Jornal Bem Nascer 5

746 visualizações

Publicada em

Jornal Bem Nascer, Edição 5 - setembro/outubro 2010

Publicada em: Design, Tecnologia
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Jornal Bem Nascer 5

  1. 1. UMA PUBLICAÇÃO DA ONG BEM NASCER - SETEMBRO/OUTUBRO DE 2010Editorial TODOS PELO A ONG Bem Nascer é parceira daSecretaria Municipal de Saúde naCampanha BH Pelo Parto Normal, PARTO NORMALque conta hoje com a adesão devárias entidades públicas e privadas(órgãos de classe, movimentosde mulheres, maternidades). Estarede de parceiros tem a missão dediminuir o número de cesarianas– considerada uma epidemia nacidade, quase 50% no âmbito doSUS e até 80% em alguns hospitaisda rede suplementar – e aumentaro número de partos normais. Paraisso, a Comissão Perinatal daPBH realiza cursos e palestraspermanentes e monta standsinformativos em praças e eventos, Foto: Kalu Brumonde as voluntárias da ONG militampela causa. Começam a nascer conceitoscomo o do ‘direito do nascituro a umnascimento segundo sua natureza’,parto ecológico e parto respeitoso. Uma equipe multidisciplinar mostra as O Jornal Bem Nascer volta às ruascom o objetivo de dar voz a todos os vantagens do parto normalenvolvidos nessa grande campanhaBH Pelo Parto Normal, enfatizar asboas práticas no parto e lutar pelorespeito às mulheres e o direito dascrianças a um parto humanizado. Kit Parto Página 6Aqui, vários profissionais – obstetras, O que levar para a maternidade?enfermeiras obstetras, doulas,psicólogas, professoras de Yoga - emulheres militantes da causa dãoseus testemunhos e engrossam ocoro “Pelo Parto Normal”. COMO ME PREPARAR PARA O PARTO NORMAL? Cleise Soares (Editora) Aprenda com outras mulheres o caminho para um parto prazeroso!
  2. 2. TOQUE DE MÉDICO Bem CALENDÁRIO DE EVENTOS Nascidos PARTO DE CÓCORAS Foto: Acervo JBN ANCESTRAL E MODERNÍSSIMO Foto: Acervo JBN A história da humanidade considerado o “criador” ou “cul- da em vários papiros médicos. mostra que as mulheres sempre pado” por ter sido o primeiro a en- Foram encontrados pedaços de pariram de cócoras e que, a partir corajar as mulheres a adotarem cadeiras de pedra na Casa de do século XVII, sob influência da uma postura em decúbito dorsal. Partos em Luxor (1.450 a/c). Os corte francesa, elas passaram a Essa posição tornou-se conhecida assírios (1.100-606 a/c) também parir deitadas; as parteiras saíram como “posição francesa”, em con- usaram a cadeira obstétrica. A de cena e os obstetras ocuparam traste com a posição deitada em Bíblia (Êxodo – 1) faz referên- lugar de destaque nos partos. Ao decúbito lateral, utilizada na Ingla- cias a cadeiras de parto usadas invés de ser um observador aten- terra e conhecida como “posição pelas parteiras judias, entre 700 Mães da Roda: Rita, Camila, Inessa, Cleise e as duas Carolinas to, vigilante aos partos que se tor- inglesa”. e 140 d/c. Na Grécia clássica, nam patológicos, este intervem A História e a Antropologia Hipócrates, que era filho de uma RODA BEM NASCER muitas vezes sem necessidade parteira, recomendava o uso da Acolhe gestantes e casais grávidos, com o objetivo de dar apoio emo- revelam que desde suas origens cional e orientações práticas sobre gestação, parto e nascimento. no parto que evolui normalmente. as mulheres em sociedades sem cadeira para facilitar partos difí- A entrada é gratuita. O lanche é coletivo, cada um leva uma contribuição. “Dentro de um contexto de influências da obstetrícia oci- ceis. Na antiga Roma, SoranusEsta foto/árvore de meninos foi tirada uma sociedade patriarcal (ma- dental, quase universalmente de Éfeso (98/177 d/c) fez des-durante o chá de bênçãos da Simone RODA BEM NASCER MANGABEIRAS chista), o homem expropriou o adotaram alguma forma de pos- crição da cadeira obstétrica eMiranda Almeida e Mariléia Chaves Data: todo último sábado do mês, sem intervalo - 9:30hs parto das mulheres.” Palavras