SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 1
Baixar para ler offline
Sindicato dos Trabalhadores na
Administração Pública e Autarquias
    do Município de São Paulo
Tel.: (11) 2129 2999 - Abril de 2012
      www.sindsep-sp.org.br



   MANIFESTAÇÃO PÚBLICA DE APOIO À GREVE DA EDUCAÇÃO

                                                  Sem
A
           decisão do TJ de São Paulo, no                                        A mobilização dos professores no dia 28
           último dia 26, de proibir férias e                                foi marcada por essa angústia e revolta. Algo
           recessos em CEIs e EMEIs irritou
muito os profissionais da educação infantil.
                                                 férias                      que não estava em pauta passou a permear
                                                                             e protagonizar o coro de reivindicações. A
A revolta parece ter sido mais sentida nos
CEIs. Isso porque a conquista de direitos      coletivas?                    greve marcada para 02 de abril é fruto dessa
                                                                             raiva e alimentou a vontade de luta. No ano
garantidos pela Constituição desde 1988
não se refletiu no dia-a-dia das creches, e o   E agora?                     passado o governo enrolou com a história
                                                                             de que ia entrar na justiça. O Sindsep per-
seu reconhecimento como primeira etapa                                       guntava há um ano: “E se perdermos?” Há
da educação básica tem dependido de uma                                      recurso jurídico para ser julgado sim, mas
luta permanente nas últimas décadas. Demoramos muito         isso mantém a mesma pergunta. O que o governo ainda
para garantir o direito das férias coletivas nos CEIs e o    não respondeu, com certeza, cabe dizer agora. O parecer do
recesso em dezembro. Sequer conquistamos o recesso em        Conselho Nacional de Educação deixou clara a diferença
julho como há tempos acontece nas EMEIs. E qualquer          entre direito à educação infantil e atendimento à infância.
um acha que pode definir o que o professor da primeira       Mas ambos são responsabilidades do poder público. Não
infância faz. O ataque assistencialista dos desembargado-    cabe aos professores e gestores educacionais resolverem o
res foi fruto de quem nem se importou com a defesa feita     problema que o governo empurrou para a sociedade e que
pelos sindicatos e governo, e talvez, de quem sequer leu a   a justiça devolveu. Atender a infância em janeiro, julho e
posição do Conselho Nacional a favor das férias coletivas.   dezembro, é tarefa que cabe à administração compartilhar
    Foi um ataque de puro preconceito. Preconceito con-      com os setores da assistência social, cultura, esportes e la-
tra a população que usa creche, contra as crianças que lá    zer. Essa é a resposta que deve o governo Kassab garantir
frequentam e contra o trabalhador da educação infan-         mediante a greve decretada.
til. Cuidadores, limpadores ou sabe lá o que pensam es-          O Sindsep e seus dirigentes têm sido constantemen-
ses representantes da elite, que se julgam aplicadores da    te procurados para opinar sobre a greve da educação. É
justiça, é assim que o profissional da educação infantil é   claro que apoiamos a greve, mesmo que não tenha sido
visto por eles e por boa parte da sociedade. Em um país      iniciada por nosso sindicato. Afinal, o governo não deu
de herança escravocrata, educar e cuidar dos pequenos é      uma resposta sequer. Nem para as questões salariais da
tarefa de menos valor, que deve ser mal paga e não tem       carreira da educação nem para a integração dos Agen-
uso intelectual, assim o pensam. É pelo mesmo motivo         tes de Apoio e AGPPs prometida nas negociações com o
que demoramos para ter horário coletivo e que não é          Sindsep. Apesar desses motivos já serem o bastante para
cumprida a lei do piso que garante 1/3 da jornada para       justificar nosso apoio, há mais. Nosso sindicato nasceu há
atividades extraclasse. É por isso que o tempo de ADI        25 anos da unidade de várias associações. Uma das mais
não serve para nada, nem para evoluir, nem para aposen-      importantes nessa luta foi a dos profissionais de creche
tar. Roubam-nos nossa história e por isso, nossa identi-     e da assistência social. Vivemos essa história, trouxemos
dade. E cada vez que tentam nos reinventar como apenas       esses profissionais para a educação. E lá brigamos cons-
“aqueles que cuidam de crianças”, cada vez que tentam        tantemente, todos os dias, contra o desrespeito com que
reduzir o significado do cuidar e educar bebês, sempre       são tratados Agentes de Apoio, ADIs e PEIs, por conta
que ridicularizam nossa história, matam nossa infância       de sua origem e que é a mesma que a nossa. Impossível
de hoje e atrasam o desenvolvimento do país no amanhã.       não apoiar e não ajudar na cobrança dessas respostas. Já!

