Olhe para trás,Olhe para trás,
Se despeça das doresSe despeça das dores
passadas,passadas,
Dos momentos nãoDos momentos nã...
LEGADO
(visão, propósito, espiritualidade
“Por qué você é quem você é?”)
SENSO SIGNIFICADO DE VIDA
AFILIAÇÃO
(Eu e o Senso...
PARÂMETROS PARA VISUALIZAR OPARÂMETROS PARA VISUALIZAR O
FUTURO DE FORMA POSITIVAFUTURO DE FORMA POSITIVA
TEORIA DAS IMAGENS DO FUTUROTEORIA DAS IMAGENS DO FUTURO
INVESTIGAÇÃO QUALITATIVAINVESTIGAÇÃO QUALITATIVA
(Barney Glaser; ...
CRENÇASCRENÇAS VALORESVALORES
Somente mudando nossasSomente mudando nossas CRENÇASCRENÇAS EE VALORESVALORES é queé que
con...
CRENÇASCRENÇAS EE VALORESVALORES
CRENÇASCRENÇAS VALORESVALORES
O cérebroO cérebro NÃONÃO sabe a diferença do que é real ou imaginário. Todas assabe a diferença do que é real ou imaginár...
APRECIAR
VISUALIZAR
DIALOGAR
INOVAR
Ver o que há de melhor a
ser resgatado/co-criado
Sugerir para melhorar
mais ainda
Aval...
∗ DialogarDialogar com as pessoas
∗ Apropriar-seApropriar-se da experiência do
passado
∗ EnvolverEnvolver toda a organizaç...
 DESEJO + SONHO = REALIDADE;
 EM TODOS OS PAUCOS, HÁ SEMPRE ALGO QUE FUNCIONA;
 E VIVA AS DIFERENÇAS;
 A REALIDADE É C...
PRINCÍPIO CONSTRUCIONISTAPRINCÍPIO CONSTRUCIONISTA
“ As palavras criam mundos”
a partir da leitura da obra de Gergen (1985...
PRINCÍPIO DA SIMULTANEIDADEPRINCÍPIO DA SIMULTANEIDADE
“ O questionamento gera mudanças”
a realidade está sendo construíd...
PRINCÍPIO POÉTICPRINCÍPIO POÉTICOO
“Nós escolhemos aquilo que estudamos, somos um livro aberto.”
enfatiza-se a forma como...
PRINCÍPIO ANTECIPATÓRIOPRINCÍPIO ANTECIPATÓRIO
“A imagem inspira a ação”
compreende-se que a maneira como as pessoascompre...
PRINCÍPIO POSITIVOPRINCÍPIO POSITIVO
“ Perguntas positivas levam a mudanças positivas”
constata-se que as perguntas com o...
∗ O diálogo apreciativo é um caminho para a oportunidade e esperança.
∗ Ter a consciência de que cada momento da nossa vid...
∗ O diálogo apreciativo serve de guia para orientar as pessoas, seus
valores e pensamentos sobre a importância da valoriza...
As soluções já se encontram nos indivíduos eAs soluções já se encontram nos indivíduos e
nos próprios gruposnos próprios g...
As questões devem levar em conta sempre dois aspectos:
1. A busca por relatos de experiências pessoais que já
deram certo....
Investigação apreciativa
Investigação apreciativa
Investigação apreciativa
Investigação apreciativa
Investigação apreciativa
Investigação apreciativa
Investigação apreciativa
Investigação apreciativa
Investigação apreciativa
Investigação apreciativa
Investigação apreciativa
Investigação apreciativa
Investigação apreciativa
Investigação apreciativa
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Investigação apreciativa

274 visualizações

Publicada em

INVESTIGAÇÃO APRECIATIVA & COACHING APRECIATIVO EM GESTÃO E PLANEJAMENTO

Publicada em: Negócios
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
274
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Investigação apreciativa