tura ereta no parto. Elas ficavam a recomendou para a práticaAndrade, no seu sítio, em Lagoa Coordenação: Cleise Soares (jornalista e professora de Yoga para Ges- médica. Existem evidências naSanta. Com ela, homenageamos a tantes), Roseana Soares (psicóloga) do obtetra Dr. Marco Aurélio Vala- penduradas, agachadas, senta- dares, que assiste partos de có- das, ajoelhadas ou de cócoras, Europa que mostram seu uso atétodas as mamães que compartilham Local: CEAM - Centro de Educação Ambiental do Parque das Mangabeirasconosco esses momentos tão espe- coras em Belo Horizonte desde a frequentemente mudavam sua o final do século XIX. (Temporariamente está acontecendo na Sala Multimeios)ciais das suas vidas! Trabalha com o conceito Ecologia do Nascimento década de 80, fundador da ONG posição durante cada contração. Esta coluna está aberta a noticiar os nas- Bem Nascer (ao lado da jornalista Há registros de partos em Modernidadecimentos. À medida que os nenês forem RODA BEM NASCER MUNICIPAL Cleise Soares) e também do Nú- Data: todo segundo sábado do mês, sem intervalo - 14:30hm posição vertical desde três mil Alguns obstetras de renomenascendo, enviem fotos com os seguintes cleo Bem Nascer, que reúne médi-dados: nome da criança, da mãe e do pai, Local: Coreto do Parque Municipal anos atrás. Esculturas astecas deram contribuição decisiva paradata, tipo de parto e local de nascimento. Coordenação: Mirian Rego (enfermeira obstetra), Daphne Paiva Bergo cos e outros profissionais pelas mexicanas, que imitam o nasci- a divulgação de uma modernaNo final do ano, prometemos fazer um pai- (psicóloga e doula) e Isabel Cristina Santos (doula) boas práticas no parto. Ele conta mento de uma Deusa da Fecun- cadeira obstétrica. Como exem-nel com as fotos de todos os bem nasci- aqui a história da Obstetrícia. didade, mostram a mulher em plo, citamos Roberto Caldeyrados. As fotos que já foram enviadas serão CHÁ DE BENÇÃOSentão publicadas. posição de cócoras. No México, Barcia, do Uruguai, com seus Realização: BEM NASCER DE ACOLHIMENTO A Corte francesa deitou as na África, Arábia, Pérsia, Rússia trabalhos sobre parto sentado, Este projeto acolhe gestantes às vésperas do parto e faz visitas no mulheres e nos Estados Unidos colonial a Moysés Parcionick, por seu pio- Expediente pós parto. As mulheres se reúnem para fazer escalda-pés, massagens e, ao mesmo tempo, mimar a gestante e passar a ela confiança, para A obstetrícia ocidental tem suas mulher preferia adotar alguma neirismo – fundou a primeira prepará-la para o momento crucial, o parto; ou para acolher o susto raízes na Europa do século XVII das posições de cócoras. casa de parto de cócoras em Cu- e os apertos naturais dos primeiros dias, no pós parto. Informações: e Mauriceau, obstetra francês, é ritiba e fez pesquisas nas tribos geozeli@bol.com.br. indígenas brasileiras e Dr. Hugo Cadeira de Parto Sabatino, da UNICAMP, com A cadeira de parto é relata- várias pesquisas baseadas em Uma publicação da ONG Bem Nascer www.bemnascer.blogspot.com CARO LEITOR evidências científicas. O parto de cócoras ancestral Estamos esperando a sua contribuição. Envie-nos o relato do seu é também moderníssimo, talvez parto, arte, poesia, artigo ou foto (incluir o nome do fotógrafo) relativos set/out/2010 ao tema ou suas dúvidas ou perguntas. Material sujeito à edição. o parto deste novo milênio Editora Responsável: Cleise Soares (MG 02647 JP) com a mulher assumindo uma Informamos que as matérias assinadas são de responsabilidade do Tiragem: 10 mil exemplares posição ativa diante do mundo próprio autor. Periodicidade: bimestral / circulação gratuita e da capacidade de parir um Encontrado em todos os endereços dos anunciantes dos classificados Bem Nascer - Responsabilidade Social Você também pode colaborar com a nossa causa anunciando no novo ser. Arte e Diagramação: Telma Maciel - 99249670 CLASSIFICADOS BEM NASCER – RESPONSABILIDADE SOCIAL. e-mail: maciel.telma@gmail.com Solicite a nossa visita no e-mail isabellotus@yahoo.com.br ou pelo Impressão: Gráfica O Lutador - 34398000 telefone 031-8805.6673. Informações: mav2.nucleobemnascer.gmail.com cleisempsoares@gmail.com Visite nosso blog: www.bemnascer.blogspot.com www.nucleobemnascer.com.br www.yogabemnascer.blogspot.com2 3
