Soraia aleixo a evolução do marketing acabado

134 visualizações

Publicada em

A evolução do marketing

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
134
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Soraia aleixo a evolução do marketing acabado

  1. 1. A Evolução do Marketing Soraia Aleixo Nº13
  2. 2. O Criador dos 4 p’s  Jerome McCarthy é um autor norte-americano criador dos "quatro P’s": Produto, Preço, Promoção e Publicidade, que compõem o "Composto de Marketing". O conceito foi depois popularizado por Philip Kotler.  McCarthy foi professor de marketing da Universidade Estadual de Michigan. Autor de Marketing Básico - Uma visão gerencial, em dois volumes, já publicado pela Editora Zahar Editores, e de vários livros-texto utilizados até hoje em Universidades e Faculdades de Administração e Marketing. Prestou consultoria em estratégia de marketing a muitas empresas norte-americanas e estrangeiras. No início da década de 60,Jerome McCarthy apresentou o conceito dos 4Ps: Produto ,Preço , Publicidade , Promoção , para caracterizar o “mix” de Marketing. Os 4Ps foram introduzidos como quatro variáveis básicas que comporiam a estratégia de mercado de um empresa.
  3. 3. A miopia no marketing  Theodore Levitt foi um economista nascido na Alemanha e radicado nos Estados Unidos.  Mestre da Harvard, é um dos nomes conceituados em marketing. Escreveu o livro “A Imaginação de Marketing” e ainda o artigo “Miopia no Marketing”.  A miopia no marketing é um fenómeno que ocorre em todas as organizações que já foram, em algum momento, um setor de rápida expansão. Este fenómeno tende a acontecer pelo fato de que estas organizações concentrarem-se somente no produto, ao invés de se preocuparem, com os seus clientes.
  4. 4. Marketing nos anos 50  O Marketing surge nos anos 50, a certa altura que o homem começa a produzir em excesso para vender ou trocar. O seu objetivo nas empresas era , e só, maximizar os lucros. Após a Segunda Guerra Mundial, começou a preocupar-se em atrair e lidar com os consumidores, surgindo assim a cultura de vender, antes de qualquer coisa.
  5. 5. Marketing nos anos 60  A primeira grande mudança neste cenário veio em 1960 por Theodore Levitt, mais tarde intitulado o pai do marketing, professor da Harvard Business School. O seu artigo na revista Harvard Business Review entitulado “Miopia no Marketing , revelou uma série de erros de percepções, mostrou a importância da satisfação dos clientes e transformou para sempre o mundo dos negócios . O vender a qualquer custo deu lugar á situação garantida. Assistiu-se logo após este período um renascimento das marcas como Coca-Cola , Malboro, etc..
  6. 6. Marketing nos anos 70  Nos anos 70 e 80 as palavras chaves passaram a ser “qualidade”, “serviços” e “valor” para os consumidores. “Os compradores comprarão da empresa que lhes entregar o maior valor” – diziam os especialistas da época. Valor entregue ao consumidor é a diferença entre os benefícios ofertados pelo produto e o custo para obtê-los.  Assim como Theodore Levitt foi um “divisor de águas” na sua época, nos anos 90 apareceu Phillip Kotler nos dando conta dos desejos, necessidades e mercados: “Marketing é a habilidade de se atender às necessidades e aos desejos do mercado, de forma lucrativa” – dizia Kotler. Para ele, necessidade é um estado de carência ou de privação dos seres humanos. Desejo é a atitude relacionada com a eliminação ou redução do estado de necessidade, através da posse ou consumo de um determinado produto. Mercado seria o lugar geométrico da satisfação de necessidades de pessoas através da oferta de bens e serviços produzidos.
  7. 7. Evolução visual do marketing 1957 1961 1964
  8. 8. Marketing nos anos 80  Em 1982, o livro "Em Busca da Excelência", de Tom Peters e Bob Waterman inaugurou a era do marketing. Num golpe de sorte editorial, produziram o livro de marketing mais vendido de todos os tempos, ao focarem completamente a sua atenção para o cliente.  O fenómeno levou o marketing às massas, e portanto as pequenas e médias empresas, e a todo o tipo de profissional. Talvez por isso, e também por uma necessidade de mercado o marketing passou a ser uma preocupação direta da alta direção de todas as mega-empresas e mega-corporações, não estando mais restrita apenas a um departamento. Em Busca da Excelência
  9. 9. Marketing nos anos 90  Assim como em muitos outros setores, o avanço tecnológico dos anos 90 também tiveram um forte impacto no mundo do marketing.O comércio electrónico foi uma revolução na logística, distribuição e formas de pagamento.  O CRM (Customer Relationship Management) e o serviços de atendimento ao consumidor, entre outras inovações, tornaram possível uma gestão de relacionamento com os clientes em larga escala. E como se isso não fosse o suficiente a Internet chegou como uma nova via de comunicação. Outra tendência do período foi o fortalecimento do conceito de marketing social no qual tornou-se uma exigência de mercado haver uma preocupação com o bem-estar da sociedade. A satisfação do consumidor e a opinião pública, passou a estar diretamente ligada a participação das organizações em causas sociais, e a responsabilidade social transformou-se numa vantagem competitiva.
  10. 10. Marketing em 2000  O inicio do novo milénio assistiu a segmentação da televisão por cabo, a popularidade dos telefones móveis e a democratização dos meios de comunicação especialmente via Internet. Isto influenciou a maneira com que os consumidores interagiam com as empresas.  A World Wide Web já estava mais aprofundada o suficiente e nos primeiros anos desta década surgiram uma infinidade de pesquisas e publicações sobre Web marketing e comércio electrónico. Mas mais do que isso, agora o cliente não tem apenas poder de escolha, tem também poder de informação.  Surgiu o “marketing de permissão” de Seth Godin, o conceito do “marketing boca a boca” por George Silverman, o “buzz marketing e marketing viral“, por autores como Russell Goldsmith e Mark Hughes, o amadurecimento do “crossmedia e dos args (alternative reality games)”, este facto influenciou o marketing e a comunicação.
  11. 11. Marketing em 2010  A década é marcada pela rede mundial de computadores e um novo comportamento de compras online. Não há pesquisas nem publicações a respeito de uma tendência principal, como “marketing de busca”. O que a academia sugere é que há uma nova interrelação entre os meios de comunicação, e o acesso do consumidor ao mercado e as formas de comunicação entre empresas e consumidores. Surge então o Marketing Digital.
  12. 12. Bibliografia  http://whitneymorais16-pap.blogspot.pt/2010/06/o-marketing-ao-longo-dos- tempos.html

×