SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 11
Baixar para ler offline
Integra o Sistema Indústria juntamente
com CNI, SESI, SENAI e Federações
Possui mais de 44 anos de atuação em
todo o território Brasileiro
Tem o compromisso com o aumento da
competitividade da indústria brasileira
Atua na Gestão Empresarial e Educação
Promove a interação entre a indústria
e os centros de conhecimento
INSTITUTO EUVALDO LODI
IEL
ONDE ESTÃO
Alocação dos Pesquisadores por setor - 2009 e 2010 (%)
NOSSOS RECURSOS HUMANOS PARA INOVAÇÃO
0%
100%
Empresas Governo Academia Setor privado não lucrativo
Programa que visa ampliar o número de
profissionais qualificados em atividades de
inovação no setor empresarial brasileiro
OBJETIVOS
Desenvolver projetos de inovação nas
empresas e institutos privados de PD&I
Qualificar profissionais para a execução de projetos
de inovação no ambiente empresarial
Estudantes no
último ano da
graduação ou
com até 3 anos
como formados
e mestrandos
Empresas e
institutos de PD&I
privados que
possuem projetos
de inovação
PÚBLICO ALVO
REQUISITOS
PARA ADESÃO
Estar constituído legalmente como
empresa ou instituto de PD&I privado
Ter Projeto de Inovação
Dispor de Contrapartida de R$ 3.000
(opcional) para revisão do projeto, e R$
20.000,00 para implementação e
acompanhamento do bolsista e projeto
Submeter Projeto a ser aprovado
Indicar um colaborador da empresa
para a tutoria do profissional selecionado
PASSOS
Mobilização e adesão
das empresas e institutos
de PD&I privados
Recrutamento e Seleção
dos profissionais para os
Projetos de Inovação
Integração e
Capacitação
dos tutores
Validação e Execução
do Plano de Trabalho
do Projeto de PD&I
Acompanhamento
do Plano de Trabalho
(profissionais e tutores)
Reconhecimento
e premiação dos
profissionais e tutores
Integração
dos profissionais/
bolsistas
Capacitação
dos profissionais/
bolsistas
DO PROGRAMA
10Análise e divulgação
de resultados da
Chamada CNPq/IEL
Elaboração e submissão
dos Projetos de Inovação
Chamada CNPq/IEL
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
PASSO A PASSO
Capacitação
dos Profissionais
DO PROGRAMA
Desenvolver competências comportamentais,
gerenciais e técnicas para a realidade
empresarial e aplicar esse conhecimento
adquirido na empresa
Inovação e Criatividade
Empreendedorismo
Competência Emocional
Gestão de Carreira
Liderança
Gestão Financeira
Gestão de Projetos
Negociação
Bolsas de Fomento
Tecnológico e
Extensão Inovadora
R$ 3.000,00 (três mil reais) – para profissionais com
titulação de mestrado (com, no máximo, 3 (três)
anos de titulação na graduação)
R$ 2.500,00 (dois mil e quinhentos reais) – para
profissionais com titulação de bacharelado
(com, no máximo, 3 (três) anos de titulação na
graduação)
R$ 1.500,00 (mil e quinhentos reais) – para
graduandos em formação de nível superior,
cursando o último ano e regularmente
matriculados
CRONOGRAMA
Site :: inovatalentos.com.br
Último dia para submissão :: 13/06
Avaliação dos projetos :: 16/06 à 11/07/2014
Divulgação dos resultados :: 14/07/2014
CONTATOS
www.inovatalentos.com.br
E-mail: inovatalentos@ielsc.org.br
Fone: 48 3332-3063

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

AssociaçãO Brasileira De EducaçãO Corporativa
AssociaçãO Brasileira De EducaçãO CorporativaAssociaçãO Brasileira De EducaçãO Corporativa
AssociaçãO Brasileira De EducaçãO Corporativakrikacz
 
Caseeducacao Corporativa Datasul 2006
Caseeducacao Corporativa  Datasul 2006Caseeducacao Corporativa  Datasul 2006
Caseeducacao Corporativa Datasul 2006krikacz
 
Apresentação EPEC 2011
Apresentação EPEC 2011Apresentação EPEC 2011
Apresentação EPEC 2011jdores
 
