+ Consumo
Até 2030 3 bilhões de
pessoas estarão na classe
média, 1 bilhão a mais do
que temos hoje
+ Aquecimento
6ºC é a d...
A sustentabilidade
passou de “isso é
legal” para “isso é
necessário”
STEVE HOWARD
1 Camiseta de
algodão
consome 2000l
de água para ser
produzida.
O cultivo de
algodão utiliza
grande
quantidade de
pesticid...
A INDÚSTRIA DE MODA
ESTÁ ENTRE AS CINCO
QUE MAIS POLUI O
MEIO AMBIENTE
A INDÚSTRIA DE MODA
ESTÁ ENTRE AS CINCO
QUE MAIS PO...
ALGODÃO
PROCURA ÁGUA PREÇO
Com o aumento do
consumo, a procura
de algodão cresce
cada vez mais. .
Com o crescimento
da pop...
BETTER COTTON
INITIATIVE
Uma iniciativa para
tornar a produção de
algodão melhor para
quem produz, para o
ambiente e para ...
.
O Caranguejo é um polímero natural
que pode ser transformado em tecido
Salmão, leite, grãos de café, óleo de
rícino, urt...
Juntos, esses tecidos nunca irão acabar. Eles
são parte do futuro da moda global, uma mini
revolução industrial.
Precisamo...
CERCA DE 27 MILHÕES DE
PESSOAS
SENDO EXPLORADAS EM
TODO O MUNDO
UMA NOVA CONSCIÊNCIA
Reality show Sweatshop Dead
Cheap Diva envia três
blogueiros de moda para
passar 1 mês trabalhando em...
O FUNCIONAMENTO
DA CADEIA
Consumidores do
mundo inteiro estão se
conscientizando cada
vez mais a respeito da
procedência d...
“O verdadeiro luxo respeita
acima de tudo o trabalho dos
artesãos e as técnicas que são
transmitidas por gerações.
Isso, a...
Studio 189
possibilitou a
profissionalização
de mais de 30
mulheres de
comunidades
carentes na África ,
que se tornaram
es...
• SOFTWARE FRDM PERMITE QUE AS
EMPRESAS ACOMPANHEM SUA REDE
DE PRODUÇÃO E FORNECIMENTO E
IDENTIFIQUE ÁREAS PROBLEMÁTICAS
E...
Através do Projeto Traces, a Osklen
consegue rastrear os impactos
socioambientais das matérias primas
usadas pela confecçã...
+ Mobile
Transações via mobile
devem crescer mais de 60%
em 2015
+ Ecommerce
Em 2014 o ecommerce
ganhou 5 milhões de novos...
O faturamento
do comércio
eletrônico
brasileiro teve
aumento de 24%
em 2014.
O comércio
eletrônico
brasileiro teve
aumento...
ECOMMERCE
É HORA DE CRESCER E APARECER
CULTURA CRESCIMENTO CONFIANÇA
O brasileiro não tem
a tradição de
comprar moda a
dis...
STRATEGIC BIG DATA:
Cada interação que temos
no mundo é registrada por
uma série crescente de
sensores: celulares,
cartões...
MAS...
Como manusear
essa enorme
quantidade de
dados?
O que fazer com
toda essa
informação?
Como
transformar
dados em
bene...
Moda não é só roupa, é
informação. Se nas lojas
físicas o consumidor
procura uma
vendedora, na internet
ele também procura...
CONTENT CREATION
A mídia tradicional se fragmenta e se
diversifica, de grandes corporações a
indivíduos criativos, canais ...
CIVILIZAÇÃO EMPÁTICA
Os jovens não estão
apenas produzindo e
compartilhando seu
´próprio entretenimento,
notícias e inform...
TERCEIRA REVOLUÇÃO
INDUSTRIAL
De tempos em tempos, novas revoluções
tecnológicas emergem para gerenciar mais
eficientement...
INTERNET OF THINGS TO INTERNET OF
CARING THINGS
A internet e os gadgets estão se
tornando uma rede projetada para
proteger...
73%
DOS CONSUMIDORES
BRASILEIROS ESPERAM
QUE AS MARCAS
CONSTRUAM RELAÇÕES
SIGNIFICATIVAS COM ELES
HUMAN BRANDS
SIMBIOSE HOMEM
COMPUTADOR
Homens e máquinas
trabalhando de forma
cooperativa, e não em
oposição, na tomada de
decisões e n...
A PRODUÇÃO DE MODA NO
BRASIL É UMA DAS MAIS
CARAS DO MUNDO.
PRECISAMOS DE DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO
(HOMENS + MÁQUINAS) ...
INFORMAÇÃO ACESSÍVEL
Através de meios digitais e
da criação de conteúdo
democrática, a informação
atingiu um nível que
pos...
“O celular é nossa
companhia 24 horas e você
consegue comunicar com
as pessoas em situações
absolutamente diferentes:
na s...
MODA É INFORMAÇÃO
“Moda é informação e informação é
poder, as novas gerações estão cada vez
mais informadas e a gente tem ...
COMO CONVERSAR
SOBRE MODA COM ESSE
NOVO CONSUMIDOR?
“O consumidor de hoje sabe
o que quer, diferente de
muito pouco tempo atrás. Ele
quer falar e ser ouvido, ele
está cheio d...
TECNOLOGIA
INFORMAÇÃO
SUTENTABILIDADE
TroposLab - Tendências do indústria da moda [Ideas 4 change]
TroposLab - Tendências do indústria da moda [Ideas 4 change]
TroposLab - Tendências do indústria da moda [Ideas 4 change]
TroposLab - Tendências do indústria da moda [Ideas 4 change]
TroposLab - Tendências do indústria da moda [Ideas 4 change]
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

