PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                          Gabinete de Segurança Inst...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                                 Sum...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONALInfraero – agosto/2011
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONALInfraero – agosto/2011
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                                 CEN...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                                 CEN...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                                 O p...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                                 O p...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                            Tamanho ...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                                 Des...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                                 Inv...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                                 Inv...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                                 Pro...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                                 Pro...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                                 Est...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                                 Tem...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                                 ÓRG...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA                                                   Gabinete de Segurança           GABINETE DE SEG...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                    (Lei nº 10.683, ...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                                 ORG...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                                    ...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                                 Abr...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                           IN GSI 01...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                            Framewor...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                            Framewor...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                            Framewor...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL             Segurança     da    Informação    e    ...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                                 Do ...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                                 Tax...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                                    ...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                                 PRO...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA               GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                                ...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                                 DES...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                                 RES...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                                 VIS...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL            WE UPSET PEOPLE!Infraero – agosto/2011
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                                 OBR...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                                 CON...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA             GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                                  ...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                                 PRO...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                                 Lan...
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA           GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL                                                    ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Segurança Cibernética – Oportunidades e Desafios na Administração Pública Federal

1.296 visualizações

Publicada em

Raphael Mandarino em "Oportunidades e Desafios na Administração Pública Federal"

  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Segurança Cibernética – Oportunidades e Desafios na Administração Pública Federal

  1. 1. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República – GSIPR “Segurança Cibernética – Oportunidades e desafios na APF”Infraero – agosto/2011
  2. 2. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL Sumário • Cenários e Tendências; • O Problema; • Quem somos e o que fizemos; • Do que nós estamos falando; • Modelos Brasileiros; • Desafios para os próximos anos; • Visão de futuro.Infraero – agosto/2011
