O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.

Perspectivas Econômicas para 2019

185 visualizações

Publicada em

Durante o almoço de dezembro da Diretoria Plena, o economista Ronaldo Raemy explicou as condicionantes que formam a previsão para o cenário econômico de 2019 e como o transportador pode se preparar para fazer negócios no próximo ano.

Publicada em: Economia e finanças
  • Seja o primeiro a comentar

Perspectivas Econômicas para 2019

  1. 1. Ronaldo Raemy Rangel Perspectivas econômicas para 2019 11/12/2018 Economista e professor da FGV
  2. 2. SETCESP Cenários Pós-Eleições 2018
  3. 3. “Estratégia é uma tentativa de estar melhor posicionado no futuro” Então, é necessário antecipar o futuro Tendência Cenário Tendências Projeções Quantitativas. Mudanças que já se esboçam nas trajetórias atuais e que deverão ter impactos relevantes no ambiente futuro Cenário Projeções Qualitativas que caracterizam o ambiente futuro, descritos de forma a destacar os elementos mais impactantes em diferentes conformações
  4. 4. Cenários Plausível Cenários Desejáveis Cenários Possíveis Área de atuação para o planejamento Cenário Normativo Estimação Quantitativa Estimação Qualitativa APOSTA
  5. 5. Cenários (um roteiro) CONDICIONANTES (tendências visíveis) Elementos Constantes Mudanças Pré-determinadas Mudanças Incertas Fatores quase constantes em todas as alternativas Combinação de hipóteses Cenário N Cenário B Cenário A
  6. 6. A dívida deve fechar 2018 em mais de 80% do PIB As despesas obrigatórias totalizaram 97,3% do orçamento de 2018 Cenário 2019: alguns condicionantes
  7. 7. Lei Orçamentária Anual - 2019 R$ 1.574,9 bilhões R$ 1.702,2 bilhões Receita Primária Despesa Primária Déficit Primário R$ 127,3 bilhões Contribuições à Previdência R$ 419,8 bi Benefícios da Previdência R$ 637,9 bi - = - 218,1 bilhões
  8. 8. Em 15 anos R$ 1,4 trilhão para cobrir déficit da previdência Regime geral: R$ 936 bi Aproximadamente R$ 1,3 trilhão para funcionalismo 2,2 milhões de servidores públicos 1% da população
  9. 9. presidencialismo de coalizão Frentes Parlamentares: Ruralista;“da Bala”; Movimento Popular Cristão, etc
  10. 10. Lei Orçamentária Anual – 2019 Despesas Financeiras Juros e Amortizações R$ 666,2 bilhões Refinanciamento da Dívida R$ 758,7 bilhões "zerar o déficit primário até 2020” 5a maior taxa de juros (tx real) do planeta Despesas Obrigatórias em 2019 R$ 1.589,6 bilhões ”simplificação tributária” X arrecadação venda de patrimônio
  11. 11. A par de problemas: a herança Temer Reforma trabalhistas Teto dos Gastos Lei da Responsabilidade das Estatais Atualização da Regulamentação de O&G Tecnicamente saímos da recessão em 2017
  12. 12. Perspectiva Internacional Diplomacia altiva e ativaX
  13. 13. 2019 - 22 Cresicimento do PIB (% ano) 3,2 Tx de Investimento (% PIB) 18 Tx de Desemprego (% FT) 9 Tx de Inflação (% ano) 4 Câmbio (R$/Us$) 4,30 Resultado Primário 0 Dívida Pública/PIB (% fim de período) 75 O “meu” cenário otimista em números Em verdade a média da ABINEE – ABRINQ – ABRE - etc
  14. 14. ConsolidaçãoFiscal Obediência ao Teto dos Gastos Desvinculação de Receitas da União Venda de Ativos (inclui Reservas) Reorganização dos Programas Sociais Reforma da Previdência O “meu” cenário otimista
  15. 15. Mercado Autonomia do BACEN Autonomia das Agências Reguladoras Câmbio Flutuante Acordos comerciais relevantes O “meu” cenário otimista
  16. 16. Questões para o Setor de Transporte de Cargas Índice ABRC Fluxo pedagiado Comparação outubro18/17 + 1,3%
  17. 17. Desafios do Setor de Transporte de Carga (2019-2022) Viabilizador Econômico Não há como não crescer, salvo em um cenário catastrófico Novo Marco Regulatório Leis da oferta e da demanda Perspectivas dos Contratante Setores que disputam por distribuição Possível Manutenção da Defasagem Média dos Fretes
  18. 18. OBRIGADO Ronaldo Rangel skype: ronaldorrangel rrrangel@fgvmail.br

×