  1. 1. Olhe para trás,Olhe para trás, Se despeça das doresSe despeça das dores passadas,passadas, Dos momentos nãoDos momentos não vividos,vividos, Dos sonhosDos sonhos frustrados.frustrados. Sorria e siga emSorria e siga em frente.frente. A vida continua eA vida continua e tem sonhotem sonho novo te esperando,novo te esperando, Logo aliLogo ali
  2. 2. LEGADO (visão, propósito, espiritualidade “Por qué você é quem você é?”) SENSO SIGNIFICADO DE VIDA AFILIAÇÃO (Eu e o Senso de Pertencer a um Grupo) IDENTIDADE (Missão/Senso do EU) (PERCEPÇÃO) CRENÇAS E VALORES (Permissão Motivação) Ousar fazer diferente! CAPACIDADES E HABILIDADES (Direção estratégica) COMPORTAMENTO (Ação e Reação) AMBIENTE (Limites e oportunidades) LOCAL SEGURO - PSICOGEOGRAFIA Inconsciente/ consciente TRANSFORMAÇÕES (Nível Inconsciente)
  3. 3. PARÂMETROS PARA VISUALIZAR OPARÂMETROS PARA VISUALIZAR O FUTURO DE FORMA POSITIVAFUTURO DE FORMA POSITIVA
  4. 4. TEORIA DAS IMAGENS DO FUTUROTEORIA DAS IMAGENS DO FUTURO INVESTIGAÇÃO QUALITATIVAINVESTIGAÇÃO QUALITATIVA (Barney Glaser; Anselm Strauss) a compreensão de uma cultura, organização ou sociedade através dos olhos dos seus atores, sendo a observação participante a melhor forma para recolher dados e descrever uma cultura. (Elise & Kenneth Boulding) as imagens que temos do futuro influenciam as nossas decisões e ações do presente (Berger & Luckman) a realidade é criada, transformada e mantida através da comunicação humana
  5. 5. CRENÇASCRENÇAS VALORESVALORES Somente mudando nossasSomente mudando nossas CRENÇASCRENÇAS EE VALORESVALORES é queé que conseguiremos mudar nosso comportamento.conseguiremos mudar nosso comportamento. Todo comportamento tem uma crença subjacente. Modifica crença = modifica o comportamento Todo comportamento está em busca de satisfazer um valor Compreender o valor motivador = Modifica o comportamento
  6. 6. CRENÇASCRENÇAS EE VALORESVALORES CRENÇASCRENÇAS VALORESVALORES
  7. 7. O cérebroO cérebro NÃONÃO sabe a diferença do que é real ou imaginário. Todas assabe a diferença do que é real ou imaginário. Todas as sensações ou reações químicas, orgânicas e emocionais agem à estrutura dosensações ou reações químicas, orgânicas e emocionais agem à estrutura do pensamento e não da realidade externa.pensamento e não da realidade externa. TRANSCENDA!!!!TRANSCENDA!!!!
  8. 8. APRECIAR VISUALIZAR DIALOGAR INOVAR Ver o que há de melhor a ser resgatado/co-criado Sugerir para melhorar mais ainda Avaliar como ser melhor Fazer de forma diferente
  9. 9. ∗ DialogarDialogar com as pessoas ∗ Apropriar-seApropriar-se da experiência do passado ∗ EnvolverEnvolver toda a organização ou comunidade na mudança ∗ Construir uma visãoConstruir uma visão de futuro que todos possam compartilhar e ajudar a colocar em prática QUAIS SÃO OS USOS DAQUAIS SÃO OS USOS DA INVESTIGAÇÃO APRECIATIVA?INVESTIGAÇÃO APRECIATIVA?
  10. 10.  DESEJO + SONHO = REALIDADE;  EM TODOS OS PAUCOS, HÁ SEMPRE ALGO QUE FUNCIONA;  E VIVA AS DIFERENÇAS;  A REALIDADE É CRIADA EM UM MOMENTO, E HÁ SEMPRE VÁRIAS POSSIBILIDADES/REALIDADES POSSÍVEIS  PENSAR QUESTÕES DO GRUPO = TRANSFORMAR O GRUPO;  A CONFIANÇA EM MUDAR O FUTURO BASEIA-SE NA HISTÓRIA DO PASSADO;  COMUNICAÇÃO E LINGUAGEM CRIA NOSSA REALIDADE.
  11. 11. PRINCÍPIO CONSTRUCIONISTAPRINCÍPIO CONSTRUCIONISTA “ As palavras criam mundos” a partir da leitura da obra de Gergen (1985), entende-se que as descrições sobre o mundo são construções produzidas entre as pessoas. A tentativa de estabelecer a história mais verdadeira e a postura de checar os fatos ignoram as múltiplas possibilidades de interpretação. A atenção da condução do trabalho deve deter-se nos processos de construção, na maneira pela qual as pessoas contam diferentes histórias sobre o passado, o presente e o futuro, e na maneira que essas histórias têm o poder de dar forma e refletir como as pessoas agem e pensam. (Reed, 2007, p. 26, tradução dos autores)
