Tipos de Protecção Colectiva

1.147 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.147
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
5
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
48
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • Quando falamos de EPC’s falamos em medidas especificas que uma organização toma para a segurança dos seus colaboradores num todo no local de trabalho de forma a ser eficaz e prática.
    Deste modo os EPC’s têm como objetivo:
    Eliminar o risco: torna-lo definitivamente inexistente. Ex.: escada com piso escorregadio, que deverá ser trocado por piso emborrachado e antiderrapante.
    Neutralizar o risco: o risco existe, mas está controlado. Esta alternativa é usada na impossibilidade temporária ou definitiva da eliminação de um risco. Ex.: partes móveis de uma máquina – engrenagens, polias, correias, etc. - devem ser neutralizadas com um anteparo protetor, já que não podem ser eliminadas.
    Sinalizar o risco: medida adotada quando não for possível eliminar ou isolar o risco. Ex.: máquinas em manutenção devem ser sinalizadas com advertência; locais onde é proibido fumar devem ser devidamente sinalizados.
  • Segundo as pesquisas realizadas podemos constatar que os Equipamentos de Proteção Coletiva e Individual complementam-se atuando de forma conjunta onde formam um sistema de maior segurança e proteção.
    As medidas de proteção coletiva, devem ter prioridade, conforme determina a legislação, uma vez que beneficiam todos os trabalhadores. Só nos casos em que não é possível a utilização dos EPC’s devemos proceder à utilização dos EPI’s.
    O equipamento de uso coletivo é destinado a evitar acidentes e o aparecimento de doenças ocupacionais.
    - Servem para neutralizar a ação dos agentes ambientais evitando acidentes, protegendo contra danos à saúde e a integridade física dos trabalhadores, uma vez que o ambiente de trabalho não deve oferecer riscos à saúde ou à segurança do trabalhador.
  • Sistema de exaustão: elimina gases, vapores ou poeiras contaminantes.
    Enclausuramento: fecho de máquina muito barulhenta para eliminar o ruido excessivo.
    Comando bimanual: mantém as mãos fora da zona de perigo durante o ciclo de uma máquina.
    Cabo de segurança: para conter equipamentos suspensos sujeitos a esforços, caso venham a se desprender.
  • Encontramos vários tipos de EPC’s mas fizemos uma seleção e achamos que estes são na nossa opinião os mais importantes
  • Existem telas e redes para os mais variados. Um tipo bastante conhecido, são as redes de apartamentos, que evita quedas de material em construção civil.
    É comum vermos prédios envolvidos por redes, que evitam que objetos e partes da obra se dispersem, atingido outras regiões e operários que trabalham próximo.
    - Também podem existir para amortecer a queda de trabalhadores que trabalhem em ambientes com altura elevada.
  • - É obrigatório a instalação de proteção coletiva onde houver risco de queda de trabalhadores ou de projeção de materiais.
    - As aberturas, em caso de serem utilizadas para o transporte vertical de materiais e equipamentos, devem ser protegidas por guarda-corpo fixo, no ponto de entrada e saída de material e, por um sistema de fechamento do tipo cancela ou similar.
  • Estes Tapumes ou Galerias evitam o acesso de pessoas alheias às atividades da obra e protegem os indivíduos da projeção de materiais.
    Na imagem podemos ver as dimensões apropriadas e a forma de montagem.
  • - o objetivo é eliminar/neutralizar, na medida do possível, por meios técnicos, todos os fenómenos perigosos de origem mecânica via meios de proteção mais adequados.
    O perigo mecânico gerado por partes, ou componentes da maquina, está condicionada principalmente pela:
    forma (arestas, rebarbas, partes pontiagudas); a massa e a estabilidade (energia potencial); a massa e a velocidade (energia cinética); resistência mecânica a rutura ou deformação e acumulação de energia, etc.
  • É o sistema de segurança que, através da elevação de temperatura, produz fortes borrifos de água no ambiente (borrifador de teto).
  • Fitas de demarcação reflexivas - Utilizadas para marcação e isolamento de áreas de trabalho.
    Cones de sinalização – Têm Finalidade de sinalização de áreas de trabalho e obras em vias públicas ou rodovias e orientação de trânsito de veículos e de pedestres e podem ser utilizados em conjunto com fita zebrada, sinalizador STROBO (luz) ou bandeirolas.
  • Coberturas isolantes – Têm a finalidade de isolar partes energizadas de redes elétricas de distribuição durante a execução de tarefas.