  3. 3. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONALInfraero – agosto/2011
  4. 4. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONALInfraero – agosto/2011
  5. 5. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL CENÁRIOS E TENDÊNCIAS • Os ataques cibernéticos apresentam escala mundial crescente e se caracterizam como um dos grandes desafios do século; • A Segurança e a Defesa Cibernética vêm se caracterizando cada vez mais como funções estratégicas de governo em economias desenvolvidas, ou não, para: – proteção das infraestruturas críticas; – segurança da informação e comunicações; – cooperação internacional; – construção de marcos legais; – capacitação de recursos humanos.Infraero – agosto/2011
  6. 6. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL CENÁRIOS E TENDÊNCIAS Por quê? - evolução e convergência das TICs; -redução dos custos de hardwares e softwares; - aumento da disponibilidade de sistemas e redes; - universalização do acesso à Internet. Consequências: - surgimento do Espaço Cibernético; - hábitos e costumes em constante e rápidas mudanças; - aumento das ameaças e vulnerabilidades . Obrigando: - a criação de uma cultura de SIC;Infraero – agosto/2011
  7. 7. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL O problema • A informação: – é crucial para APF – é acessada por pessoas diversas – mas está exposta a riscos – pode ser afetada (DICA): • Disponibilidade • Integridade • Confidencialidade • AutenticidadeInfraero – agosto/2011
  8. 8. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL O problema • Aprimorar a metodologia e a cultura de Segurança da Informação e Comunicações para garantir a “DICA”; • Construir elementos que garantam a Segurança e a Defesa de seu Espaço Cibernético. Com o objetivo de: • proteger a Sociedade; • nortear as ações dos diversos atores que interagem na grande rede.Infraero – agosto/2011
  9. 9. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL Tamanho do Problema 37 ministérios; ≅ 6.000 entidades governamentais; ≅ 1.050.000 servidores federais; ≅ 320 grandes redes do Governo Federal; repercussão na sociedade.Infraero – agosto/2011
  10. 10. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL Desafios À APF: Envolvimento efetivo da Alta Administração com a Gestão de SIC; Metodologia e cultura de Segurança da Informação e Comunicações para garantir a “DICA”; Construir o marco legal contra ataques cibernéticos; Atualizar as Normas conforme avanço das tecnologias; Ao País: Elementos que garantam a Segurança e a Defesa de seu Espaço Cibernético. Para: Proteger a Sociedade; Nortear as ações dos diversos atores que interagem na grande rede.Infraero – agosto/2011
  11. 11. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL InvasõesInfraero – agosto/2011
  12. 12. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL InvasõesInfraero – agosto/2011
  13. 13. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL Promoção de Sítios Maliciosos em Mecanismos de BuscasInfraero – agosto/2011
  14. 14. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL Promoção de Sítios Maliciosos em Mecanismos de BuscasInfraero – agosto/2011
  15. 15. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL Estatísticas Domínios GovernamentaisInfraero – agosto/2011
  16. 16. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL Temas que merecem atenção (Acórdão 2.308/2010 – TCU) GSIInfraero – agosto/2011
  17. 17. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL ÓRGÃOS GOVERNANTES SUPERIORES (OGS) DE TI (TCU - maio 2011) 10 OGSs:Infraero – agosto/2011
  18. 18. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA Gabinete de Segurança GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL Institucional Secretaria Executiva do Secretaria Executiva do GSI- GSI-PR Conselho de Defesa Conselho de Defesa Nacional Nacional Secretaria- Executiva Departamento de Segurança da Seguranç Câmara de Relações Relações Câmara de Relações Informação e Informação Exteriores e de Exteriores e de Comunicações Comunicações Defesa Nacional Defesa Nacional Secretaria de Secretaria de Agência Brasileira Secretaria de Acompanhamento Segurança e Estudos de Inteligência Assuntos Militares Presidencial InstitucionaisInfraero – agosto/2011
  19. 19. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL (Lei nº 10.683, de 29 de maio de 2003) Coordenação da Inteligência Federal e atividades de Segurança da Informação. DSIC Decreto 5772 de 08 de maio de 2006 Planejar e Coordenar a Decreto 6931 de 11 de agosto de 2009 execução das atividades deDecreto 7.411 de 29 de dezembro de 2010 Segurança Cibernética e de Segurança da Informação e Comunicações na Administração Pública Federal.Infraero – agosto/2011
  20. 20. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL ORGANOGRAMA DSIC Centro de Pesquisas e Comitê Gestor de Desenvolvimento para a Segurança das Diretor Segurança da Comunicações (CEPESC) Informação (CGSI) Coordenação-Geral do Coordenação-Geral de Coordenação-Geral de Sistema de Segurança e Gestão de SIC Tratamento de Incidente Credenciamento (CGGSIC) de Redes (CGTIR) (CGSISC)Infraero – agosto/2011