123010 Presentacion Grado Master Portugues
123010 Presentacion Grado Master Portugues123010 Presentacion Grado Master Portugues
123010 Presentacion Grado Master PortuguesJESUS0254
 
Fatima galvão
Fatima galvãoFatima galvão
Fatima galvãofatimaprof
 
Proposta de parceria
Proposta de parceriaProposta de parceria
Proposta de parceria123cide456
 
Vivo - Programa Trainee 2011
Vivo - Programa Trainee 2011Vivo - Programa Trainee 2011
Vivo - Programa Trainee 2011MonkeyBusiness
 
Estágio i o que é estágio
Estágio i   o que é estágioEstágio i   o que é estágio
Estágio i o que é estágioCleia Printes
 
C:\Fakepath\A Educação Profissional, A Ead E As Universidades Corporativas
C:\Fakepath\A Educação Profissional, A Ead E As Universidades CorporativasC:\Fakepath\A Educação Profissional, A Ead E As Universidades Corporativas
C:\Fakepath\A Educação Profissional, A Ead E As Universidades CorporativasJeanOliveira
 
UNIVERSIDADE CORPORATIVA - ASPECTOS A CONSIDERAR
UNIVERSIDADE CORPORATIVA - ASPECTOS A CONSIDERARUNIVERSIDADE CORPORATIVA - ASPECTOS A CONSIDERAR
UNIVERSIDADE CORPORATIVA - ASPECTOS A CONSIDERARINSTITUTO MVC
 
Amcham suape qualif-m_obracomofatorvitaldecompet-080710
Amcham suape qualif-m_obracomofatorvitaldecompet-080710Amcham suape qualif-m_obracomofatorvitaldecompet-080710
Amcham suape qualif-m_obracomofatorvitaldecompet-080710pontodepauta.com.br
 
ApresentaçãO Congresso Oh! Minas Gerais
ApresentaçãO Congresso Oh! Minas GeraisApresentaçãO Congresso Oh! Minas Gerais
ApresentaçãO Congresso Oh! Minas GeraisRicardo Campos
 
Certificação em Coaching ACSTH- Fev15
Certificação em Coaching ACSTH- Fev15Certificação em Coaching ACSTH- Fev15
Certificação em Coaching ACSTH- Fev15Ana Pinto Coelho
 
Trainee: Perfil e Pré-requisitos
Trainee: Perfil e Pré-requisitosTrainee: Perfil e Pré-requisitos
Trainee: Perfil e Pré-requisitosVida de Trainee
 
RECIFE-GP14-LISARB-GRUPO6
RECIFE-GP14-LISARB-GRUPO6RECIFE-GP14-LISARB-GRUPO6
RECIFE-GP14-LISARB-GRUPO6Marco Coghi
 

Mais procurados (20)

AssociaçãO Brasileira De EducaçãO Corporativa
AssociaçãO Brasileira De EducaçãO CorporativaAssociaçãO Brasileira De EducaçãO Corporativa
AssociaçãO Brasileira De EducaçãO Corporativa
 
Artigo Expresso
Artigo ExpressoArtigo Expresso
Artigo Expresso
 
Caseeducacao Corporativa Datasul 2006
Caseeducacao Corporativa  Datasul 2006Caseeducacao Corporativa  Datasul 2006
Caseeducacao Corporativa Datasul 2006
 
Apresentação EPEC 2011
Apresentação EPEC 2011Apresentação EPEC 2011
Apresentação EPEC 2011
 
AGEAS.PDF
AGEAS.PDFAGEAS.PDF
AGEAS.PDF
 
123010 Presentacion Grado Master Portugues
123010 Presentacion Grado Master Portugues123010 Presentacion Grado Master Portugues
123010 Presentacion Grado Master Portugues
 
Fatima galvão
Fatima galvãoFatima galvão
Fatima galvão
 
Proposta de parceria
Proposta de parceriaProposta de parceria
Proposta de parceria
 
Vivo - Programa Trainee 2011
Vivo - Programa Trainee 2011Vivo - Programa Trainee 2011
Vivo - Programa Trainee 2011
 
Estágio i o que é estágio
Estágio i   o que é estágioEstágio i   o que é estágio
Estágio i o que é estágio
 