  • Não tem isoladores, não tem enclausuramento pro ruido nem prás mãos
  • Não tem redes de proteção
    Não tem andaimes nem plataformas de trabalho
  • Tipos de Protecção Colectiva

    1. 1. UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu REPÚBLICA PORTUGUESAREGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO - 342 - Marketing e publicidade - 344 - Contabilidade e fiscalidade - 345 - Gestão e administração - 811 - Hotelaria e restauração - 812 - Turismo e lazer - 146 - Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas Projecto co-financiado pelo Fundo Social Europeu Os melhores RUMOS para os Cidadãos da Região UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu REPÚBLICA PORTUGUESAREGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO - 342 - Marketing e publicidade - 344 - Contabilidade e fiscalidade - 345 - Gestão e administração - 811 - Hotelaria e restauração - 812 - Turismo e lazer - 146 - Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas Projecto co-financiado pelo Fundo Social Europeu 1 Formandos: Bernardo Drumond Mónica Abreu Sílvia Vieira UFCD: Ambiente, Segurança, Higiene e Saúde no Trabalho Formadora: Engª Cristina Silva
    2. 2. UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu REPÚBLICA PORTUGUESAREGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO - 342 - Marketing e publicidade - 344 - Contabilidade e fiscalidade - 345 - Gestão e administração - 811 - Hotelaria e restauração - 812 - Turismo e lazer - 146 - Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas Projecto co-financiado pelo Fundo Social Europeu Os melhores RUMOS para os Cidadãos da Região UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu REPÚBLICA PORTUGUESAREGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO - 342 - Marketing e publicidade - 344 - Contabilidade e fiscalidade - 345 - Gestão e administração - 811 - Hotelaria e restauração - 812 - Turismo e lazer - 146 - Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas Projecto co-financiado pelo Fundo Social Europeu 2 Neste trabalho pretendo expor sucintamente o tema sobre Equipamentos de Proteção Coletiva, um dos temas abordados nas aulas de ambiente, Segurança, Higiene e Saúde no Trabalho. Tenho como objetivo explicar o que são os Equipamentos de Proteção Coletiva (EPC’s), para que servem e como devem ser utilizados.
    3. 3. UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu REPÚBLICA PORTUGUESAREGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO - 342 - Marketing e publicidade - 344 - Contabilidade e fiscalidade - 345 - Gestão e administração - 811 - Hotelaria e restauração - 812 - Turismo e lazer - 146 - Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas Projecto co-financiado pelo Fundo Social Europeu Os melhores RUMOS para os Cidadãos da Região UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu REPÚBLICA PORTUGUESAREGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO - 342 - Marketing e publicidade - 344 - Contabilidade e fiscalidade - 345 - Gestão e administração - 811 - Hotelaria e restauração - 812 - Turismo e lazer - 146 - Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas Projecto co-financiado pelo Fundo Social Europeu 3 Os acidentes são evitados com a aplicação de medidas específicas de segurança, selecionadas de forma a estabelecer maior eficácia na prática. Eliminaçã o do risco Neutraliz ação do risco Sinalizaç ão do risco
    4. 4. UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu REPÚBLICA PORTUGUESAREGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO - 342 - Marketing e publicidade - 344 - Contabilidade e fiscalidade - 345 - Gestão e administração - 811 - Hotelaria e restauração - 812 - Turismo e lazer - 146 - Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas Projecto co-financiado pelo Fundo Social Europeu Os melhores RUMOS para os Cidadãos da Região UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu REPÚBLICA PORTUGUESAREGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO - 342 - Marketing e publicidade - 344 - Contabilidade e fiscalidade - 345 - Gestão e administração - 811 - Hotelaria e restauração - 812 - Turismo e lazer - 146 - Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas Projecto co-financiado pelo Fundo Social Europeu 4
    5. 5. UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu REPÚBLICA PORTUGUESAREGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO - 342 - Marketing e publicidade - 344 - Contabilidade e fiscalidade - 345 - Gestão e administração - 811 - Hotelaria e restauração - 812 - Turismo e lazer - 146 - Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas Projecto co-financiado pelo Fundo Social Europeu Os melhores RUMOS para os Cidadãos da Região UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu REPÚBLICA PORTUGUESAREGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO - 342 - Marketing e publicidade - 344 - Contabilidade e fiscalidade - 345 - Gestão e administração - 811 - Hotelaria e restauração - 812 - Turismo e lazer - 146 - Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas Projecto co-financiado pelo Fundo Social Europeu 5
