SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 22
Bullying
“Bullying é não aceitar que os outros
sejam diferentes de você”
Resumo
O bullying sempre existiu, mas nos últimos
anos ele está cada vez mais em evidência. O
bullying é o ato de “pratica agressiva” que
mais cresce no mundo, sendo que 30% dos
adolescentes brasileiros praticam ou sofrem
bullying frequentemente.
Índice
• O que é bullying?
• O que não é bullying?
• Principais formas
• Como identificar um agressor
• Como identificar a vítima
• Como a vítima é afetada
• “Locais de bullying”
• O que fazer para evitar o bullying nas escolas?
• Curiosidades
• Depoimentos
• Bully vem do inglês, que significa valentão.
• Bullying é usado para denominar qualquer
tipo de atitude agressiva.
• Ato de violência psicológica e física.
• Praticado por grupos ou apenas uma pessoa.
• Normalmente acontece longe de adultos e
autoridades.
• Discussões ou brigas que não acontecem
frequentemente.
• Quando não são “levadas em frente”, ou seja,
são resolvidas na hora.
• Há diversas formas de bullying, como:
• Físico: bater, empurrar, beliscar;
• Verbal: apelidos maldosos, insultos;
• Moral: caluniar, difamar, discriminar;
• Sexual: abusar sexualmente, assediar;
• Psicológico: ameaçar, intimidar, perseguir;
• Material: roubar, destruir;
• Cyberbullying: humilhar, discriminar usando
Internet, entre outros.
• Querer se destacar no meio em que convive,
mesmo que não seja da melhor forma.
• Querer ser “exaltado”, colocar medo.
• Exigindo respeito a qualquer custo.
• O agressor é mais “forte” psicologicamente e
fisicamente.
• Pratica o ato contra pessoas mais “fracas” do
que o agressor.
• Abusa do poder de manipulação, fazendo que
outras pessoas também pratiquem o ato.
• A vítima é psicologicamente afetada, diante
do agressor.
• Tem medo de se expressar, assim acaba se
excluindo de todos.
• Mesmo sem falar o que ocorre, a vítima se
mostra abalada.
• As vítimas do bullying sofrem sérios “danos” a
sua saúde mental e física. Alguns exemplos
são:
• Falta de sono, problemas de estômago,
transtornos alimentares, nervosismo,
depressão, ansiedade, etc.
• Algumas pessoas, passam de vítimas para
agressores.
• O bullying não tem hora e muito menos lugar.
• Escolas: é o local que mais ocorre bullying;
• Local de trabalho: conhecido como “bullying
adulto”;
• Política: ocorre entre estados, países, etc;
• Militar: abuso de autoridade e de força física.
• Conversar com os envolvidos, entender os
motivos e reclamações;
• Estimular o entendimento sobre o assunto no
combate ao ato;
• Incentivar o respeito;
• Fazer com que entendam suas diferenças e
opiniões opostas;
Depoimentos
• “Eu não era hippie ou fã
dos Rolling Stones,
então me tornei
esquisita (...) Se você
fosse diferente, os
alunos eram bem
perversos. As pessoas
faziam questão de
serem maldosas
comigo” Madonna
• “Eu ia me sentar com
elas no intervalo, e elas
levantavam e iam para
outra mesa. Me
chamavam de
estranha”. Taylor Swift
• “Elas me prenderam lá e
fiquei batendo na porta
até machucar meus
pulsos. Ninguém veio.
Fiquei mais ou menos
uma hora presa,
esperando alguém me
ajudar, e pensando o
quanto minha vida estava
arruinada.” Miley Cyrus
• “Eu mudava de escola
duas, três vezes por ano e
isso era provavelmente a
parte mais dura. Era
espancado na casa de
banho, espancado nos
corredores, enfiavam-me
nos cacifos apenas
porque, na maior parte
das vezes, era o miúdo
novo” Eminem
Referência
• http://www.significados.com.br/bullying/
• http://bullying-sos.blogspot.com.br/p/os-
efeitos-do-bullying.html
• http://www.einstein.br/einstein-saude/em-
dia-com-a-saude/Paginas/como-identificar-e-
ajudar-criancas-e-adolescentes-vitimas-de-
bullying.aspx
• http://www.brasilescola.com/sociologia/bullyi
ng.htm
• http://pt.wikipedia.org/wiki/Bullying
Questione!
• Trabalho realizado no curso Serviços
Administrativos, SENAC-RS
Carolina Pessalli -
carolpessalli@gmail.com
Natalia Provensi -
natalia.provensi25@gmail.com
Bullying: Agressão que mais cresce

