PAULO REGLUS NEVES FREIRE
Acadêmicas: Andréia de Brito
Andressa Dresch
Jéssica Silva
Tatiana Souza
Paulo Freire nasceu no dia 19 de setembro de 1921, em
Recife (PE).
Foi alfabetizado pela sua mãe, no quintal de sua casa...
Juventude e Universidade
 Com a crise de 1929, a família de Paulo Freire, mudou-se para
uma cidadezinha chamada Jaboatão ...
 Aos 22 anos, entra para a faculdade de direito, pois na época era sua
única alternativa na área de ciências humanas.
 C...
 Em 1959, doutorou-se em Filosofia e Historia da Educação.
 Sua tese era: “EDUCAÇÃO E ATUALIDADE BRASILEIRA”
 Por mais de 15 anos, entre 1950 e 1960, dedicou-se ás experiências no campo
da educação de adultos em áreas urbanas e ru...
 Antes de ser mandando para o EXILIO, o seu método educacional ficou mais
reconhecido.
 Criado no Centro de Cultura Dona...
O Exilio
 Em setembro de 1964, Paulo Freire partiu para a Bolívia levando a experiência para
com alfabetização de adultos...
 Entre 1975 e 1980, Freire trabalhou também em São Tomé e Príncipe, Cabo Verde
e Angola, ajudando o governo e seus povos ...
“ Reaprendendo o Brasil ”
“Dezesseis anos de ausência exigem uma aprendizagem e uma maior intimidade
com o Brasil de hoje....
 Em junho de 1980, Paulo Freire retorna ao Brasil, com desejo de
reassumir as funções na universidade de Pernambuco.
 Ac...
 Em parcerias com os movimentos populares, Paulo Freire criou o
MOVA-SP Movimento de Alfabetização da cidade de São Paulo...
O METODO PAULO FREIRE
 O “MÉTODO PAULO FREIRE” ESTÁ ESTRUTURADO EM TRÊS
ETAPAS:
 1) Etapa de Investigação: aluno e profe...
MORTE DE PAULO FREIRE
 Cessou de movimentar no dia 2 de maio de 1997. Um infarto silenciou
Paulo Freire aos 75 anos de id...
Paulo reglus neves freire
Paulo reglus neves freire
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Paulo reglus neves freire

144 visualizações

Publicada em

A historia da vida de Paulo Freire

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
144
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Paulo reglus neves freire