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Apoio à greve da educação e defesa dos direitos dos profissionais da educação infantil

Serviço social edudação
Serviço social edudaçãoServiço social edudação
Serviço social edudaçãodriasecem
 
NIT PORTAL SOCIAL - BRINCAR DE CORPO INTEIRO É SUBSTITUIR A TELEVISÃO, O VIDE...
NIT PORTAL SOCIAL - BRINCAR DE CORPO INTEIRO É SUBSTITUIR A TELEVISÃO, O VIDE...NIT PORTAL SOCIAL - BRINCAR DE CORPO INTEIRO É SUBSTITUIR A TELEVISÃO, O VIDE...
NIT PORTAL SOCIAL - BRINCAR DE CORPO INTEIRO É SUBSTITUIR A TELEVISÃO, O VIDE...Nit Portal Social
 
Boletim final nº 2
Boletim final nº 2 Boletim final nº 2
Boletim final nº 2 rededezonais
 
Trabalho infantil no brasil trabalho - âmbito jurídico
Trabalho infantil no brasil   trabalho - âmbito jurídicoTrabalho infantil no brasil   trabalho - âmbito jurídico
Trabalho infantil no brasil trabalho - âmbito jurídicoLuis Araujo
 
Carta Aberta aos Professores da Rede Pública do Estado de São Paulo alterad...
Carta Aberta aos Professores da Rede Pública do Estado de São Paulo   alterad...Carta Aberta aos Professores da Rede Pública do Estado de São Paulo   alterad...
Carta Aberta aos Professores da Rede Pública do Estado de São Paulo alterad...EducadorasEducadoresValedoRibeira
 
Imp ult-8004767711 Attain to cpf 051 812 955 17 Google Inc act in General Str...
Imp ult-8004767711 Attain to cpf 051 812 955 17 Google Inc act in General Str...Imp ult-8004767711 Attain to cpf 051 812 955 17 Google Inc act in General Str...
Imp ult-8004767711 Attain to cpf 051 812 955 17 Google Inc act in General Str...Sandro Santana
 
Imp ult-800476771 Attain to cpf 051 812 955 17 Google Inc act in General Stri...
Imp ult-800476771 Attain to cpf 051 812 955 17 Google Inc act in General Stri...Imp ult-800476771 Attain to cpf 051 812 955 17 Google Inc act in General Stri...
Imp ult-800476771 Attain to cpf 051 812 955 17 Google Inc act in General Stri...Sandro Santana
 
Fax urgente 54.
Fax urgente 54.Fax urgente 54.
Fax urgente 54.Neemias
 
Fax urgente 54.
Fax urgente 54.Fax urgente 54.
Fax urgente 54.Neemias
 
A Hora Vez Da Familia
A Hora Vez Da FamiliaA Hora Vez Da Familia
A Hora Vez Da Familiaguest5fedaea
 
Boletim maio 2014
Boletim maio 2014Boletim maio 2014
Boletim maio 2014Vicente
 
1º BOLETIM DA REDE DE ZONAIS
1º BOLETIM DA REDE DE ZONAIS1º BOLETIM DA REDE DE ZONAIS
1º BOLETIM DA REDE DE ZONAISrededezonais
 