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Bullying: o que é e como combatê-lo?
Bullying: o que é e como combatê-lo?Bullying: o que é e como combatê-lo?
Bullying: o que é e como combatê-lo?Thiago de Almeida
 
Slides da aula de Sociologia (Luciano) sobre Violência
Slides da aula de Sociologia (Luciano) sobre ViolênciaSlides da aula de Sociologia (Luciano) sobre Violência
Slides da aula de Sociologia (Luciano) sobre ViolênciaTurma Olímpica
 
Bullying não é brincadeira! Saiba o que é bullying, quais suas consequências,...
Bullying não é brincadeira! Saiba o que é bullying, quais suas consequências,...Bullying não é brincadeira! Saiba o que é bullying, quais suas consequências,...
Bullying não é brincadeira! Saiba o que é bullying, quais suas consequências,...Daniela Moreira Ramos
 
Violência sexual contra crianças e adolescentes
Violência sexual contra crianças e adolescentesViolência sexual contra crianças e adolescentes
Violência sexual contra crianças e adolescentesAlinebrauna Brauna
 
Saúde Mental na Escola - Cartilha orienta professor@s e alun@s
Saúde Mental na Escola - Cartilha orienta professor@s e alun@sSaúde Mental na Escola - Cartilha orienta professor@s e alun@s
Saúde Mental na Escola - Cartilha orienta professor@s e alun@sProf. Marcus Renato de Carvalho
 

Mais procurados (20)

Bullying e suas consequências
 Bullying e suas consequências  Bullying e suas consequências
Bullying e suas consequências
 
Bullying
 Bullying Bullying
Bullying
 
Violência nas escolas palestra para crianças
Violência nas escolas palestra para criançasViolência nas escolas palestra para crianças
Violência nas escolas palestra para crianças
 
Bullying: o que é e como combatê-lo?
Bullying: o que é e como combatê-lo?Bullying: o que é e como combatê-lo?
Bullying: o que é e como combatê-lo?
 
Violência doméstica
Violência doméstica   Violência doméstica
Violência doméstica
 
Bullying trabalho
Bullying trabalhoBullying trabalho
Bullying trabalho
 
Tipos de Violência
 Tipos de Violência Tipos de Violência
Tipos de Violência
 
Slides da aula de Sociologia (Luciano) sobre Violência
Slides da aula de Sociologia (Luciano) sobre ViolênciaSlides da aula de Sociologia (Luciano) sobre Violência
Slides da aula de Sociologia (Luciano) sobre Violência
 
O Racismo
O RacismoO Racismo
O Racismo
 
Bullying
Bullying Bullying
Bullying
 
Bullying
BullyingBullying
Bullying
 
Bullying no ambiente escolar
Bullying no ambiente escolarBullying no ambiente escolar
Bullying no ambiente escolar
 
Bullying
BullyingBullying
Bullying
 
Bullying não é brincadeira! Saiba o que é bullying, quais suas consequências,...
Bullying não é brincadeira! Saiba o que é bullying, quais suas consequências,...Bullying não é brincadeira! Saiba o que é bullying, quais suas consequências,...
Bullying não é brincadeira! Saiba o que é bullying, quais suas consequências,...
 
