SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 10
Baixar para ler offline
[C.E.E.S.] Trabalho de Sociologia
3º Ano/Ensino Médio – Turma: FG 3003
Alunos(as) Amanda Vitoria, Larissa Nogueira,
Isabely Arruda e Thiago Teles.
Araruama, 31 de Abril de 2016

 A partir do trabalho que estamos a apresentar, trata-
se sobre a Ideologia, definindo a forma de como é
vista de forma comum e durante os tempos como foi
utilizada por cada um, como de forma marcante por
Antoine Destutt de Tracy e trabalhado por Karl
Marx, além disso, a variação dos tipos de Ideologia
no decorrer do século XX.
 Com isso, ela abrirá caminhos para novos veres,
como a concepção crítica e o discurso como
dimensão ideológica.
Introdução

 Ideologia é um conjunto de ideias ou pensamentos
de uma pessoa ou de um grupo de indivíduos. A
ideologia pode estar ligada a ações políticas,
econômicas e sociais.
 A ideologia pode ser definida como uma forma de
mascarar ou ocultar as contradições sociais e a
dominação, invertendo o modo de processar o
pensamento sobre algumas realidades.
Definição

 Durante a história da Filosofia, muitos foram os autores que
trabalharam com a noção de Ideia como sendo a base do
pensamento e do conhecimento. Assim, Platão pensava, como
Parmênides, que a ideia era o ser em si, a coisa mesma que
mantém identidade consigo mesma, não muda, não se altera e
permanece no tempo como sendo sempre a mesma. Mais tarde,
já na Renascença, Descartes compreendeu as ideias como
fundamento inteligível que era a base de toda cognoscibilidade.
Já Kant entendia por ideia tudo aquilo que a Razão poderia
pensar, mas jamais conhecer, como Deus, Alma e Mundo. Hegel
pensava a ideia como o infinito.
 O termo ideologia foi usado de forma marcante pelo filósofo
Antoine Destutt de Tracy. Ele procurou explicar fenômenos
sensíveis que interferem nas ideias, ou seja, a vontade, a razão,
a percepção e a memória.
Ideologia na História

 O Conceito de Ideologia foi muito trabalhado pelo
filósofo alemão Karl Marx, que ligava a ideologia aos
sistemas teóricos (políticos, morais e sociais) criados pela
classe social dominante. De acordo com Marx, a ideologia
da classe dominante tinha como objetivo manter os mais
ricos no controle da sociedade. Com isso, a Ideologia agia
de forma mascarada para realidade.
Ideologia para Karl Max
Para Karl Max
“(...) ideias são valores que os homens criam segundo as
suas condições materiais de existência.”

 Ideologia fascista: implantada na Itália e Alemanha, principalmente, nas
décadas de 1930 e 1940. Possuía um caráter autoritário, expansionista e
militarista.
 Ideologia comunista: implantada na Rússia e outros países (principalmente
do leste europeu), após a Revolução Russa (1917). Visava a implantação de
um sistema de igualdade social.
 Ideologia democrática: surgiu em Atenas, na Grécia Antiga, e possui como
ideal a participação dos cidadãos na vida política.
 Ideologia capitalista: surgiu na Europa durante o Renascimento Comercial
e Urbano (século XV). Ligada ao desenvolvimento da burguesia, visa o
lucro e o acumulo de riquezas.
 Ideologia conservadora: ideias ligadas à manutenção dos valores morais e
sociais da sociedade.
 Ideologia anarquista: defende a liberdade e a eliminação do estado e das
formas de controle de poder.
 Ideologia nacionalista: exaltação e valorização da cultura do próprio país.
Variação de Ideologia destacadas
durante o século XX

 O uso crítico do termo ideologia pressupõe uma
diferenciação implícita entre o que vem a ser um
"conjunto qualquer de ideias sobre um determinado
assunto" (concepção neutra sinônima de ideário), e o
que vem a ser o "uso de ferramentas simbólicas
voltadas à criação e/ou à manutenção de relações de
dominação" (concepção crítica). A partir deste ponto-
de-partida comum a todos os significados do termo
ideologia que aderem à concepção crítica, o que se
tem são variações sobre a forma e o objetivo da
ideologia.
Concepção Crítica

