Vírus
“Um pacotinho de proteína com
má notícia dentro”!
Características Gerais
• Acelulares
 Não possuem organelas e
nem metabolismo.
• Parasitas Intracelulares
Obrigatórios
 S...
Estrutura
O vírus é formado
basicamente de :
• Material genético- partes de
ácido nucléico.
 DNA ou RNA – nunca os dois
j...
Parasitas Obrigatórios
• Os vírus têm que
parasitar a célula
para se duplicar,
usando toda a
“maquinária” da
célula – orga...
Parasitas
específicos:
São parasitas altamente
específicos, capazes de
só parasitar um tipo de
célula , ou órgão, ou
espéc...
Replicação dos Vírus
Independente do tipo da célula
hospedeira, todos os vírus seguem
as mesmas etapas básicas,
conhecidas...
Ciclo Lisogênico
• O DNA viral se incorpora ao
DNA da célula hospedeira,
que continua a se
reproduzir.
• Algum evento exte...
Ciclo Lisogênico e Lítico
Ciclo Lisogênico
 O DNA do vírus se
incorpora no DNA de uma
célula mas não interfere
no metabol...
Origem dos Vírus
o Escala evolutiva não é bem conhecida.
o Vírus – forma de vida primordial ?
o As células deram origem ao...
Vírus – Ser Vivo ?
Não são seres vivos
 Não são formados por
células.
 Sem metabolismo.
 Necessitam de uma
célula para ...
Terapia
Genética
Com objetivo de “curar”
certas doenças como a
diabetes, se tenta
colocar um gene ou
genes saudáveis no
ví...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Vírus 2016

149 visualizações

Publicada em

Aula de Biologia

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
149
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Vírus 2016

  1. 1. Vírus “Um pacotinho de proteína com má notícia dentro”!
  2. 2. Características Gerais • Acelulares  Não possuem organelas e nem metabolismo. • Parasitas Intracelulares Obrigatórios  Só se duplicam dentro de células hospedeiras • Sub – microscópico  Só observado em microscópios eletrônicos/ bem pequenos. Vírus H1N1
  3. 3. Estrutura O vírus é formado basicamente de : • Material genético- partes de ácido nucléico.  DNA ou RNA – nunca os dois juntos. • O ácido nucléico sempre é envolto por uma cápsula de proteína – Capsídeo. • Alguns vírus possuem ainda um envelope lipoproteíco – nucleocapsídeo.  Esses vírus são chamados de envelopados.
  4. 4. Parasitas Obrigatórios • Os vírus têm que parasitar a célula para se duplicar, usando toda a “maquinária” da célula – organelas- para se multiplicar. Se estão fora da célula ficam “adormecidos”- víron. Se estão dentro da célula se multiplicam e acabam matando a célula.
  5. 5. Parasitas específicos: São parasitas altamente específicos, capazes de só parasitar um tipo de célula , ou órgão, ou espécie. Causam doenças com a gripe, AIDS, caxumba, sarampo, dengue, catapora,hepatite,...
  6. 6. Replicação dos Vírus Independente do tipo da célula hospedeira, todos os vírus seguem as mesmas etapas básicas, conhecidas como ciclo lítico : • Absorção :uma partícula de vírus prende-se a uma célula hospedeira; • Entrada :a partícula libera suas instruções genéticas dentro da célula hospedeira; • Replicação :o material genético injetado recruta as enzimas da célula hospedeira,as enzimas fazem as partes de novas partículas de vírus; • Montagem :as novas partículas juntam-se formando novos vírus; • Liberação:os novos vírus rompem a célula hospedeira e libertam-se.
  7. 7. Ciclo Lisogênico • O DNA viral se incorpora ao DNA da célula hospedeira, que continua a se reproduzir. • Algum evento externo ou instruções do próprio DNA viral inicia a replicação viral que estava “adormecida.” • A reprodução do vírus se inicia normalmente, como no ciclo lítico.
  8. 8. Ciclo Lisogênico e Lítico Ciclo Lisogênico  O DNA do vírus se incorpora no DNA de uma célula mas não interfere no metabolismo da célula hospedeira, que continua reproduzindo normalmente, transmitindo o DNA viral às células descendentes. Ciclo Lítico  O DNA viral passa a comandar o metabolismo da célula hospedeira e a faz várias cópias que se transcrevem em RNAm virais. Com essa reprodução exagerada ocorre uma lise ( destruição) na célula, liberando os novos vírus que podem infectar outras bactérias e assim sucessivamente.
  9. 9. Origem dos Vírus o Escala evolutiva não é bem conhecida. o Vírus – forma de vida primordial ? o As células deram origem aos vírus. o Alguns cientistas consideram os vírus como evolução de "restos" de células: a degradação de pedaços de ácidos nucléicos celulares que, posteriormente, adquiriram o capsídeo e envelope, deu origem aos vírus.
  10. 10. Vírus – Ser Vivo ? Não são seres vivos  Não são formados por células.  Sem metabolismo.  Necessitam de uma célula para se reproduzir. São seres vivos. o Se reproduzem. o Possuem material genético. o O material genético sofre mutação.
  11. 11. Terapia Genética Com objetivo de “curar” certas doenças como a diabetes, se tenta colocar um gene ou genes saudáveis no vírus. O vírus infecta a célula alvo que assimila gene e começa a fabricar as proteínas ou hormônios que faltam ao organismo.

×