Violência sexual contra crianças e adolescentes
Violência sexual contra crianças e adolescentesViolência sexual contra crianças e adolescentes
Violência sexual contra crianças e adolescentes
 
Saúde Mental na Escola - Cartilha orienta professor@s e alun@s
Saúde Mental na Escola - Cartilha orienta professor@s e alun@sSaúde Mental na Escola - Cartilha orienta professor@s e alun@s
Saúde Mental na Escola - Cartilha orienta professor@s e alun@s
 
Bullying
BullyingBullying
Bullying
 
CyberBullying
CyberBullyingCyberBullying
CyberBullying
 
Bullying na escola
Bullying na escolaBullying na escola
Bullying na escola
 
Cyberbullying
CyberbullyingCyberbullying
Cyberbullying
 

Destaque

Bullying virtual
Bullying virtualBullying virtual
Bullying virtualiesfa
 
Projeto prevenção e combate ao bullying escolar slides
Projeto prevenção e combate ao bullying escolar slidesProjeto prevenção e combate ao bullying escolar slides
Projeto prevenção e combate ao bullying escolar slidesprof_roseli_barbosa
 
Cyberbullying
CyberbullyingCyberbullying
Cyberbullyingbl03cook
 
Cyberbullying powerpoint
Cyberbullying powerpointCyberbullying powerpoint
Cyberbullying powerpointjosiebrookeday
 
Research thesis (effects of bullying)
Research thesis (effects of bullying)Research thesis (effects of bullying)
Research thesis (effects of bullying)frncsm13
 

Destaque (8)

Bullying verbal
Bullying verbalBullying verbal
Bullying verbal
 
Bullying virtual
Bullying virtualBullying virtual
Bullying virtual
 
Projeto prevenção e combate ao bullying escolar slides
Projeto prevenção e combate ao bullying escolar slidesProjeto prevenção e combate ao bullying escolar slides
Projeto prevenção e combate ao bullying escolar slides
 
Microsoft Power Point Bullying
Microsoft Power Point   BullyingMicrosoft Power Point   Bullying
Microsoft Power Point Bullying
 
Cyberbullying
CyberbullyingCyberbullying
Cyberbullying
 
Bullying
BullyingBullying
Bullying
 
Cyberbullying powerpoint
Cyberbullying powerpointCyberbullying powerpoint
Cyberbullying powerpoint
 
Research thesis (effects of bullying)
Research thesis (effects of bullying)Research thesis (effects of bullying)
Research thesis (effects of bullying)
 

Semelhante a Bullying: Agressão que mais cresce (20)

Bullying
BullyingBullying
Bullying
 
Bullying, Cyberbulying, Bulicídio
Bullying, Cyberbulying, BulicídioBullying, Cyberbulying, Bulicídio
Bullying, Cyberbulying, Bulicídio
 
Bullying
BullyingBullying
Bullying
 
Bullyng
BullyngBullyng
Bullyng
 
Trabalho definitivo
Trabalho definitivoTrabalho definitivo
Trabalho definitivo
 
Builing mario marcus_pedro_tiago
Builing mario marcus_pedro_tiagoBuiling mario marcus_pedro_tiago
Builing mario marcus_pedro_tiago
 
Bullying1
Bullying1Bullying1
Bullying1
 
Bullying1
Bullying1Bullying1
Bullying1
 
A para quem ainda não sabe
A para quem ainda não sabeA para quem ainda não sabe
A para quem ainda não sabe
 
Bullyng
BullyngBullyng
Bullyng
 
Bullying
BullyingBullying
Bullying
 
Bullying
BullyingBullying
Bullying
 
Bullying "Gilnei"
Bullying "Gilnei"Bullying "Gilnei"
Bullying "Gilnei"
 
Vídeo aula 28
Vídeo aula 28Vídeo aula 28
Vídeo aula 28
 
Bulling power
Bulling powerBulling power
Bulling power
 
121 bullying1
121 bullying1121 bullying1
121 bullying1
 
4. Bullying: lidando com o mal século
4. Bullying: lidando com o mal século4. Bullying: lidando com o mal século
4. Bullying: lidando com o mal século
 
ApresentaçãO Do Bullying Palestra 2007
ApresentaçãO Do Bullying Palestra 2007ApresentaçãO Do Bullying Palestra 2007
ApresentaçãO Do Bullying Palestra 2007
 