 O discurso tem uma dimensão ideológica que
relaciona as marcas deixadas no texto com as suas
condições de produção, que se insere na formação
ideológica. Essa dimensão ideológica do discurso
pode tanto transformar quanto reproduzir as
relações de poder.
Discurso

 Através da apresentação, chegamos a uma conclusão em
que, a Ideologia é um termo que possui diferentes
significados e duas concepções: a neutra e a crítica. A
Ideologia no senso comum contém o sentido neutro de
conjunto de ideias, de pensamentos, de visões do mundo
de um indivíduo ou grupo, orientado para suas ações
sociais e, principalmente, políticas. Para aqueles que usam
o termo sob a concepção crítica, ideologia pode ser
considerado um instrumento de dominação que age por
meio de convencimento, alienando a consciência humana.
Além disso, tendo o Discurso como ferramenta na
formação ideológica.
Conclusão

 http://www.suapesquisa.com/o_que_e/ideologia.h
tm
 http://brasilescola.uol.com.br/filosofia/ideologia.ht
m
 https://pt.wikipedia.org/wiki/Ideologia
Bibliografia

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Introdução à Sociologia
Introdução à SociologiaIntrodução à Sociologia
Introdução à Sociologia
Alison Nunes
 
O surgimento da filosofia
O surgimento da filosofiaO surgimento da filosofia
O surgimento da filosofia
Alison Nunes
 
Filosofia moderna
Filosofia moderna Filosofia moderna
Filosofia moderna
Over Lane
 
F ilosofia contemporanea
F ilosofia contemporaneaF ilosofia contemporanea
F ilosofia contemporanea
Edirlene Fraga
 
3 filosofia moderna e iluminista filosofia
3 filosofia moderna e iluminista   filosofia3 filosofia moderna e iluminista   filosofia
3 filosofia moderna e iluminista filosofia
Daniele Rubim
 

Mais procurados (20)

Aristóteles
AristótelesAristóteles
Aristóteles
 
Existencialismo
ExistencialismoExistencialismo
Existencialismo
 
Aula de Filosofia - Filosofia Contemporânea
Aula de Filosofia - Filosofia ContemporâneaAula de Filosofia - Filosofia Contemporânea
Aula de Filosofia - Filosofia Contemporânea
 
Ideologia e Alienação
Ideologia e AlienaçãoIdeologia e Alienação
Ideologia e Alienação
 
Introdução à Sociologia
Introdução à SociologiaIntrodução à Sociologia
Introdução à Sociologia
 
O surgimento da filosofia
O surgimento da filosofiaO surgimento da filosofia
O surgimento da filosofia
 
ESCOLA DE FRANKFURT
ESCOLA DE FRANKFURTESCOLA DE FRANKFURT
ESCOLA DE FRANKFURT
 
Filosofia moderna
Filosofia moderna Filosofia moderna
Filosofia moderna
 
Karl marx
Karl marxKarl marx
Karl marx
 
Filosofia moderna
Filosofia modernaFilosofia moderna
Filosofia moderna
 
ORIGEM DA FILOSOFIA
ORIGEM DA FILOSOFIA ORIGEM DA FILOSOFIA
ORIGEM DA FILOSOFIA
 
Filosofia Política
Filosofia PolíticaFilosofia Política
Filosofia Política
 
Aula 08 - O Empirismo
Aula 08 - O EmpirismoAula 08 - O Empirismo
Aula 08 - O Empirismo
 
Nietzsche
NietzscheNietzsche
Nietzsche
 
Natureza e Cultura
Natureza e CulturaNatureza e Cultura
Natureza e Cultura
 
Filosofia medieval
Filosofia medievalFilosofia medieval
Filosofia medieval
 
Aula02 - Metafísica
Aula02 - MetafísicaAula02 - Metafísica
Aula02 - Metafísica
 
F ilosofia contemporanea
F ilosofia contemporaneaF ilosofia contemporanea
F ilosofia contemporanea
 
