Aterro Sanitário

2.041 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.041
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
33
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
42
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aterro Sanitário

  1. 1. Mariana Rodrigues da Cunha Engenheira Ambiental
  2. 2.  A Asja é líder na Itália na produção de Energia Elétrica a partir de fontes renováveis e reduz as emissões de gases responsáveis pela mudança climática.  A Limpebras Resíduos, empresa integrante do grupo Limpebras, é responsável pela limpeza urbana e licenciamento, instalação e operação de aterros sanitários em cidades de Minas Gerais e São Paulo.  A Energas nasceu da sociedade dessas duas empresas e iniciou suas operações em junho de 2011 (instalação de drenagem), sendo que a produção de energia se dá desde março de 2012. Quem SomosQuem Somos
  3. 3. Aterro Sanitário encerrado Aterro Sanitário em operação Aterros Sanitários de UberlândiaAterros Sanitários de Uberlândia
  4. 4.  Operou entre 1995 e 2010.  Área total: 30ha.  Total de resíduos sólidos recebidos: 2,1 milhões de toneladas.  Encerrado em Setembro de 2010, será conservado, mantido e monitorado por pelo menos 20 anos.  Tem potencial garantido de geração de biogás para aproveitamento energético até 2018.  Recebeu o Prêmio Borboleta de Ouro como Melhor Aterro Sanitário de Minas Gerais, pela Feam/MG. Aterro Sanitário EncerradoAterro Sanitário Encerrado
  5. 5. Aterro Sanitário EncerradoAterro Sanitário Encerrado
  6. 6. Aterro Sanitário EncerradoAterro Sanitário Encerrado
  7. 7. Aterro Sanitário EncerradoAterro Sanitário Encerrado
  8. 8. Aterro Sanitário EncerradoAterro Sanitário Encerrado
  9. 9.  Capacidade de receber 4.200.000 toneladas.  Área total: 30ha.  Vida útil estimada até 2028.  Recebimento diário de aproximadamente 600 t.  Dispositivos de proteção ambiental.  Tem estimativa de geração de biogás para aproveitamento energético até 2032. Empreendimento licenciado (Classe 5 – DN COPAM 74/2004), com condicionantes a cumprir. Aterro Sanitário em OperaçãoAterro Sanitário em Operação
  10. 10. Aterro Sanitário em OperaçãoAterro Sanitário em Operação
  11. 11. Aterro Sanitário em OperaçãoAterro Sanitário em Operação
  12. 12. Aterro Sanitário em OperaçãoAterro Sanitário em Operação
  13. 13. Aterro Sanitário em OperaçãoAterro Sanitário em Operação
  14. 14.  Atividade: captação, combustão e geração de energia renovável por meio do aproveitamento do biogás gerado pelos Aterros Sanitários de Uberlândia (encerrado e em operação).  Investimento: 10 milhões de dólares (motores, canalização do gás, entre outros).  Vazão de biogás: 1.300 Nm³/h.  Potência instalada: 2 geradores de 1,4 MWh cada.  Capacidade de abastecimento: 30 mil pessoas. Vida útil: 20 anos.  Biogás gerado: 414.915.866,28 m³.  Redução das emissões: 2.519.806,16 tCO2.  Energia gerada: 361.179,15 MWh.  http://cdm.unfccc.int/Projects/DB/DNV-CUK1346218752.04/view EnergasEnergas
  15. 15.  Aproveitamento de 18 drenos de biogás.  53 poços perfurados (25 m em média).  5 subestações (11 poços cada). Energas – Aterro IEnergas – Aterro I
  16. 16.  35 Pontos de captação;  2 Mini subestações;  1 Subestação; Energas – Aterro IIEnergas – Aterro II
  17. 17.  O biogás ingressa através de 2 tubos de PEAD DE 250.  Passa por um equipamento de medição de vazão e temperatura.  E por um filtro separador de gotas. Energas - ProcessoEnergas - Processo
  18. 18.  2 Motores GE J420 de capacidade 1,426 MW.  1 Flare de fluxo nominal de 2.500 Nm³ com queima entre 800 e 1000 graus C°.  Funciona em complemento ao motor ou em caso de parada ou manutenção do mesmo. Energas - ProcessoEnergas - Processo
  19. 19. ENERGASENERGAS
  20. 20. ENERGASENERGAS
  21. 21.  Transformar os aterros em recurso pelas Prefeituras.  Melhoria das condições ambientais.  Geração energia renovável.  Redução do mal cheiro nos bairros vizinhos.  Aumento da estabilidade do aterro.  Geração de empregos e capacitação profissional. EFEITOS POSITIVOS DO APROVEITAMENTO ENERGÉTICO DO BIOGÁS EFEITOS POSITIVOS DO APROVEITAMENTO ENERGÉTICO DO BIOGÁS
  22. 22.  Processo de Registro perante UNFCCC.  Validade do Protocolo de Quioto.  Curva teórica de produção e imprevisibilidade da produção.  Contratos de energia firme e preços. CRITICIDADES DO APROVEITAMENTO ENERGÉTICO DO BIOGÁS CRITICIDADES DO APROVEITAMENTO ENERGÉTICO DO BIOGÁS
  23. 23. Mariana Rodrigues da Cunha Engenheira Ambiental Contato: (34) 3212 2196 E-mail: mariana@limpebras.com.br

×