  21. 21. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL Elaboração de Normas e Coordenação-Geral de Gestão de SIC Capacitação de Servidores, (CGGSIC) ouvido o Comitê Gestor de Segurança da Informação. Avaliar Acordos Internacionais Coordenação-Geral do de Troca de Informações Sistema de Segurança e Credenciamento Classificadas com vistas ao (CGSISC) Sistema de Segurança e Credenciamento. Coordenação-Geral de Centro de Resposta de Tratamento de Incidente de Redes (CGTIR) Incidentes de Redes da APF.Infraero – agosto/2011
  22. 22. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL Abrangência de SIC SEGURANÇA: recursos humanos; sistemas de informação e comunicações; áreas e instalações; recursos materiais. NORMAS, REQUISITOS E METODOLOGIAS PARA GESTÃO DE SIC; CAPACITAÇÃO SERVIDORES PÚBLICOS; ACORDOS INTERNACIONAIS PARA TROCA DE INFORMAÇÕES SIGILOSAS; TRATAMENTO DE INCIDENTES DE REDES; ANÁLISE E GESTÃO DE RISCOS; CONTINUIDADE DE NEGÓCIOS; CONTROLE DE ACESSO; CRITÉRIOS DE USO E PRODUTOS DE CRIPTOGRAFIA; SEGURANÇA DAS INFRAESTRUTURAS CRITICAS DA INFORMAÇÃO; ESTRATÉGIA NACIONAL DE SEGURANÇA CIBERNÉTICA; APURAÇÃO DAS RESPONSABILIDADES POR QUEBRA DE SEGURANÇA.Infraero – agosto/2011
  23. 23. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL IN GSI 01, de 13 de junho de 2008 Disciplina a Gestão de SIC na APF; Gestão SIC: integração dos processo de Gestão de Riscos; Gestão de Continuidade do Negócio; Tratamento de Incidentes; Tratamento da Informação; Conformidade; Credenciamento; Seguranças Cibernética, Física, Lógica, Orgânica e Organizacional aos processos institucionais – estratégicos, operacionais e táticos – , não se limitando a TIC. Atribui competências ao CGSI: • Assessorar o GSI na Gestão de SIC; e • Instituir grupos de trabalho em temas de SIC.Infraero – agosto/2011
  24. 24. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL Framework de Gestão de SIC na APF Normas Complementares DSIC/GSIPR: NC 01, de 14 de outubro de 2008: estabelece critérios e procedimentos para elaboração, atualização, alteração, aprovação e publicação de normas complementares sobre Gestão de SIC na APF; NC 02, de 15 de outubro de 2008: define a metodologia de Gestão SIC, baseada no processo de melhoria contínua (PDCA) da ABNT NBR ISO/IEC 27001:2006, utilizada pelos órgãos e entidades da APF; NC 03, de 03 de julho de 2009: estabelece diretrizes, critérios e procedimentos para elaboração, institucionalização, divulgação e atualização da POSIC, que declara o comprometimento da alta direção, na APF;Infraero – agosto/2011
  25. 25. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL Framework de Gestão de SIC na APF • NC 04, de 17 de agosto de 2009: estabelece diretrizes para o processo de Gestão de Riscos de SIC (GRSIC). As diretrizes deverão considerar os objetivos estratégicos, processos, requisitos legais, a estrutura e a POSIC do órgão; • NC 05, de 17 de agosto de 2009: disciplina a criação de Equipe de Tratamento e Resposta a Incidentes em Redes Computacionais (ETIR) nos órgãos e entidades da APF; • NC 06, de 11 de novembro de 2010: estabelecer diretrizes para Gestão de Continuidade de Negócios (GCN) relacionados à SIC na APF. A GCN busca minimizar os impactos de falhas, desastres ou indisponibilidades dos serviços, além de recuperar perdas de ativos de informação a um nível aceitável;Infraero – agosto/2011
  26. 26. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL Framework de Gestão de SIC na APF • NC 07, de 07 de maio de 2010: estabelece diretrizes para implementação de Controles de Acesso relacionados à SIC na APF. A identificação, a autorização, a autenticação, o interesse do serviço e a necessidade de conhecer são condicionantes prévias para concessão de acesso; • NC 08, de 24 de agosto de 2010: disciplina o Gerenciamento de Incidentes de Segurança em Redes de Computadores realizado pelas ETIRs na APF. O gerenciamento de incidentes em redes requer atenção da alta administração; • NC 09, de 22 de novembro de 2010: estabelece orientações para o uso de recursos criptográficos como ferramenta de controle de acesso na APF. Os Gestores de SIC são responsáveis pela implementação dos procedimentos de uso dos recursos criptográficos.Infraero – agosto/2011
  27. 27. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL Segurança da Informação e Comunicações (SIC): ação que objetiva viabilizar e assegurar a Disponibilidade, a Integridade, a Confidencialidade e a Autenticidade (DICA) da Informação e das Comunicações.Infraero – agosto/2011
  28. 28. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL Do que o mundo está falando? • Segurança da Informação; • Segurança da Informação e Comunicações; • Segurança das TICs; • Proteção das Infraestruturas Criticas da Informação; • Segurança Cibernética; • Defesa Cibernética; • Guerra Cibernética; • Crime Cibernético; • Terrorismo Cibernético; • Segurança do Espaço Informacional.Infraero – agosto/2011