Indústria Cultural
Indústria CulturalIndústria Cultural
Indústria Cultural
 
3 filosofia moderna e iluminista filosofia
3 filosofia moderna e iluminista   filosofia3 filosofia moderna e iluminista   filosofia
3 filosofia moderna e iluminista filosofia
 

Destaque

Cosmologia, linguagem e ideologia slides
Cosmologia, linguagem e ideologia  slidesCosmologia, linguagem e ideologia  slides
Cosmologia, linguagem e ideologia slides
Alexandre Misturini
 
Fundamentos serviço social ardis do capitalismo - 1 º semestre
Fundamentos serviço social   ardis do capitalismo - 1 º semestreFundamentos serviço social   ardis do capitalismo - 1 º semestre
Fundamentos serviço social ardis do capitalismo - 1 º semestre
Daniele Rubim
 
Cultura e ação apresentação
Cultura e ação   apresentaçãoCultura e ação   apresentação
Cultura e ação apresentação
amorimanamaria
 
Ideologia, linguagem e cultura 16t8
Ideologia, linguagem e cultura 16t8Ideologia, linguagem e cultura 16t8
Ideologia, linguagem e cultura 16t8
Alexandre Misturini
 
Capitalismo monopolista e servico social
Capitalismo monopolista e servico socialCapitalismo monopolista e servico social
Capitalismo monopolista e servico social
Patricia Silva
 
O desenvolvimento do serviço social
O desenvolvimento do serviço socialO desenvolvimento do serviço social
O desenvolvimento do serviço social
Amanda Leticia
 
O conceito de ideologia
O conceito de ideologiaO conceito de ideologia
O conceito de ideologia
Rodrigo Podrix
 

Destaque (20)

Cosmologia, linguagem e ideologia slides
Cosmologia, linguagem e ideologia  slidesCosmologia, linguagem e ideologia  slides
Cosmologia, linguagem e ideologia slides
 
Fundamentos serviço social ardis do capitalismo - 1 º semestre
Fundamentos serviço social   ardis do capitalismo - 1 º semestreFundamentos serviço social   ardis do capitalismo - 1 º semestre
Fundamentos serviço social ardis do capitalismo - 1 º semestre
 
Sociologia Capítulo 19 - Mesclando Cultura e Ideologia
Sociologia Capítulo 19 - Mesclando Cultura e IdeologiaSociologia Capítulo 19 - Mesclando Cultura e Ideologia
Sociologia Capítulo 19 - Mesclando Cultura e Ideologia
 
O que é ideologia
O que é ideologiaO que é ideologia
O que é ideologia
 
Ideologia
IdeologiaIdeologia
Ideologia
 
O serviço social na sociedade capitalista
O serviço social na sociedade capitalistaO serviço social na sociedade capitalista
O serviço social na sociedade capitalista
 
Cultura e ação apresentação
Cultura e ação   apresentaçãoCultura e ação   apresentação
Cultura e ação apresentação
 
Fascismo e Nazismo
Fascismo e NazismoFascismo e Nazismo
Fascismo e Nazismo
 
Ideologia, linguagem e cultura 16t8
Ideologia, linguagem e cultura 16t8Ideologia, linguagem e cultura 16t8
Ideologia, linguagem e cultura 16t8
 
Métodos e técnicas de investigação em ciências sociais.
Métodos e técnicas de investigação em ciências sociais.Métodos e técnicas de investigação em ciências sociais.
Métodos e técnicas de investigação em ciências sociais.
 
Webquest - senso comum e senso crítico
Webquest - senso comum e senso críticoWebquest - senso comum e senso crítico
Webquest - senso comum e senso crítico
 
Serviço Social e Realidade
Serviço Social e RealidadeServiço Social e Realidade
Serviço Social e Realidade
 
Métodos e técnicas de investigação em ciências sociais
Métodos e técnicas de investigação em ciências sociaisMétodos e técnicas de investigação em ciências sociais
Métodos e técnicas de investigação em ciências sociais
 
Mesclando cultura e ideologia
Mesclando cultura e ideologiaMesclando cultura e ideologia
Mesclando cultura e ideologia
 