    6. 6. UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu REPÚBLICA PORTUGUESAREGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO - 342 - Marketing e publicidade - 344 - Contabilidade e fiscalidade - 345 - Gestão e administração - 811 - Hotelaria e restauração - 812 - Turismo e lazer - 146 - Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas Projecto co-financiado pelo Fundo Social Europeu Os melhores RUMOS para os Cidadãos da Região UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu REPÚBLICA PORTUGUESAREGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO - 342 - Marketing e publicidade - 344 - Contabilidade e fiscalidade - 345 - Gestão e administração - 811 - Hotelaria e restauração - 812 - Turismo e lazer - 146 - Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas Projecto co-financiado pelo Fundo Social Europeu 6
    7. 7. UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu REPÚBLICA PORTUGUESAREGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO - 342 - Marketing e publicidade - 344 - Contabilidade e fiscalidade - 345 - Gestão e administração - 811 - Hotelaria e restauração - 812 - Turismo e lazer - 146 - Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas Projecto co-financiado pelo Fundo Social Europeu Os melhores RUMOS para os Cidadãos da Região UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu REPÚBLICA PORTUGUESAREGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO - 342 - Marketing e publicidade - 344 - Contabilidade e fiscalidade - 345 - Gestão e administração - 811 - Hotelaria e restauração - 812 - Turismo e lazer - 146 - Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas Projecto co-financiado pelo Fundo Social Europeu 7 Redes de proteção/telas
    8. 8. UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu REPÚBLICA PORTUGUESAREGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO - 342 - Marketing e publicidade - 344 - Contabilidade e fiscalidade - 345 - Gestão e administração - 811 - Hotelaria e restauração - 812 - Turismo e lazer - 146 - Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas Projecto co-financiado pelo Fundo Social Europeu Os melhores RUMOS para os Cidadãos da Região UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu REPÚBLICA PORTUGUESAREGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO - 342 - Marketing e publicidade - 344 - Contabilidade e fiscalidade - 345 - Gestão e administração - 811 - Hotelaria e restauração - 812 - Turismo e lazer - 146 - Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas Projecto co-financiado pelo Fundo Social Europeu http://www.youtube.com/watch?v=GwP3_vo7MyY 8 Andaimes e plataformas de trabalho
    9. 9. UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu REPÚBLICA PORTUGUESAREGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO - 342 - Marketing e publicidade - 344 - Contabilidade e fiscalidade - 345 - Gestão e administração - 811 - Hotelaria e restauração - 812 - Turismo e lazer - 146 - Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas Projecto co-financiado pelo Fundo Social Europeu Os melhores RUMOS para os Cidadãos da Região UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu REPÚBLICA PORTUGUESAREGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO - 342 - Marketing e publicidade - 344 - Contabilidade e fiscalidade - 345 - Gestão e administração - 811 - Hotelaria e restauração - 812 - Turismo e lazer - 146 - Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas Projecto co-financiado pelo Fundo Social Europeu Tapumes /Galerias 9
    10. 10. UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu REPÚBLICA PORTUGUESAREGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO - 342 - Marketing e publicidade - 344 - Contabilidade e fiscalidade - 345 - Gestão e administração - 811 - Hotelaria e restauração - 812 - Turismo e lazer - 146 - Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas Projecto co-financiado pelo Fundo Social Europeu Os melhores RUMOS para os Cidadãos da Região UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu REPÚBLICA PORTUGUESAREGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO - 342 - Marketing e publicidade - 344 - Contabilidade e fiscalidade - 345 - Gestão e administração - 811 - Hotelaria e restauração - 812 - Turismo e lazer - 146 - Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas Projecto co-financiado pelo Fundo Social Europeu Proteção de máquinas e enclausuramento 10 21 3 1. Proteção para os dedos 2. Enclausuramento de maquinas 3. Enclausuramento para ruido
    11. 11. UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu REPÚBLICA PORTUGUESAREGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO - 342 - Marketing e publicidade - 344 - Contabilidade e fiscalidade - 345 - Gestão e administração - 811 - Hotelaria e restauração - 812 - Turismo e lazer - 146 - Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas Projecto co-financiado pelo Fundo Social Europeu Os melhores RUMOS para os Cidadãos da Região UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu REPÚBLICA PORTUGUESAREGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO - 342 - Marketing e publicidade - 344 - Contabilidade e fiscalidade - 345 - Gestão e administração - 811 - Hotelaria e restauração - 812 - Turismo e lazer - 146 - Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas Projecto co-financiado pelo Fundo Social Europeu 11 Sprinklers
    12. 12. UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu REPÚBLICA PORTUGUESAREGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO - 342 - Marketing e publicidade - 344 - Contabilidade e fiscalidade - 345 - Gestão e administração - 811 - Hotelaria e restauração - 812 - Turismo e lazer - 146 - Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas Projecto co-financiado pelo Fundo Social Europeu Os melhores RUMOS para os Cidadãos da Região UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu REPÚBLICA PORTUGUESAREGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO - 342 - Marketing e publicidade - 344 - Contabilidade e fiscalidade - 345 - Gestão e administração - 811 - Hotelaria e restauração - 812 - Turismo e lazer - 146 - Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas Projecto co-financiado pelo Fundo Social Europeu 12 Fitas de demarcação reflexivas e cones de sinalização
