Startup brasil v1 apresentaçao virgilio

26.198 visualizações

Publicada em

material do MCTI, compartilhado para divulgação em matéria no www.startupi.com.br

Publicada em: Notícias e política
3 comentários
11 gostaram
Estatísticas
Notas
  • A Recarbon chegou para revolucionar as vendas diretas na internet.
    Realize seus Sonhos com o nosso sistema simples, fácil, funcional, prático e inovador,
    que proporciona resultados satisfatório a todos. Nós gostaríamos de convidá-lo a conhecer
    nosso plano de bonificação que está expostos no vídeo a baixo.


    Plano A R$ 90,00.Link Cadastro
    Retorno R$ 2.700,00 MENSAL
    http://www.recarbon.com.br/novo.php?id=13106
    É necessário indicar 5 pessoas em 30 dias

    Plano B R$ 540,00
    Retorno 16.200,00 MENSAL
    http://www.recarbon.com.br/cadastro.php?id=13106&plano=2
    Não é necessário indicar ninguém

    Plano C R$ 270,00
    Retorno R$ 8.100,00 MENSAL
    http://www.recarbon.com.br/cadastro.php?id=13106&plano=3
    Não é necessário indicar ninguém

    Plano ABC R$ 900,00
    Retorno R$ 27000,00 Mensal
    http://www.recarbon.com.br/cadastro.php?id=13106&plano=4
    Não é necessário indicar ninguém

    www recarbon com br
    ID: 13106
    skype: recarbon.brasil
    add e saiba muito mais
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • Porque esse povo desabilitou o save?, por que não posso fazer download isso e do governo e de INTERESSE PÚBLICO. Não faz sentido?! Eu quero fazer download, por que não posso, não parece me haver nenhuma explicação plausível para estar desabilitado.
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • queria fazer download para expor na faculdade - tem comow
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
26.198
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
21.476
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
3
Gostaram
11
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Startup brasil v1 apresentaçao virgilio

