SlideShare uma empresa Scribd logo
Acadêmica: Géssica de Araújo Costa

 Seu nome verdadeiro é Charles Lutwidge Dogson,
nasceu em 27 de Janeiro de 1832, foi romancista,
contista, fabulista, poeta, desenhista, fotógrafo,
matemático e reverendo anglicano britânico.
 Ele estudava na Universidade de Oxford, era um
rapaz muito esforçado e interessado, já ganhou uma
medalha de honra ao mérito. Por se destacar nos
cálculos e jogos de lógicas ao terminar seus estudos
se tornou professor de Matemática.
Biografia

 Lewis Carroll era um rapaz muito tímido, tinha
problemas de dicção, era gago, muito religioso, uma
pessoa culta, tinha outros azuis ( ou seriam cinzas),
franzidos e entre outras características que não foram
detalhadas.

 Quando ele era criança Carroll brincava com
marionetes e mágicas (iluminismo).
 Ele se interessou por fotografia quando esta arte mal
havido surgido. Se especializou em retratos de
crianças e pessoas famosas.
 Carrol também era apaixonado por vários tipos de
jogos, tanto que inventou um grande número de
enigmas, jogos matemáticos e de lógica.

 Lewis tinha uma vida polêmica, ninguém
entendia e até hoje ninguém intendi a sua mente,
sua vida, seus supostos relacionamentos e etc.
 Uma das polêmicas destacadas é uma de suas
frases mais marcantes que diz que: “Gosto de
crianças (exceto meninos)
 Quando tinha tempos e oportunidades gostava de
desenhar ou fotografar (meninas nuas ou
seminuas).

 Após sua morte foram destruídas as fotos nuas das
meninas para não criar confusões na vidas das
mesmas. No entanto 4 ou 5 fotos ainda existe.
Evelyn Hatch, 1878.

 Em um livro chamado “Cartas à suas amiguinhas”,
mostra o conteúdo das cartas do autor que ele
mandava as meninas com quem ele se relacionava, e
a editora desse livro analisa seu trabalho de
fotografo de uma forma fria e racional e revela uma
intimidade fora do normal entre o autor e as meninas
que eram suas modelos.
 As obras de Lewis Carroll contém inúmeros
problemas de matemática e lógica ocultos no seu
texto. Muitos enigmas contidos em suas obras são
quase que imperceptíveis para os leitores atuais,
principalmente os não-anglófonos, pois continhas
referências da época, piadas e trocadinhos q só faz
sentido na língua inglesa.

 Seu falecimento se deu por pegar uma gripe e essa
gripe virou uma pneumonia. Morreu em 14 de
Janeiro de 1898.
Cemitério Guildford, Surrey na Inglaterra.

Alice Liddell

 Alice nasceu em 4 de Maio de 1852 em Londres, era
filha do amigo de Lewis Carroll. Seu pai era deão da
Universidade de Oxford onde Lewis estudava.
 Lewis conheceu Alice em um sessão de fotos em
1856, ela tinha 3 anos de idade. Ao conhece-la se
apaixonou.
 Alice tornou-se a maior paixão e Lewis e fonte
constante de inspiração para seus dois mais
conhecidos livros, embora ao final da escrita de Alice
no País das Maravilhas a amizade estivesse
diminuindo.


 Em 1880, ela se casou e Lewis não compareceu ao seu
casamento, ele mandou o seu presente por meio de
seu amigo.
 Ela teve 3 filhos.
 Morreu em 15 ou 16 de
Novembro de 1934.
Alice Liddell com 80 anos.

Alice no País das
Maravilhas

 Alice's Adventures in
Wonderland, frequentemente
abreviado para
Alice’s Adventures in Wonderland
(Alice no País das Maravilhas)
é a obra mais conhecida de
CharlesLutwidge Dodgson,
publicada a 4 de julho de 1865
sob o pseudônimo de Lewis
Carroll. É uma das obras mais
célebres do gênero
literário nonsense.