C:\Fakepath\A Educação Profissional, A Ead E As Universidades Corporativas
C:\Fakepath\A Educação Profissional, A Ead E As Universidades CorporativasC:\Fakepath\A Educação Profissional, A Ead E As Universidades Corporativas
C:\Fakepath\A Educação Profissional, A Ead E As Universidades Corporativas
 
UNIVERSIDADE CORPORATIVA - ASPECTOS A CONSIDERAR
UNIVERSIDADE CORPORATIVA - ASPECTOS A CONSIDERARUNIVERSIDADE CORPORATIVA - ASPECTOS A CONSIDERAR
UNIVERSIDADE CORPORATIVA - ASPECTOS A CONSIDERAR
 
Amcham suape qualif-m_obracomofatorvitaldecompet-080710
Amcham suape qualif-m_obracomofatorvitaldecompet-080710Amcham suape qualif-m_obracomofatorvitaldecompet-080710
Amcham suape qualif-m_obracomofatorvitaldecompet-080710
 
Portifólio iLCP
Portifólio iLCPPortifólio iLCP
Portifólio iLCP
 
Institucional TDC
Institucional TDCInstitucional TDC
Institucional TDC
 
ApresentaçãO Congresso Oh! Minas Gerais
ApresentaçãO Congresso Oh! Minas GeraisApresentaçãO Congresso Oh! Minas Gerais
ApresentaçãO Congresso Oh! Minas Gerais
 
Certificação em Coaching ACSTH- Fev15
Certificação em Coaching ACSTH- Fev15Certificação em Coaching ACSTH- Fev15
Certificação em Coaching ACSTH- Fev15
 
Trainee: Perfil e Pré-requisitos
Trainee: Perfil e Pré-requisitosTrainee: Perfil e Pré-requisitos
Trainee: Perfil e Pré-requisitos
 
Curso coaching cieo junho
Curso coaching cieo junhoCurso coaching cieo junho
Curso coaching cieo junho
 
RECIFE-GP14-LISARB-GRUPO6
RECIFE-GP14-LISARB-GRUPO6RECIFE-GP14-LISARB-GRUPO6
RECIFE-GP14-LISARB-GRUPO6
 

Destaque

Destaque (10)

Como a linguagem corporal pode me ajudar em uma entrevista de emprego?
Como a linguagem corporal pode me ajudar em uma entrevista de emprego?Como a linguagem corporal pode me ajudar em uma entrevista de emprego?
Como a linguagem corporal pode me ajudar em uma entrevista de emprego?
 
Mindthesec Forum 2015 - Hacking Não Verbal
Mindthesec Forum 2015 - Hacking Não VerbalMindthesec Forum 2015 - Hacking Não Verbal
Mindthesec Forum 2015 - Hacking Não Verbal
 
10 dicas antes de se formalizar como microempreendedor individual
10 dicas antes de se formalizar como microempreendedor individual10 dicas antes de se formalizar como microempreendedor individual
10 dicas antes de se formalizar como microempreendedor individual
 
INSTRUÇÕES PROVISÓRIAS O CAÇADOR IP 21-2
INSTRUÇÕES PROVISÓRIAS O CAÇADOR IP 21-2INSTRUÇÕES PROVISÓRIAS O CAÇADOR IP 21-2
INSTRUÇÕES PROVISÓRIAS O CAÇADOR IP 21-2
 
Como despertar Atração
Como despertar AtraçãoComo despertar Atração
Como despertar Atração
 
Guia do aluno comanf 2012
Guia do aluno comanf 2012Guia do aluno comanf 2012
Guia do aluno comanf 2012
 
Manual de combate urbano infanteria de marina(3)
Manual de combate urbano infanteria de marina(3)Manual de combate urbano infanteria de marina(3)
Manual de combate urbano infanteria de marina(3)
 
PersuasãO Pnl E Hipnose Aplicadas à SeduçãO
PersuasãO   Pnl E Hipnose Aplicadas à SeduçãOPersuasãO   Pnl E Hipnose Aplicadas à SeduçãO
PersuasãO Pnl E Hipnose Aplicadas à SeduçãO
 
(Aula 07) Linguagem Corporal
(Aula 07) Linguagem Corporal(Aula 07) Linguagem Corporal
(Aula 07) Linguagem Corporal
 