  1. 1. PAULO REGLUS NEVES FREIRE Acadêmicas: Andréia de Brito Andressa Dresch Jéssica Silva Tatiana Souza
  2. 2. Paulo Freire nasceu no dia 19 de setembro de 1921, em Recife (PE). Foi alfabetizado pela sua mãe, no quintal de sua casa. Aos 6 anos entra para escola particular da sua primeira professora Eunice Vasconcelos. Criando uma amizade que se prolongou por muitos anos, inclusive durante o exilio. Infância
  3. 3. Juventude e Universidade  Com a crise de 1929, a família de Paulo Freire, mudou-se para uma cidadezinha chamada Jaboatão dos Guararapes, á 18 km de Recife.  Aos 13 anos seu pai morre e a sua mãe começa a sustentar a casa sozinha, passando por muitas dificuldades financeiras.  Nessa época começou a se socializar com a camada mais pobre da cidade, e com isso descobriu uma nova forma diferente de pensar e de se expressar. Mais tarde essa mesma forma, seria utilizada por ele como educador.
  4. 4.  Aos 22 anos, entra para a faculdade de direito, pois na época era sua única alternativa na área de ciências humanas.  Casou-se com uma educadora, Elza Maia Costa Oliveira, e teve 5 filhos.  O colégio Oswaldo Cruz que o acolheu como bolsista na adolescência, contratou-o como professor de língua portuguesa.  Em 1947, Paulo Freire assumiu o cargo de Diretor do Setor de Educação do SESI, de Recife.  Sua primeira experiência como professor universitário, foi na Escola de Serviço Social, lecionando Filosofia da Educação.
  5. 5.  Em 1959, doutorou-se em Filosofia e Historia da Educação.  Sua tese era: “EDUCAÇÃO E ATUALIDADE BRASILEIRA”
  6. 6.  Por mais de 15 anos, entre 1950 e 1960, dedicou-se ás experiências no campo da educação de adultos em áreas urbanas e rurais, em Pernambuco.  Seu método de alfabetização nasceu dentro do MCP – Movimento de Cultura Popular, com a campanha chamada “ DE PÉ NO CHÃO TAMBÉM SE APRENDE A LER”.  Freire, acreditava que a educação tem um papel imprescindível no processo de conscientização e nos movimentos de massa.  Para ele educador e o educando se movimentam no mesmo cenário, tendo uma relação em que a liberdade do educando não é proibida de exercer-se.  Na sua concepção, a educação é um momento de processo de humanização, um ato politico de conhecimento e de criação.
  7. 7.  Antes de ser mandando para o EXILIO, o seu método educacional ficou mais reconhecido.  Criado no Centro de Cultura Dona Alegarinha, “ POVO APRENDE A LER, DEBATENDO PROBLEMAS” , foi um método que Paulo Freire trabalhou discutindo problemas cotidianos de uma forma sistemática, o que viria a ser chamado de método de alfabetização.  Com os seus dois métodos de ensino, “ DE PÉ NO CHÃO TAMBÉM SE APRENDE A LER” e “POVO APRENDE A LER, DEBATENDO PROBLEMAS, Paulo Freire juntamente com alguns governadores pretendiam alfabetizar 5 milhões de adultos em mais de 20 mil círculos de cultura.  Mas, com a Ditadura Militar , Paulo Freire foi preso por duas vezes e então exilado.  Em setembro de 1964, o único país que aceitou-o como refugiado politico foi a Bolívia.
  8. 8. O Exilio  Em setembro de 1964, Paulo Freire partiu para a Bolívia levando a experiência para com alfabetização de adultos, de grande alcance social, tendo reconhecimento e respeito por parte dos governos, educadores e intelectuais de todo o MUNDO.  Sua passagem pela Bolívia foi rápida, devido a vários fatores.  Em novembro de 1964, foi para o Chile, ficando lá até abril de 1969.  Até então foi convidado para ir lecionar nos ESTADOS UNIDOS e também atuar no Conselho Mundial das Igrejas.  Neste período escreveu dois de seus livros mais conhecidos: Educação como Pratica da Liberdade; Pedagogia do Oprimido;
  9. 9.  Entre 1975 e 1980, Freire trabalhou também em São Tomé e Príncipe, Cabo Verde e Angola, ajudando o governo e seus povos a construírem suas nações recém libertadas do julgo português, através de um trabalho de educação popular.  Andou por muitos países dos continentes, Africano, Asiático, Europeu, Americano e da Oceania, exercendo atividades politicas educativas.
  10. 10. “ Reaprendendo o Brasil ” “Dezesseis anos de ausência exigem uma aprendizagem e uma maior intimidade com o Brasil de hoje. Vim para reaprender o Brasil.” (Paulo Freire, ainda no aeroporto, quando do seu retorno ao Brasil. In Paulo Freire: uma biobibliogfrafia.)
  11. 11.  Em junho de 1980, Paulo Freire retorna ao Brasil, com desejo de reassumir as funções na universidade de Pernambuco.  Aceitou o convite para lecionar na faculdade de Educação da UNICAMP-Campinas.  Participou da Fundação do Vereda Centro de Estudos em Educação, cujo era desenvolver pesquisas, prestar assessória e atuar na formação de professores, dedicados a pratica da educação popular.  Com a chegada ao poder do partido dos trabalhadores que ajudou a fundar, ele assumi o cargo de secretario da educação da cidade de São Paulo.
  12. 12.  Em parcerias com os movimentos populares, Paulo Freire criou o MOVA-SP Movimento de Alfabetização da cidade de São Paulo, destinados a jovens de adultos.  A partir de 1987, tornou se um dos membros do júri internacional da UNESCO.  No dia 22 de maio de 1991 Freire se afasta do cargo de secretario, mais continua ativo como colaborador.
  13. 13. O METODO PAULO FREIRE  O “MÉTODO PAULO FREIRE” ESTÁ ESTRUTURADO EM TRÊS ETAPAS:  1) Etapa de Investigação: aluno e professor buscam, no universo vocabular do aluno e da sociedade onde ele vive, as palavras e temas centrais de sua biografia.  2) Etapa de Tematização: aqui eles codificam e decodificam esses temas, buscando o seu significado social, tomando assim consciência do mundo vivido.  3) Etapa de Problematização: aluno e professor buscam superar uma primeira visão mágica por uma visão crítica do mundo, partindo para a transformação do contexto vivido.
  14. 14. MORTE DE PAULO FREIRE  Cessou de movimentar no dia 2 de maio de 1997. Um infarto silenciou Paulo Freire aos 75 anos de idade, mas não encerrou sua obra.  Ele deixou um legado de imensa contribuição para a educação, com reflexos em áreas como a filosofia, a arte, a física, a matemática, a geografia, a história, a literatura, entre outras.  Será para sempre um mestre, um expressivo homem de todos os tempos.

×