 A 4 Julho 1862, durante um passeio de barco pelo
rio Tâmisa, Charles Lutwidge Dodson, na
companhia do seu amigo Robinson Duckworth,
conta uma história de improviso para entreter as três
irmãs Liddell (Lorina Charlotte, Edith Mary e Alice
Pleasance Liddell).
 Essa história imprevista deu origem, a 26 de
Novembro de 1864, ao manuscrito de Alice Debaixo
da Terra (título original Alice's Adventures Under
Ground) com a finalidade de oferecer a Alice
Pleasance Liddell a história transcrita para o papel
Origem do livro

 O livro conta a história de uma
menina chamada Alice que cai em
numa toca de coelho que a
transporta para um lugar fantástico
povoado por criaturas peculiares e
antrofomórficas, revelando uma
lógica da absurda característica dos
sonhos.
Resumo da história

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Conteúdo matemática conceitual atitudinal e procedimental
Conteúdo matemática conceitual atitudinal e procedimentalConteúdo matemática conceitual atitudinal e procedimental
Conteúdo matemática conceitual atitudinal e procedimental
Giselle Amaral Abreu dos Santos
 
365 motivos para te amar tutoracraft
365 motivos para te amar tutoracraft365 motivos para te amar tutoracraft
365 motivos para te amar tutoracraft
Bruna Vieira
 
Descritores de Língua Portuguesa 5º Ano
Descritores de Língua Portuguesa 5º AnoDescritores de Língua Portuguesa 5º Ano
Descritores de Língua Portuguesa 5º Ano
Prof Barbosa
 
Resenha de filme pdf
Resenha de filme   pdfResenha de filme   pdf
Resenha de filme pdf
familiaestagio
 
Prova do sesi
Prova do sesiProva do sesi
Prova do sesi
Maria Eduarda Duda
 
BULLYING E CYBERBULLYING
BULLYING E CYBERBULLYINGBULLYING E CYBERBULLYING
BULLYING E CYBERBULLYING
CÉSAR TAVARES
 
Exemplo de Relato Pessoal
Exemplo de Relato PessoalExemplo de Relato Pessoal
Exemplo de Relato Pessoal
ProfFernandaBraga
 
O enem em sala de aula
O enem em sala de aulaO enem em sala de aula
O enem em sala de aula
Portal do Vestibulando
 
Literatura Inglesa - Shakespeare
Literatura Inglesa - ShakespeareLiteratura Inglesa - Shakespeare
Literatura Inglesa - Shakespeare
Adriana Sales Zardini
 
Autobiografia-
Autobiografia-Autobiografia-
Autobiografia-
sandrammagnani
 
Coletânea de dinâmicas de grupo e textos reflexivos soe-colinas-2010
Coletânea de dinâmicas de grupo e textos reflexivos soe-colinas-2010Coletânea de dinâmicas de grupo e textos reflexivos soe-colinas-2010
Coletânea de dinâmicas de grupo e textos reflexivos soe-colinas-2010
francisleide
 
Todas as provas saresp
Todas as provas sarespTodas as provas saresp
Todas as provas saresp
Jhosyrene Oliveira
 
Generos e tipos textuais ppt
Generos e tipos textuais pptGeneros e tipos textuais ppt
Generos e tipos textuais ppt
pnaicdertsis
 
Resumo
ResumoResumo
Diferença entre fato e opinião
Diferença entre fato e opiniãoDiferença entre fato e opinião
Diferença entre fato e opinião
Eliete Sampaio Farneda
 
Modelo de Projeto de Pesquisa
Modelo de Projeto de PesquisaModelo de Projeto de Pesquisa
Modelo de Projeto de Pesquisa
José Antonio Ferreira da Silva
 
PLANO DE AULA- CONTRA A VIOLÊNCIA EU MOSTRO A MINHA CARA- Prof. Noe Assunção
PLANO DE AULA- CONTRA A VIOLÊNCIA EU MOSTRO A MINHA CARA- Prof.  Noe AssunçãoPLANO DE AULA- CONTRA A VIOLÊNCIA EU MOSTRO A MINHA CARA- Prof.  Noe Assunção
PLANO DE AULA- CONTRA A VIOLÊNCIA EU MOSTRO A MINHA CARA- Prof. Noe Assunção
Prof. Noe Assunção
 