Bullying grupo b
Bullying grupo bBullying grupo b
Bullying grupo b
 
Namoro sobral
Namoro sobralNamoro sobral
Namoro sobral
 

Mais de -

Trabalho Escravo no Brasil
Trabalho Escravo no BrasilTrabalho Escravo no Brasil
Trabalho Escravo no Brasil-
 
Educação mundial
Educação mundialEducação mundial
Educação mundial-
 
Andre e wesley dia quatro de novembro,quatorze.
Andre e wesley dia quatro de novembro,quatorze.Andre e wesley dia quatro de novembro,quatorze.
Andre e wesley dia quatro de novembro,quatorze.-
 
A tecnologia voltada para escola.pptx helljulia (1)
A tecnologia voltada para escola.pptx helljulia (1)A tecnologia voltada para escola.pptx helljulia (1)
A tecnologia voltada para escola.pptx helljulia (1)-
 
A escola do futuro
A escola do futuroA escola do futuro
A escola do futuro-
 
A economia no mundo
A economia no mundoA economia no mundo
A economia no mundo-
 
Apresentação 2 power point
Apresentação 2  power pointApresentação 2  power point
Apresentação 2 power point-
 
Artigo AVA
Artigo AVAArtigo AVA
Artigo AVA-
 
Artigo AVA
Artigo AVAArtigo AVA
Artigo AVA-
 
Eco battery
Eco batteryEco battery
Eco battery-
 
Qualidades de nossas escolas
Qualidades  de nossas escolasQualidades  de nossas escolas
Qualidades de nossas escolas-
 
O jovem no mercado de trabalho
O jovem no mercado de trabalhoO jovem no mercado de trabalho
O jovem no mercado de trabalho-
 
O futuro da sociedade tecnológica
O futuro da sociedade tecnológicaO futuro da sociedade tecnológica
O futuro da sociedade tecnológica-
 
Miséria
MisériaMiséria
Miséria-
 
Jovens criando família
Jovens criando famíliaJovens criando família
Jovens criando família-
 
Melhores Empresas para se trabalhar
Melhores Empresas para se trabalharMelhores Empresas para se trabalhar
Melhores Empresas para se trabalhar-
 
Drogas no esporte
Drogas no esporteDrogas no esporte
Drogas no esporte-
 
Drogas na escola
Drogas na escolaDrogas na escola
Drogas na escola-
 
Drogas licitas e ilícitas
Drogas licitas e ilícitasDrogas licitas e ilícitas
Drogas licitas e ilícitas-
 
As barreiras criadas pela tecnologia
As barreiras criadas pela tecnologiaAs barreiras criadas pela tecnologia
As barreiras criadas pela tecnologia-
 

Mais de - (20)

Trabalho Escravo no Brasil
Trabalho Escravo no BrasilTrabalho Escravo no Brasil
Trabalho Escravo no Brasil
 
Educação mundial
Educação mundialEducação mundial
Educação mundial
 
Andre e wesley dia quatro de novembro,quatorze.
Andre e wesley dia quatro de novembro,quatorze.Andre e wesley dia quatro de novembro,quatorze.
Andre e wesley dia quatro de novembro,quatorze.
 
A tecnologia voltada para escola.pptx helljulia (1)
A tecnologia voltada para escola.pptx helljulia (1)A tecnologia voltada para escola.pptx helljulia (1)
A tecnologia voltada para escola.pptx helljulia (1)
 
A escola do futuro
A escola do futuroA escola do futuro
A escola do futuro
 
A economia no mundo
A economia no mundoA economia no mundo
A economia no mundo
 
Apresentação 2 power point
Apresentação 2  power pointApresentação 2  power point
Apresentação 2 power point
 
Artigo AVA
Artigo AVAArtigo AVA
Artigo AVA
 
Artigo AVA
Artigo AVAArtigo AVA
Artigo AVA
 
Eco battery
Eco batteryEco battery
Eco battery
 
Qualidades de nossas escolas
Qualidades  de nossas escolasQualidades  de nossas escolas
Qualidades de nossas escolas
 
O jovem no mercado de trabalho
O jovem no mercado de trabalhoO jovem no mercado de trabalho
O jovem no mercado de trabalho
 
