Saneamento básico é o conjunto de medidas adotadas em uma região,em uma cidade,para melhorar a vida e a saude dos habitant...
É importante a preocupação dos governantes garantirem o bem estar e a saúde dapopulação desde que também sejam tomadas med...
A água própria para o consumo humano chama-se água potável. Para serconsiderada como tal ela deve obedecer a padrões de po...
Atendimento em áua potável : quando consideradas as áreas urbanase rurais do País, a distribuição de água atinge 81,1% da ...
O sistema de esgotos existe para afastar a possibilidade de contatode despejos, esgoto e dejetos humanos com a população, ...
O atendimento em coleta de esgotos: chega a 46,2%da população brasileira.Do esgoto gerado, apenas 37,9% recebe algum tipo ...
Aspecto Social     A Limpeza Urbana é o saneamento e o controle de todos os fatores do meio     físico onde o homem habita...
 O serviço público de limpeza urbana e manejo de resíduos sólidoscompreende a coleta, remoção e o transporte dos resíduos...
A preocupação com o saneamento básico é algo que vem desde a antiguidadequando do surgimento e expansão das primeiras cida...
Guiados pelo bom senso, os romanos deram grande importância aoscuidados sanitários e de higiene. Havia um sistema de esgot...
Saneamento básico
Saneamento básico
Saneamento básico
Saneamento básico
Saneamento básico
Saneamento básico
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Saneamento básico

17.069 visualizações

Publicada em

Sobre o saneamento básico em geral , e também sobre a situação de saneamento do nordeste e do Brasil

Publicada em: Educação

Saneamento básico

  1. 1. Saneamento básico é o conjunto de medidas adotadas em uma região,em uma cidade,para melhorar a vida e a saude dos habitantes impedindoque fatores fisicos de efeitos nocivos possam prejudicar as pessoas no seubem-estar físico mental e social.
  2. 2. É importante a preocupação dos governantes garantirem o bem estar e a saúde dapopulação desde que também sejam tomadas medidas para educar a comunidade paraa conservação ambiental.Um dos problemas mais graves nas grandes periferias do Brasil é justamente a falta dosaneamento básico e é este um dos fatores mais importantes da saúde porque de acordocom o meio onde vivem podem contrair e transmitir muitas doenças, inclusive porexemplo, doenças respiratórias, vermes e tantas outras. Portanto com o acesso à águapotável e algumas condições de higiene, muitas doenças podem ser evitadas diminuindoassim o custo com tratamentos .
  3. 3. A água própria para o consumo humano chama-se água potável. Para serconsiderada como tal ela deve obedecer a padrões de potabilidade. Se ela temsubstâncias que modificam estes padrões ela é considerada poluída.As substâncias que indicam poluição por matéria orgânica são: compostosnitrogenados, oxigênio consumido e cloretos.A água necessita de tratamento para se adequar ao consumo. Mas todos osmétodos têm suas limitações, por isso não é possível tratar água de esgoto paratorná-la potável. Os métodos vão desde a simples fervura até correção dedureza e corrosão. As estações de tratamento se utilizam de várias fases dedecantação e filtração, além de cloração.
  4. 4. Atendimento em áua potável : quando consideradas as áreas urbanase rurais do País, a distribuição de água atinge 81,1% da população Brasileira.Dos 8,4 milhões de habitantes de Pernambuco 91% tem o acesso a conexõescaseiras da rede de abastecimento de água .Mais da metade dos investimentos no abastecimento de água potável seconcentram na Bahia e em Pernambuco (R$ 5 bilhões). Do total, R$ 3,4 bilhõesdestinam-se a ampliações de sistemas produtores em 919 sedes urbanas,entre os quais R$ 2,6 bilhões (para 424 cidades) correspondem a sistemasabastecidos por mananciais superficiais (prevalentes nos eixos do rio SãoFrancisco e do litoral nordestino) e R$ 777,4 milhões para novos poços.
  5. 5. O sistema de esgotos existe para afastar a possibilidade de contatode despejos, esgoto e dejetos humanos com a população, águas deabastecimento, vetores de doenças e alimentos. O sistema de esgotos ajuda a reduzir despesas com o tratamentotanto da água de abastecimento quanto das doenças provocadaspelo contato humano com os dejetos, além de controlar a poluiçãodas praias.
  6. 6. O atendimento em coleta de esgotos: chega a 46,2%da população brasileira.Do esgoto gerado, apenas 37,9% recebe algum tipo de tratamento. Aregião com maior índice de esgoto tratado é a Centro-Oeste, com 43,1%.Entre 2009 e 2010, houve um crescimento de 2,2 milhões de ramais de águae de 2,4 milhões de ramais de esgotos no País.Investimentos: em 2010 os investimentos do Governo em água e esgotosatingiram R$ 8,9 bilhões..Postos de trabalho: em 2010 o setor de saneamento criou 64 mil novos postosde trabalho, atingindo um total de 671 mil empregos diretos e indiretos criadospelo setor.
  7. 7. Aspecto Social A Limpeza Urbana é o saneamento e o controle de todos os fatores do meio físico onde o homem habita, que exercem ou podem exercer efeitos prejudiciais ao seu bem-estar físico, mental ou social. É uma das principais atividades da Administração Pública, mas a população deve trabalhar em parceria com o governo, de forma que todos colaborem com a saúde do meio- ambiente O lixo descuidado e mal destinado pode atingir o dia a dia do cidadão em vários aspectos :alguns deles.  Aspecto Sanitário  Aspecto Estético e Bem - estar  Aspecto Social  Aspecto Econômico - financeiro
  8. 8.  O serviço público de limpeza urbana e manejo de resíduos sólidoscompreende a coleta, remoção e o transporte dos resíduos sólidos domiciliares;a varrição e limpeza de vias e logradouros públicos; A remoção e transporte de resíduos das atividades de limpeza; A remoção de resíduos volumosos e de entulhos lançados em vias elogradouros públicos; A prestação de serviços de operação e manutenção dos sistemas detransferência de resíduos sólidos urbanos e das unidades de triagem ecompostagem, incluindo a transferência dos rejeitos gerados nessasunidades para destino final disposto de forma correta, utilizando aterrossanitários em conformidade com a legislação ambiental.
  9. 9. A preocupação com o saneamento básico é algo que vem desde a antiguidadequando do surgimento e expansão das primeiras cidades. O primeiro aquedutode que se tem notícia foi construído em 691 a.C., na Assíria. Sem falar nos queforam construídos em Roma com quilômetros de extensão. Entretanto, pormuito tempo, os conhecimentos que eram adquiridos por uma civilizaçãoacabavam morrendo com ela e, por isso, a cada nova civilização osconhecimentos tinham de ser redescobertos. Junto com seus benefícios.
  10. 10. Guiados pelo bom senso, os romanos deram grande importância aoscuidados sanitários e de higiene. Havia um sistema de esgotos nacidade de Roma que não foi ultrapassado por qualquer sistemasemelhante no mundo todo, até o século XIX .Os esgotos eram levados em condutos subterrâneos até um local, acloaca máxima, onde eram lançados no rio Tibre. Além de privadasnas casas, havia sanitários públicos, alguns deles muito luxuosos,todos equipados com água corrente.

×