  3. 3. ELAS CONTAM O PARTO Você está grávida e deseja ardentemente um parto normal? Ou quem sabe, natural? Qual a diferença? O natural é compreendido atualmente como o parto sem intervenções e o normal pode acontecer com episiotomia, anestesia, ocitocina artificial e outros procedimentos Decidi ter meu filho em casa chamados iatrogênicos – que não são naturais do nascer, mas usados para “ajudar” o trabalho de parto. O melhor caminho para o seu parto é a flexibilidade, saber ler os seus desejos e * Por Kalu Brum escolher um profissional que tenha uma mesma filosofia e lhe garanta um parto respeitoso. Relato de parto de Miguel Narayan, nascido em casa no dia 20/02/2007 O Jornal Bem Nascer oferece a você, dois depoimentos, dois tipos de parto: hospitalar e com 3.700kg e 53 cm. domiciliar. Duas mulheres, duas escolhas. As duas se sentiram muito felizes. Tinha decidido que o bebê de- Os Planos de Deus veria nascer em São Paulo. Meu médico que me atendia desde a ado- lescência estava lá e meu plano de saúde cobria os melhores hospitais. Como jornalista tinha feito uma ma- * Por Janaina Bicalho Entre dor, ansiedade e Foto:Gustavo Lisboa téria sobre parto humanizado e uma alegria, tentei empregar as amiga me falou do GAMA, um grupo “Bem se diz o ditado: a gente faz técnicas aprendidas com como a Bem-nascer em São Paulo.e Deus desfaz. Fazemos planos e Yoga com a Cleise, fiz uma Com 36 semanas de gestação de- sessão de acupuntura com Foto:Acervo Kalu BrumDeus tem outros para nós. Eu e cidi mudar para Belo Horizonte e termeu marido moramos há muitos Marco Aurélio e também meu filho em casa. Dentro de mimanos nos EUA e resolvemos vir banhos de água quente. havia uma força que me dava segu-para o Brasil ter o nenê de parto Infelizmente, tive que rança de que tudo daria certo e teriahumanizado. Eu vim antes e meu pedir um pouco de anes- um lindo parto domiciliar.marido marcou passagem para tesia quando estava com 6 Contatei as enfermeiras obste-o dia 24 de outubro de 2006, cm, porque o tempo estava tras do Sofia Feldman (Sibylle Vogtadivinhem, neste dia entrei em se prolongando demais e Campos e Mirian Rego) que fize- que a bolsa rompia poderia demorar e senti a cabeça dele saindo to-trabalho de parto. Acordei às eu estava cansada. Tive ram duas visitas e tiraram todas as horas até o nascimento. Fui tomar talmente. A sensação foi um ardortrês horas com uma cólica muito medo de não ter energia dúvidas minha e principalmente de banho e senti uma dor muito forte. com um grande prazer. Mais umaforte. Fiquei esperando para ver para a hora da expulsão. meu marido. No dia 19 de fevereiro Achei que estava com dor de bar- contração e ele saiu totalmente. Ase piorava. Às 5h, minha mãe A anestesia foi ministrada percebi que meu tampão estava riga. Sentei no vaso e novamente a enfermeira segurou-o, desenroloulevantou e vendo que eu sentia mais fraca, tanto que pude saindo. Naquele dia me sentia dife- dor me arrebatou. Gritei e senti algo o cordão de seu pescoço e me en-dor pediu para eu ligar para o ter o parto de cócoras. rente. Uma energia incrível tomou girando dentro de mim. Coloquei a tregou no colo. Sentei e coloquei-oDr. Marco Aurélio (Valadares). conta de mim. Tinha vontade de mão e senti a cabeça de meu filho. em meu seio. Meu marido estava ao Passadas 4 horas da correr, dançar. Foi o que fiz. PuleiEsperei até 7h e quando liguei Meu marido subiu desesperado meu lado, segurando minha mão. anestesia pude vivenciar a como um sapo, nua no quintal. Nãoele me