O futuro da sociedade tecnológica
O futuro da sociedade tecnológicaO futuro da sociedade tecnológica
O futuro da sociedade tecnológica
 
Miséria
MisériaMiséria
Miséria
 
Jovens criando família
Jovens criando famíliaJovens criando família
Jovens criando família
 
Melhores Empresas para se trabalhar
Melhores Empresas para se trabalharMelhores Empresas para se trabalhar
Melhores Empresas para se trabalhar
 
Drogas no esporte
Drogas no esporteDrogas no esporte
Drogas no esporte
 
Drogas na escola
Drogas na escolaDrogas na escola
Drogas na escola
 
Drogas licitas e ilícitas
Drogas licitas e ilícitasDrogas licitas e ilícitas
Drogas licitas e ilícitas
 
As barreiras criadas pela tecnologia
As barreiras criadas pela tecnologiaAs barreiras criadas pela tecnologia
As barreiras criadas pela tecnologia
 

Último

HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfDIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfIedaGoethe
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfIedaGoethe
 
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxAula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxBiancaNogueira42
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfHenrique Pontes
 
Atividade com a letra da música Meu Abrigo
Atividade com a letra da música Meu AbrigoAtividade com a letra da música Meu Abrigo
Atividade com a letra da música Meu AbrigoMary Alvarenga
 
Gerenciando a Aprendizagem Organizacional
Gerenciando a Aprendizagem OrganizacionalGerenciando a Aprendizagem Organizacional
Gerenciando a Aprendizagem OrganizacionalJacqueline Cerqueira
 
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASQUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASEdinardo Aguiar
 
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxDeyvidBriel
 
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfaulasgege
 
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 anoAdelmaTorres2
 
Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosBingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosAntnyoAllysson
 
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolaresALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolaresLilianPiola
 
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimirFCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimirIedaGoethe
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxIsabellaGomes58
 
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasPrograma de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasCassio Meira Jr.
 
Habilidades Motoras Básicas e Específicas
Habilidades Motoras Básicas e EspecíficasHabilidades Motoras Básicas e Específicas
Habilidades Motoras Básicas e EspecíficasCassio Meira Jr.
 
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptxDoutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptxThye Oliver
 

Último (20)

HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfDIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
 
XI OLIMPÍADAS DA LÍNGUA PORTUGUESA -
XI OLIMPÍADAS DA LÍNGUA PORTUGUESA      -XI OLIMPÍADAS DA LÍNGUA PORTUGUESA      -
XI OLIMPÍADAS DA LÍNGUA PORTUGUESA -
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
 
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxAula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
 
Atividade com a letra da música Meu Abrigo
Atividade com a letra da música Meu AbrigoAtividade com a letra da música Meu Abrigo
Atividade com a letra da música Meu Abrigo
 
Gerenciando a Aprendizagem Organizacional
Gerenciando a Aprendizagem OrganizacionalGerenciando a Aprendizagem Organizacional
Gerenciando a Aprendizagem Organizacional
 
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASQUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
 
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
 
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
 
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
637743470-Mapa-Mental-Portugue-s-1.pdf 4 ano
 
Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosBingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
 
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolaresALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
ALMANANHE DE BRINCADEIRAS - 500 atividades escolares
 
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimirFCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
 
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasPrograma de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
 
Habilidades Motoras Básicas e Específicas
Habilidades Motoras Básicas e EspecíficasHabilidades Motoras Básicas e Específicas
Habilidades Motoras Básicas e Específicas
 
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptxDoutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
Doutrina Deus filho e Espírito Santo.pptx
 
treinamento brigada incendio 2024 no.ppt
treinamento brigada incendio 2024 no.ppttreinamento brigada incendio 2024 no.ppt
treinamento brigada incendio 2024 no.ppt
 