Resumo critico-2012
Resumo critico-2012Resumo critico-2012
Resumo critico-2012
guuuhsousaa
 
Palestra Violência Sexual contra crianças e adolescentes
Palestra Violência Sexual contra crianças e adolescentesPalestra Violência Sexual contra crianças e adolescentes
Palestra Violência Sexual contra crianças e adolescentes
Michelle Moraes Santos
 
Diferença entre mito e lenda
Diferença entre mito e lendaDiferença entre mito e lenda
Diferença entre mito e lenda
Patricio Armando Sando
 

Mais procurados (20)

Conteúdo matemática conceitual atitudinal e procedimental
Conteúdo matemática conceitual atitudinal e procedimentalConteúdo matemática conceitual atitudinal e procedimental
Conteúdo matemática conceitual atitudinal e procedimental
 
365 motivos para te amar tutoracraft
365 motivos para te amar tutoracraft365 motivos para te amar tutoracraft
365 motivos para te amar tutoracraft
 
Descritores de Língua Portuguesa 5º Ano
Descritores de Língua Portuguesa 5º AnoDescritores de Língua Portuguesa 5º Ano
Descritores de Língua Portuguesa 5º Ano
 
Resenha de filme pdf
Resenha de filme   pdfResenha de filme   pdf
Resenha de filme pdf
 
Prova do sesi
Prova do sesiProva do sesi
Prova do sesi
 
BULLYING E CYBERBULLYING
BULLYING E CYBERBULLYINGBULLYING E CYBERBULLYING
BULLYING E CYBERBULLYING
 
Exemplo de Relato Pessoal
Exemplo de Relato PessoalExemplo de Relato Pessoal
Exemplo de Relato Pessoal
 
O enem em sala de aula
O enem em sala de aulaO enem em sala de aula
O enem em sala de aula
 
Literatura Inglesa - Shakespeare
Literatura Inglesa - ShakespeareLiteratura Inglesa - Shakespeare
Literatura Inglesa - Shakespeare
 
Autobiografia-
Autobiografia-Autobiografia-
Autobiografia-
 
Coletânea de dinâmicas de grupo e textos reflexivos soe-colinas-2010
Coletânea de dinâmicas de grupo e textos reflexivos soe-colinas-2010Coletânea de dinâmicas de grupo e textos reflexivos soe-colinas-2010
Coletânea de dinâmicas de grupo e textos reflexivos soe-colinas-2010
 
Todas as provas saresp
Todas as provas sarespTodas as provas saresp
Todas as provas saresp
 
Generos e tipos textuais ppt
Generos e tipos textuais pptGeneros e tipos textuais ppt
Generos e tipos textuais ppt
 
Resumo
ResumoResumo
Resumo
 
Diferença entre fato e opinião
Diferença entre fato e opiniãoDiferença entre fato e opinião
Diferença entre fato e opinião
 
Modelo de Projeto de Pesquisa
Modelo de Projeto de PesquisaModelo de Projeto de Pesquisa
Modelo de Projeto de Pesquisa
 
PLANO DE AULA- CONTRA A VIOLÊNCIA EU MOSTRO A MINHA CARA- Prof. Noe Assunção
PLANO DE AULA- CONTRA A VIOLÊNCIA EU MOSTRO A MINHA CARA- Prof.  Noe AssunçãoPLANO DE AULA- CONTRA A VIOLÊNCIA EU MOSTRO A MINHA CARA- Prof.  Noe Assunção
PLANO DE AULA- CONTRA A VIOLÊNCIA EU MOSTRO A MINHA CARA- Prof. Noe Assunção
 
Resumo critico-2012
Resumo critico-2012Resumo critico-2012
Resumo critico-2012
 
Palestra Violência Sexual contra crianças e adolescentes
Palestra Violência Sexual contra crianças e adolescentesPalestra Violência Sexual contra crianças e adolescentes
Palestra Violência Sexual contra crianças e adolescentes
 