10 dicas de linguagem corporal
10 dicas de linguagem corporal10 dicas de linguagem corporal
10 dicas de linguagem corporal
 

Semelhante a Programa de Bolsas CNPq/IEL

Apresentação soluções corporativas
Apresentação soluções corporativas Apresentação soluções corporativas
Apresentação soluções corporativas Vicente Willians Nunes
 
Emprenova Briefing
Emprenova BriefingEmprenova Briefing
Emprenova Briefingminasinvest
 
Apresentação edital de incubação do programa de empreendedorismo Senai Bahia
Apresentação edital de incubação do programa de empreendedorismo Senai BahiaApresentação edital de incubação do programa de empreendedorismo Senai Bahia
Apresentação edital de incubação do programa de empreendedorismo Senai BahiaLaboratorium
 
Empreendedorismo Tecnologico, Como Identificar E Aproveitar As Oportunidades
Empreendedorismo Tecnologico, Como Identificar E Aproveitar As OportunidadesEmpreendedorismo Tecnologico, Como Identificar E Aproveitar As Oportunidades
Empreendedorismo Tecnologico, Como Identificar E Aproveitar As OportunidadesMillor Machado
 
Apresentação Programa cultura empreendedora nas instituições de ensino modulo...
Apresentação Programa cultura empreendedora nas instituições de ensino modulo...Apresentação Programa cultura empreendedora nas instituições de ensino modulo...
Apresentação Programa cultura empreendedora nas instituições de ensino modulo...Conspiração Mineira pela Educação
 
Interação Universidade-Empresa em Projetos de Inovação Tecnológica
Interação Universidade-Empresa em Projetos de Inovação TecnológicaInteração Universidade-Empresa em Projetos de Inovação Tecnológica
Interação Universidade-Empresa em Projetos de Inovação TecnológicaPortal Inovação UFMS
 
[Professores] Sinergia entre Universidades e o Digital Innovation One
[Professores] Sinergia entre Universidades e o Digital Innovation One[Professores] Sinergia entre Universidades e o Digital Innovation One
[Professores] Sinergia entre Universidades e o Digital Innovation OneIgla Generoso
 
PAF O meu projecto de final de curso
PAF O meu projecto de final de cursoPAF O meu projecto de final de curso
PAF O meu projecto de final de cursofrancisco quiss
 
Prof. Perussi - Aula Inaugural
Prof. Perussi - Aula InauguralProf. Perussi - Aula Inaugural
Prof. Perussi - Aula Inauguralauspin
 
Apresentação curso Empreendedorismo
Apresentação curso EmpreendedorismoApresentação curso Empreendedorismo
Apresentação curso EmpreendedorismoJessica Oliveira
 
Sumário Executivo CSC: Católica Students Corporation (2008)
Sumário Executivo CSC: Católica Students Corporation (2008)Sumário Executivo CSC: Católica Students Corporation (2008)
Sumário Executivo CSC: Católica Students Corporation (2008)Tiago Teixeira Correia
 
Webinar Incubadora e Agênciia de Inovação Unifacs
Webinar Incubadora e Agênciia de Inovação UnifacsWebinar Incubadora e Agênciia de Inovação Unifacs
Webinar Incubadora e Agênciia de Inovação UnifacsMarcelo Dultra
 

Semelhante a Programa de Bolsas CNPq/IEL (20)

Apresentação soluções corporativas
Apresentação soluções corporativas Apresentação soluções corporativas
Apresentação soluções corporativas
 
Emprenova Briefing
Emprenova BriefingEmprenova Briefing
Emprenova Briefing
 
Apresentação edital de incubação do programa de empreendedorismo Senai Bahia
Apresentação edital de incubação do programa de empreendedorismo Senai BahiaApresentação edital de incubação do programa de empreendedorismo Senai Bahia
Apresentação edital de incubação do programa de empreendedorismo Senai Bahia
 
Referencial de formação
Referencial de formaçãoReferencial de formação
Referencial de formação
 
Referencial de formação
Referencial de formaçãoReferencial de formação
Referencial de formação
 
Empreendedorismo Tecnologico, Como Identificar E Aproveitar As Oportunidades
Empreendedorismo Tecnologico, Como Identificar E Aproveitar As OportunidadesEmpreendedorismo Tecnologico, Como Identificar E Aproveitar As Oportunidades
Empreendedorismo Tecnologico, Como Identificar E Aproveitar As Oportunidades
 
Apresentação Programa cultura empreendedora nas instituições de ensino modulo...
Apresentação Programa cultura empreendedora nas instituições de ensino modulo...Apresentação Programa cultura empreendedora nas instituições de ensino modulo...
Apresentação Programa cultura empreendedora nas instituições de ensino modulo...
 