  1. 1. START-UPBRASILPrograma Nacional de Aceleração deStart-ups de Base Tecnológica1. VISÃO GERAL2. PROCESSO DE SELEÇÃO3. PARCEIROS4. SETUP E OPERAÇÃO
  2. 2. START-UP BRASILPROGRAMA NACIONAL DE ACELERAÇÃO DE STARTUPSPRESENÇA LOCAL E GLOBAL | PROJETOS NACIONAIS E INTERNACIONAIS |FINANCIAMENTO |INFRA-ESTRUTURA | MENTORADO | GESTÃO | VENDAS |ACESSO À INVESTIDORES E À MERCADO | SERVIÇOS DE SUPORTE LEGAL E FINANCEIRO
  3. 3. VISÃO GERAL
  4. 4. INCUBAÇÃO ACELERAÇÃO
  5. 5. START-UP BRASILPROGRAMA DE ACELERAÇÃO DE STARTUPS DE BASE TECNOLÓGICA • FOMENTAR INOVAÇÃO E EMPREENDEDORISMO, POSICIONANDO O BRASIL COMO UM PLAYER GLOBAL NO SETOR DE OBJETIVO TIC COM PRODUTOS E SERVIÇOS DE ALTO VALOR AGREGADO; • POSICIONAR O BRASIL COMO HUB DE INOVAÇÃO NA AMÉRICA LATINA. • ALAVANCAR A ACELERAÇÃO DE, NO MÍNIMO, 40 START-UPS NO PRIMEIRO ANO, SENDO 75% NACIONAIS E 25% META INTERNACIONAIS • COLOCAR NO MERCADO BRASILEIRO E GLOBAL 40 NOVOS PRODUTOS OU SERVIÇOS INOVADORES • EXPANDIR O PROGRAMA GEOGRAFICAMENTE E NO NÚMERO DE START-UPS A PARTIR DO SEGUNDO ANO PÚBLICO EMPRESAS GLOBAIS SELECIONADOS POR PROGRAMAS DE ACELERADORAS PARCEIRAS, COM ATÉ 3 ANOS DE EXISTÊNCIA ALVO APRESENTANDO PROPOSTA INOVADORA NA CRIAÇÃO DE NOVOS PRODUTOS OU SERVIÇOS COM BASE TECNOLÓGICA MODELO CRIAÇÃO E GESTÃO DE UM ECOSSISTEMA DE APOIO À INOVAÇÃO (MENTORES, CONSULTORES, SERVIÇOS DE NEGÓCIOS); OPERAÇÃO APOIO FINANCEIRO PARA OS EMPREENDEDORES INOVADORES SELECIONADOS ATRAVÉS DO CNPq ACELERADORA ACELERADORA ACELERADORA ACELERADORA ACELERADORA ACELERADORA PARCEIRA 1 PARCEIRA 2 PARCEIRA 3 PARCEIRA 4 PARCEIRA 5 PARCEIRA 6 STARTUP STARTUPS STARTUPS STARTUPS STARTUPS STARTUPS STARTUPS BRASIL
  6. 6. START-UP BRASIL MENTORES LOCAIS E INTERNACIONAIS PARCERIA COM INVESTIDORES, ANGELS, FUNDOS, ESTRATÉGICOS E INSTITUCIONAIS PROMOÇÃO APOIO FINANCEIRO REDE DE RELACIONAMENTOS A EMPREENDEDORES INOVADORES INTEGRAÇÃO DE PROGRAMAS REDE DE PARCEIROS HUBS INTERNACIONAIS PARCERIAS ESTRATÉGICAS ACESSO À INFRAESTRUTURA ACESSO A ESPECIALISTAS TECNOLOGICA AVANÇADA CONSULTORIA CONTATO COM ESPECIALISTAS SUPORTE AO PLANEJAMENTO ACESSO AOS PARCEIROS DOMODELOS E MELHORES PRÁTICAS PROGRAMA GOVERNO SETOR PRIVADO INTEGRAÇÃO COM UNIVERSIDADES ACADEMIA PARCERIA COM INSTITUIÇÕES DE ENSINO EMPREENDEDORES PARCERIA COM INSTITUTOS DE PESQUISA INTERNACIONAIS
  7. 7. START-UP BRASIL
  8. 8. START-UP BRASIL GOVERNANÇA DO PROJETO CRIAÇÃO OFICIAL DO PROGRAMA E COMITÊ GESTOR PORTARIA MINISTERIAL (MCTI 721/2012) MCTI O QUE É? COMO SE ORGANIZA? CNPQ FINEP QUAL A COMPOSIÇÃO? Coordenador ATRIBUIÇÕES SEBRAE BNDES ESTRUTURAÇÃO DO COMITÊ GESTOR PORTARIA MCTI DESIGNANDO OS MEMBROS: ABDI MDIC 3º Setor APEX
  9. 9. START-UP BRASIL ROADMAP DA INICIATIVA start! Aceleradora INÍCIO DO PROCESSO DE ACELERAÇÃO Edital para Aceleradoras Induction Week ACELERADORA SELECIONADA Governo + Aceleradora + Mercado Edital global para Startups STARTUPS SELECIONADAS
  10. 10. START-UP BRASIL SELEÇÃO DE ACELERADORAS PARA O PROGRAMAPUBLICAÇÃO DE EDITALCARACTERÍSTICAS DE AVALIAÇÃO TIME E ESTRUTURA Peso Peso REDE DE RELACIONAMENTOS Qualidade do time executivo 5 4 Infraestrutura física e tecnológica Rede de investidores Método de negócio Parcerias estratégicas em corporações Metodologia de aceleração Relacionamento com academia / think tanks Oferta de business services Qualificação da rede de mentores Histórico de Operações de Aceleração Experiência institucional Modelo de Monetização Ecossistema Internacional Peso Peso ACESSO AO MERCADO 3 MÃO DUPLA 2 Backlog de startups avaliadas Motivação em empreender Ecossistemas de startups Aporte ao ecossistema Parcerias estratégicas Alinhamento ao TI Maior
  11. 11. START-UP BRASIL SELEÇÃO DE START-UPS PARA O PROGRAMAPLATAFORMA DISPONIBILIZADA || START-UPS DO MUNDO INTEIROCARACTERÍSTICAS DE AVALIAÇÃO TIME Peso Peso PLANO (Modelo) DE NEGÓCIOS X Y Currículo acadêmico e profissional Qualidade de plano operacional e financeiro Relevância experiências anteriores Atratividade de mercado Conhecimento em gestão de negócios Estratégia de marketing Complementaridade/Composição do Proposta de Valor do Produto/Serviço time Fase de evolução do produto / serviço Peso Peso INOVAÇÃO Z MÃO-DUPLA W Nível de Inovação Diferenciação e apelo de mercado Motivação em empreender Escalabilidade Aporte de tecnologia Visão Internacionalizada Potencial de Impacto Econômico } Barreira à Entrada Ligação neural com ecossistemas SELEÇÃO DAS STARTUPS ESTRELAS