pediu para ir direto para a maior maravilha do mundo: com os gritos e eu o expulsei de lá. Ele mamou ainda conectado ematernidade. Eu estava com 4cm sabia ao certo por que, mas meu o nascimento do meu filho. corpo pedia. Na madrugada tive Levantei do vaso e comecei a pen- depois que o cordão parou de pul-de dilatação, ainda demoraram Ramatis, o anjo da minha sar o que fazer se o neném nascesse sar, meu marido cortou-o e pegou-o contrações sem dor.mais 12 horas até o nascimento. vida. Sua chegada foi linda e sem ter ninguém lá por perto. Por nos braços com os olhos cheios de vai ser cesariana programada, Às 10h, chamei as enfermeiras emocionante. Me fez sentir tão sorte a enfermeira (Sibylle) chegou. lágrimas. Eram 17h57. Pouco depois não é? E eu lhe disse: Pois teria que vieram tomar um café da ma- Segurei forte em suas mãos e disse: a outra enfermeira (Mirian) chegou. bem que posso dizer que me senti outro agora mesmo; no mesmo nhã conosco. Elas olharam, fizeram “A cabeça dele está aqui”. Senti uma nova contração e senti o próprio Deus naquela hora. hospital (Maternidade Santa Fé), a contagem das contrações. As con- Ela não acreditou e disse para minha placenta sair inteirinha. Guar- Tinha minha mãe e uma amiga com o mesmo médico (que, aliás, trações pararam e fui dormir. Sonhei dei em um balde para plantar com a eu senti como um pai naquelas que lindos anjos traziam meu bebê que ficasse tranqüila. Quando olhou, comigo no momento, que filmou árvore da vida de Miguel Narayan. e colocavam no meu seio. Des- viu que a cabeça estava lá. Levou-me todo o parto já que o pai não pode horas tão importantes!) e com as Deitei na cama para me examina- pertei às 15 horas com contrações do banheiro para o quarto, enquanto estar presente. Eu mesma cortei o mesmas dores mais gratificantes rem. Havia tido algumas lacerações mais fortes e com uma dorzinha na meu marido estendia o plástico e le- cordão umbilical homenageando que um ser pode sentir. Ainda que foram costuradas. Enquanto fa- lombar. Levantei e fui caminhar. vava um banquinho para cima. Meu o pai e cantei a música que foi bem que tudo foi filmado, porque marido colocou o mantra que havia ziam isso, meu bebê mamava com o nosso mantra durante toda a agora até o meu próximo parto, Em casa estava só com o meu escolhido para a hora do nascimento: volúpia. minha gravidez. Gravidez esta posso vivenciar de novo este toda marido, no meio do mato, pois moro Om Namah Shivaya – eu reverencio Às 19h30 me levantei, tomei ba- que sinto tanta saudades, mas a vez que sentir saudades. Foi há 15 quilômetros do centro da ci- Deus que habita meu coração. nho enquanto meu marido segurava que me trouxe a coisinha mais tudo lindo e mágico! dade. Às 17 horas subi às escadas Miguel. Em seguida dei banho nele, para tomar banho e colocar uma A enfermeira queria que eu sen- preciosa que aconteceu em minha E o pai? Chegou no outro dia. vesti uma linda roupa laranja. Desci roupa mais quente. No meio do tasse, mas eu queria ficar em pé. Ela existência. Infelizmente perdeu o nascimento, disse: “Na próxima contração faça for- as escadas e fiquei aguardando en- corredor minha bolsa rompeu. Cha- quanto as enfermeiras arrumavam Logo que voltei ao quarto, minha mas ficou admirado pelo nosso ça e apóie suas mãos no banquinho.” mei meu marido, que ligou para as o quarto. Com Miguel nos braços Foto: Gustavo Lisboa amiga perguntou: seu próximo filho lindo e saudável filho. enfermeiras. Tinha lido que depois Foi o que fiz, soltei meu corpo senti-me mais perto de Deus.4 5