Capitalismo monopolista e servico social
Capitalismo monopolista e servico socialCapitalismo monopolista e servico social
Capitalismo monopolista e servico social
 
O desenvolvimento do serviço social
O desenvolvimento do serviço socialO desenvolvimento do serviço social
O desenvolvimento do serviço social
 
Teoria crítica
Teoria críticaTeoria crítica
Teoria crítica
 
Serviço Social : Surgimento e Institucionalização no Brasil
Serviço Social : Surgimento e Institucionalização no BrasilServiço Social : Surgimento e Institucionalização no Brasil
Serviço Social : Surgimento e Institucionalização no Brasil
 
Pesquisa Quantitativa x Qualitativa. Pesquisa Básica x Aplicada
Pesquisa Quantitativa x Qualitativa. Pesquisa Básica x AplicadaPesquisa Quantitativa x Qualitativa. Pesquisa Básica x Aplicada
Pesquisa Quantitativa x Qualitativa. Pesquisa Básica x Aplicada
 
O conceito de ideologia
O conceito de ideologiaO conceito de ideologia
O conceito de ideologia
 

Semelhante a Ideologia

Boletim da ufmg patrick charaudeau
Boletim da ufmg patrick charaudeauBoletim da ufmg patrick charaudeau
Boletim da ufmg patrick charaudeau
FARLEY DE OLIVEIRA
 
Tabalho de sociedade e comtemporeniedade
Tabalho de sociedade e comtemporeniedadeTabalho de sociedade e comtemporeniedade
Tabalho de sociedade e comtemporeniedade
Marcos Detes
 
pdf-instrumentalidade-do-servico-social.pdf
pdf-instrumentalidade-do-servico-social.pdfpdf-instrumentalidade-do-servico-social.pdf
pdf-instrumentalidade-do-servico-social.pdf
ErikaOliveira590122
 
Ciencias sociais power point[1][1][1]
Ciencias sociais   power point[1][1][1]Ciencias sociais   power point[1][1][1]
Ciencias sociais power point[1][1][1]
161912
 
Asp 2015 cfo i - filosofia - trabalho - 20140606 - filosofia pós-moderna
Asp 2015   cfo i - filosofia - trabalho - 20140606 - filosofia pós-modernaAsp 2015   cfo i - filosofia - trabalho - 20140606 - filosofia pós-moderna
Asp 2015 cfo i - filosofia - trabalho - 20140606 - filosofia pós-moderna
Vagner Gavioli
 

Semelhante a Ideologia (20)

O poder da ideologia
O poder da ideologiaO poder da ideologia
O poder da ideologia
 
Trabalho de filosofia pronto
Trabalho de filosofia prontoTrabalho de filosofia pronto
Trabalho de filosofia pronto
 
Ideologia
IdeologiaIdeologia
Ideologia
 
Ana
AnaAna
Ana
 
Cultura filosofia 14t 03
Cultura filosofia 14t 03Cultura filosofia 14t 03
Cultura filosofia 14t 03
 
Indústria Cultural
Indústria CulturalIndústria Cultural
Indústria Cultural
 
Grupo de estudos anarquistas josé oiticica
Grupo de estudos anarquistas josé oiticicaGrupo de estudos anarquistas josé oiticica
Grupo de estudos anarquistas josé oiticica
 
Ideologias politicas
Ideologias politicasIdeologias politicas
Ideologias politicas
 
Aula 1
Aula 1Aula 1
Aula 1
 
Conceitos filosofia (1) 14t 02
Conceitos filosofia (1) 14t 02Conceitos filosofia (1) 14t 02
Conceitos filosofia (1) 14t 02
 
Boletim da ufmg patrick charaudeau
Boletim da ufmg patrick charaudeauBoletim da ufmg patrick charaudeau
Boletim da ufmg patrick charaudeau
 
29082022221926Marx.pptx
29082022221926Marx.pptx29082022221926Marx.pptx
29082022221926Marx.pptx
 
Gilles Deleuze, Felix Guattari e Jacques Derrida
Gilles Deleuze, Felix Guattari e Jacques DerridaGilles Deleuze, Felix Guattari e Jacques Derrida
Gilles Deleuze, Felix Guattari e Jacques Derrida
 