  12. 12. START-UP BRASIL Saída novos investidores go-to-marketNível de evolução do projeto MODELO OPERACIONAL Acesso a investidores rodadas com investidores mentorado Alavancagem sessões one-one desenvolvimento de negócios Acesso operação à mercado Modelo de plano de marketing e vendas negócios e reuniões, eventos, workshops Desenvolvimento finanças Imersão aprimoramento mentorado e tecnológico detalhamento financeiro planejamento modelos de negócio criativos workshops revisão projeto reuniões plano de trabalho projetos metas Tempo
  13. 13. START-UP BRASIL GOINGGLOBAL......
  14. 14. ÁUSTRIA: GO SILICON VALLEY MAIS DE 45% DO VENTURE CAPITAL NOS EUA VÃO PARA O VALE INICIATIVA DA AGÊNCIA DE PROMOÇÃO EMPRESARIAL AUSTRÍACA ADVANTAGE AUSTRIA PARCERIA COM STANFORD RESEARCH INSTITUTE (SRI) E MASSACHUSSETS INSTITUTE OF TECHNOLOGY (MIT). PARA ENTRAR NO MERCADO INOVAÇÃO DE TI É PRECISO FALAR O IDIOMA DO VALE DO SILÍCIO
  15. 15. ÁUSTRIA: GO SILICON VALLEY CRITÉRIOS DE SELEÇÃO  Ideia inovadora no mercado 3. Apresentação das startups para cerca de 40 venture EUA capitalists  Escalabilidade  Adequação do networking 2. Hospedagem por três meses no Vale do Silício PROCESSO1. Oficina de Preparo Quatro dias de imersão cultural com técnicas de modelo e desenvolvimento de negócio (Áustria)
  16. 16. CHILE: GLOBAL CONNECTIONS PROMOVIDO PELA CORFO - CORPORACIÓN DE FOMENTO DE LA PRODUCCIÓN APOIO A STARTUPS EM PROCESSO DE INTERNACIONALIZAÇÃO LINHA DE FINANCIAMENTO PARA APOIAR O ACESSO DE EMPREENDIMENTOS A PROGRAMAS DE INCUBAÇÃO E/OU ACELERAÇÃO DE NEGÓCIOS EM INSTITUIÇÕES INTERNACIONAIS Acesso a lugares e instituições que auxiliem o empreendedor na internacionalização dos negócios Empreendedor deve apresentar modelo de internacionalização
  17. 17. SUÍÇA: SWISSNEX Rede de hubs internacionais inovadoras Iniciativa do governo suíço. Conecta cientistas, pesquisadores, Conselheiros em tecnologia baseados empreendedores e policy-makers com seus em embaixadas suíças pelo mundo pares, com ideias novas e inspiradoras. Facilita programas acadêmicos, estratégias globais de inovação e troca de conhecimento. Cria e apresenta projetos transdisciplinares. Apoia iniciativas de internacionalização de www.swissnex.org instituições acadêmicas e empresas suíças, com foco em P&D em startups. Presença em 23 países (inclusive em Brasília).
  18. 18. HUB NO VALE DO SILÍCIO (EUA)GERAÇÃO DE NEGÓCIOS INSTITUCIONAL E INTELIGÊNCIA ATRAÇÃO DE INVESTIMENTOS GOVERNANÇA- Geração de negócios - Estudos e pesquisas - Relacionamento VCs - Estrutura de apoio- Networking local - Mídia e Relações Públicas - Estratégicos - Alinhamento direto MCTI- Atuação constante - Divulgação e Promoção - Angels globais - Agenda estratégica- Feiras e Eventos - Campanhas - Portfólio - G2G - Inserção no Ecossistema SAN FRANCISCO (EUA) B R A S I L
  19. 19. GOVERNANÇAEQUIPE EXECUTIVA
  20. 20. START-UP BRASIL (Portaria MCTI nº 721/2012)SECRETARIA TÉCNICA COMITÊ ASSESSOR ACCESS TO MARKET COUNCIL DESENVOLVIM. MARKETING INTERNACIONAL INTERNACIONAL COO INTERNO Account Management Campanhas Acesso à Mercado Empreendedorismo de Alto Documentação/Vistos Site/Blog/Mídias Digitais Internacional Impacto Cartas-Convite Eventos Rede de Investidores Agenda/Impacto Social Prestação de Contas Assessoria de Imprensa Rede de Mentores Metodologias de Aceleração Acompanhamento Gestão da Marca Internacionais Capacitação Nacional Aceleração Group Experience Relação com Hub Vale do Portfólio SEBRAE Plataformas Artigos/Publicações Silício (EUA) Despertar Vocacional Induction Week Relações Públicas International Marketing Eventos Nacionais Monitoramento Demo Day Portfólio APEX-Brasil Relação com Aceleradoras Capacitação Engajamento Rede de Internacionalização mentores
  21. 21. CRONOGRAMA
  22. 22. CRONOGRAMA INÍCIO DO 1º. GRUPO ASSINATURA DOS DE ACELERAÇÃO DIVULGAÇÃO DOS RESULTADOS TERMOS DE PARCERIA SUBMISSÃO DE PROPOSTAS ATÉ 15/03/2013 DE ACELERADORAS 01/03/2013 ATÉ 31/01/2013 JUNHO-JULHO/2013 STARTUP BRASIL ATÉ 28/02/2013 29 NOVEMBRO INÍCIO DE ABRILDIVULGAÇÃO DO EDITAL ANÁLISE DAS PROPOSTAS ATÉ 15/03/2013 LANÇAMENTO DO EDITAL DE ACELERADORAS PARA AS START-UPS PUBLICAÇÃO OFICIAL DAS ACELERADORAS SELECIONADAS

×