Interação Universidade-Empresa em Projetos de Inovação Tecnológica
Interação Universidade-Empresa em Projetos de Inovação TecnológicaInteração Universidade-Empresa em Projetos de Inovação Tecnológica
Interação Universidade-Empresa em Projetos de Inovação Tecnológica
 
[Professores] Sinergia entre Universidades e o Digital Innovation One
[Professores] Sinergia entre Universidades e o Digital Innovation One[Professores] Sinergia entre Universidades e o Digital Innovation One
[Professores] Sinergia entre Universidades e o Digital Innovation One
 
PAF O meu projecto de final de curso
PAF O meu projecto de final de cursoPAF O meu projecto de final de curso
PAF O meu projecto de final de curso
 
Escola de Negocios UP
Escola de Negocios UPEscola de Negocios UP
Escola de Negocios UP
 
Escola de Negocios
Escola de NegociosEscola de Negocios
Escola de Negocios
 
Prof. Perussi - Aula Inaugural
Prof. Perussi - Aula InauguralProf. Perussi - Aula Inaugural
Prof. Perussi - Aula Inaugural
 
Apresentação curso Empreendedorismo
Apresentação curso EmpreendedorismoApresentação curso Empreendedorismo
Apresentação curso Empreendedorismo
 
Sumário Executivo CSC: Católica Students Corporation (2008)
Sumário Executivo CSC: Católica Students Corporation (2008)Sumário Executivo CSC: Católica Students Corporation (2008)
Sumário Executivo CSC: Católica Students Corporation (2008)
 
Webinar Incubadora e Agênciia de Inovação Unifacs
Webinar Incubadora e Agênciia de Inovação UnifacsWebinar Incubadora e Agênciia de Inovação Unifacs
Webinar Incubadora e Agênciia de Inovação Unifacs
 
Polo 2012 final
Polo 2012 finalPolo 2012 final
Polo 2012 final
 
Cietec
CietecCietec
Cietec
 
Projeto R S E
Projeto  R S E   Projeto  R S E
Projeto R S E
 
Ciesp
Ciesp Ciesp
Ciesp
 

Mais de Secretaria do Desenvolvimento Econômico Sustentável de SC

Mais de Secretaria do Desenvolvimento Econômico Sustentável de SC (20)

Glossário do empreendedor
Glossário do empreendedorGlossário do empreendedor
Glossário do empreendedor
 
5 Razões para se inscrever no Geração TEC
5 Razões para se inscrever no Geração TEC5 Razões para se inscrever no Geração TEC
5 Razões para se inscrever no Geração TEC
 
Guia do Microempreendedor Individual
Guia do Microempreendedor IndividualGuia do Microempreendedor Individual
Guia do Microempreendedor Individual
 
Programa Catarinense de Inovação
Programa Catarinense de InovaçãoPrograma Catarinense de Inovação
Programa Catarinense de Inovação
 
Polos Industriais em números
Polos Industriais em númerosPolos Industriais em números
Polos Industriais em números
 
Geração TEC em números
Geração TEC em números Geração TEC em números
Geração TEC em números
 
Juro Zero em números
Juro Zero em númerosJuro Zero em números
Juro Zero em números
 
Sinapse da Inovação
Sinapse da InovaçãoSinapse da Inovação
Sinapse da Inovação
 
Inventário de Emissões de Gases do Efeito Estufa do Governo de Santa Catarina
Inventário de Emissões de Gases do Efeito Estufa do Governo de Santa CatarinaInventário de Emissões de Gases do Efeito Estufa do Governo de Santa Catarina
Inventário de Emissões de Gases do Efeito Estufa do Governo de Santa Catarina
 
