332 mediação escolar 2

378 visualizações

Publicada em

AUTISMO E EDUCAÇÃO DE SIMONE HELEN DRUMOND

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
378
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
8
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
7
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

332 mediação escolar 2

  1. 1. O PAPEL DO MEDIADOR ESCOLAR Referência: Professora Melissa Machado Aline Kabarite - Fonoaudióloga Roberta Marcello - Psicóloga Vanessa de Freitas Schaffel - Mediadora Simone Helen Drumond Ischkanian - Pedagoga Mediar às situações sociais ensinando a criança como participar, compartilhar e interagir no grupo. Ensinar a criança a abordar o outro na tentativa de interação, estimulando o contato visual e a utilização dos cumprimentos usuais. Minimizar a tendência da criança ao isolamento social, facilitando sua interação.
  2. 2. O PAPEL DO MEDIADOR ESCOLAR Referência: Professora Melissa Machado Aline Kabarite - Fonoaudióloga Roberta Marcello - Psicóloga Vanessa de Freitas Schaffel - Mediadora Simone Helen Drumond Ischkanian - Pedagoga Desviar a atenção da criança das manias, rituais e atividades repetitivas e estereotipadas. Minimizar e intervir em situações que causam desconforto sensorial, explicando o ocorrido. Intervir adequadamente nas reações comportamentai s drásticas diante de mudanças na rotina ou no ambiente escolar.
  3. 3. O PAPEL DO MEDIADOR ESCOLAR Referência: Professora Melissa Machado Aline Kabarite - Fonoaudióloga Roberta Marcello - Psicóloga Vanessa de Freitas Schaffel - Mediadora Simone Helen Drumond Ischkanian - Pedagoga Ensinar a criança a olhar para o grupo e a observar o comportamento das outras crianças estimulando a imitação. O mediador pode direcionar o olhar da criança apenas falando ao seu ouvido ou mesmo virando seu rosto e corpo delicadamente para onde estão os outros. Observar detalhadamente cada situação, com o objetivo de prevenir comportamentos inadequados, antecipando verbalmente ou através de informações visuais o que vai acontecer.
  4. 4. O PAPEL DO MEDIADOR ESCOLAR Referência: Professora Melissa Machado Aline Kabarite - Fonoaudióloga Roberta Marcello - Psicóloga Vanessa de Freitas Schaffel - Mediadora Simone Helen Drumond Ischkanian - Pedagoga Ignorar, corrigir ou redirecionar um comportamento incorreto ou inadequado. Sempre que necessário dizer para a criança o que se espera dela em cada situação. Auxiliar a criança no desenvolvimento de sua autonomia, iniciativa e compreensão daquilo que está fazendo ou do que precisa fazer.
  5. 5. O PAPEL DO MEDIADOR ESCOLAR Referência: Professora Melissa Machado Aline Kabarite - Fonoaudióloga Roberta Marcello - Psicóloga Vanessa de Freitas Schaffel - Mediadora Simone Helen Drumond Ischkanian - Pedagoga Ensinar a criança a se acalmar, e, caso necessário, levá-la a um ambiente mais tranquilo. Estimular a empatia, o vínculo e o prazer no convívio social. Usar histórias ou representações para explicar soluções e possibilidades de ações em situações sociais específicas.
  6. 6. O PAPEL DO MEDIADOR ESCOLAR Referência: Professora Melissa Machado Aline Kabarite - Fonoaudióloga Roberta Marcello - Psicóloga Vanessa de Freitas Schaffel - Mediadora Simone Helen Drumond Ischkanian - Pedagoga Encorajar a criança a solicitar ajuda do professor ou dos próprios colegas. Aproveitar, dentro do possível, os interesses restritos da criança tornando- os uma fonte motivadora de contato social. Evitar o acesso aos objetos ou materiais que fazem parte dos interesses restritos da criança e que a afastam do grupo ou das atividades propostas.
  7. 7. O PAPEL DO MEDIADOR ESCOLAR Referência: Professora Melissa Machado Aline Kabarite - Fonoaudióloga Roberta Marcello - Psicóloga Vanessa de Freitas Schaffel - Mediadora Simone Helen Drumond Ischkanian - Pedagoga Tornar a vida da criança previsível através da estruturação de rotinas, reduzindo o imprevisível que muitas vezes geram birras e/ou comportamentos inadequados. Organizar, sempre que necessário, a sequencia das atividades diárias através de informações visuais (cartões com fotos, desenhos ou imagens) para reduzir o nível de ansiedade da criança.
  8. 8. O PAPEL DO MEDIADOR ESCOLAR Referência: Professora Melissa Machado Aline Kabarite - Fonoaudióloga Roberta Marcello - Psicóloga Vanessa de Freitas Schaffel - Mediadora Simone Helen Drumond Ischkanian - Pedagoga Estimular a criança, após uma situação de conflito, a refletir como o seu comportamento ou atitude atingiu o grupo, um colega ou professor especificamente, orientando-a a pedir desculpas, caso haja necessidade. Estimular a criança a refletir sempre sobre estratégias alternativas para resolver determinada situação.
  9. 9. O PAPEL DO MEDIADOR ESCOLAR Referência: Professora Melissa Machado Aline Kabarite - Fonoaudióloga Roberta Marcello - Psicóloga Vanessa de Freitas Schaffel - Mediadora Simone Helen Drumond Ischkanian - Pedagoga Ensinar noção de tempo, utilizando um relógio, um calendário de fácil compreensão ou a através da própria organização da rotina. Sempre que possível, ensinar a criança a se colocar no lugar do outro, refletindo também sobre o pensamento e os sentimentos das pessoas.
  10. 10. O PAPEL DO MEDIADOR ESCOLAR Referência: Professora Melissa Machado Aline Kabarite - Fonoaudióloga Roberta Marcello - Psicóloga Vanessa de Freitas Schaffel - Mediadora Simone Helen Drumond Ischkanian - Pedagoga Ensinar as habilidades sociais de como se apresentar, como pedir algo e como se expressar em determinadas situações sociais. Oferecer o reforço positivo (verbal ou gestual) sempre que a criança apresentar um comportamento correto e adequado.

×