várias instituições;  Convites à Comunidade para participarem: na Semana da Leitura, Semana da Multiculturalidade, nos concursos promovidos pelo  Solicitar uma maior colaboração dos EE e da comunidade educativa na participação, organização e financiamento de eventos;  Organizar visitas da BE à BMDD;  Reforçar as parcerias estabelecidas.  Realizar parcerias com outras escolas e agrupamentos.
  46. 46. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 46 Domínio D | Gestão da BE  PROJETO “CABEÇAS DE VENTO” – CLUBE DE JORNALISMO/TIC  PROJETO “1, 2, 3… Matemática”  PROJETO “Arco-Íris de Sorrisos”;  PROJETO “Viagens Multiculturais”;  PROJETO “Mundo dos Afectos”;  Projeto “SOBE”;  A BE desenvolveu projectos com a comunidade educativa:  Eco – Escolas;  Semana da Leitura;  Feira do Livro;  A PB participou em todas as reuniões de trabalho ou formação agendadas pela coordenação local da RBE; programa Eco – Escolas, para o projecto de Leitura em família;  Certificados de presença das reuniões da RBE e das formações realizadas;
  47. 47. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 47 Domínio D | Gestão da BE SECÇÃO C Quadro Síntese dos Resultados da avaliação
  48. 48. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 48 Domínio D | Gestão da BE Auto-Avaliação – Síntese Global Domínios de funcionamento Ano de incidência da auto-avaliação Nível obtido Ações para melhoria Data de apresentação ao Conselho Pedagógico. Recomendações do Conselho Pedagógico Domínio A Domínio B Domínio C Domínio D 2013 3  Aumentar as ações com vista à partilha, discussão e aprovação da missão e objetivos da BE nos órgãos de administração e gestão  Promover ainda mais a intervenção dos pais nas atividades da BE, alertando-os para a importância da sua colaboração no desenvolvimento de competências nos seus educandos.  Incrementar o desenvolvimento de competências digitais e da literacia da informação junto dos docentes,.  Melhorar comunicação entre a professora bibliotecária e os diversos órgãos de direção, administração e gestão do agrupamento, de forma a garantir a gestão profícua dos recursos físicos e humanos. 20/09/2013
  49. 49. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 49 Domínio D | Gestão da BE  Aumentar a partilha de recursos com as bibliotecas municipais.  Negociar com a direção do agrupamento a verba, a ser atribuída à BE do 1ºciclo, para a aquisição de computadores mais funcionais, materiais e documentos.  Concretizar o catálogo online para que a coleção seja acessível a todos.  Fazer assinaturas digitais de jornais e revistas para que todos os utilizadores das BE do agrupamento tenho acesso à leitura de jornais e revistas.  Incrementar a integração da BE no trabalho curricular dos docentes, nomeadamente no desenvolvimento de competências digitais e da literacia da informação. Observações:
  50. 50. Relatório de Autoavaliação da Biblioteca Escolar Moinho das Leituras | 2012/2013 Página | 50 Domínio D | Gestão da BE Odivelas, 2 de julho de 2013 A professora bibliotecária, ___________________________________

×