NESTE ARQUIVO HÁ UMA SEQUÊNCIA DE FOTOS E IMAGENS.
A IDÉIA É QUE VOCÊ OLHE CADA UMA DAS FOTOS OU IMAGENS
QUE SE SEGUEM E T...
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Saudades do passado.
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Saudades do passado.

1.163 visualizações

Publicada em

188 imagens de produtos ou coisas que não existem mais e que faziam e fizeram parte da vida de muita gente nas décadas de 1960 a 1980. Não sei quem é o autor deste Power Point que recebi em dezembro de 2012. É bom para relembrar e matar saudades do passado.

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.163
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Saudades do passado.

  1. 1. NESTE ARQUIVO HÁ UMA SEQUÊNCIA DE FOTOS E IMAGENS. A IDÉIA É QUE VOCÊ OLHE CADA UMA DAS FOTOS OU IMAGENS QUE SE SEGUEM E TENTE MENTALMENTE LEMBRAR O QUE É OU QUE NOME TEM OU SE TRAZ ALGUMA LEMBRANÇA. SÃO MUITAS FOTOS E IMAGENS. SE VOCÊ LEMBRAR DE ALGUMA COISA AO VÊ-LAS, LEMBRAR NOMES OU O QUE É, PARABÉNS. VOCÊ CHEGOU A UMA IDADE BACANA E TEM BOA MEMÓRIA. ISTO É BOM SINAL. SE TIVER INTERESSE, SIGA VENDO AS FOTOS E IMAGENS E FAÇA UMA “BOA VIAGEM”.

×