  12. 12. PRINCÍPIO DA SIMULTANEIDADEPRINCÍPIO DA SIMULTANEIDADE “ O questionamento gera mudanças” a realidade está sendo construída. Nesse sentido, a pesquisa construcionista social é considerada uma intervenção.
  13. 13. PRINCÍPIO POÉTICPRINCÍPIO POÉTICOO “Nós escolhemos aquilo que estudamos, somos um livro aberto.” enfatiza-se a forma como as pessoas dão autoria a seu próprio mundo de maneira contínua, “escolhendo as partes de suas histórias nas quais elas estão mais interessadas naquele momento”
  14. 14. PRINCÍPIO ANTECIPATÓRIOPRINCÍPIO ANTECIPATÓRIO “A imagem inspira a ação” compreende-se que a maneira como as pessoascompreende-se que a maneira como as pessoas pensam sobre o futuro constrói a maneira compensam sobre o futuro constrói a maneira com que elas se direcionam para o futuro.que elas se direcionam para o futuro. Ao verem o futuro como pleno deAo verem o futuro como pleno de possibilidades, as pessoas se engajam em açõespossibilidades, as pessoas se engajam em ações que vão construí-lo dessa maneira.que vão construí-lo dessa maneira.
  15. 15. PRINCÍPIO POSITIVOPRINCÍPIO POSITIVO “ Perguntas positivas levam a mudanças positivas” constata-se que as perguntas com o foco colocado naquilo que é positivo tendem a fazer com que as pessoas fiquem mais profundamente engajadas no processo de investigação/pesquisa. A procura pelas ações apreciativas tem se mostrado fundamental para o engajamento das pessoas na busca por mudanças.
  16. 16. ∗ O diálogo apreciativo é um caminho para a oportunidade e esperança. ∗ Ter a consciência de que cada momento da nossa vida nos oferece infinitas oportunidades, das quais, a maioria, não identificamos; ∗ Escutar sua intuição quando você estiver diante da história de outra pessoa; ∗ Permitir que o outro vivencie momentos de aprendizagem; ∗ Reconhecer o sucesso no outro; ∗ Criar um ambiente que promova a valorização das pessoas; ∗ Suspender julgamentos e permitir que a valorização do outro, através de uma escuta apreciativa, permeie as histórias das pessoas; ∗ Reconhecer que a contribuição de cada pessoa é importante para a construção de um futuro bem sucedido Princípios do Diálogo ApreciativoPrincípios do Diálogo Apreciativo
  17. 17. ∗ O diálogo apreciativo serve de guia para orientar as pessoas, seus valores e pensamentos sobre a importância da valorização das diferenças; ∗ Compartilhar exemplos de ações que foram bem sucedidas ∗ Orgulho, esperança e alegria: ∗ Destacar os momentos quando as pessoas se sentiram orgulhosas da sua contribuição no mundo, todos os aspectos que foram valorizados e reconhecidos no passado; ∗ Libertar a capacidade pessoal e do outro de sonhar. Princípios do Diálogo ApreciativoPrincípios do Diálogo Apreciativo
  18. 18. As soluções já se encontram nos indivíduos eAs soluções já se encontram nos indivíduos e nos próprios gruposnos próprios grupos Enfatiza as forças e competências existentesEnfatiza as forças e competências existentes no indivíduo e no grupono indivíduo e no grupo Sai da estrutura de erros e correçõesSai da estrutura de erros e correções
  19. 19. As questões devem levar em conta sempre dois aspectos: 1. A busca por relatos de experiências pessoais que já deram certo. Dessa forma, busca-se que as pessoas identifiquem aquilo que foi vivenciado como sucesso no passado. 2. Colocar o participante para pensar as melhores possibilidades futuras para si mesmo e para o grupo do qual participa.

×