Nutrição e diabetes

1.718 visualizações

Publicada em

ASPECTOS NUTRICIONAIS DO DIABETES

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

Nutrição e diabetes

  1. 1. NUTRIÇÃO E DIABETES PROFª: THAYNARA HELENA
  2. 2. CONCEITO: INCLUI UM GRUPO HETEROGÊNEO DE DISTÚRBIOS METABÓLICOS, QUE APRESENTAM EM COMUM A HIPERGLICEMIA RESULTANTE DE DEFEITOS NA SECREÇÃO DE INSULINA, NA AÇÃO DE INSULINA OU EM AMBOS. SBD, 2009
  3. 3. INSULINA E DIABETES
  4. 4. SINTOMAS Poliúria – a pessoa urina demais e, como isso a desidrata, sente muita sede (polidpsia); Aumento do apetite; Alterações visuais; Impotência sexual; Infecções fúngicas na pele e nas unhas; Feridas, especialmente nos membros inferiores, que demoram a cicatrizar; Neuropatias diabéticas provocada pelo comprometimento das terminações nervosas; Distúrbios cardíacos e renais.
  5. 5. FATORES DE RISCO Obesidade (inclusive a obesidade infantil); Hereditariedade; Falta de atividade física regular; Hipertensão; Níveis altos de colesterol e triglicérides; Medicamentos, como os à base de cortisona; Idade acima dos 40 anos (para o diabetes tipo II); Estresse emocional.
  6. 6. CLASSIFICAÇÃO INCLUI QUATRO CLASSES CLÍNICAS: DM TIPO 1 DM TIPO 2 OUTROS TIPOS ESPECÍFICOS DE DM DIABETES GESTACIONAL
  7. 7. CLASSIFICAÇÃO FATORES DE RISCO PARA O DESENVOLVIMENTO DO DM: PRÉ- DIABETES:  GLICEMIA DE JEJUM ALTERADA  TOLERÂNCIA À GLICOSE DIMINUÍDA
  8. 8. CLASSIFICAÇÃO DIABETES TIPO 1: Atinge 5 a 10% dos casos. Há destruição das células 𝛽 pancreáticas com consequente deficiência de insulina Na maioria dos casos, tal destruição ocorre pela presença de auto- imunidade Destruição das células 𝛽 é mais rápida em crianças
  9. 9. CLASSIFICAÇÃO DIABETES TIPO 2: Atinge 90- 95% dos casos Caracteriza-se por defeitos na ação e na secreção da insulina Maioria dos portadores apresentam sobrepeso e obesidade Pode ocorrer em qualquer idade, porém, geralmente diagnosticada após os 40 anos  Não são insulino- dependentes
  10. 10. CLASSIFICAÇÃO DIABETES GESTACIONAL:  Qualquer intolerância a glicose, com início ou diagnóstico na gestação  É associado tanto à resistência à insulina quanto à diminuição da função das células 𝛽 Na maioria dos casos, há reversão para a normalidade após a gravidez Porém, existe o risco de 17- 63% de desenvolvimento de DM2 dentro de 5 a 16 anos após o parto
  11. 11. CLASSIFICAÇÃO PRÉ- DIABETES: Refere-se ao estado intermediário entre a normalidade da glicemia e o DM. Glicemia de Jejum alterada: glicemia superior ao normal, porém inferior ao critério de DM Tolerância à glicose diminuída: anormalidade na regulação da glicose no estado pós- sobrecarga
  12. 12. TRATAMENTO NO DIABETES MELLITUS PRODECIMENTOS: MONITORAÇÃO DA GLICEMIA TERAPIA NUTRICIONAL TERAPIA MEDICAMENTOSA PLANO DE EXERCÍCIOS FÍSICOS
  13. 13. TRATAMENTO NUTRICIONAL OBJETIVO: MANUTENÇÃO DOS NÍNEIS DE GLICEMIA ADEQUADOS OFERTA DE CALORIAS ADEQUADAS AO ESTADO NUTRICIONAL MANUTENÇÃO DA PRESSÃO ARTERIAL PREVENÇÃO E TRATAMENTO DE COMPLICAÇÃOES AGUDAS A LONGO PRAZO CONTROLE METABÓLICO
  14. 14. TRATAMENTO NUTRICIONAL RECOMENDAÇÕES DA SOCIEDADE BRASILEIRA DE DIABETES ( 2009) Valor Calórico da dieta: de acordo com as necessidades individuais  Macronutrientes: CHO 60-70% do VET LIP  30% PTN 15-20% FIBRAS: Mínimo de 20g/dia
  15. 15. TRATAMENTO NUTRICIONAL ÍNDICE GLICÊMICO DOS ALIMENTOS: VELOCIDADE COM QUE O ALIMENTO É INGERIDO E ABSORVIDO NA CIRCULAÇÃO APÓS A REFEIÇÃO Exemplos de alimentos com alto índice glicêmico: batata frita, batata assada, mel, glicose, melancia, passas, biscoito doce, farinha, cuscuz e milho.
  16. 16. TRATAMENTO NUTRICIONAL  PROTEÍNAS E CARBOIDRATOS: Diabéticos têm tendência a utilizar a proteína como fonte de energia , Caso não haja fornecimento adequado de carboidratos GORDURAS E CARBOIDRATOS -Cuidar da dislipidemia muito presente em diabéticos -Dislipidemia dificulta o controle metabólico FIBRAS E DIABETES -Fibras solúveis: efeitos benéficos na glicemia e no metabolismo de lipídios ( MAIOR CONSUMO) -Fibras insolúveis: efeitos na saciedade e controle de peso, preservação da saúde intestinal
  17. 17. TRATAMENTO NUTRICIONAL ALIMENTOS DIETÉTICOS E DIABETES DIET: Alimentos com formulações voltadas pra quem tem necessidades metabólicas específicas LIGHT: Há substituição ou supressão parcial de ou total de, no mínimo, 25% de um ou mais nutrientes ÁLCOOL E DIABETES Riscos são potencializados no diabético Deve ser desencorajada em hipertensos + diabéticos

×