TroposLab - Tendências do indústria da moda [Ideas 4 change]

768 visualizações

Publicada em

Apresentamos as tendências que estão mudando a indústria da moda e como os empreendedores podem atuar nessa transformação.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
768
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
184
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
35
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

TroposLab - Tendências do indústria da moda [Ideas 4 change]

  1. 1. + Consumo Até 2030 3 bilhões de pessoas estarão na classe média, 1 bilhão a mais do que temos hoje + Aquecimento 6ºC é a direção que estamos caminhando em termos de aquecimento global. + População 12 era o número de cidades do mundo que tinham 1 milhão de habitantes no início do século. Hoje esse número equivale a 50 + Destruição A camada de gelo ártico encolheu 40% nos últimos anos SUSTENTABILIDADE EM NÚMEROS 3 6 12 40
  2. 2. A sustentabilidade passou de “isso é legal” para “isso é necessário” STEVE HOWARD
  3. 3. 1 Camiseta de algodão consome 2000l de água para ser produzida. O cultivo de algodão utiliza grande quantidade de pesticidas, inseticidas e fertilizantes, o que causa contaminação da água, do solo e da fauna. Ao longo da cadeia produtiva têxtil ocorre grande emissão de carbono e resíduos sólidos. Apenas na região de Bom Retiro, diariamente são descartados inadequadamente 12 toneladas de resíduos têxteis. (Associação Brasileira da Indústria Têxtil e Confecção (ABIT)) .
  4. 4. A INDÚSTRIA DE MODA ESTÁ ENTRE AS CINCO QUE MAIS POLUI O MEIO AMBIENTE A INDÚSTRIA DE MODA ESTÁ ENTRE AS CINCO QUE MAIS POLUEM O MEIO AMBIENTE
  5. 5. ALGODÃO PROCURA ÁGUA PREÇO Com o aumento do consumo, a procura de algodão cresce cada vez mais. . Com o crescimento da população, poluição e alterações climáticas, a água está cada vez menos disponível Com o aumento da procura e a diminuição dos recursos o preço do algodão dobrou nos últimos anos. . É HORA DE PROCURAR NOVAS FONTES
  6. 6. BETTER COTTON INITIATIVE Uma iniciativa para tornar a produção de algodão melhor para quem produz, para o ambiente e para o futuro do setor. Reduz a quantidade de uso de água e produtos químicos pela metade. Menos custos e aumento de renda para os fazendeiros.
  7. 7. . O Caranguejo é um polímero natural que pode ser transformado em tecido Salmão, leite, grãos de café, óleo de rícino, urtigas , aranhas, rami, cupro, sumaúma, linho, fibras orgânicas, jeans e poliéster reciclado. estão encontrando seus caminhos para cadeia de suprimentos também.
  8. 8. Juntos, esses tecidos nunca irão acabar. Eles são parte do futuro da moda global, uma mini revolução industrial. Precisamos de tecidos que não irão poluir, que não irão empobrecer, que não irão acabar. Precisamos ser parte do futuro da moda global e dessa nova revolução industrial. FASHION REVOLUTION
  9. 9. CERCA DE 27 MILHÕES DE PESSOAS SENDO EXPLORADAS EM TODO O MUNDO
  10. 10. UMA NOVA CONSCIÊNCIA Reality show Sweatshop Dead Cheap Diva envia três blogueiros de moda para passar 1 mês trabalhando em uma fábrica têxtil em Camboja para conhecer as condições de trabalho locais. De U$600 por mês com gastos em roupas para U$6 por dia para gastos com comida.
  11. 11. O FUNCIONAMENTO DA CADEIA Consumidores do mundo inteiro estão se conscientizando cada vez mais a respeito da procedência dos produtos que consomem.