Semelhante a Apoio à greve da educação e defesa dos direitos dos profissionais da educação infantil (20)

Loas comentada
Loas comentadaLoas comentada
Loas comentada
 
Serviço social edudação
Serviço social edudaçãoServiço social edudação
Serviço social edudação
 
1.1 introdução
1.1 introdução1.1 introdução
1.1 introdução
 
NIT PORTAL SOCIAL - BRINCAR DE CORPO INTEIRO É SUBSTITUIR A TELEVISÃO, O VIDE...
NIT PORTAL SOCIAL - BRINCAR DE CORPO INTEIRO É SUBSTITUIR A TELEVISÃO, O VIDE...NIT PORTAL SOCIAL - BRINCAR DE CORPO INTEIRO É SUBSTITUIR A TELEVISÃO, O VIDE...
NIT PORTAL SOCIAL - BRINCAR DE CORPO INTEIRO É SUBSTITUIR A TELEVISÃO, O VIDE...
 
Monografia de Norma Pedagogia 2008
Monografia de Norma Pedagogia 2008Monografia de Norma Pedagogia 2008
Monografia de Norma Pedagogia 2008
 
Boletim final nº 2
Boletim final nº 2 Boletim final nº 2
Boletim final nº 2
 
Trabalho infantil no brasil trabalho - âmbito jurídico
Trabalho infantil no brasil   trabalho - âmbito jurídicoTrabalho infantil no brasil   trabalho - âmbito jurídico
Trabalho infantil no brasil trabalho - âmbito jurídico
 
Estado 2012 11 26 (1)
Estado 2012 11 26 (1)Estado 2012 11 26 (1)
Estado 2012 11 26 (1)
 
Jornal nov13
Jornal nov13Jornal nov13
Jornal nov13
 
Carta Aberta aos Professores da Rede Pública do Estado de São Paulo alterad...
Carta Aberta aos Professores da Rede Pública do Estado de São Paulo   alterad...Carta Aberta aos Professores da Rede Pública do Estado de São Paulo   alterad...
Carta Aberta aos Professores da Rede Pública do Estado de São Paulo alterad...
 
Imp ult-8004767711 Attain to cpf 051 812 955 17 Google Inc act in General Str...
Imp ult-8004767711 Attain to cpf 051 812 955 17 Google Inc act in General Str...Imp ult-8004767711 Attain to cpf 051 812 955 17 Google Inc act in General Str...
Imp ult-8004767711 Attain to cpf 051 812 955 17 Google Inc act in General Str...
 
Imp ult-800476771 Attain to cpf 051 812 955 17 Google Inc act in General Stri...
Imp ult-800476771 Attain to cpf 051 812 955 17 Google Inc act in General Stri...Imp ult-800476771 Attain to cpf 051 812 955 17 Google Inc act in General Stri...
Imp ult-800476771 Attain to cpf 051 812 955 17 Google Inc act in General Stri...
 
Fax urgente 54.
Fax urgente 54.Fax urgente 54.
Fax urgente 54.
 
Fax urgente 54.
Fax urgente 54.Fax urgente 54.
Fax urgente 54.
 
O Estado e a Família - artigo José Eliton
O Estado e a Família - artigo José ElitonO Estado e a Família - artigo José Eliton
O Estado e a Família - artigo José Eliton
 
A Hora Vez Da Familia
A Hora Vez Da FamiliaA Hora Vez Da Familia
A Hora Vez Da Familia
 
Jornal A Vanguarda Classista
Jornal A Vanguarda ClassistaJornal A Vanguarda Classista
Jornal A Vanguarda Classista
 