  4. 4. DICAS DAS DOULASO que é a doula? Como ela atua? A doula cria um ambiente de con- Toque deDoula, palavra que vem do grego:significa mulher que serve outra fiança, tranquilidade e acolhimen- to. É uma mão amiga durante as horas decisivas, de sentimentos Enfermeira Yoga Bem Nascermulher. A doula é uma acompa-nhante de parto treinada para es- extremos e conflitantes. Propor- Para ter um parto tranqüilo, onde você possa realmente se empoderar, tor-tar com a mulher nesse momento ciona conforto físico usando mas- Segundo a Organização Mundial nar-se senhora do seu parto, é importante saber que dois elementos sãode sua vida. Proporciona suporte sagens terapêuticas que ajudam da Saúde (1996), uma mulher essenciais e verdadeiros métodos não farmacológicos de alívio à dor dofísico e emocional à parturiente e a lidar com as dores do trabalho deve dar à luz num local onde parto: o ar e a água.aos familiares. Auxilia na busca de parto, sugere posições que fa- se sinta segura e no nível mais cilitem o progresso fisiológico de periférico onde a assistência O AR É importante você aprenderpor informações, elaboração do nascimento e incentiva que a mu- for viável. No caso de uma ges- a respirar profundo, desde a gesta-plano de parto, alívio dos descon- tante de baixo risco, este localfortos durante a gestação e du- lher se mantenha ativa. ção. Sente-se confortavelmente pode ser sua casa, uma mater- todos os dias e respire devagar,rante o trabalho de parto e parto. “As pesquisas têm mostrado que a atu- nidade ou centro de parto. Se o prestando atenção. Sinta o ventreÉ uma pessoa com experiência ação da doula no parto pode: diminuir em parto ocorrer fora do hospital, as inflar ao inspirar e, ao soltar o arpositiva diante das situações de 50% as taxas de cesárea, em 20% a du- providências pré-natais devem ração do trabalho de parto, em 60% os descontraia o seu corpo. Leve paraparto, acostumada a lidar com a pedidos de anestesia, em 40% o uso da incluir planos para acesso a um a mente uma imagem da nature-mulher em seu momento máximo ocitocina e em 40% o uso de fórceps.” A doula Daphne no Chá de Bençãos de centro de referência. Apesar de za, é sempre confortante. Respirede vida, na expressão máxima de Alinhe Linhares, ao lado da pequena não haver consenso na literatura vendo essa imagem mental. Inspire Ana Cris Duarte, www.doulas.com.brsua sexualidade. Yasmin, filha de Letícia Menezes científica atual e ser necessária profundo e mande ordens mentais a publicação de mais pesquisas ao expirar, de relaxamento para sobre a segurança do local do a pélvis e a ossatura do quadril. parto, alguns estudos realiza- Quando chegar o grande momento, Plano de KIT PARTO dos no Canadá, Estados Unidos, Austrália, Suécia e Holanda de- monstraram não haver maiores respire fundo entre as contrações. Busque o contato com sua força in- terior, ancestral. Lidia Lopes é professora de yoga e especializada em Shantala O que comer durante o trabalho de parto? Parto e-mail: lidialopes@gmail.com riscos de morbidade e mortali- O trabalho de parto pode durar de 8 a 12 horas em primigestas (primeiro dade perinatal e materna nos trabalho de parto). É importante que a mulher se mantenha hidratada e A ÁGUA também é uma excelente parceira. Você pode usar o chuveiro, O plano de parto é uma lista de partos domiciliares planejados. deixando bater a água nas ancas. Pode se sentar debaixo da água e ficar preferências que a gestante elabo- alimentada nesse período. Ingerir líquidos claros como água de coco, As taxas de transferência para ali, respirando tranqüila. Beba bastante líquido durante o trabalho de parto! ra e deve ser entregue ao médico, sucos naturais e gelatina líquida é uma ótima forma de manter a energia. o hospital situam-se em torno à enfermeira que vai acompanhar Comer barrinhas de cereais, chocolate, rapadura e mel faz com que a de 12,5% e são mais freqüentes o nascimento ou a doula. É uma disponibilidade de açúcar seja quase imediata, dando pique necessário entre nulíparas que multíparas. A Cleise Soares forma de lembrar à equipe de as- para trabalhar. Afinal se a mulher deseja um parto ativo é preciso que se falha de progressão do parto é a (Professora de Yoga) www.yogabemnascer.blogspot.com