  29. 29. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL Taxonomia USA-RUSSIA – Fundamentos de Terminologia Crítica de Segurança Cibernética (abril 2011)Infraero – agosto/2011
  30. 30. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL Crimes ARTEFATOS MALWARES c o r r e ç G ã Universidades o LABORATÓRIO DSIC CEPESC FFAA Empresas privadas SEGURANÇA CIBERNÉTICA DSIC 1 CEPESC2 FFAA 2 1 2 2 DPF DPF 1 1 U Outros Organismo LABORATÓRIO DEFESA CIBERNÉTICA ABIN ABIN 3 3 FFAA FFAA 3 3 BInfraero – agosto/2011
  31. 31. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL PROPOSTA DE ATUAÇÃOInfraero – agosto/2011
  32. 32. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL CENÁRIO MUNDIAL Ciberespaço sujeito a chuvas e trovoadas 2008/09/10 2009 Proteção Bureau de do espaço Tecnologia 2006/09 Informacional Profissional 2009 2001/08 - SI 2008 2009 2008 - PICI GGE - ONU Pacto de Shangai ?Infraero – agosto/2011 2001
  33. 33. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL DESAFIOS ESTRATÉGICOS – 2011/2014 (i) conhecer o grau de vulnerabilidade do país em relação aos sistemas e às suas infraestruturas críticas de informação; (ii) conceber um sistema de medidas preventivas contra ataques cibernéticos. (iii) construir o marco legal contra ataques cibernéticos; (iv) atualizar Normas da APF x novas tecnologias; (v) estabelecer programas de cooperação entre governo e sociedade, bem como com governos e a comunidade internacional; (vi) desenvolver programas de capacitação; (vii) desenvolver e implementar um modelo de sistema de medidas de segurança.Infraero – agosto/2011
  34. 34. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL RESUMO • CAPACITAÇÃO • MARCO LEGAL • PARCERIASInfraero – agosto/2011
  35. 35. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL VISÃO DE FUTURO • Dispor de um órgão de referência em segurança cibernética com recursos humanos de elevada competência técnica e parque tecnológico especializado e atualizado.Infraero – agosto/2011
  36. 36. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL WE UPSET PEOPLE!Infraero – agosto/2011
  37. 37. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL OBRIGADO ! raphael.mandarino@planalto.gov.br http://dsic.planalto.gov.br http://twitter.com/dsic_brInfraero – agosto/2011
  38. 38. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL CONCEITOS GSIPR • Ativos de informação: são os meios de armazenamento, transmissão e processamento, os sistemas de informação, bem como os locais onde se encontram esses meios e as pessoas que a eles têm acesso. • Infraestruturas Críticas: são as instalações, serviços, bens e sistemas que, se forem interrompidos ou destruídos, provocarão sério impacto social, econômico, político, internacional ou à segurança do Estado e da Sociedade. • Infraestruturas Críticas da Informação: é o subconjunto de ativos de informação que afetam diretamente a consecução e a continuidade da missão do Estado e a segurança da Sociedade.Infraero – agosto/2011
  39. 39. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL CONCEITO • Segurança Cibernética: é a arte de assegurar a existência e a continuidade da Sociedade da Informação de uma Nação, garantindo e protegendo, no Espaço Cibernético, seus ativos de informação e suas infraestruturas críticas. – Arte 1 [Do lat. arte.]S. f. [Dicionário Aurélio – Século XXI] 1. Capacidade que tem o ser humano de pôr em prática uma idéia, valendo-se da faculdade de dominar a matéria: A arte de usar o fogo surgiu nos primórdios da civilização. 2. A utilização de tal capacidade, com vistas a um resultado que pode ser obtido por meios diferentes: a arte da medicina; a arte da caça; a arte militar; a arte de cozinhar; Liceu de Artes e Ofícios. (...) 7. Os preceitos necessários à execução de qualquer arte: a arte da marinharia; a arte de falar corretamente uma língua.Infraero – agosto/2011
  40. 40. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL PROPOSTA DE ATUAÇÃO •CRIPTOGRAFIA • TRATAMENTO DE INCIDENTES •GESTÃO DE RISCO SLTI / E-PING RENASICInfraero – agosto/2011
  41. 41. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL Lançamento do Livro Verde Lançamento Política e Estratégia Nacional de Segurança Cibernética A arte de assegurar a existência e a continuidade da Sociedade da Informação de uma nação garantindo e protegendo, no espaço cibernético, seus ativos de informação e suas infraestruturas críticas. http://dsic.planalto.gov.br/documentos/publicacoes /1_Livro_Verde_SEG_CIBER.pdfInfraero – agosto/2011
  42. 42. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA GABINETE DE SEGURANÇA INSTITUCIONAL Lançamento do Guia de Lançamento Referência Referência Segurança das Infraestruturas Críticas da Informação Ações que objetivam a segurança do subconjunto de ativos de informação que afetam diretamente a consecução e a continuidade da missão do Estado e a segurança da sociedade. http://dsic.planalto.gov.br/documentos/publi cacoes/2_Guia_SICI.pdfInfraero – agosto/2011

×