Deficiência mental

606 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
606
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
21
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Deficiência mental

  1. 1. Ana Silva Ana Ferreira Bruno Duarte Pedro Terroso Valter Marques<br />Deficiência Mental<br />Curso Tecnológico de Desporto<br />
  2. 2. “Deficiência é o termo usado para definir a ausência ou a disfunção de um qualquer mecanismo mental, físico ou anatómico que gere incapacidade para o desempenho de actividade, dentro do padrão considerado normal para o ser humano.”<br />Organização Mundial de Saúde<br />
  3. 3. Motora<br />Visual<br />Tipos de deficiência<br />É uma disfunção física ou motora, a qual pode ser de carácter congénito ou adquirido.<br /> Esta disfunção afecta o indivíduo no que diz respeito à mobilidade, à coordenação motora ou à fala. Este tipo de deficiência pode decorrer de lesões neurológicas, neuromusculares, ortopédicas e ainda de mal formações.<br /> Disfunção a nível psicológico, que impede a interacção social, a realização de tarefas do quotidiano, é propícia a alterações comportamentais e a dificuldades na aprendizagem.<br />Possui capacidades intelectuais diminuidas, em comparação com um indivíduo não portador de deficiência.<br />Mental<br />Pode ser congénita ou adquirida, sendo considerada congénita, quando a cegueira ocorre até ao primeiro ano de vida e adquirida, quando ocorre a partir dos 6/7 anos de idade e diz respeito à diminuição da capacidade de visão. Nos casos de deficiência visual, os indivíduos desenvolvem e melhoram outros sentidos como, a audição, o tacto e o olfacto.<br /> Todo o sujeito que, num momento exacto da sua vida, demonstre anomalias ou perdas funcionais do aparelho auditivo, qualquer que seja a sua causa, idade de aquisição ou gravidade. (ao possuir dificuldades auditivas, desenvolvem outros sentidos, neste caso a visão)<br />Auditiva<br />
  4. 4. De acordo com algumas Organizações Não Governamentais (ONGs), o termo “deficientes” talvez não seja o mais indicado para estas pessoas, pois é utilizado com um determinado sentido pejorativo.<br /> A solução para este problema surge na caracterização do deficiente mental como diminuto intelectual.<br />
  5. 5. Na medida em que esta população possui características próprias, que por vezes a impede de realizar tarefas do dia-a-dia:<br />
  6. 6. Psicológica / psicométrica<br />Médica / biológica<br />Pedagógica<br /> É um défice de comportamento que deverá ser interpretado como produto da interacção de quatro factores:<br />1) Factores biológicos passados (genéticos, pré-natais, peri-natais, pós-natais).<br />2) Factores biológicos actuais (drogas, fármacos, cansaço ou stress).<br />3) Historial anterior de interacção com o meio.<br />4) Condições ambientais presentes ou outras situações actuais.<br />Cinco Correntes<br /> Tem uma maior ou menor dificuldade em seguir o processo regular de aprendizagem e por isso tem necessidades educativas especiais, ou seja, necessita de apoios e adaptações curriculares que lhe permitam seguir o processo regular de ensino.<br /> É considerado deficiente mental, todo o indivíduo que apresente um défice ou diminuição das suas capacidades intelectuais (medida através de testes e expressa em termos de QI)<br /> O deficiente mental é aquele que apresenta, em maior ou menor medida, dificuldade para se adaptar ao meio social em que vive e para ter uma vida autónoma.<br /> A deficiência mental tem uma componente biológica, anatómica ou fisiológica que se manifesta até aos 18 anos.<br />Sociológica / social<br />Comporta-mentalista<br />
  7. 7. Quanto ao grau de deficiência, existem também 5 categorias distintas, todas elas medidas através da corrente psicométrica (QI):<br />20 – 35<br />Nível de autonomia, social e pessoal, muito baixo<br />Inferior a 20<br />Graves problemas sensório-motores e de comunicação com o meio<br />36 – 51<br />Dificuldade na compreensão das normas sociais<br />52 – 67<br />Défices no comportamento adaptativo<br />68 – 85<br />Muitas potencialidades intelectuais<br />
  8. 8. As causas são diversas e, podem acontecer desde o período em que o indivíduo ainda é um feto, até ao dia de hoje.<br />
  9. 9. Ana Silva Ana Ferreira Bruno Duarte Pedro Terroso Valter Marques<br />Deficiência Mental<br />Curso Tecnológico de Desporto<br />

×