sistência quais são as vontades e tenha disposição e forças para a hora P. causa mais freqüente de trans- desejos da mulher nos momentos ferência. As taxas de interven- O que levar para a maternidade? do pré-parto, parto e pós-parto. ções obstétricas como analgesia Como a mente pode ajudar a gestante em seu Inclui procedimentos a serem rea- Duas mudas de roupas para usar depois do parto (confortáveis e com peridural, episiotomia e cesárea lizados e ou evitados a fim de pro- abertura para amamentar). Chinelos e artigos de higiene pessoal. Cal- são menores (Hutton et al, 2009; trabalho de parto? mover o bem estar físico e emocio- cinhas altas e firmes, de preferência de algodão. Absorventes pós parto Janssen et al, 2009; Jonge et al, O nascimento é um momento único, refletindo as percepções, crenças, vivên- nal da família. 2009; Lindgren et al, 2008, John- cias e a história de vida de cada mulher. Dar à luz um bebê é uma das ex- ou noturnos (suportam maior quantidade de fluxo). Sutiãs apropriados son and Daviss, 2005). Alguns periências físicas e emocionais mais intensas! Exemplo: posições para o trabalho para amamentação (de algodão e com alças largas para suporte firme de parto e parto, desejo de andar/ dos seios). estudos evidenciaram ainda Um nascimento respeitoso é aquele em que a mulher é considerada em sua comer/se movimentar, presença elevado nível de satisfação das singularidade. Suas interpretações, suas expectativas e as de sua família de acompanhantes, desejo de re- Roupinhas para o bebê de acordo com o clima (geralmente três con- desempenham papel importante na conquista de uma experiência bem suce- mães com a experiência do par- ceber ou não episiotomia e analge- juntinhos macios, pré-lavados, sem amaciantes de roupas ou perfumes). dida de parto. to domiciliar. Assim, a decisão sia de parto. Procedimentos com Fraldas tamanho recém nascido. Bebê conforto para carro na saída do pelo parto em casa é individual e É necessário que você esteja fortalecida pelo poder de conhecimento, que o bebê: amamentar ainda no am- bebê (agora é lei que o bebê seja transportado desta maneira desde o baseada em valores pessoais e lhe permite fazer escolhas informadas quanto ao trabalho de parto e ao nasci- biente de parto, dar ou não banho primeiro dia de vida). Com segurança não se brinca, né?! culturais. A gestante que deseja mento de seu bebê. imediatamente após o nascimento, Daphne Paiva Bergo parir em casa e não tem contra- Roseanna C.F.Soares alojamento conjunto ou bebê no (Doula e psicóloga) indicações médicas não deve (Psicóloga) berçário. e-mail: rcf@terra.com.br Msn: daphnepaiva@ hotmail.com ser privada desta possibilidade, desde que haja um sistema de referência para possíveis com- PARTO NORMAL SEGUNDO A OMS O SUS AVANÇOU plicações. (Organização Mundial de Saúde/1996) A cesariana em Belo Horizonte (Sus / Setor Privado) subiu de 42,95% em 2000 para 47,35 % em 2009. Se olharmos só o SUS podemos comemorar: o índice de parto normal aumentou - de 67,6% para 73,3% e a cesárea Mirian Rego de Castro Leão - É de início espontâneo, de baixo risco no início do trabalho de parto, e assim (enfermeira obstetra, integrante da permanece por todo o trabalho de parto e parto. caiu - de 32,4% para 26,7% ABENFO - Associação Brasileira de - O bebê nasce espontaneamente com apresentação cefálica entre 37 e 42 Enfermeiras Obstetras- e professora da PUC Minas) semanas completas de gestação. (Fonte: Comissão Perinatal/Secretaria Municipal de Saúde de Belo Horizonte) e-mail: dleão@uai.com.br - Após o nascimento, tanto mãe como bebê estão em boas condições.6 7