Bullying: Agressão que mais cresce

  • 1. Bullying “Bullying é não aceitar que os outros sejam diferentes de você”
  • 2. Resumo O bullying sempre existiu, mas nos últimos anos ele está cada vez mais em evidência. O bullying é o ato de “pratica agressiva” que mais cresce no mundo, sendo que 30% dos adolescentes brasileiros praticam ou sofrem bullying frequentemente.
  • 3. Índice • O que é bullying? • O que não é bullying? • Principais formas • Como identificar um agressor • Como identificar a vítima • Como a vítima é afetada • “Locais de bullying”
  • 4. • O que fazer para evitar o bullying nas escolas? • Curiosidades • Depoimentos
  • 5. • Bully vem do inglês, que significa valentão. • Bullying é usado para denominar qualquer tipo de atitude agressiva. • Ato de violência psicológica e física. • Praticado por grupos ou apenas uma pessoa. • Normalmente acontece longe de adultos e autoridades.
  • 6. • Discussões ou brigas que não acontecem frequentemente. • Quando não são “levadas em frente”, ou seja, são resolvidas na hora.
  • 7. • Há diversas formas de bullying, como: • Físico: bater, empurrar, beliscar; • Verbal: apelidos maldosos, insultos; • Moral: caluniar, difamar, discriminar; • Sexual: abusar sexualmente, assediar; • Psicológico: ameaçar, intimidar, perseguir;
  • 8. • Material: roubar, destruir; • Cyberbullying: humilhar, discriminar usando Internet, entre outros.
  • 9. • Querer se destacar no meio em que convive, mesmo que não seja da melhor forma. • Querer ser “exaltado”, colocar medo. • Exigindo respeito a qualquer custo.
  • 10. • O agressor é mais “forte” psicologicamente e fisicamente. • Pratica o ato contra pessoas mais “fracas” do que o agressor. • Abusa do poder de manipulação, fazendo que outras pessoas também pratiquem o ato.
  • 11. • A vítima é psicologicamente afetada, diante do agressor. • Tem medo de se expressar, assim acaba se excluindo de todos. • Mesmo sem falar o que ocorre, a vítima se mostra abalada.
  • 12. • As vítimas do bullying sofrem sérios “danos” a sua saúde mental e física. Alguns exemplos são: • Falta de sono, problemas de estômago, transtornos alimentares, nervosismo, depressão, ansiedade, etc. • Algumas pessoas, passam de vítimas para agressores.
  • 13.
  • 14. • O bullying não tem hora e muito menos lugar. • Escolas: é o local que mais ocorre bullying; • Local de trabalho: conhecido como “bullying adulto”; • Política: ocorre entre estados, países, etc; • Militar: abuso de autoridade e de força física.
  • 15. • Conversar com os envolvidos, entender os motivos e reclamações; • Estimular o entendimento sobre o assunto no combate ao ato; • Incentivar o respeito; • Fazer com que entendam suas diferenças e opiniões opostas;
  • 16. Depoimentos • “Eu não era hippie ou fã dos Rolling Stones, então me tornei esquisita (...) Se você fosse diferente, os alunos eram bem perversos. As pessoas faziam questão de serem maldosas comigo” Madonna • “Eu ia me sentar com elas no intervalo, e elas levantavam e iam para outra mesa. Me chamavam de estranha”. Taylor Swift
  • 17. • “Elas me prenderam lá e fiquei batendo na porta até machucar meus pulsos. Ninguém veio. Fiquei mais ou menos uma hora presa, esperando alguém me ajudar, e pensando o quanto minha vida estava arruinada.” Miley Cyrus • “Eu mudava de escola duas, três vezes por ano e isso era provavelmente a parte mais dura. Era espancado na casa de banho, espancado nos corredores, enfiavam-me nos cacifos apenas porque, na maior parte das vezes, era o miúdo novo” Eminem
  • 18. Referência • http://www.significados.com.br/bullying/ • http://bullying-sos.blogspot.com.br/p/os- efeitos-do-bullying.html • http://www.einstein.br/einstein-saude/em- dia-com-a-saude/Paginas/como-identificar-e- ajudar-criancas-e-adolescentes-vitimas-de- bullying.aspx
  • 21. • Trabalho realizado no curso Serviços Administrativos, SENAC-RS Carolina Pessalli - carolpessalli@gmail.com Natalia Provensi - natalia.provensi25@gmail.com