  12. 12. “O verdadeiro luxo respeita acima de tudo o trabalho dos artesãos e as técnicas que são transmitidas por gerações. Isso, além da inovação, da busca da excelência e por materiais de qualidade.” Abrima Erwiah
  13. 13. Studio 189 possibilitou a profissionalização de mais de 30 mulheres de comunidades carentes na África , que se tornaram especialistas em costura, tecidos, estampas e design. •
  14. 14. • SOFTWARE FRDM PERMITE QUE AS EMPRESAS ACOMPANHEM SUA REDE DE PRODUÇÃO E FORNECIMENTO E IDENTIFIQUE ÁREAS PROBLEMÁTICAS EM SUA CADEIA DE ABASTECIMENTO TECNOLOGIA A FAVOR
  15. 15. Através do Projeto Traces, a Osklen consegue rastrear os impactos socioambientais das matérias primas usadas pela confecção. Todos os produtos tem um QR CODE para que os consumidores saibam os valores sociais e ambientais por trás dos produtos comprados.
  16. 16. + Mobile Transações via mobile devem crescer mais de 60% em 2015 + Ecommerce Em 2014 o ecommerce ganhou 5 milhões de novos consumidores + Vendas celular 84% foi o crescimento das compras via celular em 2014. + Internet of things A internet industrial tem potencial de aumentar $15 trilhões no PIB mundial, o maior crescimento da historia TECNOLOGIA EM NÚMEROS 60 5 84 15
  17. 17. O faturamento do comércio eletrônico brasileiro teve aumento de 24% em 2014. O comércio eletrônico brasileiro teve aumento de 17% de pedidos em 2014 O comércio eletrônico brasileiro teve aumento 10,2 milhões de entrantes em 2014. 65% das compras do comércio eletrônico brasileiro foram feitas através de smartphones ECOMMERCE
  18. 18. ECOMMERCE É HORA DE CRESCER E APARECER CULTURA CRESCIMENTO CONFIANÇA O brasileiro não tem a tradição de comprar moda a distância, como tem o americano, por exemplo, que já utilizava os catálogos para fazer suas compras antes mesmo da disseminação do comércio eletrônico. Mesmo com o crescimento enorme do consumo em ecommerces, ele ainda é ínfimo perto da população que compra moda de maneira geral O setor tem muito para crescer. USABILIDADE Muitas pessoas não conhecem os sites, não tem confiança, não sabem comprar online de forma geral e não conseguem comprar sem pegar no produto. Os sites precisam evoluir a ponto de gerar a confiança necessária. A tecnologia precisa simplificar, tornando intuitivo e fácil a forma de usar o comércio eletrônico, para que assim, possa atingir uma parcela maior da população e ter um crescimento expressivo.
  19. 19. STRATEGIC BIG DATA: Cada interação que temos no mundo é registrada por uma série crescente de sensores: celulares, cartões de crédito, computadores... Esse grande volume de dados nos dá a oportunidade de entender a condição humana mais a fundo, acompanhar os sentimentos em tempo real e oferecer melhores experiências
  20. 20. MAS... Como manusear essa enorme quantidade de dados? O que fazer com toda essa informação? Como transformar dados em benefícios para o consumidor, para a marca, e para a cadeia? Como levar inovação e tecnologia para o tratamento de dados?
  21. 21. Moda não é só roupa, é informação. Se nas lojas físicas o consumidor procura uma vendedora, na internet ele também procura isso. Através da big data, é possível conhecer muito bem o usuário, permitindo inúmeras customizações e uma experiência totalmente personalizada. O site pode contar todo dia uma historia nova.