  5. 5. ACONTECENDO Homenagem As militantes Inessa e Renata A ONG Bem Nascer foi homenageada, na pessoa da sua presidente, Cleise Soares, pela Secretaria Municipal de Saúde, por sua atuação dentro do Movimento BH Pelo Parto Normal.NAVEGANDO EM BUSCA Parceiros do Movimento BH PELO PARTO NORMAL: DE UM BOM PARTO Ministério da Saúde, ANS, Ministério Público, Federação dos Filantrópicos, As- sociação Médica de MG, Sociedade Mineira de Pediatria, Academia Mineira deUm bom começo para saber como se Pediatria, Sociedade Mineira de Ginecologia e Obstetrícia/SOGIMIG, Sindicatopreparar física e emocionalmente para dos Médicos, Associação Hospitalar de MG, Coordenadoria Municipal dos Direi-o grande dia P (p de parto) é navegan- tos da Mulher, Conselho Municipal de Saúde, COREN, Conselho Municipal dedo pela Internet. Uma simples busca Direitos da Criança e do Adolescente, Hospital Mater Dei, Universidade Federalpela palavra parto retorna importantes de MG, Faculdade de Ciências Médicas de MG, Conselho Regional de Medicina,links que são referência no assunto. Associação Brasileira de Enfermeiras Obstetras/ABENFO, Secretaria de EstadoTais como: www.partodoprincipio. da Saúde, Comissão de Saúde da Câmara de Belo Horizonte, Comissão decom.br,www.amigasdoparto.com.br, Saúde da Assembléia Legislativa de MG, Frente Parlamentar Saúde da Mulher,www.amigasdoparto.org.br. Nesses Rede Feminista de Saúde, Pastoral da Criança, Promotoria da Infância e Juven-sites é possível ler relatos, artigos, tude, Unimed/BH, CASSI, ABRAMGE e ONG BEM NASCER.indicações de livros, vídeos, dicas decomo escolher os profissionais quepoderão acompanhá-la nessa aven-tura deliciosa chamada maternidade e HOSPITAL DA UNIMED SAI NAque inicia pela gestação/parto. FRENTE E INAUGURA UM QUARTO PPPA participação de grupos de apoio é O evento aconteceu em julho, com o nascimen-fundamental. Esses grupos podem to de Yasmim, filha da Érica Oliveira, que nasceuser presenciais, como por exem- de parto natural, no Hospital Dia/Maternidadeplo, os GAPPs - Grupos Apoiado Unimed, sob os cuidados da obstetra, Giselepela Parto do Princípio ou virtuais, Maciel e da doula Isabel dos Santos. O quartocomo Parto Nosso (http://br.groups. PPP atende à mulher no pré-parto, parto e pósyahoo.com/group /PartoNosso/) e parto. Aparentemente, é um quarto normal, masBem NascerMG (http://br.groups. guarda um painel discreto com todos os apara- A doula Isabel com Érica Oliveirayahoo.com/group/BemNascerMG/). na escada de ling tos de primeiros socorros. Conta com uma camaOs virtuais são interessantes porque reclinável, bola de Bobat, a escada de Ling e o isabellotus@yahoo.com.brpossibilitam troca de experiências chuveiro, o que antes só era encontrado no SUS.e resolução de dúvidas em tempo Segundo informações da equipe, também mulheres da enfermaria poderão so-quase que real, pois sempre tem licitar acesso ao quarto PPP.alguém on-line para oferecer umapalavra de apoio e incentivo. Os procedimentos pós parto também foram humanizados. O nenê não saiu de perto da mãe, foi limpo (sem banho, preservando o vérnix, considerado umaPollyana do Amaral Ferreira vitamina K natural) e preservado o contato pele a pele e olho no olho. As luzes(Analista de Sistemas e Doula,moderadora dos grupos Bem Nascer foram apagadas e acesas luzes de penumbras, colocadas no rodapé do quarto.MG e Parto Nosso, membro da Rede Parabéns à Érica por buscar o parto que queria e à Unimed, pelo pioneirismo,Parto do Princípio) abrindo espaço para as mulheres empoderadas terem seus partos naturalmente.e-mail: polly@dcc.ufmg.br “Esta mudança no hospital da UNIMED é fruto da RDC 36, resolução da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) que dispõe sobre Regulamento Técnico Inscrições abertas para a para Funcionamento dos Serviços de Atenção Obstétrica e Neonatal. O obstetraConferência Internacional sobre João Batista Oliveira participou da elaboração desta resolução como consultor do Humanização do Nascimento Ministério da Saúde”. A informação é de Mirian Rego, enfermeira obstetra incan- Informações: sável na luta pela humanização do nascimento. www.conferenciarehuna2010.com.br8

×