Diferença entre mito e lenda
Diferença entre mito e lendaDiferença entre mito e lenda
Diferença entre mito e lenda
 

Semelhante a Lewis carroll

Lewis Carrol
Lewis CarrolLewis Carrol
Charles dickens
Charles dickensCharles dickens
Charles dickens
Armanda Ribeiro
 
Charles john huffam dickens
Charles john huffam dickensCharles john huffam dickens
Especial Clarice Lispector
Especial Clarice LispectorEspecial Clarice Lispector
Especial Clarice Lispector
Ana Batista
 
Clarice lispector- A hora da Estrela
Clarice lispector- A hora da EstrelaClarice lispector- A hora da Estrela
Clarice lispector- A hora da Estrela
Giuliane Alves Berchele
 
Análise literária - Clarice Lispector
Análise literária - Clarice LispectorAnálise literária - Clarice Lispector
Análise literária - Clarice Lispector
Regina Gabriela
 
A alice do outro lado do espelho
A alice do outro lado do espelhoA alice do outro lado do espelho
A alice do outro lado do espelho
Escola Básica e Secundária Tomás de Borba
 
Raquel de Queiroz
Raquel de Queiroz Raquel de Queiroz
Raquel de Queiroz
Larissa Silva
 
Edgard allan poe completo
Edgard allan poe completoEdgard allan poe completo
Edgard allan poe completo
AnaLuizaCampos15
 
Vida e obra
Vida e obraVida e obra
Vida e obra
Elber Queiroz
 
Fichamento de Língua Portuguesa - O diabo dos numeros
Fichamento de Língua Portuguesa - O diabo dos numeros Fichamento de Língua Portuguesa - O diabo dos numeros
Fichamento de Língua Portuguesa - O diabo dos numeros
Pedro Luis
 
Alfred Russel Wallace
Alfred Russel WallaceAlfred Russel Wallace
Alfred Russel Wallace
Ponte de Luz ASEC
 
Biografia leon tolstói
Biografia leon tolstóiBiografia leon tolstói
Biografia leon tolstói
Paulo Roberto Bodini Santiago
 
Literatura russa
Literatura russaLiteratura russa
Literatura russa
Lenice Veloso
 
Charlotte brontë
Charlotte brontëCharlotte brontë
Oscar wilde
Oscar wildeOscar wilde
Oscar wilde
Oscar wildeOscar wilde
Palestra Arthur Conan Doyle
Palestra Arthur Conan DoylePalestra Arthur Conan Doyle
Palestra Arthur Conan Doyle
Edson Rossatto
 
A Hora da Estrela
A Hora da EstrelaA Hora da Estrela
A Hora da Estrela
Elie Wu
 
Clarice Lispector - A hora da estrela
Clarice Lispector  -    A  hora da estrelaClarice Lispector  -    A  hora da estrela
Clarice Lispector - A hora da estrela
Marcia Facelli
 

Semelhante a Lewis carroll (20)

Lewis Carrol
Lewis CarrolLewis Carrol
Lewis Carrol
 
Charles dickens
Charles dickensCharles dickens
Charles dickens
 
Charles john huffam dickens
Charles john huffam dickensCharles john huffam dickens
Charles john huffam dickens
 
Especial Clarice Lispector
Especial Clarice LispectorEspecial Clarice Lispector
Especial Clarice Lispector
 
Clarice lispector- A hora da Estrela
Clarice lispector- A hora da EstrelaClarice lispector- A hora da Estrela
Clarice lispector- A hora da Estrela
 
Análise literária - Clarice Lispector
Análise literária - Clarice LispectorAnálise literária - Clarice Lispector
Análise literária - Clarice Lispector
 
A alice do outro lado do espelho
A alice do outro lado do espelhoA alice do outro lado do espelho
A alice do outro lado do espelho
 
Raquel de Queiroz
Raquel de Queiroz Raquel de Queiroz
Raquel de Queiroz
 
Edgard allan poe completo
Edgard allan poe completoEdgard allan poe completo
Edgard allan poe completo
 