Boletim maio 2014
Boletim maio 2014Boletim maio 2014
Boletim maio 2014
 
1º BOLETIM DA REDE DE ZONAIS
1º BOLETIM DA REDE DE ZONAIS1º BOLETIM DA REDE DE ZONAIS
1º BOLETIM DA REDE DE ZONAIS
 
Educacao
EducacaoEducacao
Educacao
 

Mais de Sergio Antiqueira

Mais de Sergio Antiqueira (20)

Boletim SINDSEP Admitidos
Boletim SINDSEP AdmitidosBoletim SINDSEP Admitidos
Boletim SINDSEP Admitidos
 
Ato 6-agosto-2013
Ato 6-agosto-2013Ato 6-agosto-2013
Ato 6-agosto-2013
 
11 de julho cartaz (2)
11 de julho   cartaz (2)11 de julho   cartaz (2)
11 de julho cartaz (2)
 
Boletim das centrais- 11 de julho
Boletim das centrais- 11 de julhoBoletim das centrais- 11 de julho
Boletim das centrais- 11 de julho
 
Carta Aberta ao Prefeito Fernando Haddad
Carta Aberta ao Prefeito Fernando HaddadCarta Aberta ao Prefeito Fernando Haddad
Carta Aberta ao Prefeito Fernando Haddad
 
Carta aberta admitidos
Carta aberta admitidosCarta aberta admitidos
Carta aberta admitidos
 
Panfleto Ato/Assembleia 17 de abril
Panfleto Ato/Assembleia 17 de abrilPanfleto Ato/Assembleia 17 de abril
Panfleto Ato/Assembleia 17 de abril
 
Boletim jurídico 2012
Boletim jurídico 2012Boletim jurídico 2012
Boletim jurídico 2012
 
Boletim Sindsep fev 2013
Boletim Sindsep fev 2013Boletim Sindsep fev 2013
Boletim Sindsep fev 2013
 
Boletim Haddad x Serra
Boletim Haddad x SerraBoletim Haddad x Serra
Boletim Haddad x Serra
 
Brasil de fato especial privataria tucana
Brasil de fato   especial privataria tucanaBrasil de fato   especial privataria tucana
Brasil de fato especial privataria tucana
 
Câmara precisa de renovação!
Câmara precisa de renovação!Câmara precisa de renovação!
Câmara precisa de renovação!
 
Reinaldo Vereador 13000
Reinaldo Vereador 13000Reinaldo Vereador 13000
Reinaldo Vereador 13000
 
Respostas haddad
Respostas haddadRespostas haddad
Respostas haddad
 
Regras pde 2012
Regras pde 2012Regras pde 2012
Regras pde 2012
 
Cartilha de acesso à informação
Cartilha de acesso à informaçãoCartilha de acesso à informação
Cartilha de acesso à informação
 
Candidatos sindsep
Candidatos sindsepCandidatos sindsep
Candidatos sindsep
 
Eleições do Iprem
Eleições do IpremEleições do Iprem
Eleições do Iprem
 
ORIENTAÇÕES ASSISTENTE TÉCNICO I
ORIENTAÇÕES ASSISTENTE TÉCNICO IORIENTAÇÕES ASSISTENTE TÉCNICO I
ORIENTAÇÕES ASSISTENTE TÉCNICO I
 
Abaixo assinado - férias coletivas
Abaixo assinado - férias coletivasAbaixo assinado - férias coletivas
Abaixo assinado - férias coletivas
 

Apoio à greve da educação e defesa dos direitos dos profissionais da educação infantil