Ideologias1
Ideologias1Ideologias1
Ideologias1
 
Ideologias1
Ideologias1Ideologias1
Ideologias1
 
Tabalho de sociedade e comtemporeniedade
Tabalho de sociedade e comtemporeniedadeTabalho de sociedade e comtemporeniedade
Tabalho de sociedade e comtemporeniedade
 
pdf-instrumentalidade-do-servico-social.pdf
pdf-instrumentalidade-do-servico-social.pdfpdf-instrumentalidade-do-servico-social.pdf
pdf-instrumentalidade-do-servico-social.pdf
 
Elementos da teoria da estruturação
Elementos da teoria da estruturaçãoElementos da teoria da estruturação
Elementos da teoria da estruturação
 
Ciencias sociais power point[1][1][1]
Ciencias sociais   power point[1][1][1]Ciencias sociais   power point[1][1][1]
Ciencias sociais power point[1][1][1]
 
Asp 2015 cfo i - filosofia - trabalho - 20140606 - filosofia pós-moderna
Asp 2015   cfo i - filosofia - trabalho - 20140606 - filosofia pós-modernaAsp 2015   cfo i - filosofia - trabalho - 20140606 - filosofia pós-moderna
Asp 2015 cfo i - filosofia - trabalho - 20140606 - filosofia pós-moderna
 

Último

4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf
4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf
4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf
LindinhaSilva1
 
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Eró Cunha
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Kelly Mendes
 

Último (20)

Santa Gemma Galgani, Flor de Lucca, mística italiana 1887-1903 (Portugués).pptx
Santa Gemma Galgani, Flor de Lucca, mística italiana 1887-1903 (Portugués).pptxSanta Gemma Galgani, Flor de Lucca, mística italiana 1887-1903 (Portugués).pptx
Santa Gemma Galgani, Flor de Lucca, mística italiana 1887-1903 (Portugués).pptx
 
4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf
4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf
4 ano atividade fonema e letra 08.03-1.pdf
 
Apresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativosApresentação sobre Robots e processos educativos
Apresentação sobre Robots e processos educativos
 
O que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de InfânciaO que é, de facto, a Educação de Infância
O que é, de facto, a Educação de Infância
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
 
transcrição fonética para aulas de língua
transcrição fonética para aulas de línguatranscrição fonética para aulas de língua
transcrição fonética para aulas de língua
 
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigasPeça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
Peça de teatro infantil: A cigarra e as formigas
 
662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica662938.pdf aula digital de educação básica
662938.pdf aula digital de educação básica
 
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf HitlerAlemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
Alemanha vs União Soviética - Livro de Adolf Hitler
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
 
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
 
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHASMARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
MARCHA HUMANA. UM ESTUDO SOBRE AS MARCHAS
 
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
APH- Avaliação de cena , analise geral do ambiente e paciente.
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
livro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensoriallivro para educação infantil conceitos sensorial
livro para educação infantil conceitos sensorial
 
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande""Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
"Nós Propomos! Escola Secundária em Pedrógão Grande"
 
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdfAparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
Aparatologia na estética - Cavitação, radiofrequência e lipolaser.pdf
 
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
Slides Lição 7, Betel, Ordenança para uma vida de fidelidade e lealdade, 2Tr2...
 