Vida e obra
Vida e obraVida e obra
Vida e obra
 
Fichamento de Língua Portuguesa - O diabo dos numeros
Fichamento de Língua Portuguesa - O diabo dos numeros Fichamento de Língua Portuguesa - O diabo dos numeros
Fichamento de Língua Portuguesa - O diabo dos numeros
 
Alfred Russel Wallace
Alfred Russel WallaceAlfred Russel Wallace
Alfred Russel Wallace
 
Biografia leon tolstói
Biografia leon tolstóiBiografia leon tolstói
Biografia leon tolstói
 
Literatura russa
Literatura russaLiteratura russa
Literatura russa
 
Charlotte brontë
Charlotte brontëCharlotte brontë
Charlotte brontë
 
Oscar wilde
Oscar wildeOscar wilde
Oscar wilde
 
Oscar wilde
Oscar wildeOscar wilde
Oscar wilde
 
Palestra Arthur Conan Doyle
Palestra Arthur Conan DoylePalestra Arthur Conan Doyle
Palestra Arthur Conan Doyle
 
A Hora da Estrela
A Hora da EstrelaA Hora da Estrela
A Hora da Estrela
 
Clarice Lispector - A hora da estrela
Clarice Lispector  -    A  hora da estrelaClarice Lispector  -    A  hora da estrela
Clarice Lispector - A hora da estrela
 

Último

Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdfApostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
pattyhsilva271204
 
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
Sandra Pratas
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
marcos oliveira
 
Planejamento_Anual_Ensino_Fundamental_2020.docx
Planejamento_Anual_Ensino_Fundamental_2020.docxPlanejamento_Anual_Ensino_Fundamental_2020.docx
Planejamento_Anual_Ensino_Fundamental_2020.docx
marcos oliveira
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
Ligia Galvão
 
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Caça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafosCaça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafos
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Mary Alvarenga
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
Sandra Pratas
 
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdfCALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CristviaFerreira
 
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
arodatos81
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
SupervisoEMAC
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
LeilaVilasboas
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
shirleisousa9166
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
Espanhol Online
 
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
Mary Alvarenga
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Centro Jacques Delors
 
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
C4io99
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Luzia Gabriele
 

Último (20)

Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
 
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdfApostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
 
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
FILMES DE ABRIL_BECRE D. CARLOS I_2023_24
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
 
Planejamento_Anual_Ensino_Fundamental_2020.docx
Planejamento_Anual_Ensino_Fundamental_2020.docxPlanejamento_Anual_Ensino_Fundamental_2020.docx
Planejamento_Anual_Ensino_Fundamental_2020.docx
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
 
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Caça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafosCaça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafos
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
 
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
EBOOK_HORA DO CONTO_MARINELA NEVES & PAULA FRANCISCO_22_23
 
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdfCALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
CALENDÁRIO GRADUAÇÃO 2024-07ddddd-04 (1).pdf
 
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
 
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptxSlides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Slides Lição 3, CPAD, Rute e Noemi, Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Alfabetização de adultos.pdf
Alfabetização de             adultos.pdfAlfabetização de             adultos.pdf
Alfabetização de adultos.pdf
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
 
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptxSlide para aplicação  da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
Slide para aplicação da AVAL. FLUÊNCIA.pptx
 
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
 
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
 
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
Slide | Eurodeputados Portugueses (2024-2029) - Parlamento Europeu (atualiz. ...
 
