Tendência de Custos das Obras:
Como acompanhare analisar
atravésdo Sienge?
PALESTRANTE
ANAURIMARAFON
EngenheiroCivil,Coordenadorde
ProdutodoSienge,há15anosno
mercadodaTecnologiadaInformação
comfoco...
◦ Apalestrateráduraçãodevinteecincominutos.
◦ Oeventoserágravado.
◦ Osquestionamentosdeverãoserenviados,aofinal
dapalestra...
ROTEIRO
◦ Apropriação de Obra: flexível e essencial para
o controle.
◦ Distorções de apropriações: Há custos de
obra não c...
Apresentarferramentasdeanálisede
tendênciadecustosdeobraseos
principaisrequisitosparasua
operacionalizaçãonoSienge.
OBJETI...
APROPRIAÇÃODEOBRA:FLEXÍVELEESSENCIALPARAOCONTROLE
APROPRIAÇÃODEOBRA:FLEXÍVELEESSENCIALPARAOCONTROLE
DISTORÇÃODEAPROPRIAÇÕES:HÁCUSTOSNÃOCOMPUTADOS?
DISTORÇÃODEAPROPRIAÇÕES:HÁCUSTOSNÃOCOMPUTADOS?
DISTORÇÃODEAPROPRIAÇÕES:HÁCUSTOSNÃOCOMPUTADOS?
DISTORÇÃODEAPROPRIAÇÕES:HÁCUSTOSNÃOCOMPUTADOS?
CUSTOPORNÍVEL:TENDÊNCIADECUSTOSDURANTEAOBRA
CUSTOPORNÍVEL:TENDÊNCIADECUSTOSDURANTEAOBRA
GERENCIALSUPRIMENTOS:EVIDÊNCIASDEPOSSÍVEISESTOUROS
GERENCIALSUPRIMENTOS:EVIDÊNCIASDEPOSSÍVEISESTOUROS
GERENCIALSUPRIMENTOS:EVIDÊNCIASDEPOSSÍVEISESTOUROS
GERENCIALSUPRIMENTOS:EVIDÊNCIASDEPOSSÍVEISESTOUROS
GERENCIALSUPRIMENTOS:EVIDÊNCIASDEPOSSÍVEISESTOUROS
Escrevasuadúvidapelobate-papoouenvieparaoe-mail:
ciclosienge@softplan.com.br
DÚVIDAS
*Osmicrofonespermanecerãofechados.
*A...
Tendência de custos das obras como acompanhar e analisar através do sienge
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Tendência de custos das obras como acompanhar e analisar através do sienge

425 visualizações

Publicada em

Para as empresas da indústria da construção, atingir o que foi orçado é indispensável. Quanto mais detalhado e preciso for o orçamento, em relação aos quantitativos e preços unitários previstos, mais eficaz será o controle e o acompanhamento. Para que seja possível acompanhar e controlar a evolução da obra, é fundamental que a empresa possua processos operacionais bem definidos e que permitam a alimentação adequada do sistema de gestão. Além disso, os dados cadastrados devem ser tabulados e transformados em informações úteis, possibilitando a previsão de possíveis distorções relacionadas ao orçamento e ao cronograma.

Nesta palestra, vamos abordar como as ferramentas Gerencial de Obras e de Suprimentos do Sienge viabilizam o acompanhamento do projeto, considerando os custos e quantitativos cadastrados, e auxiliam na percepção de possíveis estouros nos orçamentos de obras antes que ocorram.
Assista também o vídeo: http://goo.gl/P9H2mF

Publicada em: Engenharia
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Tendência de custos das obras como acompanhar e analisar através do sienge

  1. 1. Tendência de Custos das Obras: Como acompanhare analisar atravésdo Sienge?
  2. 2. PALESTRANTE ANAURIMARAFON EngenheiroCivil,Coordenadorde ProdutodoSienge,há15anosno mercadodaTecnologiadaInformação comfoconaIndústriadaConstrução.
  3. 3. ◦ Apalestrateráduraçãodevinteecincominutos. ◦ Oeventoserágravado. ◦ Osquestionamentosdeverãoserenviados,aofinal dapalestra,viabate-papo. ◦ Osquestionamentosselecionadosserãorespondidos nos10minutosfinais. ◦ Asdúvidasnãoesclarecidasserãorespondidas posteriormentepore-mail. ORIENTAÇÕES
  4. 4. ROTEIRO ◦ Apropriação de Obra: flexível e essencial para o controle. ◦ Distorções de apropriações: Há custos de obra não computados? ◦ Custo por nível: tendência de custos durante a obra. ◦ Gerencial Suprimentos: evidências de possíveis estouros.
  5. 5. Apresentarferramentasdeanálisede tendênciadecustosdeobraseos principaisrequisitosparasua operacionalizaçãonoSienge. OBJETIVO
  6. 6. APROPRIAÇÃODEOBRA:FLEXÍVELEESSENCIALPARAOCONTROLE
  7. 7. APROPRIAÇÃODEOBRA:FLEXÍVELEESSENCIALPARAOCONTROLE
  8. 8. DISTORÇÃODEAPROPRIAÇÕES:HÁCUSTOSNÃOCOMPUTADOS?
  9. 9. DISTORÇÃODEAPROPRIAÇÕES:HÁCUSTOSNÃOCOMPUTADOS?
  10. 10. DISTORÇÃODEAPROPRIAÇÕES:HÁCUSTOSNÃOCOMPUTADOS?
  11. 11. DISTORÇÃODEAPROPRIAÇÕES:HÁCUSTOSNÃOCOMPUTADOS?
  12. 12. CUSTOPORNÍVEL:TENDÊNCIADECUSTOSDURANTEAOBRA
  13. 13. CUSTOPORNÍVEL:TENDÊNCIADECUSTOSDURANTEAOBRA
  14. 14. GERENCIALSUPRIMENTOS:EVIDÊNCIASDEPOSSÍVEISESTOUROS
  15. 15. GERENCIALSUPRIMENTOS:EVIDÊNCIASDEPOSSÍVEISESTOUROS
  16. 16. GERENCIALSUPRIMENTOS:EVIDÊNCIASDEPOSSÍVEISESTOUROS
  17. 17. GERENCIALSUPRIMENTOS:EVIDÊNCIASDEPOSSÍVEISESTOUROS
  18. 18. GERENCIALSUPRIMENTOS:EVIDÊNCIASDEPOSSÍVEISESTOUROS
  19. 19. Escrevasuadúvidapelobate-papoouenvieparaoe-mail: ciclosienge@softplan.com.br DÚVIDAS *Osmicrofonespermanecerãofechados. *Asdúvidasnãoesclarecidasserãorespondidaspore-mail.

×