BMW em Santa Catarina
BMW em Santa CatarinaBMW em Santa Catarina
BMW em Santa Catarina
 
Centros de inovação
Centros de inovaçãoCentros de inovação
Centros de inovação
 
Balanço do Juro Zero / Dados até 31/01/2013
Balanço do Juro Zero / Dados até 31/01/2013Balanço do Juro Zero / Dados até 31/01/2013
Balanço do Juro Zero / Dados até 31/01/2013
 
Rede de Governos Regionais para o Desenvolvimento Sustentável
Rede de Governos Regionais para o Desenvolvimento SustentávelRede de Governos Regionais para o Desenvolvimento Sustentável
Rede de Governos Regionais para o Desenvolvimento Sustentável
 
Rio+20 - Visão Geral e Perspectivas
Rio+20 - Visão Geral e PerspectivasRio+20 - Visão Geral e Perspectivas
Rio+20 - Visão Geral e Perspectivas
 
Santa Catarina Terra Sustentável
Santa Catarina Terra SustentávelSanta Catarina Terra Sustentável
Santa Catarina Terra Sustentável
 
Santa Catarina: Terra Sustentável
Santa Catarina: Terra SustentávelSanta Catarina: Terra Sustentável
Santa Catarina: Terra Sustentável
 
Por que Santa Catarina participará da Rio+20?
Por que Santa Catarina participará da Rio+20?Por que Santa Catarina participará da Rio+20?
Por que Santa Catarina participará da Rio+20?
 
O que é a Rio+20
O que é a Rio+20O que é a Rio+20
O que é a Rio+20
 
Cecop
CecopCecop
Cecop
 
Fatma
FatmaFatma
Fatma
 

Último

655444444444444444444444444444444265.pdf
655444444444444444444444444444444265.pdf655444444444444444444444444444444265.pdf
655444444444444444444444444444444265.pdfLEANDROSPANHOL1
 
O OCIDENTAL E O ABSOLUTISMO OS INDIGENAS E OS DEUSES DA POLINESIA E DA FILIPI...
O OCIDENTAL E O ABSOLUTISMO OS INDIGENAS E OS DEUSES DA POLINESIA E DA FILIPI...O OCIDENTAL E O ABSOLUTISMO OS INDIGENAS E OS DEUSES DA POLINESIA E DA FILIPI...
O OCIDENTAL E O ABSOLUTISMO OS INDIGENAS E OS DEUSES DA POLINESIA E DA FILIPI...ignaciosilva517
 
Resolução Forças Armadas - direitos Humanos e 1964.pdf
Resolução Forças Armadas - direitos Humanos e 1964.pdfResolução Forças Armadas - direitos Humanos e 1964.pdf
Resolução Forças Armadas - direitos Humanos e 1964.pdfRevista Sociedade Militar
 
10 Ideias de Propostas de plano de governo para Candidatos a Prefeito
10 Ideias de Propostas de plano de governo para Candidatos a Prefeito10 Ideias de Propostas de plano de governo para Candidatos a Prefeito
10 Ideias de Propostas de plano de governo para Candidatos a PrefeitoRogério Augusto Ayres de Araujo
 
Normas planejamento familiar exercito 2024.pdf
Normas planejamento familiar exercito 2024.pdfNormas planejamento familiar exercito 2024.pdf
Normas planejamento familiar exercito 2024.pdfRevista Sociedade Militar
 

Último (6)

655444444444444444444444444444444265.pdf
655444444444444444444444444444444265.pdf655444444444444444444444444444444265.pdf
655444444444444444444444444444444265.pdf
 
CALDAS Marinha DEFESA apresentada ao STF
CALDAS Marinha DEFESA apresentada ao STFCALDAS Marinha DEFESA apresentada ao STF
CALDAS Marinha DEFESA apresentada ao STF
 
O OCIDENTAL E O ABSOLUTISMO OS INDIGENAS E OS DEUSES DA POLINESIA E DA FILIPI...
O OCIDENTAL E O ABSOLUTISMO OS INDIGENAS E OS DEUSES DA POLINESIA E DA FILIPI...O OCIDENTAL E O ABSOLUTISMO OS INDIGENAS E OS DEUSES DA POLINESIA E DA FILIPI...
O OCIDENTAL E O ABSOLUTISMO OS INDIGENAS E OS DEUSES DA POLINESIA E DA FILIPI...
 