  22. 22. CONTENT CREATION A mídia tradicional se fragmenta e se diversifica, de grandes corporações a indivíduos criativos, canais de TV personalizados, qualquer um pode criar e consumir conteúdo.
  23. 23. CIVILIZAÇÃO EMPÁTICA Os jovens não estão apenas produzindo e compartilhando seu ´próprio entretenimento, notícias e informações. Eles estão começando também a compartilhar todo o resto. Uma civilização em desenvolvimento não mais adepta ao capitalismo, e sim à economia de compartilhamento. (Jeremy Rifkin)
  24. 24. TERCEIRA REVOLUÇÃO INDUSTRIAL De tempos em tempos, novas revoluções tecnológicas emergem para gerenciar mais eficientemente a atividade econômica. O que está acontecendo agora é que estamos no curso de uma terceira revolução industrial. A internet das coisas vai conectar campos de agricultura, linhas de produção de fábricas, lojas de varejo e armazéns, veículos autônomos e casas inteligentes. A terceira revolução industrial deve promover níveis de produtividade e eficiência energética sem precedentes, reduzindo os custos de bens e serviços e consolidando a economia do compartilhamento e dos bens comuns colaborativos. (Jeremy Rifkin)
  25. 25. INTERNET OF THINGS TO INTERNET OF CARING THINGS A internet e os gadgets estão se tornando uma rede projetada para proteger e ajudar as pessoas em suas vidas diárias.
  26. 26. 73% DOS CONSUMIDORES BRASILEIROS ESPERAM QUE AS MARCAS CONSTRUAM RELAÇÕES SIGNIFICATIVAS COM ELES HUMAN BRANDS
  27. 27. SIMBIOSE HOMEM COMPUTADOR Homens e máquinas trabalhando de forma cooperativa, e não em oposição, na tomada de decisões e no controle de situações complexas, aumentam nossa capacidade de agir no mundo.
  28. 28. A PRODUÇÃO DE MODA NO BRASIL É UMA DAS MAIS CARAS DO MUNDO. PRECISAMOS DE DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO (HOMENS + MÁQUINAS) PARA REDUZIR CUSTOS E OTIMIZAR A PRODUÇÃO
  29. 29. INFORMAÇÃO ACESSÍVEL Através de meios digitais e da criação de conteúdo democrática, a informação atingiu um nível que possibilita que independente da localização geográfica, as pessoa tenham acesso ao mesmo tipo de conteúdo. O consumidor de moda almeja por diálogos, e não mais monólogos.
  30. 30. “O celular é nossa companhia 24 horas e você consegue comunicar com as pessoas em situações absolutamente diferentes: na sala de médico, no trabalho, no trânsito... Então tem muita oportunidade aí desde um aplicativo divertido, um game, um formato revista, trazer ofertas de um jeito diferente, falar de moda com base na localização... O mobile é uma tendência já consolidada e pouco aproveitada ainda.” JULIANA FRANCO
  31. 31. MODA É INFORMAÇÃO “Moda é informação e informação é poder, as novas gerações estão cada vez mais informadas e a gente tem que se preparar para conversar com eles” JULIANA FRANCO
  32. 32. COMO CONVERSAR SOBRE MODA COM ESSE NOVO CONSUMIDOR?
  33. 33. “O consumidor de hoje sabe o que quer, diferente de muito pouco tempo atrás. Ele quer falar e ser ouvido, ele está cheio de perguntas, ele quer conversar com quem entende tanto quanto ele, ele não é enganado fácil, ele quer contar o que faz, o que acha... Precisamos conversar com ele em um tom informacional, divertido e personalizado, para que tenha ressonância dentro de uma pessoa que já recebeu tanta informação. Você precisa ter boa informação, e não só um bom produto..” JULIANA FRANCO
  34. 34. TECNOLOGIA INFORMAÇÃO SUTENTABILIDADE

×