4
A QUARTA REVOLUÇÃO INDUSTRIAL1
Jeferson K. de Morais
Thiago Firmino da Silva
RESUMO:
A Quarta Revolução Industrial rep...
4
2 INFORMAÇÕES PARA O DESENVOLVIMENTO
Se voltarmos ao passado, veremos a Primeira Revolução Industrial dando
margem para ...
4
A Quarta revolução industrial vem sendo liderada por dois países, Alemanha
e Estados Unidos, a Alemanha avança com a Ind...
4
“Se você ver, a mobilidade hoje está saindo só do smartphone e está indo
para as coisas, para a TV conectada, para a gel...
4
REFERÊNCIAS
Ordenar alfabeticamente, usar espaçamento simples nas Referências.
Canal Comstor. Industria 4.0: a próxima R...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Artigo paulo lagos artigo

74 visualizações

Publicada em

A Quarta Revolução Industrial está a um passo da realidade.

Publicada em: Engenharia
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
74
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Artigo paulo lagos artigo

  1. 1. 4 A QUARTA REVOLUÇÃO INDUSTRIAL1 Jeferson K. de Morais Thiago Firmino da Silva RESUMO: A Quarta Revolução Industrial representará para a indústria uma mudança gigante do modo de se produzir, produtos acharão seus caminhos independentemente através da linha de produção. As indústrias serão conhecidas como “Indústrias inteligentes”, pois máquinas e produtos se comunicarão e irão cooperar entre si para guiar a produção. As máquinas e os materiais estarão sempre interconectados, como a “internet das coisas”. O sonho da indústria inteligente já vem se tornando realidade, principalmente na Europa e nos EUA. PALAVRAS-CHAVE: Quarta Revolução Industrial. Indústrias Inteligentes. Internet das Coisas 1 INTRODUÇÃO A Quarta Revolução Industrial está a um passo da realidade. A era digital começa a se unir com a área da tecnologia de informação e com a comunicação entre produtos industriais. Seu objetivo é promover a automatização da indústria. Com essa automatização, seria capaz de criar indústrias inteligentes, que tem como característica a integração entre os projetos e produtos, máquinas interagindo entre si e perfeitamente simétricas com a função pré-estabelecida. A Internet das Coisas é o modelo tecnológico desta indústria inteligente. A Quarta Revolução Industrial poderia, de acordo com especialistas, acontecer em poucas décadas, e afirmam que a tecnologia cresce a cada dia que passa em grande velocidade, o que deixa essa indústria inteligente ainda mais possível, vide a sua complexidade tecnológica, ou seja, quanto mais informação melhor. 1 Artigo apresentado à disciplina de Engenharia de Manutenção como exercício avaliativo referente à tarefa semestral, sob orientação do professor Paulo Lagos, em 2015.  Acadêmicos do curso de Engenharia Mecânica da UTP – Universidade Tuiuti do Paraná. E-mails: Thiago.firmino@yahoo.com.br; jefersondemorais@hotmail.com.
  2. 2. 4 2 INFORMAÇÕES PARA O DESENVOLVIMENTO Se voltarmos ao passado, veremos a Primeira Revolução Industrial dando margem para a indústria com seus primeiros motores a vapor e o uso inteligente de engrenagens movidas à água. Isso revolucionou a indústria. Já na Segunda Revolução Industrial, temos a ascensão da engenharia elétrica, que trouxe grandes impactos nas indústrias e junto com ela veio a produção em massa. Nesta etapa, as linhas de montagens e os automóveis tomaram conta da indústria. Em meados dos anos 70, a Terceira Revolução. Os eletroeletrônicos e computadores foram incorporados na indústria e o início da tecnologia de informação expandiu de maneira exorbitante no mundo industrial. Puderam-se criar sistemas de automatização, onde a produção começou a ser, basicamente, controlada por computador. E então, a Quarta Revolução Industrial, implantará inteligência nas fábricas, que consistem em fazer com que todas as máquinas e processos estejam conectados num tipo de “rede”, melhor dizendo que tudo será interconectado através do wireless. FIGURA 01 – AS REVOLUÇÕES INDUSTRIAIS FONTE: Lins, Theo. 2015, disponível em: < http://www.decom.ufop.br/imobilis/?p=5600>
  3. 3. 4 A Quarta revolução industrial vem sendo liderada por dois países, Alemanha e Estados Unidos, a Alemanha avança com a Indústria 4.0 que esta no limiar da quarta revolução industrial, isto é, onde o mundo virtual e o real estão muito próximos graças a internet, o que esta se tornando a "Internet das Coisas". Para os Alemães a indústria no futuro será caracterizada pela individualização dos produtos sob as condições de uma produção altamente flexível. Eles visam criar produtos híbridos com serviços de alta qualidade. Já os Estados Unidos vêm com uma iniciativa chamada, Smart Manufaturing Leadership Coalition (SMLC), isto é, eles pretendem com isso construir a base para uma indústria informatizada. A SMLC é uma comunidade de fornecedores, tecnologia, profissionais de produção, universidades, órgãos do governo e etc.. Com o objetivo de desenvolver, com toda essa informação e