    13. 13. UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu REPÚBLICA PORTUGUESAREGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO - 342 - Marketing e publicidade - 344 - Contabilidade e fiscalidade - 345 - Gestão e administração - 811 - Hotelaria e restauração - 812 - Turismo e lazer - 146 - Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas Projecto co-financiado pelo Fundo Social Europeu Os melhores RUMOS para os Cidadãos da Região UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu REPÚBLICA PORTUGUESAREGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO - 342 - Marketing e publicidade - 344 - Contabilidade e fiscalidade - 345 - Gestão e administração - 811 - Hotelaria e restauração - 812 - Turismo e lazer - 146 - Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas Projecto co-financiado pelo Fundo Social Europeu Coberturas isolantes 13
    14. 14. UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu REPÚBLICA PORTUGUESAREGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO - 342 - Marketing e publicidade - 344 - Contabilidade e fiscalidade - 345 - Gestão e administração - 811 - Hotelaria e restauração - 812 - Turismo e lazer - 146 - Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas Projecto co-financiado pelo Fundo Social Europeu Os melhores RUMOS para os Cidadãos da Região UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu REPÚBLICA PORTUGUESAREGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO - 342 - Marketing e publicidade - 344 - Contabilidade e fiscalidade - 345 - Gestão e administração - 811 - Hotelaria e restauração - 812 - Turismo e lazer - 146 - Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas Projecto co-financiado pelo Fundo Social Europeu Erros comuns 14
    15. 15. UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu REPÚBLICA PORTUGUESAREGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO - 342 - Marketing e publicidade - 344 - Contabilidade e fiscalidade - 345 - Gestão e administração - 811 - Hotelaria e restauração - 812 - Turismo e lazer - 146 - Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas Projecto co-financiado pelo Fundo Social Europeu Os melhores RUMOS para os Cidadãos da Região UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu REPÚBLICA PORTUGUESAREGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO - 342 - Marketing e publicidade - 344 - Contabilidade e fiscalidade - 345 - Gestão e administração - 811 - Hotelaria e restauração - 812 - Turismo e lazer - 146 - Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas Projecto co-financiado pelo Fundo Social Europeu 15
    16. 16. UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu REPÚBLICA PORTUGUESAREGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO - 342 - Marketing e publicidade - 344 - Contabilidade e fiscalidade - 345 - Gestão e administração - 811 - Hotelaria e restauração - 812 - Turismo e lazer - 146 - Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas Projecto co-financiado pelo Fundo Social Europeu Os melhores RUMOS para os Cidadãos da Região UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu REPÚBLICA PORTUGUESAREGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO - 342 - Marketing e publicidade - 344 - Contabilidade e fiscalidade - 345 - Gestão e administração - 811 - Hotelaria e restauração - 812 - Turismo e lazer - 146 - Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas Projecto co-financiado pelo Fundo Social Europeu 16 A realização deste trabalho foi enriquecedor porque fiquei a conhecer melhor quais os equipamentos de proteção coletiva e em que contextos devem ser aplicados. Podemos concluir que estes são deveras importantes para um bom funcionamento organizacional como também para o bem estar e proteção dos colaboradores, evitando desta forma futuras doenças a nível profissional.
    17. 17. UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu REPÚBLICA PORTUGUESAREGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO - 342 - Marketing e publicidade - 344 - Contabilidade e fiscalidade - 345 - Gestão e administração - 811 - Hotelaria e restauração - 812 - Turismo e lazer - 146 - Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas Projecto co-financiado pelo Fundo Social Europeu Os melhores RUMOS para os Cidadãos da Região UNIÃO EUROPEIA Fundo Social Europeu REPÚBLICA PORTUGUESAREGIÃO AUTÓNOMA DA MADEIRA ÁREAS DE EDUCAÇÃO E FORMAÇÃO - 342 - Marketing e publicidade - 344 - Contabilidade e fiscalidade - 345 - Gestão e administração - 811 - Hotelaria e restauração - 812 - Turismo e lazer - 146 - Formação de professores e formadores de áreas tecnológicas Projecto co-financiado pelo Fundo Social Europeu  http://www.cursosegurancadotrabalho.net/2013/08/EPC-Equipamento-de-Protecao-Co  http://segurancadotrabalhonwn.com/epi-ou-epc-qual-devo-indicar/  http://www.if.ufrgs.br/~mittmann/NR-6_BLOG.pdf  http://www.slideshare.net/danieljp/aula-6-epc  http://www.fiocruz.br/biosseguranca/Bis/lab_virtual/epc.html  http://tiago_irc.blogs.sapo.pt/  http://www.napofilm.net/pt/napos-films/multimedia-film-episodes-listing- view?filmid=napo-016-lungs-at-work 12

    ×