Resolução Forças Armadas - direitos Humanos e 1964.pdf
Resolução Forças Armadas - direitos Humanos e 1964.pdfResolução Forças Armadas - direitos Humanos e 1964.pdf
Resolução Forças Armadas - direitos Humanos e 1964.pdf
 
10 Ideias de Propostas de plano de governo para Candidatos a Prefeito
10 Ideias de Propostas de plano de governo para Candidatos a Prefeito10 Ideias de Propostas de plano de governo para Candidatos a Prefeito
10 Ideias de Propostas de plano de governo para Candidatos a Prefeito
 
Normas planejamento familiar exercito 2024.pdf
Normas planejamento familiar exercito 2024.pdfNormas planejamento familiar exercito 2024.pdf
Normas planejamento familiar exercito 2024.pdf
 

Programa de Bolsas CNPq/IEL

  • 1.
  • 2. Integra o Sistema Indústria juntamente com CNI, SESI, SENAI e Federações Possui mais de 44 anos de atuação em todo o território Brasileiro Tem o compromisso com o aumento da competitividade da indústria brasileira Atua na Gestão Empresarial e Educação Promove a interação entre a indústria e os centros de conhecimento INSTITUTO EUVALDO LODI IEL
  • 3. ONDE ESTÃO Alocação dos Pesquisadores por setor - 2009 e 2010 (%) NOSSOS RECURSOS HUMANOS PARA INOVAÇÃO 0% 100% Empresas Governo Academia Setor privado não lucrativo
  • 4. Programa que visa ampliar o número de profissionais qualificados em atividades de inovação no setor empresarial brasileiro
  • 5. OBJETIVOS Desenvolver projetos de inovação nas empresas e institutos privados de PD&I Qualificar profissionais para a execução de projetos de inovação no ambiente empresarial Estudantes no último ano da graduação ou com até 3 anos como formados e mestrandos Empresas e institutos de PD&I privados que possuem projetos de inovação PÚBLICO ALVO
  • 6. REQUISITOS PARA ADESÃO Estar constituído legalmente como empresa ou instituto de PD&I privado Ter Projeto de Inovação Dispor de Contrapartida de R$ 3.000 (opcional) para revisão do projeto, e R$ 20.000,00 para implementação e acompanhamento do bolsista e projeto Submeter Projeto a ser aprovado Indicar um colaborador da empresa para a tutoria do profissional selecionado
  • 7. PASSOS Mobilização e adesão das empresas e institutos de PD&I privados Recrutamento e Seleção dos profissionais para os Projetos de Inovação Integração e Capacitação dos tutores Validação e Execução do Plano de Trabalho do Projeto de PD&I Acompanhamento do Plano de Trabalho (profissionais e tutores) Reconhecimento e premiação dos profissionais e tutores Integração dos profissionais/ bolsistas Capacitação dos profissionais/ bolsistas DO PROGRAMA 10Análise e divulgação de resultados da Chamada CNPq/IEL Elaboração e submissão dos Projetos de Inovação Chamada CNPq/IEL 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10
  • 8. PASSO A PASSO Capacitação dos Profissionais DO PROGRAMA Desenvolver competências comportamentais, gerenciais e técnicas para a realidade empresarial e aplicar esse conhecimento adquirido na empresa Inovação e Criatividade Empreendedorismo Competência Emocional Gestão de Carreira Liderança Gestão Financeira Gestão de Projetos Negociação
  • 9. Bolsas de Fomento Tecnológico e Extensão Inovadora R$ 3.000,00 (três mil reais) – para profissionais com titulação de mestrado (com, no máximo, 3 (três) anos de titulação na graduação) R$ 2.500,00 (dois mil e quinhentos reais) – para profissionais com titulação de bacharelado (com, no máximo, 3 (três) anos de titulação na graduação) R$ 1.500,00 (mil e quinhentos reais) – para graduandos em formação de nível superior, cursando o último ano e regularmente matriculados
  • 10. CRONOGRAMA Site :: inovatalentos.com.br Último dia para submissão :: 13/06 Avaliação dos projetos :: 16/06 à 11/07/2014 Divulgação dos resultados :: 14/07/2014