  • 1. Sindicato dos Trabalhadores na Administração Pública e Autarquias do Município de São Paulo Tel.: (11) 2129 2999 - Abril de 2012 www.sindsep-sp.org.br MANIFESTAÇÃO PÚBLICA DE APOIO À GREVE DA EDUCAÇÃO Sem A decisão do TJ de São Paulo, no A mobilização dos professores no dia 28 último dia 26, de proibir férias e foi marcada por essa angústia e revolta. Algo recessos em CEIs e EMEIs irritou muito os profissionais da educação infantil. férias que não estava em pauta passou a permear e protagonizar o coro de reivindicações. A A revolta parece ter sido mais sentida nos CEIs. Isso porque a conquista de direitos coletivas? greve marcada para 02 de abril é fruto dessa raiva e alimentou a vontade de luta. No ano garantidos pela Constituição desde 1988 não se refletiu no dia-a-dia das creches, e o E agora? passado o governo enrolou com a história de que ia entrar na justiça. O Sindsep per- seu reconhecimento como primeira etapa guntava há um ano: “E se perdermos?” Há da educação básica tem dependido de uma recurso jurídico para ser julgado sim, mas luta permanente nas últimas décadas. Demoramos muito isso mantém a mesma pergunta. O que o governo ainda para garantir o direito das férias coletivas nos CEIs e o não respondeu, com certeza, cabe dizer agora. O parecer do recesso em dezembro. Sequer conquistamos o recesso em Conselho Nacional de Educação deixou clara a diferença julho como há tempos acontece nas EMEIs. E qualquer entre direito à educação infantil e atendimento à infância. um acha que pode definir o que o professor da primeira Mas ambos são responsabilidades do poder público. Não infância faz. O ataque assistencialista dos desembargado- cabe aos professores e gestores educacionais resolverem o res foi fruto de quem nem se importou com a defesa feita problema que o governo empurrou para a sociedade e que pelos sindicatos e governo, e talvez, de quem sequer leu a a justiça devolveu. Atender a infância em janeiro, julho e posição do Conselho Nacional a favor das férias coletivas. dezembro, é tarefa que cabe à administração compartilhar Foi um ataque de puro preconceito. Preconceito con- com os setores da assistência social, cultura, esportes e la- tra a população que usa creche, contra as crianças que lá zer. Essa é a resposta que deve o governo Kassab garantir frequentam e contra o trabalhador da educação infan- mediante a greve decretada. til. Cuidadores, limpadores ou sabe lá o que pensam es- O Sindsep e seus dirigentes têm sido constantemen- ses representantes da elite, que se julgam aplicadores da te procurados para opinar sobre a greve da educação. É justiça, é assim que o profissional da educação infantil é claro que apoiamos a greve, mesmo que não tenha sido visto por eles e por boa parte da sociedade. Em um país iniciada por nosso sindicato. Afinal, o governo não deu de herança escravocrata, educar e cuidar dos pequenos é uma resposta sequer. Nem para as questões salariais da tarefa de menos valor, que deve ser mal paga e não tem carreira da educação nem para a integração dos Agen- uso intelectual, assim o pensam. É pelo mesmo motivo tes de Apoio e AGPPs prometida nas negociações com o que demoramos para ter horário coletivo e que não é Sindsep. Apesar desses motivos já serem o bastante para cumprida a lei do piso que garante 1/3 da jornada para justificar nosso apoio, há mais. Nosso sindicato nasceu há atividades extraclasse. É por isso que o tempo de ADI 25 anos da unidade de várias associações. Uma das mais não serve para nada, nem para evoluir, nem para aposen- importantes nessa luta foi a dos profissionais de creche tar. Roubam-nos nossa história e por isso, nossa identi- e da assistência social. Vivemos essa história, trouxemos dade. E cada vez que tentam nos reinventar como apenas esses profissionais para a educação. E lá brigamos cons- “aqueles que cuidam de crianças”, cada vez que tentam tantemente, todos os dias, contra o desrespeito com que reduzir o significado do cuidar e educar bebês, sempre são tratados Agentes de Apoio, ADIs e PEIs, por conta que ridicularizam nossa história, matam nossa infância de sua origem e que é a mesma que a nossa. Impossível de hoje e atrasam o desenvolvimento do país no amanhã. não apoiar e não ajudar na cobrança dessas respostas. Já!