tecnologia, uma indústria complexa e completamente automatizada. “Quando você olha na indústria 4.0, ela é baseada na lógica de sistemas ciber-físicos. Isto significa que você tem uma autocracia de sistemas independentemente operando que se auto otimiza, se comunica com suas diferentes partes e, em ultima instancia, otimiza a produção como um todo”. (Eberle, Eckard. CEO da Industrial Automation System). A internet das coisas é um conceito criado no novo mundo tecnológico da intercomunicação entre os aparelhos e máquinas com a internet. Vem sendo mais utilizada a cada dia que passa. Para entender esse conceito é possível exemplificar áreas de conexão possíveis, na sua casa existe a conexão de internet local, que é conhecida como LAN, digamos que você tenha seu carro e esse carro é uma grande área com capacidade de conexão, e depois tem a cidade que é uma área de conexão ainda maior. “Basicamente a internet das coisas é ligar as portas das diferentes redes” diz Rob Van Kranenburg, diretor do Internet of things Council da União Européia. O objetivo dessa interação de internet e utensílios é fazer com que cada dia mais o mundo digital se funda com o mundo físico. Exemplos dessa fusão são os óculos de realidade virtual que vem sendo expandido cada dia mais e também os novos óculos Google, que também tem uma realidade aumentada, o Google Glass, como é conhecido, tem como objetivo apresentar imagens diretamente aos olhos do usuário. Este dispositivo ajuda a facilitar o acesso à informação, como mensagens, e-mails, notícias e etc.. Esta interação já está ajudando no dia a dia das pessoas a tornar a obtenção de informação ainda mais rápida e dinâmica.
  4. 4. 4 “Se você ver, a mobilidade hoje está saindo só do smartphone e está indo para as coisas, para a TV conectada, para a geladeira conectada, para os sensores, para os equipamentos de segurança, então a gente começa a ter uma relação com as pessoas, com os produtos e com os processos. É pautada pela tecnologia, a internet, ela começa a sair de dentro do computador para ir para o smartphone e de dentro do smartphone para uma série de dispositivos que estão conectados ao nosso redor. E isso tem um potencial gigante de transformação no mundo que a gente vive e de melhorias desse mundo, e traz também um monte de desafios. ” (Matos, Felipe. Criador do programa Startup Brasil). Esse exemplo é bem básico, agora se imagina isto dentro de uma indústria, na qual máquinas são comandadas apenas por um clique em um aparelho celular. 4 - CONCLUSÃO Levando em consideração as informações apresentadas acima, podemos concluir que, a quarta revolução industrial está dando seus primeiros passos com a internet das coisas e com as indústrias inteligentes, fazendo que dentro de algumas décadas essa revolução ocorra de fato. A quarta revolução industrial irá melhorar a capacidade da indústria, as maquinas trabalharão livres interagindo entre si. Tornará possível conectar o mundo real com o virtual através de softwares dando uma nova dimensão a produção industrial, aumentando assim a flexibilidade, qualidade e eficiência das indústrias no mundo moderno. The Fourth Industrial Revolution ABSTRACT: The Fourth Industrial Revolution are one step closer to reality. The digital age begins to unite with the area of information technology and communication between industrial products. Their goal is to promote the automation industry. With this automation, it would be able to create intelligent industry, which is characterized by the integration of the projects and products, machinery interacting with each other and perfectly symmetrical with the preset function. The Internet of Things is the technological model of this intelligent industry. The Fourth Industrial Revolution could, according to experts, take place in a few decades and claim that technology is growing every day at great speed, which makes this intelligent industry still possible, see their technological complexity, so, the more the better information. KEYWORDS: Fourth Industrial Revolution. Intelligent industries. Internet of Things.
  5. 5. 4 REFERÊNCIAS Ordenar alfabeticamente, usar espaçamento simples nas Referências. Canal Comstor. Industria 4.0: a próxima Revolução Industrial. Disponível em: http://blogbrasil.comstor.com/industria-4-0-a-proxima-revolucao-industrial. Acesso em: 6 Out. 2015. dos SANTOS, Paulo Roberto. Indústria 4.0. Você esta preparado para viver a indústria 4.0. Disponível em: <http://computerworld.com.br/tecnologia/2015/03/25/voce-esta-preparado-para-viver- a-revolucao-da-industria-4-0>. Acesso em: 05 Out. 2015. Pagtel Serviços de Telecomunicações inteligentes. Descrição de como funciona a Internet das coisas. Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=fh-dF0nNnLg. Acesso em: 15 Out. 2015. Siemens TV. Descrição de como funcionará a 4ª Revolução industrial. Disponível em: https://www.youtube.com/watch?v=ulnv9U20SZ4. Acesso em: 5 Out. 2015.

×