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
 

Lewis carroll

  • 1. Acadêmica: Géssica de Araújo Costa
  • 2.   Seu nome verdadeiro é Charles Lutwidge Dogson, nasceu em 27 de Janeiro de 1832, foi romancista, contista, fabulista, poeta, desenhista, fotógrafo, matemático e reverendo anglicano britânico.  Ele estudava na Universidade de Oxford, era um rapaz muito esforçado e interessado, já ganhou uma medalha de honra ao mérito. Por se destacar nos cálculos e jogos de lógicas ao terminar seus estudos se tornou professor de Matemática. Biografia
  • 3.   Lewis Carroll era um rapaz muito tímido, tinha problemas de dicção, era gago, muito religioso, uma pessoa culta, tinha outros azuis ( ou seriam cinzas), franzidos e entre outras características que não foram detalhadas.
  • 4.   Quando ele era criança Carroll brincava com marionetes e mágicas (iluminismo).  Ele se interessou por fotografia quando esta arte mal havido surgido. Se especializou em retratos de crianças e pessoas famosas.  Carrol também era apaixonado por vários tipos de jogos, tanto que inventou um grande número de enigmas, jogos matemáticos e de lógica.
  • 5.   Lewis tinha uma vida polêmica, ninguém entendia e até hoje ninguém intendi a sua mente, sua vida, seus supostos relacionamentos e etc.  Uma das polêmicas destacadas é uma de suas frases mais marcantes que diz que: “Gosto de crianças (exceto meninos)  Quando tinha tempos e oportunidades gostava de desenhar ou fotografar (meninas nuas ou seminuas).
  • 6.   Após sua morte foram destruídas as fotos nuas das meninas para não criar confusões na vidas das mesmas. No entanto 4 ou 5 fotos ainda existe. Evelyn Hatch, 1878.
  • 7.   Em um livro chamado “Cartas à suas amiguinhas”, mostra o conteúdo das cartas do autor que ele mandava as meninas com quem ele se relacionava, e a editora desse livro analisa seu trabalho de fotografo de uma forma fria e racional e revela uma intimidade fora do normal entre o autor e as meninas que eram suas modelos.  As obras de Lewis Carroll contém inúmeros problemas de matemática e lógica ocultos no seu texto. Muitos enigmas contidos em suas obras são quase que imperceptíveis para os leitores atuais, principalmente os não-anglófonos, pois continhas referências da época, piadas e trocadinhos q só faz sentido na língua inglesa.
  • 8.   Seu falecimento se deu por pegar uma gripe e essa gripe virou uma pneumonia. Morreu em 14 de Janeiro de 1898. Cemitério Guildford, Surrey na Inglaterra.
  • 10.   Alice nasceu em 4 de Maio de 1852 em Londres, era filha do amigo de Lewis Carroll. Seu pai era deão da Universidade de Oxford onde Lewis estudava.  Lewis conheceu Alice em um sessão de fotos em 1856, ela tinha 3 anos de idade. Ao conhece-la se apaixonou.  Alice tornou-se a maior paixão e Lewis e fonte constante de inspiração para seus dois mais conhecidos livros, embora ao final da escrita de Alice no País das Maravilhas a amizade estivesse diminuindo.
  • 11.
  • 12.   Em 1880, ela se casou e Lewis não compareceu ao seu casamento, ele mandou o seu presente por meio de seu amigo.  Ela teve 3 filhos.  Morreu em 15 ou 16 de Novembro de 1934. Alice Liddell com 80 anos.
  • 13.  Alice no País das Maravilhas
  • 14.   Alice's Adventures in Wonderland, frequentemente abreviado para Alice’s Adventures in Wonderland (Alice no País das Maravilhas) é a obra mais conhecida de CharlesLutwidge Dodgson, publicada a 4 de julho de 1865 sob o pseudônimo de Lewis Carroll. É uma das obras mais célebres do gênero literário nonsense.
  • 15.   A 4 Julho 1862, durante um passeio de barco pelo rio Tâmisa, Charles Lutwidge Dodson, na companhia do seu amigo Robinson Duckworth, conta uma história de improviso para entreter as três irmãs Liddell (Lorina Charlotte, Edith Mary e Alice Pleasance Liddell).  Essa história imprevista deu origem, a 26 de Novembro de 1864, ao manuscrito de Alice Debaixo da Terra (título original Alice's Adventures Under Ground) com a finalidade de oferecer a Alice Pleasance Liddell a história transcrita para o papel Origem do livro
  • 16.   O livro conta a história de uma menina chamada Alice que cai em numa toca de coelho que a transporta para um lugar fantástico povoado por criaturas peculiares e antrofomórficas, revelando uma lógica da absurda característica dos sonhos. Resumo da história