Ideologia

  • 1. [C.E.E.S.] Trabalho de Sociologia 3º Ano/Ensino Médio – Turma: FG 3003 Alunos(as) Amanda Vitoria, Larissa Nogueira, Isabely Arruda e Thiago Teles. Araruama, 31 de Abril de 2016
  • 2.   A partir do trabalho que estamos a apresentar, trata- se sobre a Ideologia, definindo a forma de como é vista de forma comum e durante os tempos como foi utilizada por cada um, como de forma marcante por Antoine Destutt de Tracy e trabalhado por Karl Marx, além disso, a variação dos tipos de Ideologia no decorrer do século XX.  Com isso, ela abrirá caminhos para novos veres, como a concepção crítica e o discurso como dimensão ideológica. Introdução
  • 3.   Ideologia é um conjunto de ideias ou pensamentos de uma pessoa ou de um grupo de indivíduos. A ideologia pode estar ligada a ações políticas, econômicas e sociais.  A ideologia pode ser definida como uma forma de mascarar ou ocultar as contradições sociais e a dominação, invertendo o modo de processar o pensamento sobre algumas realidades. Definição
  • 4.   Durante a história da Filosofia, muitos foram os autores que trabalharam com a noção de Ideia como sendo a base do pensamento e do conhecimento. Assim, Platão pensava, como Parmênides, que a ideia era o ser em si, a coisa mesma que mantém identidade consigo mesma, não muda, não se altera e permanece no tempo como sendo sempre a mesma. Mais tarde, já na Renascença, Descartes compreendeu as ideias como fundamento inteligível que era a base de toda cognoscibilidade. Já Kant entendia por ideia tudo aquilo que a Razão poderia pensar, mas jamais conhecer, como Deus, Alma e Mundo. Hegel pensava a ideia como o infinito.  O termo ideologia foi usado de forma marcante pelo filósofo Antoine Destutt de Tracy. Ele procurou explicar fenômenos sensíveis que interferem nas ideias, ou seja, a vontade, a razão, a percepção e a memória. Ideologia na História
  • 5.   O Conceito de Ideologia foi muito trabalhado pelo filósofo alemão Karl Marx, que ligava a ideologia aos sistemas teóricos (políticos, morais e sociais) criados pela classe social dominante. De acordo com Marx, a ideologia da classe dominante tinha como objetivo manter os mais ricos no controle da sociedade. Com isso, a Ideologia agia de forma mascarada para realidade. Ideologia para Karl Max Para Karl Max “(...) ideias são valores que os homens criam segundo as suas condições materiais de existência.”
  • 6.   Ideologia fascista: implantada na Itália e Alemanha, principalmente, nas décadas de 1930 e 1940. Possuía um caráter autoritário, expansionista e militarista.  Ideologia comunista: implantada na Rússia e outros países (principalmente do leste europeu), após a Revolução Russa (1917). Visava a implantação de um sistema de igualdade social.  Ideologia democrática: surgiu em Atenas, na Grécia Antiga, e possui como ideal a participação dos cidadãos na vida política.  Ideologia capitalista: surgiu na Europa durante o Renascimento Comercial e Urbano (século XV). Ligada ao desenvolvimento da burguesia, visa o lucro e o acumulo de riquezas.  Ideologia conservadora: ideias ligadas à manutenção dos valores morais e sociais da sociedade.  Ideologia anarquista: defende a liberdade e a eliminação do estado e das formas de controle de poder.  Ideologia nacionalista: exaltação e valorização da cultura do próprio país. Variação de Ideologia destacadas durante o século XX
  • 7.   O uso crítico do termo ideologia pressupõe uma diferenciação implícita entre o que vem a ser um "conjunto qualquer de ideias sobre um determinado assunto" (concepção neutra sinônima de ideário), e o que vem a ser o "uso de ferramentas simbólicas voltadas à criação e/ou à manutenção de relações de dominação" (concepção crítica). A partir deste ponto- de-partida comum a todos os significados do termo ideologia que aderem à concepção crítica, o que se tem são variações sobre a forma e o objetivo da ideologia. Concepção Crítica
  • 8.   O discurso tem uma dimensão ideológica que relaciona as marcas deixadas no texto com as suas condições de produção, que se insere na formação ideológica. Essa dimensão ideológica do discurso pode tanto transformar quanto reproduzir as relações de poder. Discurso
  • 9.   Através da apresentação, chegamos a uma conclusão em que, a Ideologia é um termo que possui diferentes significados e duas concepções: a neutra e a crítica. A Ideologia no senso comum contém o sentido neutro de conjunto de ideias, de pensamentos, de visões do mundo de um indivíduo ou grupo, orientado para suas ações sociais e, principalmente, políticas. Para aqueles que usam o termo sob a concepção crítica, ideologia pode ser considerado um instrumento de dominação que age por meio de convencimento, alienando a consciência humana. Além disso, tendo o Discurso como ferramenta na formação ideológica. Conclusão